Ir para conteúdo

fiasqui

Membros
  • Total de itens

    10
  • Registro em

  • Última visita

Reputação

0 Neutra

Últimos Visitantes

O bloco dos últimos visitantes está desativado e não está sendo visualizado por outros usuários.

  1. cara....to contando os dias para minha viagem para la..... a minha será nessa mesma pegada.... uns 60 a 90 dias por todo o sudeste asiatico... estou pretendendo passar por tuuuuudo.... Malasia, Indonesia, Laos, Camboja, Vietnam etc...etc...etc...etc.... Voce pode postar um guia dia a dia da viagem e o local q vc estava? só para ter uma ideia de tempo msmo... e dos locais que voce passou?
  2. cara... gostei do roteiro... bem parecido do que estou planejando para fazer... agora me interessei por esse negocio da bazooca ai.... kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk... só os piromaniaco.... pode me dar mais detalhes por favor??? preços...local... algum site para me informar melhor....
  3. meeeeeu toooop demais as fotos.... ficaram shooow!! curti mto! estou planejando para meus proximos 20 dias de ferias.... ano que vem... com certeza vou utilizar seu relato pra montar minha viagem! Shoooooooooow
  4. Heeey!! Agora reli com calma o relato da nossa viagem inteiro!! Ficou mto booom! Parabens... Acho legal ter esses relatos mais "desconhecidos" aqui no forum... Muita gente acaba nao indo por falta de informação. Shoow!! Valeeu pela viagem Keka!
  5. Ola amigo! Parabens pelo relato e as fotos ficaram otimas! Parabens! me tira uma dúvida, quanto tempo de trilha até o topo? e distancia? quais equips vc usou? barraca e o saco de dormir.... abrs
  6. Ola Marcio!! Desculpe a demora... Não tenho detalhes sobre essa viagem, pois fiz esse trecho de avião... mas na rodoviaria de el calafate voce consegue mais informações sobre as passagens e horarios.... sei que tem uns onibus que saem 3hrs da manha....2 hrs...
  7. aproveitando o assunto de torres del paine....rsrs... vc vai levar barraca ou vai ficar em abrigos? se for barraca, vai levar qual?
  8. Ola Amigo!! Acabei de voltar da Patagonia Argentina, e ja estou planejando a minha volta... porem quero fazer TDP, que nao tive tempo habil para fazer dessa vez, e voltar para El Chalten. Voce já bateu o martelo quanto a essas datas? pois estou planejando para dezembro... se tiver interesse! tbm estou procurando companhia...=] ultimo ano de faculdade... meu tcc ta comendo solto...e outubro nao é uma data muito boa...=/
  9. Respondendo essa pergunta e ja a pergunta do Jpcamolez levei duas mochilas, uma de 60litros e uma pequena de 25 litros para carregar comida, agua, blusa etc... Levei o seguinte 1 calça segunda pele - Quechua 1 camisa segunda pele - Quechua 2 Calças resistentes a agua (uma da quechua e a outra comprei la) 2 Fleece da Quechua 1 Jaqueta corta vento e impermeavel da Quechua 5 pares de meia (2 de lã, 1 normal de uso nosso, e 2 especial para retirar a umidade do pé) 5 cuecas 5 camisetas 1 bota impermeavel marca vento (comprado na arco e flecha obs.: super confortavel e nao tive problemas com agua) 1 chinelo havainas 1 luva 1 gorro se nao esqueci nada...ta tudo ai! e a Decathlon foi a principal aliada... tirando uma calça e as meias que ja tinha, gastei aproximadamente uns 700 reais la! Tive problemas com frio somente quando fiz a navegação do canal Beagle, pegamos muuito vento, e ali o vento vem da antartida, ai passei uns 20 minutos de frio... mas nada que vai te matar....rsrsr O pessoal da canalfun oferece dois pacote, um de catamarã por 400 pesos(100 pessoas pra mais no barco) e um outro em um barco menor, capacidade para umas 30 pessoas no maximo por 450 pesos(muuuito melhor) Caso tenham mais alguma duvida, estou a disposição!
