Ir para conteúdo
  • Cadastre-se

ilana.weiler

Membros
  • Total de itens

    11
  • Registro em

  • Última visita

Reputação

0 Neutra
  1. Oi Marcella O trajeto entre a hidrelétrica e MP é super tranquilo. Reto, você vai seguindo pelo trilho do trem, e a paisagem é linda. Só leve repelente power, porque a bicharada é tensa lá. De verdade, não dão trégua, inclusive picam por cima da roupa, então passe o repelente por tudo...rsrsrs Pelo que vi por lá, existem basicamente dois pacotes que qualquer agência faz: - o mais barato: De manhã parte a van para a hidrelétrica. Chega por volta de 14 ou 15h. De lá segue a pé pelo trilho, chega em Aguas Calientes por volta de 18h. Encontra seu guia que te leva ao hostel do pacote e depois tem um jantar para darem as orientações do dia seguinte. Você opta por subir a pé ou de ônibus. Acorda super cedo, 5h e segue para MP. Se for a pé tem que acordar 4:30. Chegando em MP o guia conta as histórias e tal e te libera por volta de 10:30. Quem faz esse pacote tem pouco tempo em MP, porque 13:30 sai o trem de volta para a hidrelétrica, onde a van estará esperando para retorno a Cusco. - o mais caro: Parte de trem de manhã de Cusco até Aguas Calientes. Chega a tarde e tem tempo de conhecer a cidade (e você pode ir até alguma água termal). No dia seguinte são as mesmas opções para subir, porém a diferença é que o trem parte as 18h (salvo engano) direto para Cusco. Ou seja, tem o dia inteiro pra conhecer MP. Eu creio que a segunda opção é melhor, e organizando direito não precisa de agência para isso. E você pode fazer um misto, que é pegar o trem até a hidrelétrica e fazer esse trecho a pé, porque é bem legal. Porque você pode comprar todas as passagens direto pelo site da PeruRail ou IncaRail e o ingresso para MP você compra pelo site do governo Peruano. Reserva o hostel, hostal ou hotel que lhe convir em Aguas Calientes, e contrata um guia lá em MP mesmo...isso eu não sei o preço. Eu fiz a primeira opção e me arrependo um pouco em função do tempo. Porém teve a parte a pé da hidrelétrica que se fechasse a segunda opção não teria feito. Mas também, estando lá você pode ver se alguma agência faz assim.
  2. Oi Ricardo, Comprei diretamente com a Perurail. Eles estão fazendo uma promoção para esse trecho Puno - Cuzco, que fica U$115, mas só com reserva pelo e-mail [email protected] Essa promoção é temporária, então se você quer mesmo, indico agilizar, pois o desconto é bom. De Cuzco para Puno fica U$192. O trem a partir de Puno só sai as terças, quintas e sábados, e de Cuzco nas datas alternadas, e acho que não funciona domingo. Abraço
  3. Olá a todos. Voltei de viagem há alguns dias, e pra não perder da memória resolvi postar logo meu relato, que será breve...rs Eu li muita coisa antes de viajar aqui, em blogs, sites especializados, e acho que posso ajudar com atualização de alguns valores e no que mais for interessante pra quem ler. Fiz essa viagem com meu marido, com duração de 17 dias. O roteiro original era esse: DIA CIDADE 1 Curitiba / São Paulo 2 Lima / La Paz 3 La Paz 4 La Paz / Copacabana 5 Copa / Isla del Sol 6 Isla / Copa / Puno / Arequipa 7 Arequipa 8 Colca / Puno 9 Trem 10 Cusco 11 Cusco 12 Salkantay 13 Salkantay 14 Salkantay / Aguas Calientes 15 Machu Pichu 16 Cusco 17 Cusco / Lima 18 São Paulo / Curitiba Mas em função de alguns imprevistos e dificuldades tais como bloqueio de rodovias na Bolívia, bursite no quadril, chuva intensa em Cusco, virou: DIA CIDADE 1 Curitiba / São Paulo 2 Lima / La Paz 3 La Paz / Copacabana 4 Copacabana / Isla del Sol 5 Isla del Sol / Copacabana 6 Copacabana / Puno / Saída para Arequipa 7 Canion del Colca 8 Canion del Colca / Retorno Puno 9 Trem 10 Cusco - City tour 11 Cusco - Valle Sagrado 12 Cusco - Maras e Moray 13 Aguas Calientes 14 Machu Pichu 15 Ollantaytambo 16 Cusco 17 Cusco / Lima 18 São Paulo / Curitiba Hostels e Hotéis utilizados - todas as diárias são para casal com banheiro privativo La Paz: Loki - Bol160 (indico principalmente se você gosta de festas) Copacabana: Utama - U$30 (super super indico - único café da manhã bom de toda a viagem) Isla del Sol: Hostal Cultural - Bol80 (razoável, limpo...porém a cama é uma tábua) Ollantaytambo: Hostal Plaza - Bol90 (super indico, quarto ótimo, limpo, chuveiro beeeem caliente) Cusco: Hostal Tu Hogar - Bol70 (não indico nem a pau) Cusco: Pirwa Colonial - Bol90 (indico com ressalvas - hostel calmo, porém o bar não serve nem lanche a noite, só bebidas. O quarto era limpo, a cama boa. Porém o chuveiro é com aquecimento a gás de tambor de 15 litros - em outras palavras, é só uma ducha...pra casal tem que esperar uma hora para a água esquentar de novo pro outro poder tomar banho) A hospedagem em Chivay (Colca) e Machu Picchu estavam dentro do pacote que compramos e não lembro os nomes...e de qualquer maneira eram péssimos, então não vou nem considerar. Valores de passeios, entradas, etc (individual): - Walking tour por La Paz: contribuição voluntária Bol10 - Van de La Paz a Copacabana: Bol15 - Balsa do estreito: Bol2 - Barco para Isla del Sol parte Norte: Bol 25. Da parte Sul para Copacabana: Bol20 - "Pedágios na Isla del Sol": Comunidade Yumani Bol5 / Comunidade Ch'alla Bol15 / Comunidade Challapampa Bol10 - Ilhas flutuantes Uros: S/20 - Ônibus de Puno para Arequipa pela Julsa: S/30 - a volta é o mesmo preço. Isso para o andar de baixo, com assento tipo cama. - Tour Canion del Colca: U$50 - fechamos com Royal Travel em Puno Calle Cajamarca nº226- cumpriram com o acordado, porém dá pra fazer bem mais barato se fechar em Arequipa, porém não tivemos essa opção em função do tempo. - Termas em Colca: S/15 - Trem Andean Explorer de Puno a Cusco: fechamos com desconto por U$115 - Machu Pichu com van até a hidrelétrica, uma noite em hostal, 1 almoço, 1 jantar, 1 café de manhã (marmita pra levar de manhã cedinho para subir machu), entradas para machu e montanha, guia, trem de aguas calientes até a hidrelétrica de volta, van até Cusco: U$140 (Só a entrada de Machupicchu inteira está S/142). O ônibus para subir ou descer de lá custa U$19 cada trecho. - Salinas Maras e Moray: S/25 + S/7 (entrada nas salinas) - City tour Cusco: S/20 - Valle Sagrado: S/50 - com um almoço - Boleto turístico general: S/130 Todos esses passeios fechamos com a agência Paccarectambo - Rua Chihuampata n°564 San Blas Cel. 953767860 - Eugenio. Indico para o caso do city tour, salinas e valle sagrado. Cumpriram com tudo que prometeram. Porém para Machu Picchu o hostel era péssimo. Convento de Santo Domingo em Cusco: S/10 Algumas considerações...e aqui leve em conta apenas se você está indo em casal, seu objetivo não é festa/balada/bebedeira, tem um tempo aproximado de 15 dias de viagem, gosta de aproveitar um pouco mais o lugar em detrimento de conhecer mais lugares. - Fique em hotéis simples ao invés de hostels. Em geral são mais baratos e fornecem toalhas e sabonete, o que numa viagem de mochilão ajuda, porque às vezes a nossa toalha não seca. - Passe ao menos dois dias em Copacabana...o lugar é de uma paz impressionante...charmoso, comida boa e barata. - Durma no lado sul da ilha e faça a trilha do Sul para o Norte pela manhã e peque o barco que volta para Copacabana às 13:30 da parte Norte. Nós dormimos na parte Norte, mas depois que vimos a vista que a parte Sul tem, acredito que acordar lá seja mais bonito. A trilha dura umas quatro horas...mas se quiser aproveitar mais, ir descansando, separe umas seis horas. Então, veja o nascer do sol e já parta para a trilha. - Passe pelo menos dois dias em Arequipa...não vá só para o Canion del Colca. Arequipa é uma cidade bem interessante, que voltarei para conhecer melhor porque não tivemos tempo. - Procure uma agência que faça um tour alternativo por Colca. O padrão é ir de manhã para Chivay, dormir por lá e no dia seguinte ir em direção a Cruz del Condor. Esse trajeto é feito pela maioria, então fica tudo lotado, não se consegue ter sossego, e dormir em Chivay não é legal...a cidade é feia, não tem nada de interessante. Passamos por outras cidades durante o passeio que pareciam ser bem mais interessantes. Uma agência que vi na internet que faz é Pablotour. - Passe o dia em Machu Picchu. Suba a pé, vá direto fazer a montanha ou Wayna Picchu, e depois volte e ache algum guia pra explicar sobre a cidadela. Tem guias na entrada que fazem isso sem precisar fechar com antecedência. Desça de ônibus pois certamente estará quebrado e vá com o último trem até Ollantaytambo. Fique lá, não volte direto a Cusco. Passe uma noite, e aproveite para conhecer a cidade no dia seguinte. A cidade é bonitinha, tem outros sitios arqueológicos além do que se faz no tour do Valle Sagrado, a comida é ótima e mais barata que Cusco. Não posso falar de La Paz e o que fazer lá, porque no dia seguinte que chegamos foi programado um bloqueio nas estradas para o dia seguinte. Então nos indicaram no Loki a sair da cidade neste mesmo dia, pois as vezes os bloqueios lá duram semanas, e como tinhamos coisas programadas no Peru não podíamos arriscar. Quanto a altitude, quem curte homeopatia, procure seu médico e peça gotas homeopáticas para prevenir o mal. Eu tive apenas falta de ar...o que é impossível não ter. Mas dor de cabeça, enjoo, etc, não tive nada. Além da homeopatia, tomei muito chá de coca...até mesmo porque eu gostei e tomava as vezes só pra me esquentar um pouco. Meu marido idem, só falta de ar... Ia fazer Salkantay, mas durante a trilha na Isla del Sol peguei uma bursite, o que me impossibilitou de fazer qualquer outra trilha. Mas vimos algumas agências e o preço médio é U$230 para 4 dias/ 3 noites. Que mais...hum...eu sei que o passeio de trem é caro, é por isso pus parenteses no título do relato, porque não é um programa mochileiro. Mas meu marido era ferroviário e queria muito fazer esse passeio. Eu digo sem titubear, é maravilhoso. Vale cada centavo. Frio não passamos muito. Somos de Curitiba e a temperatura lá estava bem parecida com o que temos por aqui. Então digo, uma boa blusa de lã, ou um fleece, e uma jaqueta por cima, de preferência anorak, resolvem quase tudo. Chove bastante nessa época, então a anorak resolve isso também, pra não precisar carregar capa de chuva ou guarda-chuva. Uma bota de treeking simples e impermeável também ajuda...de resto normal, duas calças jeans, umas quatro camisetas de manga longa, umas três de manga curta. Um outro tênis de backup, chinelo, gorro, cachecol, luva, lanterna. Bom galera, espero ajudar, assim como me ajudaram. Abraços Ilana
  4. ilana.weiler

