Ir para conteúdo

denilsongrosa

Membros
  • Total de itens

    44
  • Registro em

  • Última visita

Reputação

0 Neutra

Sobre denilsongrosa

  • Data de Nascimento 28-05-1981

Últimos Visitantes

O bloco dos últimos visitantes está desativado e não está sendo visualizado por outros usuários.

  1. 16º dia 10/04/2016 Acordamos as 07:00 da matina era hora de dizer adeus a Aguas Calientes, e quem sabe um dia voltar. Tomamos café no hostel e arrumamos nossas coisas, saímos pra trilha era 10:30, resolvemos a aproveitar o o sol. Demoramos em torno de 2 horas caminhando devagar, chegando no local que a vã nos deixou ficamos aguardando, a vã estava marcada para as 14:00 horas, mais atrasou e acabou saindo somente as 15:00, quando saímos da hidro-elétrica fiquei rezando pro motorista ir rápido, pois fiquei com medo de perder o Ônibus para Puno que estava marcado para as 22:00, porém o motorista estava indo muito mais rápido que eu desejava, , teve pontos que já não me importava de perder o ônibus desde que chegasse com vida, em uma das paradas, alguns passageiros até reclamaram com o motorista que ele estava correndo demais, ele ainda achou ruim...kkkkkkkkkk Chegamos em Cuzco às 21:50, corremos no hostel pegamos nossas mochilas que nem uma bala e saímos correndo atrás de um táxi, encontramos um rapidim, pagamos 7 soles por ele até o terminal da Cruz del Sur, chegamos la era 22:00 em ponto, o ônibus ja estava de partida, pedi para esperarem um pouco, abri a mochila pra pegar a passagem e eis a surpresa, a mochila não era minha, afffff ... Pedi até pelo amor de Deus para esperarem eu voltar ao hostel para trocar a mochila, disseram que não dava, fizeram cara feia, e eu simplesmente fingi que não escutei, falei pro meu cunhado espera ai e segura eles, joguei a mochila nas costas e sai correndo feito um louco atrás de um táxi, o terminal de Cruz del Sur fica em uma rua afastada, corri até a avenida mais próxima dei com a mão pro primeiro taxi que apareceu, quase sem folego falei pro taxista preciso ir ao Wild Rover, ele me disse na maior calma "no conozco amigo", , pedi então que me levasse até a Av. El Sol que de la explicava onde era, chegando no hostel falei com o atendente e informei que peguei a mochila errada, fomos até as salas que ficam as mochilas e conseguimos achar a minha, o taxista ficou me esperando na porta, voltamos rapidim pro terminal e graças a Deus o ônibus estava esperando, geralmente as mochilas grandes vão no bagageiro, nem deixaram eu colocar la, falaram pra levar comigo mesmo, entrei no onibus, todos de cara feia me olhando, e finalmente partimos. Desse dia não tenho fotos, muita correria, acabei esquecendo de bater qualquer tipo de foto, a não ser a ultima vista de Águas Calientes... Saldo do dia Taxi...............................7 Soles Onibus Cuzco-Puno...75 Soles Total............................77Soles
  2. E ai Galera depois de quase um ano da minha viagem, vou tentar agora terminar meu relato, os preços podem estar desatualizados, porém o caminho é sempre o mesmo. Desculpe aqueles que estavam acompanhando quando o relato foi interrompido. Vamos lá... 15º dia 09/04/2016 Acordamos por volta das 04:00 da manhã, tomamos café e fomos pegar o ônibus, lembrando que compramos os tickets no dia anterior por 14USD. 20160409_055717.jpg[/attachment] Com a abertura entramos e aguardamos nosso guia la dentro, enquanto isso apreciávamos a belíssima paisagem do local. Com a chegada do guia eles dividem o grupo em dois, um terá explicação do inglês sobre o local e o outro em espanhol, ai cada um escolhe qual grupo seguir, a visita guiada dura em torno de 2 horas, andando pelas ruinas e recebendo explicações dos locais, após isso, caso você não tenha contratado a subida à Huayna Picchu você tem o dia livre para andar pela cidade, caso tenha contratado a suba será após o tour guiado. Depois de conhecer o local caso você ainda tenha disposição, pois cansa muito andar por la, existe uma rota de entrada em Macchu Pichu que é por onde o pessoal que fazem a trilha Inca chega, é possível ir até a porta de entrada desta rota, denominada Trilha da Porta do Sol, o caminho é bem ingrime mais vale a pena a vista da Porta do Sol é linda e de la é possível ver toda a Macchu Pichu [attachment=24]20160409_093550.jpg[/attachment] [attachment=23]20160409_102143.jpg[/attachment] [attachment=22]20160409_105604.jpg[/attachment] [attachment=21]DSCN0268.JPG[/attachment] [attachment=20]DSCN0279.JPG[/attachment] [attachment=19]DSCN0288.JPG[/attachment] Ficamos