Ir para conteúdo

lavor

Membros
  • Total de itens

    35
  • Registro em

  • Última visita

Tudo que lavor postou

  1. Pessoa bom dia! Estou partindo para uma volta ao mundo de motorhome, estou terminando de construir o motorhome na minha van após quase 1 ano colocando a mão na massa. Para quem já foi para O Salar de Salar de Uyuni (Bolívia) me ajudem aí. A ideia é sair do Brasil por Corumbá, chegar até o Ushuaia (Argentina) e depois subir até Cartagena (Colômbia) pela costa do Chile. Então o roteiro a princípio ficará: Bolívia(com Uyuni)>Argentina>Uruguai(uma parte)>Chile(com Atacama)>Peru>Equador>Colômbia (A previsão de fazer a América do Sul é de pelo menos 1 ano, então claro que vamos com calma conhecendo vários lugares entre esses lugares citados acima) A minha dúvida é se na ida até Uyuni eu já vou junto para o Atacama e depois entro na argentina para continuar descendo, ou se do Uyuni eu entro no norte da Argentina sentido Ushuaia e quando estiver subindo o Chile aí sim eu conheço o Atacama. Quem conhece a região, poderia me ajudar com sua opinião?
  2. Parabéns pelo relato Letícia!!! Muito em Machu Picchu em julho/13 por trem e foi lindo demais... Minha meta é ir novamente com minha noiva para fazer justamente a trilha inca também.
  3. Parabéns pelo relato Érica Munhoz!!! Irei para Los Roques no final de julho ficar 7 noites em uma viagem de lua de mel. Com certeza irei utilizar esse tópico para consultas. Estou pesquisando bastante sobre o local também, vi em vários tópicos sobre o guia Jesus, ouviu falar algo dele? Outra dúvida, e quanto aos frutos do mar? Comiam só nas jantas?
  4. Elton, Se tiver somente 2 dias inteiros, vai no 1o dia no núcleo Santana (que tem a 2a caverna mais visitada do pais) e no 2o dia no núcleo Caboclos que é imperdível... Particularmente gostamos pra caramba desses dois, sendo o Caboclos excelente... Pelo orçamento do Danilo que vocês comentaram acima, ele colocou núcleo Caboclos em 3 dias (***), porque é fisicamente impossível chegar no mesmo dia, fizemos em 1 dia, porém parte da trilha, que era até onde dava sem acampar... Em uma próxima oportunidade eu penso em arriscar o núcleo Caboclos completo acampando por lá... Abraço!!
  5. Tony, quando fecha o contrato pelo site, aparece todos os contatos seus e do proprietário... No meu caso a proprietária tinha whatts no cel e eu me comunicava por ele e por msg privada do próprio airbnb (utilizava mais pelo airbnb para ter provas caso algo desse errado) Não comprei nenhum chip, o meu vivo lá tinha sinal e eu contratei internet móvel internacional por algo em torno de 10/20 reais, logo que chega em outro pais recebi msg no cel oferecendo vários serviços... O ape tem wi-fi sim, e é de boa qualidade... eles dão a senha... Logo que cheguei no ape o dono não estava lá, tinha um locutório ao lado (semelhante a um cyber cafe), liguei para a proprietária e disse que estava no transito a caminho... Foi tudo bem rápido... Abraço!
  6. Tem sim Maurício!! É um frigobar embutido no armário em baixo da pia. Abraço!!
  7. Valeu Matheus!! O tour é extremamente fácil, tem acho que 30 estações espalhadas na cidade, é bem chamativa, parece um container de aço cheio de bike amarela... Para o cadastro é só tirar uma cópia simples da documentação que estiver no pais, eles no cadastro de tão uma senha e pronto... Quando estiver com a bike precisa renovar a cada 1 hora, com tolerância de 15 minutos, mas é quase impossível não encontrar outro container, porque tem muitos na cidade, cada estação de bicicleta tem um mapa gratuito da cidade com indicações de borracharia, bicicletárias, ciclovias e pontos turísticos... A locação e cadastro é totalmente gratuita, só paga se perder a bike ou se furar o pneu. Abraço!!!
