Ir para conteúdo

MarceloBarce

Membros
  • Total de itens

    26
  • Registro em

  • Última visita

  • Dias Ganhos

    1

MarceloBarce venceu a última vez em Setembro 14

MarceloBarce tinha o conteúdo mais apreciado!

Reputação

9 Neutra

Últimos Visitantes

O bloco dos últimos visitantes está desativado e não está sendo visualizado por outros usuários.

  1. Se você for sozinha, sugiro uma mochila de 60 litros, pra caber esses equipamentos + as suas roupas e comidas. Lembrando que você sempre pode pendurar coisas do lado de fora, apesar de não ser o ideal.
  2. Como o clima de Sergipe é ameno, te recomendo esses equipamentos se quiser gastar pouco, mas quiser algo minimamente decente: - isolante térmico aluminizado (custa entre R$ 30 e 40) - saco de dormir Nautika Micron (dá pra achar por R$ 100) é bem leve - barraca Nautika Falcon 2 (custa uns R$ 200) tem 2 camadas e é relativamente leve pelo preço Se for cozinhar em local sem estrutura, compre um fogareiro dobrável, que é mais leve e fácil de carregar também. LEVE ISQUEIRO tanto pra usar no fogareiro quanto em fogões de camping, porque os acendedores de fogão mundo afora nunca funci
  3. Como disse o amigo aí em cima, não conte com "trabalho em troca de comida e hospedagem", senão você vai acabar pedindo esmola por aí. PODE LEVAR: - Macarrão rende MUITO mais que miojo e acaba saindo mais barato. - Tapioca é boa e barata, fácil de fazer e demora pra estragar (mas recomendo não deixar aberta mais que 3 dias se você não tiver um local bacana pra armazenar) - Ovos são a proteína mais barata - Atum e sardinha são boas proteínas que podem ter preço bom dependendo do lugar - Frutas desidratadas como uva passa e cramberry são boas e duráveis - Castanhas são boas, mas
  4. Lembrando que a pergunta foi de Rio Branco à Cusco, não de São Paulo a Cusco. Pra quem mora em São Paulo, sai mais barato ir de avião.
  5. Você já fez escalada em via ferrata? Se não tem experiência, não vá sozinho e saiba que vai precisar de alguns equipamentos. Pra começar, é obrigatório apresentar lanterna de cabeça (headlamp) na portaria do parque antes de subir as trilhas do maciço. Eles nem deixam entrar se você não tiver. As "trilhas" do Marumbi são uma escalada quase constante em grampos e cordas, você vai caminhar pouco e escalar muito, não dá nem pra usar bastão de caminhada. São pelo menos 2 horas segurando em grampos e cordas, então, leve LUVAS, porque você vai sentir o desgaste na mão e isso incomoda ba
  6. Ninguém tem como te responder isso, mas existem ferramentas pra te ajudar: - entre no site "Rotas Brasil" (http://rotasbrasil.com.br/) - selecione "Moto" no menu de busca do lado esquerdo - coloque o nome da cidade de partida (Mucuri) - coloque o nome do destino (Foz do Iguaçú) - coloque o preço da gasolina na sua cidade - coloque o consumo da sua moto - clique em "Buscar" O site vai te informar o tempo de viagem, o preço dos pedágios e da gasolina.
  7. Cara, o mínimo recomendável seria uma Guepardo Vancouver, mas não espere grande coisa, pois R$ 250 é um valor muito baixo pra comprar qualquer mochila hoje em dia. Dito isso, recomendo que você NÃO carregue mais que 9 kilos nessa mochila. Depois disso, vem as mochilas da Decathlon, que são MUITO MAIS confiáveis, mas variam de R$ 400 a R$ 850.
  8. É confiável sim, MAS é importante você entender as linhas de produtos pra fazer as escolhas mais corretas: ARPENAZ: é a marca de produtos para trilha de 1 dia ou acampamento de carro QUECHUA: é a marca de produtos para trilha moderada e mochilão FORCLAZ: é a marca de produtos para trilhas exigentes e trekking (travessias) SIMOND: é a marca de produtos para escalada e alpinismo Muita gente compra errado e depois reclama sem razão. O bom da Decathlon é que a garantia dos produtos costuma ser grande e eles aceitam devolução em qualquer loja do país. Isso pode ser muito conveniente
  9. Cara, que sensacional, estou querendo fazer uma travessia de longa distância, vou botar essa na lista, com certeza Obrigado por compartilhar!
  10. Eu cometi o mesmo erro, meu post deveria estar na categoria "Trilhas e Trekking na Europa". Podem corrigir? Obrigado!
  11. (relato em vídeo no fim do post) Na primavera desse ano, fui visitar a região de Trentino-Alto Àdige, para conhecer os Dolomiti, no norte da Itália. Me hospedei no Youth Hostel Bolzano, que era um dos únicos na região. Fiz 3 dias de trilhas, mas vou falar primeiro dessa travessia que eu registrei em foto e vídeo. No hostel, eu conheci 3 americanos que também tinham bastante experiência em trilhas, e fui com eles. Era primavera (4 de junho), um dia ensolarado com previsão de chuva para o fim da tarde, fazia uns 27 graus de temperatura. A chuva parecia inofensiva, mas se revelo
  12. Atualmente, a Falcon possui 1000 mm de coluna d'água, mas confira na caixa antes de comprar, porque alguns vendedores ainda estão vendendo o modelo antigo, de 800 mm. Aqui no fórum tem um cara que usou esse modelo antigo na Ilha do Sol, no Lago Titicaca, e disse que foi tranquilo: barracas-nautika-t43264-90.html Também tem o teste que o Tocandira fez, com o modelo antigo (800 mm) também: Além desses caras que fizeram a travessia Salkantay no Peru por conta própria, usando uma Falcon 2: http://coconomato.com.br/trilha-inca-de-machu-picchu-trilha-de-salkantai-sem-guia/ Como
  13. A Quechua Forclaz 500 é uma boa opção se você calçar até 36 e for leve, por quê? Porque no padrão da Decathlon, o número 36 ainda é considerado infantil e as especificações técnicas (como nível de impermeabilidade) são as mesmas do modelo adulto. http://www.decathlon.com.br/montanha---aventura/aventura-infantil/botas-de-frio-e-neve-38195/calcado-infantil-forclaz-500-n_37147?skuId=1325709 Ela custa R$ 250, contra R$ 400 do modelo adulto. Os próprios vendedores da loja (física) me falaram que o ideal para minha namorada - considerando o número e o peso dela - era o modelo infantil.
  14. Eu acho que a qualidade da Columbia varia bastante. Eu comprei a Newton Ridge Plus 2, porque foi a impermeável mais barata que encontrei, mas ela tem um probleminha bem chato. Em um dos pés, quando eu piso, faz uma dobra em cima da falange do dedão. É uma coisa imperceptível, mas depois das trilhas, sempre que olho meu pé, tem um calo em cima da falange. Na travessia Salkantay Trek, no Peru, em que andávamos aproximadamente 8 horas por dia, essa dobra causou uma bolha. Eu já tinha lido um relato gringo denunciando isso, mas ignorei... agora só uso ela com um band-aid em cima da fala
  15. Se for comprar barraca barata e esperar confiabilidade, acho que tem que ser no MÍNIMO uma Nautika Falcon.
×
×
  • Criar Novo...