Ir para conteúdo

janes87

Colaboradores
  • Total de itens

    318
  • Registro em

  • Última visita

Reputação

26 Excelente

4 Seguidores

Sobre janes87

  • Data de Nascimento Março 24

Últimos Visitantes

O bloco dos últimos visitantes está desativado e não está sendo visualizado por outros usuários.

  1. Olá, mochileiros e mochileiras! Algum viajante solitário estará em Floripa no período de 01/02/2020 a 05/02/2020? Irei sozinha e me hospedarei no Sunhouse Hostel, na Lagoa da Conceição, com possibilidade de mudar, se for o caso. Procuro companhia!
  2. Obaaaaaaaaaaaaaaaaa!!! Quero muito ir... Pra mim o mais acessível é a Serra do Cipó... Acessível a partir do Aeroporto de Confins também... Chapada dos Veadeiros e Pirenópolis também são mais próximos do aeroporto... Estou entre esses três lugares. Os outros são afastados, alguns eu nunca ouvi falar 😂😂😂 tive que pesquisar no Google Maps.
  3. Já fui a diversos encontros de Mochileiros... Sempre em locais de fácil acesso a todos. A equipe que organiza os encontros procura conciliar os horários de voos e organiza um transfer ou carona a partir do aeroporto, que ajudam bastante. De 2015 a 2018, anualmente, houve encontro em MG (3 deles na Serra do Cipó)... Todo ano tem encontro no ES, e o desse ano será em setembro... Já houve encontro nacional em Guapimirim/RJ, perto do Rio, o que facilitou na questão da logística... Também já houve encontro nacional em Curitiba... O intuito sempre foi fazer amizades, festa temática, interagir com outros mochileiros. Sempre rola um passeio ou outro de leve, que ocupa meio dia.
  4. É isso que estou dizendo desde o início 😂😂😂
  5. Ubatuba não é um destino de fácil acesso. Se vc morar em SP ou RJ, beleza, pois existe ônibus direto. Mas a maioria da população brasileira não mora nessas cidades. Eu moro no interior de MG e peguei 5 conduções para chegar a Ubatuba no ano passado. Levei o dia todo para isso. Então sei que não é um destino acessível nem fisicamente nem em relação a preços, já que a logística não ajuda. Mas como a maioria mora no Rio ou em Sampa, já generaliza que é fácil chegar. Eu não sabia que o foco do encontro seria fazer trilhas... Pensei que seria a interação entre as pessoas, conhecer outros mochileiros, tomar uma cerveja e jogar conversa fora. Fazer amizades mesmo. Por isso questionei sobre o que fariam em Ubatuba no meio do ano. Bem, como não faço ideia do que farei ou onde estarei, ou se estarei viva daqui a um ano (creio que muitas pessoas também), fica difícil programar algo. Mais fácil programar já para 2019.
  6. Sim, são pontos bons a se considerar. Mas acho Ubatuba de difícil acesso... Quando fui tive que pegar 5 conduções e levei quase o dia todo (moro no interior de Minas). Não era alta temporada. Montanhas ali ficam em Cunha e Campos do Jordão (e lá, nessa época, é alta temporada)... Bem, vou acompanhar por aqui o desenrolar dos encontros, quero muito ir a algum. Abraços a todos!
  7. É baixa temporada porque faz frio e não dá pra curtir...
  8. Eu também adoraria nesse período. Quem sabe publicando no Facebook não encontramos mais pessoas para essa época?
  9. Boa sorte, pois estará frio lá... E Ubatuba sem praia, não consigo conceber essa ideia... hahaha
  10. Não é uma boa época para Ubatuba, tomara que mudem de ideia até lá...
  11. @Dan Wollker Minha nossa, Tá muito longe. Nem sei se estarei viva ou viajando até lá. Poderiam marcar algo para 2019 ainda... Mudaram totalmente o assunto do tópico... E esses meses não são bons para curtir Ubatuba...
  12. E aí, já decidiram algo sobre o encontro??? São muitas respostas ao tópico, não dá pra acompanhar todas...