  8. Mauricio, No site funciona da seguinte maneira, você paga para o site e esse dinheiro fica retido no site, só depois de 24h após o check-in, que o site libera o dinheiro para o dono, mas se tiver alguma reclamação de quem alugou nesse período, o dinheiro fica preso no site até que seja solucionado, e uma equipe de suporte do site entra em contato com o dono, ou seja, é quase impossível o dono pegar o dinheiro e sumir. O check-in é feito pessoalmente mesmo, o dono ou alguém indicado pelo dono vai estar no local te esperando na hora marcada, se atrasar é só mandar um e-mail ou ligar pra ele (o telefone/celular aparece no site após fazer o aluguel.). No check-out para a entrega das chaves é o mesmo procedimento. No começo fiquei desconfiado porque nunca tinha alugado nada pelo site, mas fui atrás dos sites e fóruns sobre reclamação do AirBnB.. Só então decidi arriscar. Procurei só apartamentos com boa reputação e com comentários no final falando prós e contras, se só tiver prós é melhor desconfiar também... No perfil de quem estava alugando, tinha mais 2 apartamentos pela cidade, li a reputação desses outros também para ver se falava mal do dono, como não tinha nada, arrisquei. Com certeza utilizaria novamente o site, achei muito interessante e confiável. Abraço! Obirgado Suzane
  9. Halvaro, agora que acabou o horário de verão está o mesmo horário de brasília mesmo... Quanto ao passeio de bicicleta, lembro de ter perguntado se estrangeiro teria que pagar porque eu tinha lido também algo do tipo no Brasil, e na estação que aluga a bicicleta me confirmaram que não precisa, só precisa do xérox do passaporte ou RG com visto de entrada + algum telefone da cidade para cadastro, pode ser do hotel ou do apartamento... Dólar eu não lembro se aceitam, creio que sim, mas real eu tenho certeza que não aceitam, tentei pagar em real e me confirmaram que não era possível, mas o banco la nacion que faz o cambio fica a menos de 100m do guichê que compra as passagens do Manuel Tienda León. Logo depois do raio X final, passa a porta da sala de raio x, do lado esquerdo de quem está saindo é o guichê do Manuel Tienda Leín e do lado direito em um corredor fica o Banco. Abraço!
  10. Esses eu peguei pela internet mesmo, imprimi e levei na viagem, mas lá na cidade é só pedir um mapa em qualquer hotel que eles dão também. Pra mim foi muito útil. Abraço!
  11. RDrummer20 o contato foi exclusivo pela internet, pesquisando na época se era melhor hostel ou hotel, vi que tinha uma gama muito grande de pessoas que alugavam apartamentos em Buenos Aires, desde que com um período mínimo de 5 ou 7 dias, não lembro, como eu iria ficar 7 noites, me encaixava nesse perfil... Pesquisei bastante e vi que esse site AirBnB era um dos melhores no ramo, pesquisei sobre o site e vi que muita gente no mundo inteiro utilizava ele, a partir de então foi mais fácil, pesquisei vários apartamentos na cidade com boas notas e comentários dos usuários, mostrei a lista dos melhores para minha noiva e alugamos pelo site. Depois que compra, o site fornece telefone, e-mail, etc do dono, mandei umas mensagens em abril/13 e depois só em dez/13 já chegando próximo da viagem avisando horário do voo e previsão de chegada.... O irmão da dona estava na frente do apto esperando quando chegamos. E para entregar o apto avisamos quando iríamos sair, ele foi no horário e data e pegou a chave de volta. Muito simples e rápido, mas é extremamente importante verificar as notas e comentários antes de comprar algo nessa quantia. Abraço!
  12. Muito obrigado Cleide!! Minhas impressões foram as melhores, fomos embora pensando em voltar... As pessoas de um modo geral estão dispostas a te ajudar, claro que tem gente mal humorada e que responde "atravessado" mas não imaginei ser diferente porque uma cidade cheia de turistas sempre encontra quem não gosta da gente. A quantidade de brasileiro é incalculável, nos bairros turísticos era impossível andar 100m sem escutar um português aqui ou ali... A comida é muitooo diferente da brasileira, é do jeito que todos falam nos outros tópicos, minha noiva tem gastrite e não se deu muito bem nas refeições pela asia que dava depois... Minha dica a noite é de quando for embora das baladas, caminhar até a avenida mais próxima antes de pegar um taxi, porque ajuda a inibir dos taxistas ficarem andando pelo bairro para ficar mais caro a corrida, além de eu ter achado mais seguro do que ficar em uma esquina qualquer dentro dos bairros esperando um taxi. Em um modo geral certamente qualquer brasileiro, mesmo sem saber nada de espanhol, consegue curtir umas boas férias em Buenos Aires, é muito fácil chegar em qualquer lugar tendo um mapinha desses de hotel de referencia.
