Ir para conteúdo
  • Cadastre-se

Feer Magalhães

Membros
  • Total de itens

    66
  • Registro em

  • Última visita

Reputação

0 Neutra

Últimos Visitantes

O bloco dos últimos visitantes está desativado e não está sendo visualizado por outros usuários.

  1. Ele iniciou um mochilao pela America do Sul e a ultima noticia que a familia teve foi domingo, dia 05/09/15. Estava em Santa Cruz. Pessoal é URGENTE. ADM'S entre em contato comigo. A familia nao sabe noticias dele. Nao sabe roteiro. Nao sabe nada... so sabe que ele ia viajar pela bolivia, chile e peru. De repente ele eh membro aqui ou alguem viu ele pela estrada. Abcs
  2. Sei que aqui nao é local pra postar isso, mas um rapaz de Contagem - MG, esta sem dar noticias desde domingo. A familia pediu que entrasse em contato pra ver se alguem o encontrou. POR GENTILEZA ALGUM ADM ME PROCURE INBOX PRA EU DAR MAIORES INFORMACOES... DESDE JA AGRADEÇO.
  3. ... 2º Dia - Santa Cruz de la Sierra Chegamos por volta das 3h da madrugada, um frio de lascar . Havíamos combinado previamente com o Fabim, que chegaria mais cedo, que ele estaria na rodoviária para nos receber, pois não ficaríamos em hostel em SCLS, mas sim na casa da Sah, uma amiga da Folha. (que liberou a casa, mas estaria, de férias, no Brasil). Porém, o Fábio nem a Maíra estavam lá, a nossa espera.... Tinha o endereço anotado, mas aquela altura do campeonato, não sabíamos se iríamos pra la ou tentavámos a sorte em algum hostel. Decidimos então, arriscar a sorte e ir para casa da Sah. Chamamos um taxista e ele disse que não sabia pra que lado ficava o endereço que procurávamos . Como assim? o motora não sabe... quem poderá nos defender??? Tinha comprado um chip em San Matias, porém não havia habilitado ainda. Estava sem internet e incomunicável. O taxista encontrou um companheiro que sabia pra que rumo ficava a casa da Sah (PARA NOOOOOOSSA ALEGRIA)!!! Combinamos previamente o preço, pois já sabemos da treta que rola na Bolívia. Corrida de tx: 60 bolivianos (caro), mas de fato, era muito longe de onde estavámos. Chegamos no condomínio e advinhem? era um condomínio luxuosissimo.... E claro, os porteiros não nos deixaram entrar, pois a dona da casa estava viajando. Com nosso 'portunhol' horrível, ele não nos entendia... fodeoooo!!! Mostrei uma foto da Sah, que tinha no facebook, e um dos guardas, lembrou que tinham dois brasileños que tinha chegado mais cedo e estavam na casa de um outro estudante, porém chegaram procurando a Sah. (merecia um beijo... soquenao) Foi então bater na casa do Junior, amigo da Sah, que acabou hospedando a Maíra e o Fábio, pois eles não deixaram ficar na casa da Sah (como eu disse anteriormente, estava no Brasil). Passam se intermináveis minutos e vem o guarda, com o Junior e nos deixa entrar GRAÇAS AO BOM DEUS!!! Entramos e dou de cara com o Fábio de samba canção dormindo de conchinha com a Maíra , eu com aquela vontade enorme de matá los . Fábim com aquela cara de cachorro que cai da mudança nos diz que: achou que sabiamos onde ficava a casa da Sah. Chateada com Fabim Fomos tomar banho pra tirar a nhaca de quase 24h de viagem. e tentar descansar um pouco... Claro que na ansiedade de estar todo mundo junto, apenas cochilei, pois ja havia dormido muito na viagem... As 8:00h pulei da cama, e claro, acordei a todos (sim, porque sou dessas ) Nos organizamos e saimos para dar uma volta pelo centro, era domingo, a cidade estava meio deserta, almoçamos num restaurante que tinha comida brasileira, senão me engano o nome dele era Galetos, calle libertad. Almoço = 30 bols Coca personal = 8 bols Esbarramos com vários brasileiros que estavam mochilando também, porém indo em sentindo contrário ao nosso... Aproveitamos para trocar dinheiro, as informações era que em STCLS a cotação tava melhor que em outras cidades, com isso troquei: 100 dolares = 693 bolivianos 300 reais = 738 bolivianos Ficamos batendo perna pela area central e aproveitamos para tirar a nossa primeira foto oficial (do sexteto).