andando pela cidade até as 13 horas, quando resolvemos ir embora, como havíamos comprado os tickets somente para subida então descemos a pé, a descida leva em torno de 40 minutos e mais uns 20 até chegar a Águas Calientes. A descida é feita em uma escada que corta a estrada utilizada pelos ônibus, achei que exige um pouco de esforço, mas vale a pena. [attachment=18]20160409_064258.jpg[/attachment] [attachment=17]20160409_072547.jpg[/attachment] [attachment=16]20160409_080544.jpg[/attachment] [attachment=15]20160409_111919.jpg[/attachment] [attachment=14]20160409_112120.jpg[/attachment] [attachment=14]20160409_112120.jpg[/attachment] [attachment=13]20160409_112444.jpg[/attachment] [attachment=12]20160409_113227.jpg[/attachment] [attachment=11]20160409_113243.jpg[/attachment] [attachment=10]DSCN0246.JPG[/attachment] [attachment=9]DSCN0247.JPG[/attachment] [attachment=8]DSCN0252.JPG[/attachment] [attachment=7]DSCN0254.JPG[/attachment] [attachment=6]DSCN0255.JPG[/attachment] [attachment=5]DSCN0257.JPG[/attachment] [attachment=4]DSCN0262.JPG[/attachment] [attachment=3]20160409_123814.jpg[/attachment] [attachment=2]20160409_124030.jpg[/attachment] [attachment=1]20160409_132908.jpg[/attachment] [attachment=0]20160409_133417.jpg[/attachment] Ao chegarmos em Águas Calientes como não havíamos almoçado, paramos em local logo no começo da cidade compramos um pizza + uma coca de 500ml por 29 soles e uma cerveja por 6 soles, seguimos direto para o Hostel descansamos até a noite, tomamos um banho e fomos jantar no mesmo local do dia anterior. Saldo do dia Pizza+coca....29Soles Cerveja.........6Soles Jantar...........10Soles Total............45Soles
  3. Fala galera... Desculpe o sumiço repentino e o abandono do relato, mais tive alguns problemas que impossibilitaram de continuar o relato, no máximo semana que vem volto para terminar de uma vez... abraços e desculpe mais uma vez...
  4. 14º dia 08/04/2016 Nesse dia acordamos as 06 da matina, no wild rover a diária está incluso café da manhã, então tomamos o café e as 07:00 partimos do hostel para a agência para esperarmos a Van no local, a agência do hostel é pertinho, em torno de 10 ou 15 minutos já estávamos la, chegamos lá estava fechada, esperamos até as 08:00 e a agência continuava fechada, até que surge uma pessoa e pergunta nossos nomes e disse para segui-lo, pelo que entendi a agência não tem van própria, assim eles terceirizam o serviço, fomos andando até próximo ao ministério da cultura onde a van estava aguardando outras pessoas. Assim que as demais pessoas chegaram partimos rumo a hidroelétrica onde a van nos deixaria. Depois de uma hora e meia de estrada mais ou menos a van faz uma parada em uma venda, para o pessoal comprar coisas e tomar café, aproveite para ir ao banheiro nesse ponto, pois a próxima parada vai demorar, a parada dura em torno de meia hora. O caminho até a hidroelétrica é muito bonito, estradas cheias de curvas, montanhas, o problema é quando sai do asfalto, na estrada de terra o negócio é tenso, a van passa centímetros da beirada dos desfiladeiros, sem contar os pontos da estrada em que riachos descem da montanha cortam a estrada, realmente da medo, mais até hoje não li relato de nenhum acidente. Paramos pra almoçar por volta das 13:00 em um restaurante na beira da estrada, nesse ponto meu cunhado estava passando muito mal, com dor de cabeça e vontade de vomitar, provavelmente efeito da altitude, enquanto eu fui almoçar ele correu pro banheiro e passou quase todo o tempo la, o almoço nesse lugar custou 15 Soles por pessoa e podia comer a vontade, mais só eu comi, meu cunhado não teve condições, na hora de partimos deu um Sorojchi Pills pra ele, e logo logo ele melhorou. A chegada a hidroelétrica foi bem mais tarde que o previsto, nos disseram que chegaríamos 14:00 horas, mais chegamos as 16:00. O caminho até Águas Calientes é plano, a única dificuldade é que fica ao lado dos trilhos do trem, então tem várias pedras pelo chão, meu cunhado quase caiu várias vezes, e já li relatos de pessoas que caíram e se machucaram, então tomem cuidado. O caminho todo acho que da entre 9 e 11 km, mais é uma caminhada que vale a pena, muito lindo o lugar. Uma coisa que o rodrigovix falo aqui no relato e vou reforçar novamente, tomem muito cuidado nesse ponto da trilha. Ao chegar aqui