  13. Finalmente criei ânimo para postar aqui o relato de minha viagem à Turquia e Grécia! A viagem aconteceu entre 05/08/2018 e 19/08/2018. O roteiro foi o seguinte: 05 a 08/08: Istambul 08 a 09/08: Pamukkale 09 a 10/08: Marmaris 10 a 13/08: Rhodes 13 a 16/08: Bodrum 16 a 18/08: Capadócia 18 a 19/08: Istambul Total aproximado de gastos: R$8500,00. Está incluído aí o que gastei de transporte até o aeroporto de Confins, pois moro em Itabira, no interior de Minas Gerais. Ou seja, se você residir em São Paulo ou nas proximidades, este gasto pode ser menor. Se não beber cerveja, gastará menos ainda. Os gastos foram os seguintes (em reais): Passagens aéreas (Brasil-Turquia)4509,74 (Passagem GRU-IST 4200,00, o restante é passagem de CNF para GRU e GRU-CNF) Voos internos na Turquia 383,49 Cash (dinheiro gasto fora do Brasil) 3125,00 Hospedagem paga antecipadamente 381,63 Passagens Saritur/Conexão Aeroporto 102,00 TOTAL: 8501,86 Todos os voos internos na Turquia incluíam bagagem despachada, embora eu não tenha despachado nada. A única hospedagem que paguei antecipadamente foi em Rhodes, pois o hostel que escolhi não permitia o pagamento no ato do check-in. Pois bem, vamos ao relato da viagem: _05/08: Chegada a Istambul Depois de um voo tranquilo pela Turkish Airlines, partindo de Guarulhos, chego a Istambul por volta das 22h. Eu já tinha tudo na mente para adquirir o cartão de transporte Istanbulkaart nas máquinas da estação. Porém, eu não estava conseguindo. Vendo a minha dificuldade, um homem (que não falava inglês) se ofereceu para pagar a minha passagem de metrô e perguntou aonde eu iria. Eu só respondi "Taksim" (que é a melhor localização de Istambul, perto das baladas). Lá fui com o homem... Chegando à estação da Praça Taksim, mostrei o endereço do hostel ao homem, que foi perguntando às pessoas. Depois de muitas voltas e escadarias, chegamos ao hostel. Pedi ao recepcionista que dissesse "thank you" em turco para o homem, então ele deu um sorriso e foi embora... Achei tão bonito esse ato de gratidão... É raro, mas ainda existem boas pessoas no mundo! Fiz o check-in no Levanten Hostel, que custou 24 euros por 3 diárias. Não gostei muito do lugar, pois as instalações estão caindo aos pedaços e não tem cozinha. Reclamaram também de eu chegar tarde da noite e incomodar os outros hóspedes (sendo que o hostel se localiza na zona de baladas de Istambul). Vai entender... Assim que cheguei, tomei um banho e fui para a rua procurar algo para comer próximo à Taksim. Então um carinha que trabalha em uma balada me convidou para entrar e pegar uma mesa VIP, com drinks e snacks DE GRAÇA. Eu caí pra dentro da balada! Foi tudo de graça mesmo! Foi uma ótima noite! E uma loucura ir direto para a night após horas de viagem do Brasil... Cheguei umas 6h da manhã ao hostel. _06/08: Istambul Devido ao agito da noite anterior fiquei o dia todo dormindo. praticamente. Fui caçar passear no centro histórico às 16h, mas estava quase tudo fechando. Fui apenas a um mercado de especiarias próximo à Mesquita Azul. De noite, mais balada!!! Eu não esperava nada da night de Istambul, mas as baladas acontecem de segunda a segunda, e não se paga para entrar! _07/08: Istambul Nesse dia consegui conhecer a cidade. Visitei a Mesquita Azul e não achei graça. Visitei a parte histórica toda, a ponte sobre o Bósforo e a Torre de Gálata. Mais uma vez, fui para a night. Torre de Gálata ao fundo. Vestimenta para adentrar à Mesquita Azul. _08/08: Istambul-Pamukkale Nesse dia tive um voo para Denizli, para chegar a Pamukkale. Meu voo partiu do aeroporto de Sabiha, então tive que ir às proximidades da Praça Taksim, para pegar o Havabus, que é a forma mais simples e barata de chegar ao Sabiha. O voo foi rápido e tranquilo. Chegando a Denizli há vans que levam ao centrinho de Pamukkale (que é um ovo, não há como se perder). De lá fui a pé até o Anatólia Hotel, que custou 16,20 euros por duas diárias. O hotel é ótimo, tem piscina e um café da manhã satisfatório. Fiquei num quarto compartilhado muito bom, porém, não tinha lockers e tomadas perto da cama. Ainda bem que levei minha extensão para tomada. Na mesma tarde que cheguei já fui conhecer os travertinos de Pamukkale. É uma coisa linda, babei mesmo! A água é quentinha. Estava lotado! Fiquei lá até o pôr-do-sol. Fui até o hotel para tomar banho e voltei ao centrinho para comer algo e tomar umas cervejas. O centro estava vazio! E tudo estava fechado, exceto um mercado que é 24h. Comprei uns snacks e umas cervejas e bebi ali mesmo. Diante da noite entediante de Pamukkale, decidi ir embora no dia dia seguinte. 