  10. Ola pessoal! Como utilizei muitas informações aqui do fórum, me senti na obrigação de escrever um relato da minha viagem, e quem sabe ajudar a quem está indo para esses cantos. Acho que cometi somente dois erro na viagem, onde acabei meio que “perdendo” dois dias, que utilizei para sair de El Chalten e ir para El Calafate dormir um dia e no outro dia ir para Ushuaia, acabei ficando meio que dois dias sem muita coisa para fazer O outro foi que acabei levando muito peso argentino e levei 300 dolares comigo... devia ter levado somente uns 1000 pesos e o restante em dólar, a situação na argentina não está muito boa, então eles valorizam e muito o dólar principalmente na região patagônica. Pra vocês terem uma noção o cambio estava em 7.6 quando estava la, e algumas lojas faziam o cambio utilizando 10 ou 11 pesos para 1 dolar, sem contar nos descontos para pagamentos em dinheiro. Outra coisa que percebi la é que devido a inflação, eles perderam a noção de alguns preços, então tomem cuidado na hora de comprar, meu primo comprou uma blusa e depois de uma meia hora andando, achamos uma blusa igual, por uns 150 pesos a menos... então antes de comprar pesquisem a diferença chegar a ser brutal. Bom... Acontece nas melhores famílias! Abaixo segue meu Roteiro 08/02 – São Paulo – Buenos Aires – El Calafate 09/02 – El Calafate 10/02 – El Calafate 11/02 – El Calafate 12/02 – El Calafate – El Chalten 13/02 – El Chalten 14/02 – El Chalten – El Calafate 15/02 – El Calafate – Ushuia 16/02 – Ushuaia 17/02 – Ushuaia 18/02 – Ushuaia 19/02 – Ushuaia 20/02 – Ushuaia – Buenos Aires 21/02 – Buenos Aires – São Paulo Vamos la!! Data: 08/02 – Sabado O que fiz: Viagem – São Paulo - Buenos Aires – El Calafate Descrição: O voo de são Paulo para Buenos aires foi feito pela gol, peguei uma promoção e paguei por volta de 650 reais com taxas e tudo saindo em 08/02 e voltando no dia 21/02. Pegamos o voo logo cedo em são Paulo e por volta das 11 horas já estávamos em Buenos Aires. Como nosso voo para El Calafate saia somente às 16h30 tinhamos um tempo para dar uma volta por Buenos Aires, então fizemos check-in e deixamos nossas malas, e rumamos para a cidade. Passamos pela rua florida, na galeria pacifico e pelo obelisco. O tempo la estava ótimo, temperatura estava por volta de 27 graus. Chegando próximo ao horário do voo, voltamos para o aeroparque e embarcamos para El Calafate com a Aerolineas Argentinas. Fiz um pacotão no site, e comprei as 3 passagens juntas Buenos Aires – El Calafate, El Calafate – Ushuaia e Ushuaia – Buenos Aires, gastando 1350 com taxas e tudo. Tivemos um atraso de uns 40 minutos no voo devido a um atraso na tripulação.... Bom... chegamos tarde e El Calafate, pagamos o Transfer do aeroporto, que nos deixou na porta do nosso hostel. Fiquei hospedado no Hostel Del Glaciar Pioneiros, que é muito bom, com WI-FI, cozinha, lavanderia e tudo... Fiquei em um quarto com banheiro privativo eu e meu primo, os dois pagamos 1400 pesos por 4 noites, 700 pesos por pessoa(so aceitam dinheiro). O pessoal foi super gente fina e nos deu algumas dicas e nos ajudou sempre que precisamos. Hostel super recomendado, é meio afastado do centro... tipo 10 minutinhos andando, nada que ira matar alguém...rsrs, outro ponto forte do Hostel é o café da manha, com duas frutas, dois tipos de bolo, geleias, doce de leite, suco, leite café, pão de forma...muuuito gostoso. A temperatura estava por volta de 10ºC e saímos agasalhados para jantar, comemos algumas empanadas por 8 pesos cada...