  13. Salve Mochileiros!!! Essa é minha segunda contribuição para o site, espero que seja útil para muitos que como eu utilizou Mochileiros.com para planejar a viagem, é mais um relato como muitos de Buenos Aires, porém com os preços atualizados já que fui agora em Janeiro de 2014. Como diz no tópico, foi uma viagem romântica de 7 dias com minha namorada, quando estávamos no Tigre eu a pedi em casamento, então imagino que nesse tópico eu possa ajudar muitos casais... Descontando as passagens aéreas e a hospedagem gastamos no total R$3.300,00 (aproximadamente $13.695,00 com cotação do peso argentino a R$4,15) FUSO HORÁRIO Buenos Aires é 1 hora a menos que o horário oficial de Brasília... Para facilitar a hora em Buenos Aires é só olhar nesse site: http://24timezones.com/pt_horamundial/buenos_aires_hora_local.php HORA DE CHEGADA Procure não chegar no final do dia ou a noite, para que dê tempo de chegar em Buenos Aires ainda de dia e fazer um bom cambio na cidade. DINHEIRO Levamos tudo em um Money Belt, ou seja, levamos todo o dinheiro conosco, porque entre o natal e ano novo o governo padronizou todas as transações internacionais cobrando 6,38% em qualquer ação. Optamos por levar tudo em real. CARTÃO Deixei habilitado no exterior o cartão de crédito e débito apenas para uma emergência, ainda bem, porque para comprar as entradas do Señor Tango aceitam somente compra antecipada pela internet e com cartão de crédito. (a cobrança é feita em dólar e provavelmente no fechamento da fatura virá com uma conversão próxima de R$2,50 + os 6,38% de IOF. REAL OU DÓLAR Levamos tudo em Real e em espécie, caso consiga uma boa cotação no dólar é válido porém o mínimo que eu encontrei para comprar onde moro foi a R$2,40, não me arrependo de ter levado tudo em Real porque fiz no câmbio paralelo por R$4,15 e isso ajudou muito já que quando comecei o planejamento no inicio do ano passado coloquei o cambio a R$2,00. CAMBIO Minha dica que julgo extremamente útil é trocar somente o dinheiro do Transfer entre Ezeiza e a hospedagem em Buenos Aires, no caso eu troquei R$150,00 a $3,02, ou seja $453,00, no Banco de La Nación dentro do aeroporto de Ezeiza, como eu gastei $110,00 por pessoa de transfer até o apartamento, poderia ter trocado menos e ganhado mais fazendo o cambio na cidade. No centro de Buenos Aires fiz o Cambio em 2 lugares que me passaram aqui no Mochileiros.com: 1o - Kenia viajes - Empresa de viajes y turismo - O endereço é Lavalle 623, praticamente esquina com a Florida, você sobe a escada e é na primeira loja à direita. Nessa loja pode pedir para carimbarem todas as notas, eles fazem um pontinho preto caracteristico na nota, caso alguém diga que é falsa você pode levar lá novamente que eles trocam a nota, mas eu não tive esse problema em nenhuma das vezes. 2o - Tabacaria - Empresa que vende canetas, canivetes e isqueiros de marca - Fica na Av. Corrientes, praticamente esquina com a Calle San Martin, pra quem segue sentido casa rosada fica do lado direito da avenida, não tem erro, do outro lado da avenida tem uma estação de metro, procure por Chiche que é o dono. Das 2 opções eu indicaria sem dúvida a primeira no Kenia viajes, além de carimbarem as notas foi o lugar que encontrei o melhor cambio no centro da cidade. Todos os dias que precisei fazer o cambio consegui o real por $4,15 e o dólar a $10,50 . Mas lendo jornais do pais vi que no último dia que estava na cidade o dólar paralelo atingiu $12,00, imagino que o Real tenha passado dos $5,00, a questão é pesquisar. O site para ver o preço do cambio oficial e paralelo(blue) é http://www.lanacion.com.ar/dolar-hoy-t1369 TRANSFER DE EZEIZA ATÉ BUENOS AIRES O aeroporto fica a 35km de Buenos Aires, pesquisamos várias opções, desde onibus circular até o taxi particular da Ecilla, uma brasileira. A melhor opção sem dúvida foi utilizarmos a empresa Manuel Tienda León, é uma empresa de onibus e taxi, que tem um quiosque logo que faz o raio X, lá compramos o transfer de onibus, eles levam até a agencia deles no centro e de lá te colocam em um taxi e deixam na porta do apartamento, o preço foi $110,00 por pessoa. Site do Manuel Tienda León: http://www.tiendaleon.com.ar/home/ HORÁRIO COMERCIAL Quase tudo lá no comércio fecha 20h, aliás fica de noite umas 20:30h. HOSPEDAGEM Depois de muito pesquisar, chegamos a conclusão que o melhor para nossa viagem românica seria alugar um apartamento. No nosso caso alugamos um loft por R$85,00 (reais) a diária para os 2, por 7 noites, e bem no centro histórico, na Av Corrientes com a Calle Maipú. Alugamos pelo site Airbnb, e a dona do apto Natalí junto com seu irmão Juan foram muito prestativos, não tivemos problema algum. Segue o link do apartamento: https://www.airbnb.com.br/rooms/370013 ALIMENTAÇÃO Logo no primeiro dia, assim que deixamos as malas no apartamento já corremos para Kenia