Ir para conteúdo

wagner_rio

Membros de Honra
  • Total de itens

    139
  • Registro em

  • Última visita

Tudo que wagner_rio postou

  1. essa possibilidade existe mas deve ser CHECADA com o comune pois não é algo universalmente aceito Wagner Maiolino msn: [email protected] email: [email protected]
  2. ao ingressar vc deve fazer (em até o 8º dia de entrada na IT) um doc que se chama Dichiarazione di Presenza a sua parente deve formalizar um documento declarando que o hospedará com isso vc faz a residência no comune não precisa de antecedentes criminais email: [email protected] msn: [email protected]
  3. YURI, avançou algo em relação à certidao de seu ancestral ? se precisar de infos, pergunte sempre email: [email protected] msn: [email protected]
  4. YURI, avançou algo em relação à certidao de seu ancestral ? se precisar de infos, pergunte sempre email: [email protected] msn: [email protected]
  5. sim, falta explique em detalhes como foi feita essa declaração (nao precisa me dizer o que é filho natural etc pq conheço BEM), me diga exatamente o que é esse papel, como vc fez, onde, em que lingua, se está legalizado, e o conteúdo exato dele Wagner MAIOLINO email: [email protected] msn: [email protected]
  6. sim, Erika, a obrigação da escolaridade engloba todos os menores na IT mas há procedimento como datas de matrícula e apresentação de históricos escolares do BR (traduzidos, legalizados etc) sobre a cidadania, o simples fato isoladamente de sua mãe já ser cidadã não significa que seu processo será mais fácil, simples, rápido onde exatamente e quando ele foi reconhecida ? para que comune exato vc está indo ? que documentos (TOTAL) vc está levando ? vc foi casada com o pai de sua filha ? email: [email protected] msn: [email protected]
  7. se entrar DIRETO pela IT, basta o carimbo do aeroporto no seu passaporte se entrar fazendo ESCALA em um país europeu, basta que já na IT vc faça uma Declaração de Presença em até o 8º dia na IT vc pode ir direto sem a necessidade de sua mãe (desde que vc seja maior) o que emperrou especificamente no seu caso ? email: [email protected] msn: [email protected]
  8. Momente (quanto tempo ?) agora não é mais via Permesso, e sim uma simples Declaração de Presença feita na hora do ingresso na IT. Ou apenas o carimbo de entrada no passaporte (dependendo do caso) Wagner Maiolino email: [email protected] msn: [email protected]
  9. não há como a cidadania na IT demanda residência e processo administrativo junto a um comune (município) italiano. o tempo depende de CADA processo OBS: (a Questura é um orgão que não tem a ver com visitas)
  10. as certidões brasileiras (nascimento, casamento, óbito) e certidao negativa de naturtalização (CNN) e suas respectivas traduções em italiano precisar ser LEGALIZADAS pelo consulado italiano de sua região sem isso, essas certidoes NAO tem valor na IT porém, o consulado SP está fechado para legalizações até fim 2008, infelizmente Wagner Maiolino (msn: [email protected])
  11. marcelo, vc pode fixar residência e apresentar o processo em qualquer comune investigue bem referências sobre o local que vc pretende: residência e o tempo do processo de cidadania em si, procure relatos de conhecidos seus wagner maiolino
  12. Mauricio_Scotton, qual é a região e qual é o ano de nascimento ?
  13. Isso é um sério problema e provavelmente vc vai ter que retificar tudo Coloque para mim o nome de todos da sua linha ex. nome do italiano certo e o nome errado (nome e sobrenome) > nome e sobrenome > nome e sobrenome > . . . > até chegar a vc nome e sobrenome Wagner Barreto, RJ
  14. O que vc quer dizer com sobrenome diferente do teu ancestral ? - é o mesmo sobrenome com grafia diferente - ou é um outro sobrenome nao originário de teu ancestral mas de outro familiar ? Wagner Maiolino, RJ