=] e voltamos para capotar. Data: 09/10 – Domingo O que fiz: Navegação por todos os Glaciares Descrição: Quando fiz a reserva com o Hostel, eles me enviaram um e-mail oferecendo o tour por todos os glaciares, fechei na hora, e ainda peguei uma promoção, saiu 770 pesos por pessoa. Informaram que 07h15 estariam passando no hostel para nos pegar, e pontualmente estavam la, passamos em outros hostels para pegar mais um pessoal e rumamos para o Parque Nacional de Los Glaciares, ao chegar temos que pagar 90 pesos para a entrada no parque(preço para o mercosul, mediante a apresentação do passaporte ou doc) e entramos no barco, que é muito bem estruturado. Importante citar que como o passeio dura o dia inteiro, temos que levar um almoço, no dia anterior passamos em um mercadinho perto e compramos um pao de forma e queijo para fazer nosso almoço. O passeio em si é bem pra turistão convencional, mas acho que é indispensável na viagem, pois vemos todos os glaciares e temos a oportunidade de ver alguns icebergs gigantes boiando la... calminho... so esperando para afundar algum barco...rsrsrs. Primeiramente rumamos para o Glaciar Upsala, este em si não chegamos muito perto, pois conforme explicado pelo guia do barco, a região possui muitos icebergs boiando e por conta disso, o risco de se aproximar muito dele é grande, após ver vários icebergs, rumamos para o glaciar Spegazzini, que apesar de não ser tão extenso é o mais alto Glaciar (mais alto que o Perito Moreno, mas menos extenso) Nessa região o vento é muuuuito forte e gelado, pois pega um corredorzão entre duas montanhas. Após ver um pouco do spegazzini, rumamos para o tão esperado Perito Moreno, que leva uns 40 minutos para chegar, ao chegar la, vemos o quanto aquilo ali é gigante... não da pra ter noção vendo as fotos.... é realmente incrível... são 50 metros de altura, e mais 150 metros de profundidade.... de purooo gelo... hahahahaha.... o barco fica la....de uma lado para o outro para que todos tenham a oportunidade de ver o glaciar. Após isso voltamos porto pegamos a van de volta para o Hostel, chegamos por volta de 17h00 e fomos para o centro da cidade tentar fechar o famoso Big Ice. Queria fazer o big ice na segunda feira, porem acho que eles não fazem o tour de segunda, então fechamos para a terça. Demos mais uma passeada na cidade, comprei uns presentes para a família, jantamos e rumamos de volta para o hostel. Iceberg - Upsala por mfiasqui, no Flickr Spegazini por mfiasqui, no Flickr Data: 10/02 – Segunda O que fiz: Laguna Nimez Descrição: Este foi um dia tranquilo, acordamos por volta das 10h00, e como não tinha planejado nada para este dia(inicialmente era para fazermos o Big Ice), decidimos ir para a laguna Nimez, uma região de dois lagos que serve de lugar para que os pássaros se abriguem e reproduzam. O local é muuuuito bonito, um prato cheio para que gosta de bater fotos de pássaros, a trilha é bem demarcada e a volta inteira no lago é de 3km. O local é fechado, então precisamos pagar 40 pesos para entrar. Não é um passeio obrigatório de se fazer, se tiver um tempo livre na cidade va para lá, ainda tem a chance de ver os flamingo na lagoa... Não fizemos mais muitas coisas na cidade então almoçamos e ficamos olhando as lojinhas em busca de algumas lembranças e outras coisas.... aproveitamos para comprar as passagens para El Chalten, que saiu 320 pesos por pessoa, ida e volta. Acho legal avisar que nesta região as lojas tem um horário diferente de funcionamento, elas geralmente abrem as 09h00 e funcionam até às 13h00, depois só reabrem às 16h00 ou 17h00, e funcionam até às 21h00, o centro da cidade fica até meio vazio nesse meio tempo...rsrs Laguna Nimez por mfiasqui, no Flickr Data: 11/02 – Terça O que fiz: Big Ice Descrição: Este dia era o tão esperado Big Ice, dormimos cedo no dia anterior, pois esse seria mais puxado.... o Big Ice custou 1200 pesos, pagos através de cartão de crédito. 