Viaje e fizemos um bom cambio... Por isso já compramos no supermercado várias coisinhas para deixar na geladeira e fazer alguma possível refeição para os próximos dias, foi muito útil porque as vezes chegávamos exaustos da rua e não queríamos sair para comer... Sobre os restaurantes, como muitos dizem, os pratos são grandes, as vezes 1 prato já da para o casal, a gente não tinha vergonha em fazer 1 pedido para 2, já o preço varia muito, chegamos a pagar $100,00 em uma refeição para os 2 com bebida, até $400,00 com bebida em outra refeição para os 2, depende muito de pesquisar na hora mesmo e saber qual o padrão da viagem querem manter. A conta normalmente é de $150,00 por refeição por pessoa. TOUR DE BICICLETA Com um simples cadastro e sem nenhum custo você pode andar por toda a cidade, é muito prático e seguro, a única exigência é renovar a locação a cada 1 hora, não demora nem 1 minuto isso e tem umas 30 estações de bicicletas na cidade, então não precisa ficar correndo para conhecer os lugares com medo de não conseguir renovar... Na estação de bicicleta tem um MAPA com toda a cidade, indicando onde fica cada estação e oficina credenciada para consertar caso fure o pneu. Ainda tem o site http://mapa.buenosaires.gob.ar/ com tudo o que eu falei, é só ir na aba do lado esquerdo em "Mapas Temáticos" e depois em "Red de ciclovias". RESERVA ECOLÓGICA Em Puerto Madero, tem a Reserva Ecológica Costanera Sur, curtimos bastante, logo na entrada tem um mapa da reserva com várias trilhas/passeios possíveis e suas respectivas distancias e duração, pode ser feito a pé ou de bicicleta, uma dica é pegar a trilha número 2, que é pequena e passa pelo Rio de La Plata e de lá é possível ver a costa do Uruguai. Fizemos a trilha com a bicicleta alugada citada acima. TIGRE E DELTA Tigre é uma cidade da Argentina feita por ilhas que fica no norte de Buenos Aires, 1 hora de trem. É considerado o 5º maior arquipélago(conjunto de ilha) de água doce do mundo. Para chegar lá é muito fácil, só chegar na estação Retiro (tem acesso por Ônibus e Metro) e de lá pegar um trem que parte a cada 20 minutos para a estação Tigre, é a última estação (são 14 ou 16 estações), o percurso dura 1 hora, não sei o preço porque no dia estava com problema nas catracas e todos passaram sem pagar (nos falaram que é comum isso). O melhor dia que falaram para conhecer as ilhas é no sábado. Chegando na estação não contrate nenhuma empresa de turismo, o melhor é fazer tudo sozinho mesmo. Saindo da estação logo na frente do lado esquerdo de quem olha, a uns 200 metros já tem o porto com vários barcos e muitos quiosques para comprar os passeios, tem de tudo, a maioria é passeio de 1 hora, mas as variedades que encontramos perguntando nas empresas são: passeio de 1h, 1:30h, 2h e o dia todo, ainda alguns está incluso o almoço em algum restaurante de frente para o rio. Contratamos o passeio de 1:30h porque queriamos ir no mesmo dia no Parque de diversão La Costa, que fica em Tigre mesmo, bem perto do porto, uns 400 metros. Pagamos no passeio para casal $260,00. Uma dica importante é não caírem no mesmo erro que nós, pensávamos que chegando cedinho também sairíamos cedo de barco, engano nosso, os primeiros barcos começam a sair 9:30h da manhã, portanto não adianta madrugar 7h da manhã para chegar lá igual a gente porque vai ter que ficar parado esperando o barco encher... No nosso caso o barco saiu 11h. Horários entre Estações Retiro e Tigre Mapa de Tigre Estação Tigre Porto de Tigre Réplica do barco que contratamos Guichê tinha um álbum das paisagens que veríamos pelo caminho Preços em janeiro/2014 Fachada do guichê no porto Passeio de barco PARQUE DE LA COSTA O Parque de La Costa fica no Tigre, segue o link do site do parque http://www.parquedelacosta.com.ar/ ... É um hopi hari argentino... Pagamos segundo a tabela de férias, o passaporte Vip(acesso em todos os brinquedos e sem pegar fila) foi $325,00 por pessoa, perguntei e não tem meia entrada para estudantes. Funciona até 19h. Preços 360 graus do parque FEIRA DE SAN TELMO Como o próprio nome diz, é uma feira em San Telmo que tem de tudo, acontece aos domingos, desde manhã até umas 17h, a dica é chegar perto do almoço, ensinaram a gente que se for muito cedo não vai encontrar todo mundo trabalhando, alguns chegam para trabalhar na feira perto do almoço... Tem muitosss artistas de rua, fora os souvenir... Fica na Calle Defensa e ocupa umas 30 quadras. BALADA Existem muitas opções de baladas, ou boliches como são conhecidas em Buenos Aires... Fomos só em 1, na Asia de Cuba ( http://www.asiadecuba.com.ar/ ), gastamos o casal no jantar $380,00 incluso 1 garrafa de vinho Malbec, comemos um macarrão e uma carne com salada... A dica nessa balada é ir para o jantar, porque assim não paga a entrada da balada, que começa a partir da 1h, o detalhe é que as reservas