sigam pela direita, não sigam pelos trilhos, pois mais a frente, os trilhos entram em um túnel, e já ouvi dizer que não tem local de escape para pedestres, vi várias pessoas seguirem por ali, e tiveram que atravessar por dentro do túnel, a sorte é que não veio nenhum trem nesse momento. Chegamos em Águas Caliente já estava quase escurecendo, quase no final do caminho começou a chover, a sorte foi que antes de van partir de cusco resolvemos comprar capas de chuva de uma mulher que estava vendendo na rua, ela não protegia la essas coisas, mais quebrou o galho. Chegando la descobrimos que nosso hostel ficava do outro lado da cidade, e o povoado só tem duas opções, ou você desce ou você sobe, a cidade parece que foi construída em uma rampa, e a nossa direção era subida, e ja estávamos mortos. Antes de irmos para o hostel, procuramos o local que vende o ticket do ônibus que levam para Macchu Pichu, pois decidimos que iríamos de ônibus e voltaríamos a pé. O transporte custa 12USD, tanto para subir quanto para descer, ou seja, subida e descida de busão, 24USD . Águas Caliente é cortada por um rio, a rua principal fica as margens desse rio, a cabine que vende o ticket do ônibus fica na rua principal do lado esquerdo do rio para quem está subindo a rua. Depois dos tickets comprados fomos para o hostel, já havíamos reservado o SuperTramp pela internet, porém para o pagamento na chegada, pagamos 30Soles por noite em um quarto para 08 pessoas, ficaríamos duas noites, no hostel mesmo perguntei se eles indicavam algum guia para Macchu Pichu, pois não contratamos em Cusco, nas agência é possível fechar o passeio para Cusco já contratando um guia também, porém la em Cusco nos pediram 45Soles pelo guia, o rapaz do hostel falou que tem um guia que era parceiro deles e cobraria 30 Soles por cada um para explicações em Macchu Pichu, na realidade é uma dupla de guias, um faz as explicações em inglês e o outro em espanhol, eu super. recomendo a visita a Macchu Pichu com um guia, pois caso contrário você apenas apreciará a blz das ruinas, sem nada entender o que significa aquele lugar. Aguardamos o guia no hostel, em meia hora ele apareceu, nos deu umas explicações que como seria a visita e combinas um local para encontra-lo lá em Macchu Pichu. Depois saímos para jantar local indicado pelo hostel também, nada chic, porém ótimo custo benefício pagamos 10Soles por um prato com 1/8 de um frango, mais arroz, mais batata e salada a vontade. Depois voltamos par ao hostel e fomos dormir, pois teríamos que acordar bem cedo as 04:00 da matina. Saldo do dia Capa de chuva.............5Soles Almoço.......................15Soles Ticket ônibus.............12USD Hostel SuperTramp...60Soles (2 diárias) Jantar.........................10Soles Guia............................30Soles Total....................120Soles + 12USD Próximo dia – Finalmente Macchu Pichu
  5. 13º dia 07/04/2016 Chegamos em Cusco por volta das 07h00, a empresa Cruz del Sur tem uma rodoviária própria pegamos um taxi até o wild rover, la pagamos 36 soles num quarto para 8 pessoas. Uma coisa que achei legal no wild rover é que eles tem loki para carregar celulares. Depois de fazermos o check-in e nos acomodarmos fomos procurar a empresa Expediciones Wainapicchu para contratarmos nossa ida para Machu Picchu, achamos facilmente fica na Av. El Sol. Para a nossa ida a Machu Picchu fechamos a Van com ida e volta à hidro-elétrica por 70 Soles, sendo a ida dia 08/04 e retorno em 10/04, foi único passeio que faríamos em Cusco, pois em virtude dos imprevistos não poderíamos fazer o vale sagrado, “Infelizmente”, depois da agência fomos ao ministério da cultura para comprar nossas entradas em Machu Picchu o valor do ingresso é 128 Soles e com carteirinha de estudante 65, depois fomos a um café e pagamos 3,50 num café, ainda tínhamos alguns pães que compramos em Arequipa, e o pessoal do café nos deixou comer ali mesmo. Nesse dia resolvemos almoçar McDonalds novamente gastamos 17,30 Soles para os dois, e depois do almoço fomos dar uma volta na cidade e tentar comprar uma jaqueta pro meu cunhado, pois a dele levaram no furto. La pelas 17 já estava um pouco frio, retornamos ao café e pagamos 9 Soles em um chocolate quente que estava mais ou menos, passamos no mercado compramos água 2,5lts por 3,50Soles, nesse dia jantamos batata com frango novamente pagamos 15 Soles cada, dormimos cedo nesse dia. Saldo do dia Taxi.....................................8Soles Van ..................................70Soles Ingresso Machu Picchu...65Soles Café...................................3,50Soles MacDonalds......................8,65Soles Chocolate quente.............9Soles Água .................................3,50Soles Jantar..............................15Soles Total..........................182,65 Próximo dia – uma viagem por desfiladeiros