  4. 1º dia de aventura - 27/12/2014 Quem disse que conseguimos dormir na noite que antecedeu nossa partida? Cáceres estava muito quente... o Piá sofria com a temperatura, a Folha dormiu encolhida na cama, o Índio, forrou um lençol e ficou no chão... o Gabi e eu não parávamos, não conseguíamos dormir. Ficamos conversando a noite toda, arrumamos a mal do Dé, que trouxe até sabão de barra pra viagem Quando deu 4:00h da madrugada, o celular despertou e cada um foi tomar banho, ja falei que estava quente né? Mas estava quente pra [email protected]#$%... Todos prontos, mochila nas costas, coração a mil, eis que eu ligo pro taxista que eu ja havia combinado anteriormente nos buscar e ele diz que não iria, pois não estava trabalhando e que morava longe Passou o número de um amigo que estaria trabalhando... Demorou intermináveis 10 MINUTOS pra chegar e nos levar ate a rodoviária Central de Cáceres (conhecida também, como rodoviária velha). Os micro ônibus, só saem dessa rodoviária.... Valor do Táxi> R$: 15.00 (dividido por 4 pessoas) = 3.75R$ Compramos as passagens por R$: 21.75 (empresa Corixa Transporte) Mais alguns minutos de espera e o nosso Super Micro saia até a fronteira Brasil/Bolívia. Partimos as 5:30h rumo a San Matias e chegamos lá as 6h (devido ao fuso horário), estávamos em pleno horário de verão e com isso, 1h a mais que na Bolívia. Dica: faça um lanche, na parada do ônibus (em San Matias terá uma certa resistência) Na fronteira, pegamos um táxi, por 7 reais por pessoa. e mais uns 5 minutos chegamos na Empresa EXPRESSO SAN MATIAS, Deixamos nossas mochilas, reservamos nossas passagens e fomos cambiar uma grana, para comprar passagem, e guarnições para a longa viagem até Santa Cruz. Câmbio 120 reais = 288 bolivianos Seguimos rumo a Migracion, para retiramos o permisso para segui viagem. Aqui, apresentamos o papel de saída do Brasil e damos entrada na Bolívia. NÃO PERDER ESSES PAPÉIS, POIS TERÃO QUE SER DEVOLVIDOS. Compramos nossas passagens por 120 bolivianos, bus semi cama. (importante lembrar disso buscama ou semicama). A inclinação dele é "menos pior". Passagens garantidas, vamos dar uma volta na cidade, afinal o ônibus sairia as 9:30h. Comprei (batata pringles, frutas, água, coca) = 42 bols Banheiro: 5 bols Chip Tigo: 10 bols. Táxi até a rodoviária: 15 Bols/4= 3.75 bols ANDEM: 2 bols ANDEM é autorização para seguir viagem (igual nossa taxa de embarque), porém ela é cobrada na rodoviária, a parte. Tudo pronto para embarque... Viagem tranquila, os meninos dormindo, a ansiedade não me deixava dormir, tirava uns cochilos e acordava, ligadona na viagem. Paramos para almoçar = 22 bols um delicioso bife a cavalo, em algum lugar perdido (que não me recordo o nome), tava tão brocada que não lembrei de tirar foto e de perguntar o nome do lugar... Como estávamos muito cansados, a noite sem dormir, um calor enorme, e agora com bucho cheio.... creio que dormimos ate a hora de chegar em Santa Cruz, pois não me lembro de nada mais... Chegamos as 3:30h em Santa Cruz, um frio do carai ...