para o jantar são feitas para até 22:30h. Asia de Cuba - Jantar e depois balada MILONGAS / TANGO Existem muitas milongas (baile que toca Milonga, Tango, etc) famosas na cidade, algumas tem como público turístas e outras argentinos. Gostamos bastante da La Viruta ( http://www.lavirutatango.com/ ), fica em Palermo, custa $45,00 por pessoa a entrada, $10,00 o guarda-volume caso tenha bolicha/bolsa e gastamos de consumação $130,00, tudo bem barato... Uma pizza média custa $50,00 e a caipirinha por exemplo 2 doses por $60,00. Tem ainda para quem vai na milonga La Viruta aula gratuita em grupo de tango, milonga, salsa e rock, muito legal é só conferir no site os horários. Cardápio La Viruta SHOW DE TANGO / SEÑOR TANGO A variedade para assistir um show de tango são enormes... Escolhemos conhecer o famoso Señor Tango, gastamos U$60,00 (dólares) por pessoa e precisa ser comprado com antecedencia de 1 dia no mínimo pelo site ( http://www.senortango.com.ar/ ) TARJETA SUBE A Tarjeta Sube foi extremamente útil para nós, é um cartão que pode ser comprado no correio ou em banca de revista, ele serve para Ônibus, Metro e Trem, da para recarregar em qualquer estação, colocamos $40,00 e conseguimos andar a semana toda... TRANSPORTE Achamos o transporte muito eficiente, embora a frota de tudo(ônibus, trem e metro) seja antiga. Ônibus - As principais linhas que levam aos bairros turísticos são muito bem sinalizadas, logo no ponto de ônibus já tem o número do ônibus e em seguida todas as paradas que ele faz. Metro - É eficiente e fácil de utilizar, mas um grave defeito que encontramos é que ao contrário de São Paulo, em Buenos Aires se você pegar um sentido e depois quiser voltar pelo outro sentido não tem como, como por exemplo no nosso caso que entramos na estação pelo sentido X e na realidade deveríamos ir para Y, ou então se você passar da estação de parada e tiver que voltar, tem que sair e entrar de novo/pagar pelo outro lado. Se eu não me engano custa $3,50, mas com a Tarjeta Sube paga a metade. Trem - utilizamos para chegar a Tigre, na volta (umas 19h) achamos perigoso, muitos turistas voltando e muitos argentinos olhando de maneira suspeita. Mapa do metro GUIA T Guia T é uma revistinha que mostra todas as linhas de ônibus da cidade, alguns acham muito útil, nós compramos no primeiro dia por $15,00, encontra para comprar em qualquer banca de revista, mas não usamos na viagem inteira, toda vez que precisávamos pegar um ônibus eu perguntava para algum policial ou funcionário de loja qual ônibus pegar. LOCUTÓRIO Locutórios são locais, tipo um cyber cafe, para fazer ligação, tem espalhado por toda cidade, é muito prático, precisamos no primeiro dia e gastamos $1,00 em 1 ligação local de 1 minuto. SORVETES FREDDO Tem dúvidas é um sorvete de destaque na cidade, recomendo a qualquer ser humano provar uma vez na vida, achamos delicioso o sorvete, tem de vários sabores e tem muitas franquias espalhadas na cidade. Não é muito barato, mas ainda vale muito pelo sabor, uma cestinha com 2 bolas custa $50,00. CAFÉS HISTÓRICOS Tem muitos cafés históricos na cidade, alguns: Café Tortoni, Confitería del Hotel Castelar, Bar 36 Billares, Bar Plaza Dorrego, Bar El Federal, Bar O Bar, Bar Plaza Dorrego, Bar Seddon, Bar Británico, Café de los Angelitos, La Coruña, Las Violetas, Confitería Ideal, El Gato Negro, La Giralda, La Biela, La Puerto Rico, etc. Conhecemos o Café Tortoni ( http://www.cafetortoni.com.ar/ ), um dos mais velhos da cidade, foi inaugurado em 1858, "No início do século XX, o Tortoni foi o local escolhido por muitos artistas, intelectuais, poetas e boêmios. Entre eles Alfonsina Storni, Quinquela, Luigi Pirandello, Xul Solar, Federico Garcia Lorca e Juan de Dios Filiberto. Por suas mesas passaram figuras importantes como Juan Manuel Fangio, Carlos Gardel, Jorge Luis Borges, Arthur Rubinstein, Lily Pons, Luigi Pirandello, Miguel de Molina, Tita Merello e Rei Juan Carlos I da Espanha.". Quase sempre tem fila para entrar, gastamos no almoço $150,00 em 2 lanches e 2 sucos. MAPAS ÚTEIS Seguem os mapas que foram úteis para encontrar os pontos turísticos: Centro de Buenos Aires Bairro Recoleta Bairro San Telmo Bairro Puerto Madero Bairro Palermo Fotos avulsas Puente de la Mujer - divide o Centro com o bairro de Puerto Madero Museo Fragata Presidente Sarmiento (ao lado da puente de la mujer) Caminito Almoço com apresentação de tango próximo a feira de San Telmo aos domingos Compra de roupas/sapatos/sandálias de Tango (as 2 lojas ficam no centro histórico bem próximo a avenida 9 de julio) Passeio em Palermo Árvore centenária em frente ao cemitério de Recoleta Livraria El Ateneo (Em 2008 foi classificada pelo jornal britânico The Guardian como a 2ª mais bela livraria do mundo) Planetário Galileu Galilei em Palermo Jardim Japonês em Palermo Espero que tenha ajudado um pouco pessoal.