  15. Leovitorassi, vc pode sair do BR com um Visto de Estudo emitido por um consulado italiano no BR (não é fácil, tem muitas exigências) Em seguida na IT vc pede um Permesso di Soggiorno di Studio e inicia o seu processo de cidadania com ele Confirme antes com o teu comune, embora a circular fale de qualquer Permesso válido, alguns comunes encrencam com o Permesso di Studio Wagner Maiolino, RJ
  16. O fato de haver um processo de um familiar anterior ao seu nao muda em nada, infelizmente.
  17. Ulisses, vc fez o correto, SP só recebe o requerimento por correio. Mas certifique-se de que vc também enviou um requerimento, se vc também está na fila, ou seja não basta seu pai estar, vc também tem que estar. Mas o tempo em SP é muitíssimo elevado. Pelos cálculos quem apresentar o pedido hj, vai ficar uns 50 anos na fila. Vc tem a alternativa de fazer na IT, mas terá que ir pra lá e fixar residência.
  18. Ulissses, de que consulado se trata ? Em que ano exatamente vc enviou a ficha do pré-agendamento ? Vc enviou de que forma ? Pessoalmente ? Vc tem um comprovante e um número ? Wagner, RJ.
  19. Olá, Suppa!!! O que vc falou procede, mas acontece que não se transcreve mais nada dos ascendentes somente dos requerentes. Portanto, para 'pegar carona' num processo já existente, será necessário se dirigir ao mesmo comune. Mas antes deverá confirmar sobre essa possibilidade com o comune em questão, pois há os que não aceitam e há os que arquivam logo o processo, não permitindo o acesso a ele novamente. Amigo de Londres, não é permitido fazer um vai e vem no processo de cidadania. Ou vc fixa residência na IT ou vc pede o reconhecimento por Londres mesmo, nesse caso deverá ser titular do visto Indefinite Leave to Remain Abs. Wagner Maiolino, RJ.
  20. Para FABIO VISCONTI, que bom que entendeu minha preocupação, o povo do jeitinho brasileiro costuma confundir meus 'alarmes' com pessimismo. Se você entender a finalidade da legalização vai ficar tudo mais claro: O Registro Civil no BR é delegado a particulares. Não é um serviço do Estado assim com é na IT, Alemanha, e outros países. Portanto, as certidões brasileiras precisam ter seu conteúdo confirmado. Isso começa aqui mesmo. Mesmo para que as certidões tenham validade em território nacional precisa ter e firma do escrevente reconhecida por um Tabelião vinculado a um Tabelionato, por isso é que reconhecemos a firma. No caso da certidão brasileira precisar ser válida na IT (para a cidadania por ex.), elas deverão ainda passar por um consulado italiano no BR para serem LEGALIZADAS. Desse vez é o consulado que vai comprovar a autenticidade das certidões baseando-se na firma do Tabelião. O consulado tem arquivadas todas as firmas dos Tabeliões existentes em sua área de abrangência. O comune só vai pôr a mão em uma cetidão de registro civil brasileira para começar a ler, caso elas estejam legalizadas por um consulado italiano no BR. É assim também com diplomas escolares e universitários. Quando se trata de certidões italianas, você as apresenta a qualquer autoridade italiana (consulado, comune,..) sem nenhum reconhecimento de firma e sem legalização. Elas têm autenticidade confirmada apenas pela firma do Uffciale di Stato Civile (Oficial do Registro Civil) que as assina, o que é ótimo pois o Registro Civil lá é delegado à prefeitura. Por isso que muitas pessoas estranham quando vêem pela primeira vez uma certidão italiana, acham simples demais e duvidam do conteúdo. Pelo contrário, elas são 'simples' porque têm peso e validade, não precisam de VÀRIOS ítens de segunraça (selos do Ministério da Justiça). Para vocÊ ter uma idéia, na Argentina os registros também são públicos e o país é signatário de acordos internacionais relacionados ao Registro Civil. Por esse acordo, a Argetina pode emitir uma certidão argentina em língua estrangeira, ou seja, não há necessidade de tradução nem de legalização como há no BR. Wagner, RJ.