  5. O tão esperado dia chegou... A viagem começou dois dias antes. Sim, ela começou no dia 25/12, na noite de natal, quando, o Gabriel (também conhecido como Gabi, Piá), mochileiro da Ponta Grossa chegou. Fui passar o Natal, com minha família, na Capital do Estado - Cuiabá. Ja havia avisado, minha avó e tias que ele ia passar a noite lá, para no dia seguinte seguir rumo à Cáceres. Quando de repente, a minha vó teve um "estalo" e ficou com um baita medo do Gabi ser um traficante de órgãos e matar todas nós A Cláudia (também conhecida como Folha) e eu fomos buscar o Gabriel no aeroporto, demos uma volta pela Cidade, paramos para comer um subway e fomos para casa. Chegando lá, ja estavam todas dormindo. No dia seguinte partimos cedo para Cáceres, Gabi, minha mãe, minha cachorras e eu. A Claudia viria mais tarde de van, pois tinha de ajeitar algumas coisas ainda na casa dela. Gabriel, o piá paranaense não comia peixe. Fiz ele experimentar o famoso pintado. , o piá lambeu os beiços e deu um baita prejuízo Aliá, experimentou várias coisas que não tem na Cidade dele.... Passamos o dia batendo perna na Cidade, até a hora que a Cláudia chegou, por volta das 17h ( MT tem 1h a menos que Brasília.) Fomos a PF, registrar saída do Brasil, pois no dia seguintes sairíamos de madrugada e a sede da PF estaria fechada. Ficamos mais um tempo enrolando e fomos buscar o André na rodoviária. O Acreano, já estava ha dias na estrada... André = Dé, Acreano, Indio, Poty, Tatuapu entre outros que ele não me autorizou a publicar . Voltamos a PF para que ele registrasse sua saída também. Éramos quatro, faltavam ainda duas pessoas, que iriam de avião direto para Santa Cruz. A alegria de estarmos juntos era enorme, parecíamos amigas de infância, tamanha era afinidade. Saímos para comer e dar mais uma volta pela Cidade. E claro, tirar a primeira foto oficial de quatro Retornamos para casa, pois dali há poucas começaria, pra valer nossa aventura....
  6. Roteiro da viagem: Planejamento Inicial: 27/12 - Cáceres/San Matias 28/12 - Santa Cruz de La Sierra 29/12 - Valle Grande 30 e 31/12 e 01/01 - Sucre 02,03 e 04/01 - Uyuni (Salar) 05 e 06/01 - San Pedro de Atacama 07/01 - Arica - Tacna/Arequipa 08 e 09/01 - Arequipa 10 e 11/01 - Ica (huachachina) 12, 13,14,15 e 16/01 - Cusco 17 e 18/01 - Copacabana 18, 19, 20,21,22 - La Paz 23/01 - Santa Cruz 24/01 - Cáceres (casa) Claro, que todo mochilão que se preze, tem PERRENGUES, e com a gente não foi diferente. O roteiro mudou um pouco e será detalhado no relato. Quem quiser meu contato, para tirar dúvidas ou pedir dicas, segue: 65 9671 6787 (whats) Email: [email protected] Face: Feer Magalhães Enfim, chegou o tão esperado dia....
  7. PREPARATIVOS!!! Decisão Tomada, vamos aos preparativos... Pelos relatos que li, vi que com uma base de 100 reais por dia, eu conseguiria sobreviver nesse mochilão. Planejei passar 25 dias mochilando, o que daria 2.500 reais. Portanto, conclui que 3 mil dilmas seriam o suficiente para a trip. Em março eu recebi meu 13º salário e ja separei para viagem (deixei guardado com minha vózinha para não cair em tentação). O dólar ainda não tinha aumentado tanto e consegui trocar um pouco da grana que tinha. Troquei 800 Obamas e fiquei com 1100 dilmas (bobeei em não ter trocado tudo ). O Câmbio na época estava R$: 2.33. Bom, o dinheiro para viagem estava garantido já em março, porém eu não tinha NADA, NADA, NADA, de roupa de frio, material Técnico (segunda pele, fleece, corta vento, bota impermeável, etc.). Tive que comprar durante o ano, um a coisa por mês, para não pesar no orçamento. SUPER RECOMENDO a DECATLHON. Abaixo listarei as coisas que comprei e os valores: Bota Forclaz 100m Quechua Novadry (impermeável) - 179.90 Mochila Arpenaz 18l - Quechua - 39.90 Blusa Fleece Mulher forclaz 20 Quechua - 14.90 Jaqueta Impermeável Raincut Quechua - 49.90 Conjunto 2 pares de meia arpenaz 100 crew quechua - 19.90 Blusa Térmica feminina simple warm wed'ze - 39.90 Camisa Ediken kalenji feminina - 19.90 Calça Térmica simple warm wed'ze - 39.90 Blusa Térmica feminina techwinter 100 quechua Mochila Forclaz 60L Quechua (Impermeável)- 279.90 Toalha Midcham 65x90cm - 14.90 Luvas Tácteis wed'ze - 14.90 Meia Arpenaz kit 4 pares - 19.90 Meias Cano Alto Forclaz 100 - Quechua - 2 pares - 