  6. 12º dia 06/04/2016 Quando você vai de taxi para Tacna eles te deixam no terminal internacional, os ônibus para Arequipa saem do terminal nacional, mais ficam um ao lado do outro, é somente atravessar a rua. Quando chegamos ficamos um pouco no terminal internacional, tinha um rapaz fazendo cambio, como não tínhamos nenhum Soles resolvemos cambiar um pouco, cambiamos 20 USD a 3,30 e trocamos 8.000 pesos Chilenos que tínhamos a 207 (cotação horrível), mais era o que tinha. Já era tarde da noite, o terminal não estava vazio, tinha algumas pessoas que com o passar das horas foram indo embora, mais o terminal tinha vigia, quando ficou bem vazio, decidimos ir para o terminal nacional, porém lá também não tinha quase ninguém, mais também tinha vigia e parecia ser mais organizado, me indicaram duas empresas para o trecho Tacna-Arequipa a empresa Flores e Moquegua, optamos pela empresa Flores por ser a primeira que abria e o seu ônibus sairia as 04:00 com previsão de chegada as 10:00, pagamos 20 Soles cada passagem no ônibus semi-cama O caminho até Arequipa é muito bonito vale pena ir acordado para apreciar, apesar de eu ter dormido uma parte do caminho Chegamos a Arequipa por volta das 10h30, o terminal em que a empresa Flores para não é o mesmo em que se pega o ônibus para Arequipa, porém fica próximo. No roteiro inicial iríamos de Arequipa para Ica e de Ica para Cusco, porém por conta dos imprevistos teríamos que ir direto para Cusco além de não fazermos nenhum passeio em Arequipa, que pena , queria muito conhecer o Canyon del Colca, mais nem tudo é como planejado, bola pra frente... Como teríamos o dia inteiro em Arequipa pois o ônibus para Cusco seria somente as 20h00 pegamos um táxi do terminal de ônibus até a Plaza das Armas, pagamos 7 soles pela corrida, cambiamos 270USD a 3,36, procuramos uma lavanderia e lavamos um pouco de roupa, nesses lugares é muito barato lavar roupa, o local cobrava 4,50/kg. Enquanto deixamos as roupas lavando fomos no McDonald’s comemos lanche com Inka Cola e tomamos sorvete ficaram 23,20 para cada, enquanto as roupas ficavam prontas fomos dar uma volta pela Plaza de Armas. Depois que as roupas ficaram prontas, pegamos um taxi pro terminal pagamos 06 Soles, o taxista me perguntou qual era a comida típica aqui do Brasil, disse a ele que era Arroz com Feijão, ai ele me perguntou o que era Feijão... ???? Como assim não sabe o que é feijão, foi difícil explicar pra ele, e mesmo assim acho que ele não entendeu, , No terminal pagamos 0,50 Soles para usar o banheiro, compramos 06 pães por 2 Soles, 1 batata Springle por 9 e uma coca por 3. Nossa viagem seria pela Cruz del Sur, gente essa empresa é muito Top, no Brasil não viajei em nenhuma empresa de Ônibus igual a ela, no terminal ela tem uma sala de espera para os passageiros, com banheiro próprio e tomadas para você carregar o celular. As 20h00 horas em ponto partimos para Cusco, dentro do Ônibus é muito confortável, optamos pelo ônibus Cama, tinha TV e cada poltrona tinha um tablete que está fixo na poltrona mais pode ser retirado, no tablete há um sistema da própria empresa para você assistir filmes, jogar, escutar musicas, etc...Assim que saímos de Arequipa já nos serviram o jantar, com direito a sobremesa, muito bom.... Essa empresa realmente ganhou minha admiração por um ocorrido em Cusco, alguns capítulos a frente vocês vão entender... De barriga cheia agora é só dormir e esperar Cusco. Saldo do dia Preços em Soles Passagem Tacna-Arequipa........20,00 Taxi Terminal-Plaza das Armas...7,00 Lavagem das roupas.................11,00 McDOnald’s...............................23,20 Taxi Plaza de Armas-Terminal....6,00 Banheiro......................................1,00 (fui duas vezes) Pães.............................................3,00 Batata..........................................9,00 Coca.............................................3,00 Passagem Arequipa-Cusco.....120,00 Total........................................203,20 Próximo dia – A tão esperada Cusco.