  21. Para BRUNOVACCARI, respostas: 1- Não tenho informações sobre comunes específicos. Não escolha o comune aleatoriamente, converse com quem já fez lá, telefone para o comune, pesquise como é conseguir uma residência lá. 2- Não, absolutamente: alojamentos estudantis, hotéis, albegueres, pensão, nada disso conta como residência. Cuidado, há muitas pessoas que querem dar volta na residência, existe inclusive uma máfia de pessoas que 'oferecem' esquemas de residência (são casas super lotadas com rodízio de pessoas etc). Isso é um grande risco, há limites de pessoas para que sejam todos considerados residentes oficiais no endereço X. 3- Sim, há casos que demora mais de um mês. Mas porque você quer saber isso? Há como você tentar 'apressar' a visita dele indo pessoalmente na 'delegacia' (não sei ao certo), mas no setor dos Vigile, informando que há uma visita à sua casa agendada pelo comune e que voce está esperando. Se estiver pensando em 'calcular' exatamente quando ele vai passar, cuidado. Após uma primeira visita, se houver desconfiança de que voce tenha abandonado a residência, ele pode voltar à sua casa e se confirmado o abandono pode cancelar sua prática de cidadania. 4- Sim, o Permesso é válido nacionalmente. Wagner, RJ.
  22. Para DBAGGIO, casos de pessoas que trabalham com o Attesa são casos isolados. O que sei através de muitos relatos é que existe uma certa confusão em relação a esse Permesso, que é MUITO específico. De modo geral, ele não permite trabalhar. Pode ser que o empregador aceite, mas será um caso isolado, nem digo irregular, mas isolado mesmo, tem a ver com a interpretação que se dá a esse Permesso, aliás a tudo que envolve italino nascido no exterior. Há ainda uma confusão gerada pelo fato de que em algumas províncias, o Permesso vem carimbado 'Vietato Lavoro' e em outras não, o que faz algumas pessoas acharem que a proibição está vinculada à existência ou não do carimbo. Confuso, né? Enfim, disse isso tudo para fazer um balanço do caso e para você entender melhor para que não faça planos pessoais baseado na possibilidade de talvez conseguir um trabalho com esse Permesso. O Rodrigo te deu um relato legal, confiável. Fiz a ressalva porque em assuntos de Permesso de Attesa há muitas pessoas que vão garantir que ele permite declaradamente o trabalho por ter conhecimento de um caso isolado. Wagner, RJ.
  23. Para BRUNOCCARI, boa sorte na IT. Bom, não encare o marcar a viagem como "só falta isso". Pelo contrário, agora é que TUDO deverá estar bem organizado. Você só deve embarcar quando estiver certo do comune onde voce vai fixar residência, estiver certo dessa residência (há certas exigências, não se envolva com casas superlotadas etc) e estiver certo de que tal comune realmente faz a prática e sob que condições. Respostas: 1- Não existe uma regra para saber o tempo que um comune X demora, voce tem que se informar, informar, informar. 2- Não posso responder especificamente sobre Florença. OBS: Não encare cidades pequenas como provincianas, pelo contrário, muitas pessoas preferem fazer a prática em comunes menores. O que posso dizer mais concretamente é que grandes centros não são recomendáveis mesmo (Milano, Roma, Napoli, ...) e que há províncias bem problemáticas como Treviso. Wagner Maiolino, RJ.
  24. VISCONTI, antes de pedir uma busca anagráfica detalhada ao comune, faça o seguinte: Prepare um FAX com um pedido de Estratto di Nascita ed eventuali annotazioni di matrimonio e morte(ele é falecido, não?) em nome de seu avô. Há modelos de solicitação na maioria dos sites de consulado (www.conrio.org.br). Apenas troque 'Estratto di Nascita' no pedido por 'Estratto di Nascita ed eventuali annotazioni di matrimonio e morte'. Contatos do comune (melhor é FAX) voce encontra em: www.comuni-italiani.it www.comuni.it Wagner, RJ.
×
×
  • Criar Novo...