07h00 em ponto a van passou. Após pegar algumas pessoas, fizemos uma troca para um ônibus e rumamos para o parque, paramos na entrada do parque para fazermos novamente o pagamento da taxa de 90 pesos e nos entregaram um saquinho de lixo para levarmos de volta para a cidade. Primeiramente o ônibus para nas passarelas, onde podemos apreciar as duas faces do perito moreno, e a frente dele, que é a área de desprendimento, que fica beeem pertinho de nós.... se ficarmos em silencio nessas passarelas, podemos ouvir uns estrondos vindo do glaciar, que é o gelo se desprendendo aos poucos de outras placas. Após uma meia hora la, voltamos para perto do ônibus, utilizamos os banheiros e aguardamos os guias chamar. (DICA: tem tipo de um restaurante nesse local, não deixe de comprar um alfajor la, pois ele é caseiro, e um dos melhores que já comi) Após isso, rumamos para um pequeno porto ali perto, onde pegamos uma embarcação e atravessamos o canal na frente do perito moreno. Na outra margem, passamos por uma cabana onde podemos deixar algumas coisas desnecessárias e pegamos uma trilha de mais ou menos 40 minutos por um bosque e depois por uma encosta até chegarmos próximo do local de entrada no Glaciar. Os guias colocam alguns equipamentos em você, e medem o pé, para os crampones(acho que é assim que se escreve) e depois vamos a borda do glaciar. Na borda do Glaciar, eles colocam os campones nas botas e somos divididos e grupos de 10 pessoas, acompanhadas por 2 guias cada grupo. A caminhada realmente é incrível, no começo vemos uma “sujeira” no gelo, que são detritos da montanha la atrás, que são trazidas junto com o gelo, mas logo eles dão uma sumida, e começamos a ver o gelo limpinho e branquinho! No dia, o tempo estava meio fechado, e estava batendo um vento forte o que dava mais sensação de frio ainda... então fica o aviso, é bom se agasalharem e colocarem roupas impermeáveis e blusas corta-vento... pois aqui realmente é necessário. Andando pelo gelo, temos a oportunidade de ver diversas coisas novas, como rios correndo pelo gelo, lagos incrivelmente transparente e de um azul que eu nunca havia visto na vida, buracos extremamente profundos, e grandes rios, que parecem um oásis dentro do glaciar. Andamos por um tempo, almoçamos la no gelo(temos que levar nosso lanche também),e caminhamos por mais uma hora mais ou menos, e voltamos para o ponto que aviamos entrado no gelo, devolvemos o crampones e fizemos a mesma trilha de volta para as cabanas. Nesse dia, andamos por volta de 05h00, sendo que 3 horas dentro do gelo. (Outra dica aqui, é de pegar uma garrafa de agua de degelo dentro da geleira... eh uma agua extremamente limpa e muuuuito leve e gostosa, uma das melhores que já bebi) Depois pegamos a embarcação novamente e tomamos o famoso Whisky com gelo da geleira e um alfajor (pode repetir o whisky!!! Rsrsrsrs) Pegamos o ônibus e voltamos para a cidade. Demos uma volta para a cidade jantamos e ficamos no hostel, conversando com um pessoal la. Big Ice por mfiasqui, no Flickr Big Ice por mfiasqui, no Flickr Data: 12/02 – Quarta O que fiz: El Calafate – El Chaltem – Trilha Laguna Torre Descrição: Este dia fizemos a viagem de El Calafate para El Chalten, compramos as passagens no domingo por 320 pesos ida e volta. Na rodoviária tem varias empresas que fazem este trecho, de uma pesquisada na