  7. 11º dia 05/04/2016 A viagem foi longa, porém mais rápido que a ida, retornamos por um caminho diferente, fomos pela costa, e voltamos pelo interior do Chile. Encontramos até uma cópia do WalMart em Antofagasta Chegamos em Arica por volta das 22h00, a primeira coisa que fizemos foi tomar um banho, pois não sei se vocês perceberam, mais nesse relato não se fala em banho desde o Atacama, , é isso mesmo minha gente, o último banho que havíamos tomado, foi no hostel Juriques em SPA no dia 01/04, tava complicado... Pagamos 800 pesos pelo banho. A travessia do Chile para o Peru pode ser efetuada de taxi ou de ônibus tipo uma circular, os taxis podem ser pegos em um terminal que fica ao lado da rodoviária ou na rua mesmo, vou falar sobre os taxis do terminal, pois foi o indicado e também o que usei, o preço do ônibus é 2.000 pesos e do taxi 4.000 mais uma taxa de terminal de 350, a diferença é que o taxi é muito mais rápido, pois no ônibus você tem que esperar todos os passageiros fazer os tramites de imigração, o taxi só leva se tiver pelo menos 4 pessoas, então caso você esteja sozinho ou em menor numero tente arrumar os outros integrantes, mais sempre tem alguém esperando por outras pessoas. Não tenho a foto do terminal de taxi, peguei uma imagem no google para mostrar como é, a direita está a saída da rodoviária, e a esquerda com muro vermelho o terminal de taxi. A circular e o taxi são no mesmo lugar. Como nosso lema agora era economizar, resolvemos esperar até amanhecer e atravessar de ônibus, pois aquela hora as circulares não funcionavam, pensamos em dormir na rodoviária mesmo e no outro dia no primeiro horário atravessaríamos, mais como bem sabe Joseph Climber, a vida é uma caixinha de surpresa, fomos informados que a rodoviária fecharia as 02:00 e reabriria as 05:00, e não podíamos permanecer la dentro, , teríamos que ficar na calçada. Já pensei logo, se fomos furtados dentro do ônibus, na rua então lasco.. .!!!!! No primeiro dia que estivemos em Arica, como passamos muito tempo na rodoviária fizemos amizade com o guarda de lá, fui conversar com ele, pra ver se ele quebrava o galho e nos deixa dormir ali dentro, mais não teve acordo...Mais ele nos deu um dica muito importante, nos disse por que não atravessávamos de taxi aquela hora mesmo, pois a fronteira não fechava e a rodoviária em Tacna é 24hs, assim não precisaríamos dormir na rua, e o taxi ficaria mais barato que um hostel, além do que procurar um hostel aquela hora, e sem indicação ia ser bravo... Fomos ao terminal de taxi, que fica ao lado da rodoviária, conversamos com um taxista, ele nos disse que já havia outras pessoas esperando para travessar e tinha mais 2 lugares no carro, pagamos a taxa do terminal 350 mais o preço da corrida 4.000, esse ponto é meio sinistro, mais normal, o cara pega seu passaporte e some por alguns instante, como gato escaldado com água quente de água fria tem medo, já ficamos com medo, daqui a pouco o cara reaparece, ele leva seu passaporte até um escritório do terminal para que alguém preencha as papeladas para os tramites de atravessia, em seguida ele te devolve o documento junto com os papeis e por fim seguimos rumo ao Peru... Finalmente adeus Chile Saldo do dia Banho ......................800 Taxa do terminal ....350 Taxi...................... 4.000 Total....................5.150 Próximo dia – Rumo a Arequipa.
  8. 10º dia 04/04/2016 Chegamos em Santiago por volta das 06:30, no Chile o dia clareia muito tarde, ficamos no terminal até as 08h00 quando decidimos procurar a PDI para tentar fazer a tal da Constância, nosso ônibus parou no terminal San Borja, esse terminal tem uma estação de metro ao lado, rapaz do consulado havia dito ao telefone que poderíamos tomar o metro para chegar ao Consulado, resolvemos ir à estação para obter informações de como chegar a PDI e depois ao consulado, me aproximei de um guarda da estação e perguntei como fazemos para chegar a PDI, e ele simplesmente me respondeu “Qual das PDI?”. Como assim?.... , nem sabia que tinha mais de uma... Então ele nos explicou que existem diversos assuntos que a PDI cuida, e existem diversos prédios da PDI espalhados pela cidade, por sorte a nossa a PDI que cuida de assuntos relacionados a estrangeiros fica próximo a estação Universidad de Chile da Linha 1, e a estação que estávamos (San Borja) também é Linha 1, Por fim ele explicou como chegaríamos a PDI, compramos os tickets por 1.320 cada, descemos as escadas. Chegando no local de tomar o metro, não acreditei, tinha tanta gente quanto no horário de pico em Sampa, muita, mais muita gente mesmo, e nós dois com aquelas mochilas enormes, nós até que tentamos se enfiar no meio do povo para pegar o metro, mais sem sucesso, e o tempo foi passando, até que desistimos e resolvemos pegar um táxi para ir até lá... ....Voltamos ao terminal e lá tem um ponto de táxi como esses que ficam nas rodoviárias daqui do Brasil, tomamos um táxi por 5.500 pesos ( ). O taxista nos deixou em frente a PDI, como de costumo fomos mal recebidos, kkkk...nos expulsaram da sala que entramos e só nos disseram que teríamos que ir na entrada ao lado. Fomos na bendita entrada, quando entramos não pude acreditar, havia mais de 100 pessoas para ser atendida, pelo que percebi a maioria haitianos, olhei pros lados e vi um cara entregando senhas, fui até ele expliquei