09/08: Pamukkale-Marmaris De manhã comprei uma passagem de ônibus para Marmaris e fui embora de Pamukkale. A agência de viagens providenciou transporte até a rodoviária de Denizli e lá peguei o ônibus para Marmaris. O ônibus tem serviço de bordo, lanche, e a viagem foi ótima. Só não tinha banheiro. Então não beba muita água antes de viajar, senão passará aperto. Chegando a Marmaris lanchei num local na parada de ônibus da cidade e fui escolher um lugar para me hospedar. Lá não tem hostel. Escolhi um local para pernoitar próximo ao centro comercial. Um local bonitinho e animado à noite, com muitos barzinhos. Adorei! Centrinho de Marmaris. 10/08: Marmaris-Rhodes O meu ferry para Rhodes seria no fim da tarde, portanto, pude curtir uma praia em Marmaris. A praia central não é bonita, mas estava lotada. Peguei um táxi até o porto, pois estava com preguiça de procurar linhas de ônibus até lá (em Marmaris existem microônibus, que só andam lotados). O táxi custou 25 liras. A viagem até Rhodes foi tranquila. O ferry é bem legal. E enorme! Cheguei a Rhodes no pôr do sol. Em Rhodes reservei o Stay Hostel, que custou R$381,63 por 3 diárias. O hostel foi caro, mas foi o melhor! Meu quarto tinha 3 camas (não eram beliches), locker grande e uma pequena cozinha! Tinha frigobar, pia e chaleira elétrica. O hostel tem uma cozinha grande que fica no subsolo e área de convivência. O bar é bacana! Diariamente eles deixam um voucher para um café ou snack. Achei legal! 11/08: Rhodes Fui até a estação central de ônibus e comprei uma passagem para a praia de Lindos. É bem longe... 1h de percurso... a praia é bonita, mas não linda. Tem que descer literalmente uma montanha até chegar lá, pois o ônibus nos deixa na rodovia, no alto da montanha. É possível ter a clássica visão das casinhas brancas da Grécia. No fim do dia vim embora, deu para pegar um bom sol. à noite fui procurar uma night e fiquei quase o tempo todo na boate Colorado, cuja entrada é gratuita e tem uma ótima estrutura. 12/08: Rhodes Comprei uma passagem para a praia de Faliraki, bem mais próxima do que Lindos. É bem bonita! E o sol é forte, quase não tem sombra. Mas existem uns barzinhos à beira-mar. Tinha muita gente lá! Não procurei uma night intensa, pois eu ia embora no dia seguinte e queria aproveitar bem o dia de emu check-out. 13/08: Rhodes-Bodrum Eu já havia comprado online o ticket de ferry para Bodrum, que seria no fim da tarde. Então fiz check-out no hostel, guardei lá a minha mochila e fui para a praia central de Rhodes, a Elli Beach. Minha nossa! Que praia linda! Tem um mar azul de encher os olhos! Essa praia realmente me surpreendeu, pois ninguém imagina que uma praia próxima ao centro urbano seja tão linda. O ruim é que a parte de "areia" tem muitas pedras, e não tem barzinhos perto do mar. Mas isso não foi um problema. Fiquei um tempo nessa praia e voltei ao hostel, para tomar banho e pegar minhas coisas (o hostel deixa tomar banho após o check-out em um banheiro específico para quem fez check-out). Fui ao porto, fiz os procedimentos de emigração e peguei o ferry para Bodrum às 17h. Estava bem vazio. Fui orientada a sentar mais atrás porque o mar estava bem agitado e lá balança menos. Cheguei a Bodrum no pôr-do-sol, fiz o check-in no Eskici Hostel e logo fui para a rua explorar a cidade. O hostel custou 39 euros por 3 diárias e há um acréscimo caso pague no cartão. Bodrum tem um centrinho lotado, com alguns becos e bares que tocam rock. E o agito fica até tarde. Como eu estava cansada, não demorei muito e fui dormir. Rhodes Island 14/08: Bodrum Dormi até tarde, fui à praia próxima ao hostel em torno das 14h. Não fiz muitas atividades neste dia. À noite fui novamente ao centrinho e bebi umas cervejas. Fui ao Carrefour para comprar umas cervejas e descobri que os supermercados da Turquia não podem vender cerveja após às 22h. Mas os bares podem. Parece ser uma máfia para beneficiar os donos de bares! No bar, a cerveja de 500mL custava entre 15 e 18 liras. Muito cara! 15/08: Bodrum Resolvi andar mais longe e demorou 40min pra chegar