  14. Eu não lembro da cotação... Mas os produtos em Buenos Aires lembro de estarem bem mais baratos que na duty free Abraço!
  15. É essa mesma Maurício! Aliás, quem me deu a dica de ir lá a primeira vez foi o Luiz.
  16. Mauricio, Estou no aeroporto entre conexões retornando para minha cidade... Peguei cartão de vista da agência mas está na mala despachada... Se eu lembrar amanhã coloco aqui pra você tudo certinho Abraço!
  17. Estou na Argentina ainda... Vim para uma viagem de 1 semana... Vim só com Reais, troquei no aeroporto de Ezeiza o suficiente para pagar o Manuel Tienda León que são 110 pesos por pessoa. Eles deixam na porta do Hotel ou do Apartamento, quando cheguei fui pra rua Floria com Llavale, tem uma agencia de viagem na esquina que trocou todos os dias que precisei por $4,15 pesos o real e estava $10,5 pesos o dólar, se pedir para carimbar, eles marcam as notas com um ponto preto que caso alguém diga que é falso eles trocam por outra. Não tive nenhum problema. Devo retornar na quinta (16/01/14) para o Brasil. Abraços!!!
  18. A Bia me respondeu: "Oi, Eu moro no noroeste e como estamos bem longe da fronteira com o Brasil e aqui não é um lugar onde venha muitos brasileiros o real esta mais valorizado e por isso consegui 5." Então imagino que fora da capital realmente esteja bem mais forte o Real...
  19. Bia, Onde conseguiu trocar por esse preço?? Fui em vários lugares para cambio paralelo hoje, o máximo que consegui foi $4,15 no Real. Troquei uma parte no Banco Nación no aeroporto, estava $3,02, depois que cheguei no centro pesquisando que fui encontrar esse por $4,15, o local é "Lavalle 623, quase esquina com a Florida, você sobe a escada e é na primeira loja à direita", é uma loja de passagens de ônibus, transfer, mas fazem câmbio.", o bom é que pedindo ele ainda carimba para confirmar que caiu do cambio dele... Quem me passou esse endereço foi o usuário LuisG.
  20. Estou indo na madrugada de hoje para amanhã... Quando estiver lá venho comentar o que está valendo a pena... Mas seguindo as cotações que o caiodin e o pedrada passaram acima, fazendo umas contas rápidas com R$1.000,00 por exemplo, vale a pena sem dúvida levar Real, a menos que já tenha uma reserva em dólar, porque se eu comprar dólar hoje por exemplo, pagarei algo em torno de R$2,45/R$2,50, o que me dá U$400,00 (dólares), com esses U$400,00 (dólares) em uma cotação de venta por $10,00 (pesos) eu consigo $4.000,00 (pesos), já se eu levar os R$1.000,00 e vender lá por $4,00 consigo os mesmos $4.000,00 (pesos)... Caodin conseguiu restaurantes com até $4,50 (pesos) por real o que aumenta ainda mais a vantagem para compensar o real... Alguém confirma se está correto o pensamento? Quando eu chegar lá posto aqui se é bem por ai o que pensei... Abraços!!!
  21. Grande salve pessoal!!! Desde o meio do ano quando conheci o site Mochileiros.com em uma viagem a Cusco/Peru, virei um fã, já se foram várias noites lendo relatos de viagens... Eis que faço aqui minha primeira contribuição. No final de novembro quando me avisaram sobre minhas férias, pesquisando o que fazer no final do ano, um amigo de trabalho me apresentou o PETAR, entre Iporanga e Apiaí-SP, fiquei fascinado, logo vim no Mochileiros.com pesquisar mais e encontrei vários tópicos a respeito. Os principais tópicos para meu planejamento foram "/carnaval-nas-cavernas-petar-2013-t79257", "/relato-de-viagem-petar-2013-4-dias-durante-a-semana-t80406", "/petar-2013-t79100" e "/petar-2013-conhecendo-as-cavernas-t77960" O orçamento estava apertado e eu sabia que para convencer amigos a viajarem comigo de última hora, a viagem precisava sair barata e bem planejada. Participantes da viagem: Eu, Alessandra (namorada), Marília e Sarita. (Todos sedentários com alguma caminhada ou outra durante a semana e com faixa etária entre 21 e 26 anos) Carro: Gol bola 1998 1.0 Eu e Alessandra somos de Presidente Prudente/SP e passaríamos o natal em Avaré/SP, por isso a Marília e Sarita que são da capital São Paulo, pegaram um ônibus até Avaré e a partir de então começou nossa viagem dia 27/12/2013. Lendo os tópicos sitados acima, cheguei a conclusão que os melhores guia seriam o Danilo(autônomo) e o Tom(agência Planeta Trilha), encontrando em contato com os 2 vi que realmente eram muito atenciosos e responderam todas as minhas dúvidas, os 2 me enviaram os orçamentos e por ligar mais vezes para o Danilo acabei fechando com ele, a única condição