    Copacabana,Ilha do Sol e Ilha da Lua

    Olá. Estou indo para a Bolívia e Peru em Outubro. Farei o Chacaltaya dia 7/10 de manhã e a tarde partirei rumo a Copacabana. Minha ideia é dormir em Copacabana e pegar o primeiro barco para a ilha. Descer na parte Sul e fazer a trilha para a parte Norte. Dormir e pegar o primeiro barco de volta para Copacabana e partir para Puno. Tentarei fazer Uros nesse mesmo dia e seguir para Arequipa a noite. Dúvidas: 1) Como farei a trilha do sul para o norte, chegando lá consigo "almojantar"? rsrsrs 2) Que horas mais ou menos chega o barco que sai de manhã da parte norte em Copacabana? Antes do meio-dia? 3) Até mais ou menos que horas há Sol em Puno, pra fazer Uros? Agradeço a ajuda.
  5. ilana.weiler

    Ajuda: Bolívia e Peru - Outubro 2013

    Aliás, Aproveitando que voltaram a me dar dicas...kkkk. Vale a pena sair de Chalcataya e ir direto a Copacabana - dormir lá e ir para a Isla del Sol no dia seguinte, ou é melhor deixar pra ir a Copacabana na manhã do dia seguinte e aproveitar a noite em La Paz?
  6. ilana.weiler

    Ajuda: Bolívia e Peru - Outubro 2013

    Opa. Bacana Trota...essa dica do tour entre Puno e Cuzco não tinha visto em nenhum outro relato. Eu pensei que talvez fosse interessante fazer o trem para conhecer as cidades entre Puno e Cuzco...mas realmente o trem é muito caro e já tinha descartado. Vou procurar esse tour. Quanto a Tihuanaco, vou avaliar sua dica também. Pensei em tentar adicionar ICA ao roteiro, mas creio que ficará apertado demais... Boa viagem pra ti!
  7. ilana.weiler

    Ajuda: Bolívia e Peru - Outubro 2013

    Olá JMBRANDAONETO Para esse roteiro que montei estou estimando um gasto de 3 mil reais, contando com as passagens de avião.
  8. ilana.weiler