mais barata! Saimos de El Calafate por volta de 07h15 da manha, e chegamos por volta das 10h00 da manha. O legal dessa viagem, é ir olhando o Fitz Roy, que começamos a ver um pouco depois que passamos pelo aeroporto, e em todo o caminho, vemos ele crescendo e crescendo cada vez mais. Ao chegar na cidade, fomos direto para o Hostel Rancho Grande, que fica na Av. San Martin. Recomendo demais este Hostel, pagamos 116 dolares por 2 noites, 58 dolares por pessoa, não achei caro. O Hostel possuía wi-fi, porem ele só funcionou uma única vez durante os 3 dias que passamos lá... Acho que a grande vantagem desse hostel, é que ele tem um restaurante que funciona la dentro... servindo comida ou lanches. A comida é muito bem servida, chegamos a dividir um prato entre eu e meu primo, com mais duas guarnições. Fizemos o checkin, largamos nossas coisas no quarto, almoçamos e rapidamente nos preparamos para ir para a trilha Laguna Torre, que vai até próximo ao Cerro Torre. A trilha não é de 22km, ida e volta, e não exige muito de você, somente com algumas subidas, não muito fortes. Pegamos um ótimo dia ensolarado, como estava ventando, saímos com nossas blusas, porem 20 minutos depois ela já estava guardada na mochila, devido ao calor. Fizemos muito bem a ida, em aproximadamente 02h40, a laguna é muito linda, e conseguimos ver o cerro torre sem nenhuma nuvem por perto, ficamos uns 40 minutos la, comemos nosso lanche e voltamos para a cidade, a volta fizemos em um ritmo mais leve, e levamos cerca de 3h20, fomos para o hostel jantamos e fomos dormir, pois no outro dia, iriamos fazer a Laguna de Los Tres, que segue até a base do Fitz Roy. No fim da trilha dei uma vacilada e torci o meu pé Direito bem forte, doeu um pouco, mas estava conseguindo andar normalmente, so fiquei meio preocupado com ele. Senda Laguna Torre por mfiasqui, no Flickr Data: 13/02 – Quinta O que fiz: Laguna de Los Tres Descrição: Acordamos por volta das 08h00, tomamos nosso café da manha, e fomos para o mercado comprar nosso almoço. Comprei um lanche pronto de presunto e queijo que achei la, e mais uns 3 pêssegos (gigantes e muito saborosos por sinal, nunca tinha comido um desse no brasil). Após isso Seguimos para a trilha, q inicia no final de avenida do nosso Hostel. Essa trilha é mais pesada que a Laguna Torre, nos 3.5km iniciais enfrentamos uma longa subida, não muito pesada, mas cansa um pouco...após isso a trilha segue meio que sem muitas subidas e descidas, até o acampamento Poincenot, que fica bem próximo da apelidada por mim de “subida via sacra final de chalten” ou se preferirem, “subida da lagartixa” como foi apelidada pelo meu primo. O que percebi, muitas pessoas vão para o Poincenot no final do dia, acampam por la, e no outro dia logo cedo, sobem para a laguna de los três. Os últimos 2.5 km, são se uma subida beeem pesada, passei uns perrengues nesse trecho, pois temos muuuitas pedras soltas, e alguns degraus mais altos, exigindo muita atenção. Quando você pensa que está quase chegando la em cima.... tem mais uma subidinha até chega na laguna de los três, que é sensacional. Nesta trilha, levamos 03h20 para chegar ao poincenot, e depois mais 01h40 para chegar a laguna (somente a subida) totalizando 05h00 para ir. A Laguna é muito linda, e novamente o tempo nos ajudou e tivemos uma sensacional visão do Fitz Roy, do lado direito, temos a possibilidade de ver a laguna Sucia la de cima, que possui uma cor maravilhosa. Ficamos aproximadamente 01h00 la em cima, se recuperando e admirando toda a beleza do local e decidimos voltar, saímos de la aproximadamente 