o que precisava e ele me deu uma senha impressa com o numero Z023 e anotou o numero 9 a mão no papel e pediu que aguardássemos, chegamos próximo ao painel e la só tinha até a letra F (como assim????), pensei será que teremos que acordar a ordem cronológica de chamada???? . Aguardamos um pouco e nada, como o rapaz tinha anotado o numero 9 a mão na minha senha, decidi ir direto na mesa 9, mesmo sem ser chamado, mostrei a senha pro policial, e perguntei se realmente teria que aguardar ser chamado, ele me disse “Vá direto a mesa 23”, lá vamos nós a mesa 23, havia uma pessoa sendo atendida, e a policial desta mesa, nos disse para aguardar só um minutinho que ela já estava terminando, achei muito estranho, uma pessoa educada, primeira vez que vejo, , e se eu podia ser atendido diretamente para que me deram uma senha, Ao sermos atendido expliquei todo o ocorrido, inclusive a não localização dos nossos registros de ingresso no país, no sistema da PDI, ela tranquilamente me disse que isso era normal, pois a unidade de SPA não é on-line, A moça foi super atenciosa, nem parecia que trabalhava ali, , fez a tal da Constância com foto e nos deu um papel para preenchermos e voltar na sala que havíamos sido expulso para tirar a segunda via do registro de ingresso , voltamos fomos mal recepcionados de novo, mais conseguimos tirar a segunda via. De posso do papel, partimos para o Consulado, só que dessa vez fomos de metro, a estação fica a 5 quadras da PDI, é rapidinho para chegar. Para o consulado tem que descer na estação Manquehue e caminhar em torno de 800 metros, o consulado fica dentro de um prédio comercial, passamos na frente e não vimos, depois voltamos procurando, lá fomos bem atendidos, explicamos o ocorrido, e a primeira coisa que nos perguntaram, se tínhamos alguma cópia de algum documento, bendita ideia que tivemos de pedir para mandarem uma cópia do RG dele . Ai veio a facada, pra tirar outro passaporte uma taxa básica de 96.000 pesos, hoje em torno de R$500,00, mais quando estávamos la, a cotação tava um absurdo, dava quase R$ 600,00, e mais um detalhe, a taxa deveria ser paga em dinheiro, moeda local, e deveria ser realizado um depósito em um banco chamado BCI, o recibo do depósito que serve como comprovante de pagamento da taxa. O tal BCI fica próximo a estação de metro, mais como não tínhamos esses pesos todo, teríamos que cambiar primeiro, como não adiantava os dois ficar andando que nem tonto por ai, além do mais, meu cunhado não tinha nenhum documento original em mãos, falei pra ele aguardar no consulado com as mochilas enquanto eu corria trás das coisas, lá fui eu novamente até a estação encontrar uma casa de cambio, encontrei uma cotação horrível 662 pesos por dólar, cambiei a grana, depositei o dindin, e voltei rapidinho para o consulado, essa altura do campeonato eu já estava morto de cansado e de fome, pois desde o dia em que fomos roubados ainda não tínhamos almoçado ou jantado, estávamos comendo somente springles e tomando água... . Quando cheguei no consulado meu cunhado já havia preenchido as papeladas necessárias para ir adiantando, entreguei o comprovante do depósito e nos disseram para aguardar até as 15h30, eles fariam uma pesquisa de antecedentes criminais e se o registro de saída do Brasil estava OK, e se tudo estivesse certo estaria pronto nesse horário. Caso não tivesse nenhuma cópia de documentos em mãos, a pesquisa sobre a identidade dele demoraria mais de um dia para ficar pronta, e teríamos que dormir em Santiago. Aqui fica uma dica que recebi no consulado, antes de viajar, escanei seus documento e mande para seu próprio e-mail, assim caso você o perca, terá uma cópia salva na internet, isso facilita muito as coisas. Fomo a um mercado próximo comemos um frango com batata por 2.300 pesos mais uma coca por 800, compramos uma agua de 6lts (não marquei o preço), as 15:30 voltamos lá e o bendito passaporte estava pronto, GRAÇAS A DEUS, UHUUUUUUUUUUUU Pegamos o passaporte com as duas mãos e partimos em direção ao terminal rodoviário para tentarmos voltar para Arica, e retomarmos nosso roteiro. Pegamos o metro e logo chegamos a rodoviária, e ai uma nova surpresa...(ai meu DEUS) fomos em todas as empresas e nenhuma tinha vaga no ônibus semi-cama para Arica, começamos a procurar nos cama e começamos a ficar preocupados, e só encontramos na empresa Pulmman Bus e custava absurdos 45.000 pesos cada passagem. Não tínhamos pesos suficiente para as passagens e a empresa não aceitava pagamento em dólar , a solução foi passar a diferença no cartão de crédito, pois já era 16:45, o ônibus saía as 17:00, e se ficássemos mais um dia em Santiago atrapalharia mais ainda nosso roteiro, compramos e embarcamos felizes da vida, com vários dólares a menos, mais com tudo resolvido. Sim bora Como dividi com meu cunhado a taxa do passaporte, vou contabilizar em minhas despesa 50% dela Saldo do dia Ticket Metro......................................1.320 Metade do Taxi Terminal-PDI...........2.750 Ticket Metro......................................1.320 Taxa de emissão do passaporte....48.000 Frango com batata...........................2.300 Refri......................................................800 Bus Santiago-Arica.........................45.000 Total.........................................101.490 Próximo dia – Finalmente adeus Chile...