do Danilo para cobrar os R$35,00 (incluso capacete e lanternas) por dia por pessoa era de poder colocar mais pessoas no grupo caso aparecesse, já que fechei com ele para 4 pessoas que iriam comigo. Já a pousada nos tópicos já citados falavam bastante da Pousada do Abílio, e o Danilo me confirmou ser a mais barata e ter um bom atendimento, não deu outra, entrei em contato por telefone e logo fechei com a pousada também, 1 quarto para 4 pessoas com 2 beliches por R$40,00 a diária por pessoa, incluso café da manhã e jantar. Avisaram que era necessário levar roupa de cama, travesseiro, toalha, shampoo e sabonete, por ser muito barato já era de se imaginar que precisava levar essas coisas. O orçamento planejado ficou: Como sempre, mesmo planejando bem, por conta de ter dito menos de 30 dias de planejamento até a viagem, houve imprevistos, chegamos a pagar R$2,99 no litro da gasolina e não foi orçado o que andaríamos de carro da pousada até a entrada das caminhadas, no final das contas acabou não tendo nenhum aumento expressivo porque eu coloquei 10km/L de consumo no carro mesmo eu sabendo que fazia mais. Com as alterações que ocorreram quando estávamos lá, ficou: 1o dia chegada até pousada do Abílio 2o dia Núcleo Santana 3o dia Núcleo Santana 4o dia Vale das Ostras + Caverna do Diabo 5o dia Núcleo Cablocos 6o dia viagem da volta Distâncias percorridas de carro: 1o dia chegada até pousada do Abílio (305km de Avaré até a Pousada, a pousada fica a 26km depois de Apiaí) 2o dia Núcleo Santana (3km da pousada até o núcleo, ida e volta 6km) 3o dia Núcleo Santana (3km da pousada até o núcleo, ida e volta 6km) 4o dia Vale das Ostras + Caverna do Diabo (45km da pousada até a caverna do Diabo, depois mais 5km até o Vale das Ostras, na ida então foram 50km, ida e volta 100km) 5o dia Núcleo Cablocos (66km da pousada até o núcleo, ida e volta 132km) 6o dia viagem da volta (305km da Pousada até Avaré) Total viajando: 610km Total até as trilhas/cavernas:244km Total geral: 854km Observações em cada dia: 1o dia chegada até pousada do Abílio (De Avaré até a pousada do Abílio são 305km, porém fizemos em 5:30h, o google maps recomenda ir de Ribeirão Branco direto para Apiaí, o guia Danilo me disse que a estrada era de terra e ruim, por isso me recomendou ir por Guapiara, realmente foi a melhor escolha, estrada era asfaltada só que com muitas curvas. Já de Apiaí até a Pousada, são 26km de estrada de terra com trechos em cascalho, de um lado é um paredão e do outro abismo, muito perigosa e estrada e 1 pista só para 2 sentidos, quem conhece a estrada faz os 26km em 40 minutos, eu demorei na ida 1h, a velocidade máxima que atingia era 40km/h) 2o dia Núcleo Santana (Fizemos a Caverna Santana, a mais visitada do Brasil e a Caverna Morro Preto, além de uma piscina natural) 3o dia Núcleo Santana (Fizemos a trilha do Betari, Caverna Água Suja, Cachoeira das Andorinhas e a Cachoeira Beija-Flor) 4o dia Vale das Ostras + Caverna do Diabo (Fizemos a Caverna do Diabo, segunda mais visitada do Brasil e o Vale das Ostras com 13 cachoeiras durante toda a trilha, sendo a última com uma gruta atrás da queda d`água.) 5o dia Núcleo Cablocos (Sem dúvida o dia mais cansativo, porém sensacional, é necessário o guia ir com facão na frente para ir abrindo caminho, fizemos a trilha Caboclos e a Caverna Teminina) 6o dia viagem da volta (Mesmas observações do 1o dia, porém o carro deu um "probleminha" que vocês poderão ver nas fotos abaixo e tivemos que ir parando a cada 50km para olhar se a gambiarra estava presa ainda e não perder o motor) Alguns dias a gente poderia ter feito mais, porém em 2 dias juntou-se no nosso grupo um casal americano e 1 filha de 4 anos que acabou diminuindo um pouco o ritmo, porém não trocaria tudo o que passamos por nada, ver o pai da menina carregando a criança de 4 anos nas costas com toda aquela aventura não tem preço. Sobre a pousada do Abílio: (15) 3556 1405 hospedagem + café + janta Recomendamos sem dúvida, além de ser a mais barata, está em uma excelente localização para visitar os núcleos, o atendimento é excelente, e a filha/atendente Raiane é muito simpática, o senhor Abílio é muito presente e sempre preocupado com seus hóspedes, me ajudou a arrumar o carro no último dia, feriado de ano novo, quando descobri que havia caído a tampa do óleo do motor. Sobre o guia Danilo Martines Duarte (15) 99753-5356 http://www.petardanilo.com.br/ E-mail: [email protected] Sem dúvida