16h30. Durante a decida, meu pé direito começou a doer por conta da torção do dia anterior e fiquei meio preocupado, na tentativa de dar uma aliviada nele, parei de forçar muito ele, e comecei a jogar um pouco mais de força no esquerdo... pra que né... destruí meu joelho esquerdo, que doeu o resto da viagem... Fizemos rapidamente a descida e voltamos para a cidade. A trilha estava bem mais vazia do que pela manha. Quando chegamos próximo ao Mirador de Las Torres, entramos nele para tomar um ar e uma agua, e para nossa surpresa, avistamos uma rapoza, ou zorro, como eles chamam ela na região, ficamos quieto e ela rapidamente se acomodou e ficou la de longe, vigiando agente. Fizemos alguns movimentos e ela saiu para o meio do mato... muuuito linda! Depois disso, voltamos para a cidade, e esse ultimo trecho foi o pior da viagem, pois estava com o pé direito doendo, e o joelho esquerdo também, fizemos varias paradas para dar uma aliviada na dor. Chegamos na cidade por volta de 20h20. Jantamos e fui direto para o banho e para a cama, sem antes de passar uma pomada e tomar um dorflex para domir. Laguna de los Tres por mfiasqui, no Flickr Zorro por mfiasqui, no Flickr Data: 14/02 – Sexta O que fiz: El Chalten – El Calafate Descrição: Para este dia, havia decido fazer a trilha Loma del Pliegue Tumbado, porem meu primo e eu decidimos que iriamos tirar o nosso dia para descanso, pois os dois não tinham condição nenhuma de fazer uma trilha no dia.... ambos estavam detonados. Então rodamos um pouco a cidade, fomos para o hostel, almoçamos e ficamos la descansando até às 19h00, que era o horário do nosso ônibus para El Calafate. O ônibus saiu no horário estipulado, e chegamos em El Calafate por volta das 22h00, ficamos no mesmo hostel, e fizemos o pedido com eles para um transfer para o aeroporto no dia seguinte. Saiu 140 pesos que podem ser divido em até 4 pessoas. Após isso, fiquei na internet até mais tarde e tomando uma quilmes para dar uma relaxada...rrsrsrs...cama! Data: 15/02 – Sabado O que fiz: El Calafate - Ushuaia Descrição: O transfer chegou no horário previsto, e fomos para o aeroporto, dessa vez sem atrasos o voo saiu por volta do meio e meio, chegando em ushuaia por volta das 15h00. Pegamos um taxi no aeroporto, que nos deixou na porta do Hotel. Dei uma vacilada aqui, e demorei para fazer a reserva no hostel, conclusão.... não havia mais vagas, tivemos que reservar um hotel... Ficamos no Hotel Antartida, que fica em uma travessa no final da Av. San Martin(principal). O hotel ficou por 350 dolares para 5 noites, mas como falei que ia pagar em dólar, o cara ficou tão feliz, que deu 20% de desconto que acabou saindo por 270 dolares, cerca de 135 dolares por pessoa. Deixamos nossas coisas e fomos andar um pouco na cidade e ver o que poderíamos torrar nosso dinheiro...rsrsrs... a Av. san Martin concetra tudo na cidade, lojas de roupa, agencias de passeios, restaurantes, lojas de souvenirs, etc..etc... neste dia não fizemos mais nada, apenas ficamos por la e fechamos o passeio da pinguineira, para ser feito na segunda-feira. Só tem uma única empresa que faz esse passeio na pinguineira, que podemos passear pela ilha e andar ao lado dos pinguins. Ushuaia por mfiasqui, no Flickr Data: 16/02 – Domingo O que fiz: Parque nacional Terra do Fogo Descrição: No domingo resolvemos que iriamos ao parque nacional, que fica a 12km da cidade. Na frente do porto existem umas vans, que saem pela manha e nos levam ao parque e nos deixam na entrada. O custo da van fica por volta de 100 pesos por pessoa e ela te traz de volta em três horário...15h, 17h