    Ajuda: Bolívia e Peru - Outubro 2013

    Olá a todos. Então...as minhas passagens já estão compradas, porque quero começar na Bolívia e quero muito fazer Salkantay, por último. Como eu pratico montanhismo, dou prioridade por montanhas, trilhas, trekkings, etc. É um trecho pra refletir, superar limites e estar em contato direto com a natureza. Não troco esse trecho da viagem por nada...rsrsrs. Quanto ao downhill, como moro em Curitiba, tem bastante trecho legal pra fazer isso por aqui, e às vezes até faço, mas não a ponto de tirar um dia da viagem para isso. Tiawanaku eu coloquei por ser uma cidade histórica, e porque como falaram bastante do soroche, queria fazer algo leve no primeiro dia de passeio. Eu até pensei em conhecer Uyuni, mas sendo bem sincera não me parece ter muita graça. São três dias na viagem para conseguir fazer isso, certo? Santiago eu já conheço bem, então já descarto. Eu li muitos relatos legais sobre Isla del Sol, falando que nunca viram um céu tão lindo quanto lá a noite, que super vale a pena dormir lá, e como é trajeto entre a Bolívia e o Peru, creio ser uma boa opção. Não faço questão de dormir em Copacabana, só pensei nisso pra não ficar uma viagem tão cansativa. Aletucs, a Cruz del Sur tem um ônibus saindo às 06:20 de Puno, e a viagem dura 5 horas, então chego lá meio-dia, dá tempo inclusive de ver um pouco da cidade a tarde. Ai ai viu, tão difícil decidir tudo isso...kkkk Valeu pela ajuda galera!!! Como ainda tem tempo, e não tá nada fechado (exceto passagens de ida e volta), dá tempo de avaliar bem esse roteiro.
  9. ilana.weiler

    Ajuda: Bolívia e Peru - Outubro 2013

    Oi Aletucs, grata pelas suas dicas. Será que seria interessante então, em vez dessa correria de sair da Isla del Sol direto para Puno, passar o resto do dia em Copacabana, sair umas 17:00 ou 18:00 para Puno e fazer a viagem cedo (6:00) para Arequipa no dia seguinte? Copacabana vale uma tarde? Daí ao invés de eu passar o dia de trem, passo o dia em Arequipa. Até queria ir para Ica, mas acho que ficaria muito corrido né?
  10. ilana.weiler

    Ajuda: Bolívia e Peru - Outubro 2013

    Oi Robson, grata pela colaboração. O problema é que pegaremos o barco às 10:30 da Isla del Sol, que demora até umas duas horas pra chegar em Copacabana, correto? Não achei em nenhum post se tem barco saindo antes disso da ilha. Chegando 12:30 em Copacabana, teríamos um ônibus às 13:00 sentido Puno. só que li que essa viagem demora até 4 horas, portanto só chegaríamos por volta das 17:00 em Puno. E não achei nenhuma companhia de bus que saia depois desse horário para Arequipa.
  11. ilana.weiler

    Ajuda: Bolívia e Peru - Outubro 2013

    Olá Esse é meu primeiro tópico, e após muitas leituras aqui e em blogs de viagem, resolvi postar meu roteiro com algumas dúvidas que não localizei. Vou fazer um mochilão com meu marido, iniciando na Bolívia e terminando com Machu Picchu no Peru. 04/10 - São Paulo 05/10 - La Paz 06/10 - Tiawanaku 07/10 - Chacaltaya e depois Copacabana (Aqui está minha primeira dúvida. Eu consigo terminar esse passeio e seguir para Copacabana no mesmo dia?) 08/10 - Isla del Sol - seguiremos para a parte Norte e dormiremos na parte Sul 09/10 - Saída 10:30 da Isla del Sol com destino à Arequipa (Aqui minha principal dúvida que não localizei em lugar nenhum - Eu consigo ônibus de Copacabana para Arequipa? Sei que tem que fazer baldeação em Puno, mas dá tempo? Alguém sabe os horários para Arequipa?) 10/10 - Tour por Arequipa 11/10 - Saída para Cânion del Colca 12/10 - Cânion del Colca. Aqui ou sairemos de Arequipa à noite com destino a Puno, ou com destino a Cusco diretamente). Alguém fez o passeio de trem de Puno à Cusco? Vale a pena? 13/10 - Trem de Puno para Cusco 14/10 - Cusco - Vale Sagrado 15/10 - Trilha Salkantay 16/10 - Trilha 17/10 - Trilha 18/10 - Machu Picchu 19/10 - Tour pelos arredores de Cusco 20/10 - Dia livre 21/10 - Retorno Brasil Estou cortando as ilhas flutuantes depois de ler muita coisa contra e dando prioridade pra dormir um dia na Isla del Sol. O passeio de trem, apesar de caro, parece interessante, e não li muita coisa a respeito, por isso gostaria de ter opiniões. Estou deixando um dia de margem no final para caso dê algo errado no caminho, e considerando que consiga ir no mesmo dia de Copacabana para Arequipa. Outra dúvida é se alguém já fez trekking no Peru nesta época do ano, e como estava o clima. Agradeço as colaborações.
×