  9. 8º dia 02/04/2016 Chegamos em Arica por volta das 06:00, nos despedimos do Guilherme pois teríamos que ficar na cidade para resolver os problemas. Do lado de fora do terminal de ônibus tem uma base móvel da Polícia, fomos até lá e nos orientaram a procurar a PDI (Policía de Investigaciones de Chile), é como se fosse nossa Polícia Federal, nos disseram que daria pra ir a pé, porém só abriria as 08:00. Aguardamos no terminal até as 07:30, resolvemos tomar um táxi pois queríamos resolver tudo o mais rápido que pudéssemos, pois estávamos com várias passagens dos trechos a frente já compradas, pagamos 2.000 pesos no táxi, em 10 minutos chegamos na PDI, ainda estava fechada, aguardamos até as 09:00, quando começou a chegar um pessoal. Os funcionários que iam chegando nem olhavam na nossa cara, entravam e trancavam a porta, até que apareceu uma moça e perguntou o que queríamos, explicamos todo o ocorrido, e ela nos disse que ali nada poderia ser feito, primeiro por que a PDI só funcionava de segunda a sexta, e estávamos no sábado, segundo seria necessário tirar outro passaporte, e isso só seria possível em Santiago ..., Continuando ela nos disse que teríamos que ir na delegacia de polícia que fica em frente eles chamam de Carabineiros, e tirar uma Constância, uma espécie de Boletim de Ocorrência, e que com essa Constância meu cunhado poderia transitar no Chile sem portar nenhum documento. Fomos a delegacia, la tomamos mais um chá de cadeira, até que resolveram nos atender, fizemos a tal da Constância e nos disseram que a PDI tem que atender 24 horas, e que deveríamos voltar lá e insistir . Voltamos lá, insistimos, pedi pelo amor de Deus, mais não teve acordo, nos disseram que teríamos que ir a Santiago. Como ficamos sem alternativa, resolvemos voltar para o terminal, e informar nossos familiares do ocorrido e que provavelmente nosso roteiro mudaria. Retornamos a pé para o terminal e chegando lá resolvi ligar no Consulado do Brasil, tive que tentar uma 8 vezes para alguém atender, (atenção no chile os orelhões funcionam com moedas, diferente daqui...) a pessoa que me atendeu falava portunhol , me disse que o consulado estava fechado só abriria na segunda feira, e que realmente teríamos que ir pra Santiago, porém pra tirar outro passaporte teríamos que levar uma Constância emitida pela PDI e não pelos Carabineiros(a constância emitida pela PDI possui foto a outra não), Tomamos outro táxi para a PDI, mais dessa vez combinamos com o taxista para aguardar-nos pois achamos que seria rápido, pagamos 4.000 corrida ida e volta. Chegando na PDI depois de muito insistirmos fomos atendidos, expliquei para a atendente, a mesma que nos atendeu da primeira vez, que o Consulado informou que teríamos que levar uma Constância emitida por eles, caso contrário não seria possível emitir outro passaporte, ela nos disse que isso só seria possível na segunda feira mesmo, mais que também poderíamos emitir essa Constância na PDI de Santiago. Quando ingressamos no Chile em SPA, além do carimbo no passaporte, também nos deram um papel com QR Code como comprovante do ingresso, pedi a atendente se seria possível a emissão de uma segunda via desse comprovante, pois o cara do consulado pediu esse documento também. Quando ela foi tentar tirar a segunda via eis a surpresa, não existia no sistema registro de ingresso do meu cunhado no Chile ...Ai ela desconfiou de nós, perguntou se tínhamos entrado legalmente no país, pedi então que ela tentasse tirar uma segunda via minha para verificarmos se não era o sistema, pois a minha original estava em mãos, e para nossa tranquilidade também não constava no sistema meu ingresso no Chile, assim ela disse que alí naquele dia nada mais poderia ser feito, e ainda disse que meu cunhado estava ilegal no país, pois não havia nada que comprovasse seu ingresso legalmente, argumentei dizendo que o problema era no sistema e perguntei a ela se o sistema era online e ela saiu pela tangente. Como ficamos muito nervosos, não consegui argumentar mais nada, resolvemos voltar para a rodoviária. Chegando no terminal, resolvemos partir logo para Santiago, e tirar a tal da Constância na PDI de la, pois caso contrário teríamos que aguardar em Arica té segunda feira, para tirar o papel e depois ir para Santiago. No terminal tem uma lan house, la consultei a passagem de avião até Santiago, estava ida e volta 1.200USD por pessoa... sem condições, pois o lema agora seria economia ...o ônibus estava 28.000 (semi-cama) pesos ida