e 19h de vários lugares do parque. Fomos para o parque e a van nos deixa próximo ao Correio do Fim do Mundo, uma figurassa que fica la carimbando os passaportes da galera por 15pesos. Ele coloca um selo, a data e um carimbo informando a passagem pelo fim do mundo...rsrs a cabana dele é bem interessante, com muitas fotos, recados e cartas do pessoal que visita la e de sua família. Após os passaportes carimbados, fizemos a trilha Senda Costeira, que vai beirando o mar que banha a região, a trilha não é difícil, vi muitas pessoas idosas fazendo o caminho. No mapa, é informado que a trilha possui 8km, mas acho que ela é bem mais longa... tipo uns 10km. Muito bonita a trilha, ao chegarmos ao final dela, seguimos por mais alguns caminhos e voltamos para pegar a van das 17h00, e por um vacilo, ficamos la olhando a loja de conveniências e perdemos a van.... rsrs... tivemos que pegar a van das 19h00. Chegando em Ushuaia, fomos jantar demos mais uma volta pelo centro e fomos dormir. Correio - Parque Nacional Terra do Fogo por mfiasqui, no Flickr Senda Costeira - Parque Nac. Terra do Fogo por mfiasqui, no Flickr Data: 17/02 – Segunda O que fiz: Passeio a Pinguinera Descrição: Nesse dia fechamos com a PiraTour, o passei a pinguineira, que custa 880 pesos já com a entrada incluída. Tivemos que ir pegar o ônibus no Moule Turistico, que fica ao lado da placa de Ushuais – Fin Del Mundo. Prontamente o ônibus passou. Esse é um passeio bem tranquila com um pessoal de todas as idades fazendo, a guia que nos acompanhou, entendia muito bem da região e do meio-ambiente de lá, e nos deu uma aula sobre a terra do fogo. A van nos leva até a instancia Herberton(que é o vilarejo mais ao sul do mundo...rsrsrs vilarejo, cidade continua sendo ushuaia) nele pegamos um barco e fomos para a uma ilha, que foi povoada pelos pinguins. O passei na ilha é rápido, podemos ficar somente 40 minutos la e reamente passa muito rápido. Os pinguins são um show, não podemos fazer muitos movimentos bruscos e nem chegar muito perto, pois eles se assustam facilmente, mas assim que eles começam a acostumar com a nossa presença, vão aos poucos chegando perto, muito curiosos querendo olhar para nós e com frequência vemos eles roubando mato de ninhos alheios, para construírem o deles...rsrsrs... Fazemos um pequeno circuito na ilha e voltamos para o barco. Depois passamos por um museu marinho, com muitas informações sobre os animais que habitam os mares da região, como focas, pinguins, baleias, etc... Depois voltamos para Ushuaia, por volta das 16h30. Nesse dia não fizemos mais muitas coisas, apenas ficamos tomando uma cerveja e comendo, em um dos diversos restaurantes da região. Pinguineira por mfiasqui, no Flickr Data: 18/02 – Terça O que fiz: Passeio de 4x4 Lagos Fagnano e Escondido Descrição: Neste dia fechamos com a CanalFun o passeio de 4x4 pelos lagos fagnano e escondido, o passeio saiu por 840 pesos, e ainda incluía um rafting beeem leve através do lago escondido. O guia era muito gente fina, e rapidamente enturmou todo mundo, que virou uma bagunça geral, passamos por alguns locais bonitos na região para bater fotos, e depois rumamos para a borda do lago escondido, onde pegamos os barcos e fizemos o rafting nível 1. Meu barco ficou somente com 4 pessoas, meu primo e eu, e mais dois argentinos... fiquei com uma p*** raiva do argentino na minha frente, pq o veio não remava nem a pau, e ainda ficava reclamando que o bote ficava virando pros lados.... ahhahahaha eu tava vendo meu primo dar uma remada nele.... rsrs Depois de uns 40 minutos remando, voltamos para a borda e