o melhor guia que pudíamos contratar, é professor de História para ensino fundamental e médio, fascinado por formações rochosas e natureza, explica a formação de tudo ao longo do caminho, tem uma câmera fotográfica impermeável e ante-queda, fez várias fotos e filmagens do grupo, no final passou tudo para a gente. Sobre o Almoço Nas trilhas tem que levar o almoço porque é no meio do nada literalmente, então sempre íamos na noite anterior no único mercado do bairro, 100m da pousada do Abílio, comprávamos pão e atum, foram assim todos os dias. Sobre o carro Eu fui com o meu carro, um Gol bola 1998 e com 4 pessoas dentro, a viagem foi tranquila, não ficamos atolados nenhum dia, mesmo quando choveu, porém não é o carro recomendado para isso...A sumida na pousada do Abílio onde eu deixava o carro passar a noite é muito forte (50m), todos os dias eu subia sozinho com o carro e as 3 pessoas que estávamos comigo subia a pé porque o carro não aguentava. Voltei de viagem com o peito de aço amassado, sem a tampa do óleo do motor, a porta do motorista quebrou, preciso rever agora o balanceamento, alinhamento e os amortecedores. Parecer final Todos os 4 voltamos no carro falando que nunca tínhamos feito algo parecido na vida, sem dúvida foi uma das melhores viagens na vida de cada um de nós. Não há nada melhor do que ficar desligado do resto do mundo, foram todos os dias sem sinal de celular, internet, trânsito, enfim, tivemos 4 dias dedicados a nós mesmos, até o tempo parece passar diferente. Todos os dias acordamos 6h da manhã para iniciar a caminhada às 8h e voltávamos sempre depois das 17h. Gasto real: Guia + Pousada + Café da manhã + Almoço + Jantar + Combustível até as entradas das trilhas + Saídas em barzinhos a noite = R$410,00 por pessoa Além desses gastos, somente combustível até local de origem. Abaixo seguem algumas das 1.100 fotos que tiramos: Crédito especial para o Guia Danilo que tirou a maioria delas Gol bola 1998 Alessandra, Sarita, Marília e Marcos (eu) Estrada entre Ribeirão Branco Apiaí passando por Guapiara Mirante na estrada entre Apiaí e a Pousada do Abílio Estrada perigosa entre Apiaí e a Pousada do Abílio Passagem dentro da caverna Santana Travessia na caverna Santana Guia Danilo Martines Duarte Caverna Morro Preto Pousada do Abílio Vista às 6h da varanda do quarto onde estávamos Grupo no 2o dia, com o casal de amerianos e a filha de 4 anos Trilha do Betari Trilha do Betari, na trilha toda cruza o rio umas 4 vezes para ir e mais umas 4 para voltar Entrada da Caverna Água Suja Vista da Cachoeira Beija-Flor, com a camera impermeável do guia Danilo Informativo na entrada da Caverna do Diabo Informativo na entrada da Caverna do Diabo Informativo na entrada da Caverna do Diabo Trilha no Vale das Ostras com 13 cachoeiras Trilha no Vale das Ostras com 13 cachoeiras Trilha no Vale das Ostras com 13 cachoeiras Trilha no Vale das Ostras com 13 cachoeiras Trilha no Vale das Ostras com 13 cachoeiras Núcleo Caboclos com 2 guias, 1 família do RJ e 1 família do PR que conhecemos no dia. Núcleo Caboclos Guia Danilo - Núcleo Caboclos Caverna Teminina - Núcleo Caboclos Caverna Teminina - Núcleo Caboclos Caverna Teminina - Núcleo Caboclos Caverna Teminina - Núcleo Caboclos Caverna Teminina - Núcleo Caboclos Cobra no caminho, encontramos 4 cobras ao todo Caverna Teminina - Núcleo Caboclos Caverna Teminina - Núcleo Caboclos Núcleo Caboclos - Caminhamos até o paredão branco, a subida no paredão foi bemm cansativa No último dia fui olhar o óleo e água para pegar estrada, havia sumido a tampa do óleo do motor e espirrado óleo no motor inteiro, tive que completar 1 litro de óleo para dar o nível correto, improvisamos com essa gambiarra e íamos a cada 50km olhando se ainda estava lá o toco de madeira No último dia fui olhar o óleo e água para pegar estrada, havia caído a tampa do óleo do motor e espirrado óleo no motor inteiro, tive que completar 1 litro de óleo para dar o nível correto, improvisamos com essa gambiarra e íamos a cada 50km olhando se ainda estava lá o toco de madeira A porta não aguentou a aventura, abriu no meio e acabamos voltando assim mesmo... Bom pessoal é isso, espero com esse post poder ajudar muita gente que como eu utiliza o Mochileiros.com para planejar as viagens, além é claro de compartilhar essa excelente viagem que fizemos... Qualquer dúvida é só comentar que ajudo no que estiver a meu alcance... Abraços!!!!
×
×
  • Criar Novo...