19.90 No site do MERCADO LIVRE comprei os seguintes Itens: Bastão retrátil monopod 97 cm tripod cel - 34.98 Kit Máscara para olhos + almofada de pescoço - 12.50 Conjunto motoqueiro (impermeável) - 36.00 O Conjunto de Motoqueiro, eu comprei, mesmo já tendo comprado a Jaqueta (impermeável) anteriormente, pois saia BEM MAIS BARATO, comprar o conjunto pelo site do Mercado Livre, de que comprar apenas a Calça que estava me faltando Comprei também (aqui mesmo na minha cidade): Lanterna 600mAh 8080 127/220V 6 LED - 23.15 Cadeado Pado 20mm - 10.45 Doleira - 12.90 Capa de Chuva para Mochila Nautika 35/50L - 37.50 A Capa de chuva para mochila, acabei comprando mesmo tendo comprado mochila impermeável, pois na Bolívia tem MUITA poeira e SUJA MUITO, tanto a mochila, quanto o que vai dentro. Como meu RG tem mais de 10 anos de Expedição, ele não seria aceito, ao invés de tirar a 2ª via, optei por emitir PASSAPORTE: 160.00 Seguro Viagem 30 dias - Porto Seguro - 107.59 TOTAL de GASTOS: R$: 1.258.57 Mas engana se quem pensa que acabaram as despesas, mas quem está na empolgação , que nem eu estava, pagava sorrindo pois é um INVESTIMENTO para as próximas viagens que virão Montei ainda o kit saúde/higiene (que salvou muito a vida de todas). Própolis (para garganta); Band aid; Diamox (soroche); Anti alérgico; Paracetamol; Dorflex; Torsilax; Floratil; Plasil; Dramin; Bepantol; Escova de dente creme dental; Shampoo; Condicionador; Desodorante; Protetor Solar; Protetor labial; Repelente; Lecço umedecido; Hidratante; papel higiênico; absorvente; protetor intimo; pente; OBS: Comprei aquele potes TRAVEL SIZE e levei tudo em pequenas proporções, para não ocupar muito espaço. Gastos aproximados: R$: 250.00 A única coisa que compramos antecipadamente, foram as entradas para Machu Pichu, pois queríamos garantir a subida ate a Wayna Pichu. Compramos pela internet, pagamento super seguro, RECOMENDO!! Valor: $ 41.00 (doláres) - (ESTUDANTE CARTERINHA INTERNACIONAL) Agência: ENJOY PERU HOLIDAYS (tem site, facebook) eMAIL: [email protected] Responsável: Eric DICA: Super Importante: Emitir o Certificado Internacional de Vacinas, na ANVISA. Muitas pessoas levam e passam a viagem toda sem apresentá los em lugar algum. Porém, solicitaram 02 vezes para mim, nas fronteiras. Tudo certo. Ok. O QUE LEVEI NA MOCHILA: 01 Bota Impermeável (nos pés); 01 chinelo; 01 par de luvas; 02 cachecol; 02 calças jeans (sendo uma no corpo); 02 shorts jeans; 02 blusas térmicas; 01 blusa fleece; 01 moletom; Conjunto Capa de Chuva; 01 calça segunda pele; 01 Toalha (pequena); 06 Camisetas/blusas; 01 camisa manga comprida; (não usei); 01 Sobretudo (exagerada ne?) 04 Sutiã/Top 10 calcinhas Roteiro; Seguro Viagem (impresso) Guia do Mochileiro (impresso) Kit saúde necessaire ( com kit higiene) bandeira do Brasil; eletrônicos Dividi meu dinheiro da seguinte forma: Coloquei 200 doláres em cada Bota; (a noite colocava na doleira, pra dormir abraçadinhos comigo) a doleira tinha um "bolso falso" onde coloquei os outros 400 doláres. 900 reais foram na doleira, juntamente com o Passaporte e a carteirinha Internacional de vacinação. 200 reais em mãos (de fácil acesso), para as despesas do dia, ou caso acontecesse algum perrengue. Preparativos ok. Vamos ao que interessa, a realização do sonho da adolescência.... aos ENCONTROS!! e a tão SONHADA VIAGEM!!!!
