Ir para conteúdo

henriquefarage

Membros
  • Total de itens

    323
  • Registro em

  • Última visita

  • Dias Ganhos

    5

Tudo que henriquefarage postou

  1. A TAM não é mais entregue fisicamente - você pode baixar no site de Migraciones com o número do documento que você entrou no país e a data da entrada, mas esse documento só é usado para hotéis basicamente e eles mesmos fazem isso (download da TAM). O único documento necessário para apresentar no passeio de Machupicchu é o documento usado para fazer a sua reserva (RG/Passaporte). Precisa ser o original, claro.
  2. Não recomendo Rainbow Mountain e Laguna Humantay em dias seguidos. Os tours saem cedo (por volta das 4:30h), tem viagens longas e desconfortáveis em vans, altitude...
  3. Não. Basta imprimir. Você pode fazer isso por conta própria acessando a sua reserva no site de Machupicchu e imprimindo os tickets (tem uma márca d'água escrito que são ingressos oficiais) ou chegando em Cusco indo ao Ministério da Cultura (Calle Garcilaso) você entra na fila (dos que já tem reservas) e apresenta a documentação usada na compra e eles imprimem pra você. O que é imprescindível é apresentar o ingresso impresso e o documento original usado para reserva pra você entrar em Machupicchu.
  4. Ótimo! Normalmente eles cobram uma multa de uns 25% do valor total pra fazerem qualquer alteração na reserva aqui no Ministério de Cultura.
  5. Muito provavalmente você terá que pagar uma multa por alteração.
  6. Tá pra existir o dia que o Senado aprovar alguma medida em beneficio do consumidor sem pensar no seu benefício próprio ou de seus patrocinadores.
  7. Tem que ser muito inocente pra acreditar que reduzindo custos/impostos os empresários vão pensar "Nossa, que bom. Agora sim vamos poder diminuir os preços das passagens, aumentar salários dos funcionários e oferecer um serviço de melhor qualidade". A única coisa que muda com redução de custos para empresas é a margem de lucro. De resto não vai mudar nada (a não ser, claro, precarização da mão de obra que terá menos direitos trabalhistas e aumentos injustificáveis para o consumidor). Ou já esqueceu a pernada recente que o consumidor tomou quando passaram a cobrar por bagagem despachada e as passagens aumentaram?
  8. Tem muita chance de dar errado se você não souber os horários de partida dos trens hidroelétrica-Aguas Calientes. Caminhando você vai precisar começar no máximo as 6h.
  9. Essas passagens podem ser compradas até na hora mesmo, na hidroelétrica ou em Aguas Calientes. Custa uns 40 dólares por trecho.
  10. Se as pessoas tem esse comportamento é porque as cias aéreas cobram taxas cada vez mais abusivas para despachar malas e as pessoas tem que se virar como podem. Cobre bom senso e respeito das companhias aéreas. O consumidor é vítima da ganância do mercado, não o contrário. O que você chama de mal comportamento é resultado das políticas das empresas para aumentar seus lucros (que sempre foram abusivos). Preciso lembrar de quando as cias anunciaram que passariam a cobrar para despachar bagagem e assim as tarifas pra quem não despachar malas iriam diminuir já que seria um serviço a menos?
  11. Depende da agência e do itinerário. Se for visitas a Pisaq e Ollantaytambo (com almoço em Urubamba) precisa ser um trem depois da 16h (Inca Rail 16:36h ou Peru Rail 19:04h). Precisa comprar antecipado sim porque os preços vão subindo.
  12. Entendi. Neste caso se você realmente quiser incluir Lima no roteiro melhor seria: Santa Cruz > (Sucre/Potosí) > Uyuni > Atacama > Arica > Tacna > Arequipa > Nazca > Ica > Lima (considerando todos estes trajetos em ônibus) Lima - Cusco em avião Cusco > Puno > Copacabana > La Paz > Santa Cruz (bus) Mas aí depende da disponibilidade de dias e tal. Acho que ficaria apertado então você pode ir até a Nazca (ou Ica), de lá a Cusco e seguir para a Bolívia.
  13. Eu faria diferente, chegando pelo Peru e retornando ao Brasil pelo Chile. Chegaria por Lima (vôo SP - Lima) e o restante de ônibus (Lima - Ica - Nazca - Arequipa - Cusco - Puno - Copacabana - La Paz - Uyuni - San Pedro de Atacama). De Calama a Santiago há voos baratos, assim como de Santiago ao Brasil.
  14. Se você não pratica exercícios com regularidade não vai fazer diferença nenhuma na sua vida tentar se preparar antes da viagem - especialmente quando tiver na altitude. O que mais complica nos passeios são os efeitos da altitude (exceto trilhas de vários dias, claro, que exigem algum preparo físico). Eu sendo sedentário viajei, fiz trilhas e caminhei muito por cidades com peso nas costas, altitude, e tudo. Inclusive sigo sedentário e vivendo na altitude sem nenhum sofrimento.
  15. henriquefarage

    Puno

    Quando você reservar com a agência o pacote já vai incluir hospedagem (na casa de moradores locais). Não há forma de reservar diretamente essa hospedagem.
  16. Em que ano foi isso? Agora os portões se abrem as 6h e tempo máximo de permanência pra quem não tem ingresso acesso a nenhuma das montanhas é de 4 horas. Já não pode mais circular livremente e sem guia pelo parque. Quem não tem ingresso de montanha entra com o guia, faz o tour guiado e depois vai no máximo até o Intipunku ou Ponte Inca. Depois disso não tem muito o que fazer e sempre tem uns guardinhas chatos que veem turistas sem guia e perguntam "Cadê seu guia? Deixa eu ver qual o horário do seu ingresso". Sem contar que não se pode sair pra usar o banheiro e voltar pra visita depois.
  17. Tente ir o mais cedo possível pra Machupicchu pra começar a subir Huaynapicchu cedo. Aí você você volta, tem o guiado e depois já desce pra Aguas Calientes. Ninguém fica 7h em Machupicchu, seria uma loucura.
  18. RG em bom estado e emitido a menos de 10 anos, por favor.
  19. Por que você vai chegar tão tarde na hidroelétrica? Neste caso acho que é melhor ficar na ida em Santa Teresa.
  20. Pra 7 dias eu iria de, no máximo, 30L. Ainda mais se não precisar levar roupas de frio. Quanto maior a mochila mais você vai querer encher de coisas que nunca vai usar.
  21. Combinar o tour Vale Sagrado com trem para Aguas Calientes e voltar pra Cusco no dia seguinte. (2 dias 1 noite).
×
×
  • Criar Novo...