fomos para a trilha, passamos pelo mar, terra, barro, buraco, mato, etc...etc...etc... até chegarmos a um píer... os guias pedem para nos irmos a pé por um certo ponto, e entrarmos na floresta, onde está a cabana que eles fazem um churrasco. O churrasco me surpreendeu, pois estava ótimo, conhecemos mais uma brasileira la, e um casal de argentino, e ficamos la comendo, tomando vinho e dando risada de tudo. Depois de comermos, eles ainda oferencem um brownie de chocolate, e uma bebida quente... cha ou café, depois disso voltamos por outra trilha. Ainda antes de chegarmos na cidade, paramos em um local, onde os guias mostram uma barricada, represando a agua, trabalho feito pelos castores da região, que foram “importados” do canada. Voltamos a cidade por volta das 17h00 e novamente ficamos pelo centro. 4X4 por mfiasqui, no Flickr Data: 19/02 - Quarta O que fiz: Navegação pelo Canal Beagle Descrição: Também fechamos com a Canalfun a navegação. Quando contratamos, eles nos dão duas opções, uma de fazermos a navegação com o Catamarã, e outra de fazermos com pequenos iates. A diferença é 30 pesos, e como o Iate comporta poucas pessoas, resolvemos fazer com ele. Seguimos para o porto logo cedo e embarcamos, por sorte, encontramos o casal de argentinos que estavam no passeio do dia anterior, e ficamos jogando conversa fora com eles o passeio inteiro. A navegação é bem interessante, um voluntario no barco, faz uma explicação para nós sobre toda a topologia da região, áreas de risco, animais e do fundo do oceano do canal, enquanto o barco segue para o seu destino. Passamos por 3 ilhas inicialmente, uma ilha com diversos pássaros, uma segunda ilha com leões marinhos, e a terceira ilha com o famoso Farol, nesta região do passeio, pegamos um pouco do vento antártico que é muito gelado. Ainda na volta paramos em uma ilha da região e desembarcamos, nessa ilha fazemos uma pequena trilha, com diversos sinais dos povos indígenas que abitaram a região muito tempo atrás, após isso, voltamos para Ushuaia, por volta das 13h00. Um ponto que não conseguimos conhecer na região, foi o Glaciar Martial, tentamos fazer ele no sábado, porem o recepcionista do hotel rapidamente informou que pela quantidade de nuvens nas montanhas, não veríamos absolutamente nada, o tempo na quarta também não estava muito bom, e as montanhas estavam todas encobertas, então desistimos de fazer seguir para lá. Vai ficar para uma próxima vez....=\. Fizemos algumas comprar pela região, jantamos e fomos dormir. DSCN5104 por mfiasqui, no Flickr DSCN5117 por mfiasqui, no Flickr Data: 20/02 - Quinta O que fiz: Ushuaia – Buenos Aires Descrição: Neste dia, apenas acordamos, arrumamos nossas coisas e fomos para o aeroporto, nosso voo saiu um pouco atrasado, e chegamos em Buenos aires por volta das 18h00. Fizemos um Checkin em um hotel próximo a puerto madero, e jantamos por la, como estávamos cansado, ficamos la vendo o pessoal da correndo, batendo fotos, jantando.... e voltamos para o hotel e dormimos. No dia seguinte, apenas pegamos nosso voo de volta para sp. Abaixo, segue os dois relatos que utilizei como base para a minha viagem. patagonia-el-calafate-el-chalten-ushuaia-e-buenos-aires-22-dias-sozinha-por-que-no-t76359.html patagonia-el-calafate-tdp-el-chalten-ushuaia-e-bsas-fev2013-t79564.html Também gostaria de deixar meu agradecimento a Kelly Cufone, que além de me ajudar com o seu relato, ainda me aguentou tirando um monte de duvidas, de roupas, tempo, trilhas etc...etc..etc... rsrsrs Qualquer dúvida,critica, elogio, sugestão, estou a disposição!! Abraços
×
×
  • Criar Novo...