  8. Bom, em primeiro lugar e que já se tornou meio clichê, quero agradecer a FUNDAMENTAL contribuição que o SITE me deu, na construção do meu roteiro. Clichê à parte, é fato a fundamental importância, que os relatos nos dão para iniciar uma trip. Sempre tive vontade, de conhecer Machu Pichu, a Cultura Inca, o famoso Deserto de Sal, o Atacama e também conhecer o local por onde passará o não menos famoso Ernesto Che Guevara. Foram anos e anos sonhando em conhecer toda essa maravilha. No inicio não podia ir, pois era adolescente, meus pais jamais permitiriam eu numa jornada dessas. Os anos foram passando e pensei: tenho que fazer essa viagem antes dos 30 (pensava que ia ser muito velha aos 30 anos). Em 2008, vim morar próximo a fronteira com a Bolívia, a Cidade de San Matias, fica a cerca de 80 km da Cidade que eu moro, Cáceres MT. E ao vir morar aqui pensei: Ah, agora tudo vai ficar mais fácil, ledo engano. Passei 6 anos ao lado da Bolívia e nunca pisei lá. A vida de trabalhadora, assalariada, chefe de família "não me deixava ir". Quando me encorajava ir, não achava companhia e acabava desistindo. Era Janeiro de 2014, estava próxima dos 30 e distante de realizar o sonho da adolescência. Ja tinha ouvido falr do site mochileiros.com, mas nunca tinha me cadastrado, lia coisas soltas. Quando estava eu, em pleno ócio produtivo e DECIDI: VOU ME CADASTRAR NO SITE E REALIZAR ESSA VIAGEM. Meus 30 anos chega em 2 meses e PRECISO REALIZAR MEU SONHO (vai que morro frustrada né?) Fiz o cadastro no site e publiquei os pontos principais que gostaria de conhecer: Salar, Atacama, Machu Pichu, Titicaca e por incrível que pareça. O roteiro é o trivial por aqui, o básico de quem inicia um roteiro pela América do Sul. Sabia que antes dos 30 não era mais possível, pois faltava pouco mais de 2 meses, mas a partir desse dia, tornei a viagem a meta da MINHA VIDA e seria o meu presente de 30 anos. (teria que ser antes dos 3.1). Fiz um post pedindo ajuda e procurando companhia, pois nessa altura do campeonato já estava decidida a ir (até mesmo com 'desconhecidos'). Publiquei procurando companhia e algumas pessoas me procuraram, o primeiro foi o André. Trocamos uns emails, e algumas outras pessoas me procuraram, sempre homens, fiquei com receio, pois eram desconhecidos, algumas meninas começaram a me procurar. Quando ja tinha conseguido número de umas 6 pessoas, montei um grupo no whats e começamos a nos conhecer. Foi entrando um, foi entrando outro e quando vimos, ja erámos 18. Algumas pessoas foram desistindo e outras pessoas foram entrando em nosso grupo. A interação foi mágica, parecia que nos conhecíamos há muito tempo. Eram pessoas de toda parte do Brasil, fizemos amigo secreto, para estreitar os laços e deu super certo, nos aproximamos ainda mais e mais. Por fim, num grupo de mais de 15 pessoas, acabamos nos dividindo em dois grupos, devido as datas não coincidirem. No meu grupo, fomos : Ana Cláudia - Cuiabá MT, André de Rio Branco AC, Fábio de Atibaia SP, Gabriel de Ponta Grossa PR e Maíra Osasco SP. Essa foi uma introdução da aventura que durou 25 dias e ficará pra sempre eternizado em minha mémoria.
  9. Vi que vc ta suavizando e muito esses perrengues hein. Ler teu relato me deu muita saudade dos nossos dias de aventura Ah, so quero fazer uma correcao, vc cria onça sim, come paca, tatu e cotia... e alem de usar lindas e sexys tangas com pele de cobra que da um certo charme e valoriza seu popô Saia da rede e prossiga teu relato que ta muito bom
  10. Ola Zé Carlos, Acabei de voltar do meu primeiro mochilao..... De fato a estrada entre Santa Cruz a Sucre é pessima. Se vc tem uma graninha sobrando vale o investimento. Se nao tem, procure a empresa "menos ruim" (a minha viagem nesse trecho foi terrivel). Quanto a ida pra Aguas Calientes... as agencias te deixam em Santa Teresa, na hidreletrica e vc segue a pe. (2h ou 3h, depende do seu ritmo). Mas lembre se que no outro dia ira subir Machu Pichu. Voce pode ir a pe ou de micro onibus no valor de 56 soles (ida e volta). Quanto a alimentacao, na maioria das cidades que passei sempre vi um menu vegetariano. Mas sobre isso nao sei te informar com precisao. Espero ter ajudado.
×
×
  • Criar Novo...