a outra praia. Super normal, sem faixa larga de areia, com um hotel tomando conta de tudo. Voltei a pé também, à noite tomei umas cervejas na rua e no hostel e fui dormir. Praia em Bodrum 16/08: Bodrum-Capadócia Fui à rodoviária, após o almoço, pra pegar o ônibus para o aeroporto de Bodrum. Super prático e sempre tem ônibus para lá. Meu voo era para Nevsehir com conexão em Istambul (aeroporto de Sabiha). Voos tranquilos, conexão tranquila, cheguei a Nevsehir. Lá tem vans para Goreme ao custo de 30 liras. Existem poucos voos para Goreme, sempre partindo de Istambul e o aeroporto é pequeno. Cheguei a Goreme, fiz check-in no Cappadocia Panda Hostel (super barato, 9 euros por duas diárias) e fui tomar banho. O hostel é ótimo, tem uma ampla cozinha e bons banheiros, além da localização ser ótima. Só não tem lockers e outros móveis no quarto além das camas, mas consegui viver sem isso durante minha estadia. Depois saí para subir as montanhas e ter as primeiras visões da Capadócia. É espetacular, o lugar é lindo! Depois que anoiteceu fui a algumas agências saber sobre o passeio de balão e agendar para o dia seguinte. Gente, sempre pesquisem! Tentem agendar já para a manhã seguinte à sua chegada. Porque se o tempo não favorecer, não há passeio! Conversei com uma brasileira que mexe com passeios e ela cobrava 120 euros. Disse que não havia mais passeios para o dia seguinte. Fui pesquisar e na primeira agência já me disseram que havia, sim, vaga para o dia seguinte! Já pensaram se eu deixasse a oportunidade passar? Também fechei o Green Tour na mesma agência. 17/08: Capadócia Às 4h10 da manhã uma van foi me buscar para o passeio de balão. Nessa noite não dormi direito, acho que eu estava ansiosa! A van buscou outras pessoas e nos levou para um local onde houve um farto café da manhã. Após meia hora, fomos ao local de onde saía os balões. Ainda estava escuro. Vimos todo o procedimento de encher os balões e ver o sol nascendo com os balões no céu. É magnífico! O passeio dura de 50min a 1h e após isso nos dão um certificado e um brinde de um fake champanhe, sem álcool. Vale muito a pena! Às 10h fui para o Green Tour, um passeio pelos monumentos da região. Eu não curti muito. Achei sem graça e eu estava cansada. Voltei desse tour logo após às 18h. À noite tomei umas cervejas e fui dormir. Passeio de balão na Capadócia 18/08: Capadócia-Istambul Arrumei minhas coisas e deixei minha mochila na cozinha-hall do hostel. Fiquei lá, fiz meu café e meu almoço. Deixaram que eu ficasse lá até o horário da van me buscar para levar ao aeroporto, o que seria umas 15h30. Até pude me deitar de novo. Amei o hostel! No aeroporto de Istambul eu fui ao guichê da Turkish a fim de tentar uma pernoite bancada pela empresa. Consegui! A Turkish me levou para o super sofisticado hotel Park Inn By Radisson Istanbul Ataturk Airport. Quarto com banheira. Super café da manhã incluído... O único ponto ruim é que não há nada na região. Procurei um lugar que vendesse cervejas e não tinha. O único restaurante que encontrei não vendia bebida alcoólica. Tive que jantar tomando um refrigerante. Mas valeu demais a pernoite 0800! 19/08: Istambul-Brasil Bem cedo acordei para tomar café, suuuuuper farto, e a van da Turkish me buscou no hotel. Era o fim de minha maravilhosa viagem à Turquia! Espero ter contribuído para o mundo dos Mochileiros. Grande abraço a todos!
  14. Erikinha, o visto de turismo vale por 1 ano a partir da data em que foi emitido. O meu visto foi emitido em 13/09/2018 e vale até 13/09/2019. A data em que vc entrar no país não influencia na validade do visto. Se não me engano vc tem um tempo para permanecer lá a partir da data de sua entrada, tipo 3 meses.
  15. Relato bombante, parabéns, Zervelis! Vou fazer um roteiro parecido em novembro-dezembro/2018, só que invertido: Auckland, Rotorua, Sydney, Gold Coast e Melbourne. Ainda terei alguns dias de sobra. Talvez eu coloque Perth no roteiro. Dúvidas: _Quantos dias ficar em Rotorua? _3 dias inteiros em Sydney são suficientes? _Gostou de Auckland? Um dia inteiro é suficiente? Obrigada!
×
×
  • Criar Novo...