e 30.000 volta com almoço e janta incluso, ônibus sairia somente 23:00 e ainda era por volta das 13h00, compramos somente a ida, pois não vendem passagem com data em aberto, e não sabíamos quanto tempo teríamos que ficar em Santiago. Como tínhamos as batatas compradas em SPA, foi o que comemos durante o dia. No decorrer do día utilizei mais uma vez a lan house, para pedir que mandassem uma cópia de um RG antigo do meu cunhado que estava na casa dele, pedi na lan mesmo, uma impressão em cores do RG, recortamos ele e colocamos no plastico do meu RG, até que ficou parecendo o original, . E no final das constas foi essa ideia que adiantou muito o nosso lado. As 23 horas embarcamos para Santiago. Nesse dia não tiramos nenhuma foto, pois estávamos com a cabeça muito cheia... Saldo do dia Taxi Terminal-PDI.....................2.000 Taxi Terminal-PDI-Terminal.....4.000 Passagem Arica-Santiago......28.000 Total...................................34.000 Próximo dia – Um dia monótono dentro do Ônibus 9º dia 03/04/2016 Nesse dia não houve nenhum acontecimento apenas ficamos dentro do ônibus, a única coisa foi que o cobrador do ônibus não foi com a nossa cara, tratava bem todo mundo, menos a gente, para vocês terem uma ideia, o ônibus vendia refri na hora das refeições na duas primeiras refeições, ele ofereceu refri para todos menos pra gente , fora que toda vez que passava por nós, fechava a cara... Próximo dia – Chegada em Santiago e a solução dos nossos problemas
  10. E ai Rafael blz? Cara vou ver se consigo colocar mais um capitulo hj, é q ultimamente ta meio corrido as coisas, to preparando a proxima viagem, fazendo TCC... [WHITE SMILING FACE]
  11. 7º dia 01/04/2016 Nesse dia acordamos tarde, pois inicialmente não faríamos nenhum passeio, aproveitamos para organizar as coisas. Fomos a um mercadinho, compramos um suco de laranja para o café da manhã e 5 barras de cereal. Depois do café resolvemos ir comprar as passagens para Arica, fomos até o terminal lá tem um guichê da TurBus, não havia mais lugar no cama, então pegamos o semi-cama por 12.400 pesos. Almoçamos no mesmo lugar do dia anterior, porém dessa vez resolveram nos cobrar os 10% do garçon, , la eles chamam de propina. Como teríamos a tarde toda livre, o Guilherme deu a ideia de alugarmos umas bike e conhecer um lugar chamado Garganta del Diablo, em nenhum relato que li, vi alguém que foi nesse lugar, mais como não tínhamos nada para fazer resolvemos ir, e não nos arrependemos. Pagamos 3.000 no aluguel da bike, o lugar fica a 12km da cidade, mais o caminho é plano, vale muito a pena conhecer, não tem ingresso para entrada, pois é apenas um caminho entre desfiladeiros no meio do deserto, mais é muito bonito. Voltamos para o hostel por volta das 17:00. Nos arrumamos pagamos as diárias e as 18:30 partimos para o terminal, no caminho compramos uma água de 6lts por 1.800 (lembram que tínhamos pagado 1.100 em uma de 1,5lts), 7 barras de cereal por 1.400 e uma Springel por 1.700. Nosso ônibus saiu as 20:00 em ponto. Pessoal nesse trecho entre SPA em Arica tomem muito, mais muito cuidados com suas coisas, pois já li diversos relatos de pessoas que foram furtadas no trecho, e infelizmente com a gente não foi diferente. Ainda não vi nenhum relato falando sobre assalto, apenas furto, então fiquem de olhos bem abertos. Quando o ônibus parou em Calama um minuto de bobeira que demos alguém levou a mochila de ataque do meu cunhado dentro do ônibus sem que percebêssemos, quando percebemos já era tarde, pedimos para o motorista aguardar um pouco para tentarmos localizar a mochila, mais ele não queria, enquanto eu e meu cunhado descemos do ônibus para tentar achar o sujeito, o Guilherme ficou discutindo com o motorista e o cobrador para ele esperar, o Guilherme falando em Portugues e os caras em Espanhol, (agora dou risadas mais na hora deu vontade de chorar), rodamos a rodoviária de Calama inteira, porém sem sucesso, os funcionários da empresa não quiseram nem saber, apenas nos falaram que bagagem de mão é responsabilidade do passageiro, e ainda nos ameaçaram deixar ali caso não embarcássemos, é pra acaba mesmo viu.... Embarcamos novamente e seguimos para Arica, totalmente frustrados com o acontecimento, pois não sabíamos com iriamos fazer, pois na mochila estavam: 40USD, 5.000 pesos chilenos , 85BOB, a jaqueta corta vento dele, escova de dente, remédio de gripe, celular e o pior de tudo o RG e o Passaporte (juntos ). Aqui fica um aviso, Passaporte sempre junto com você, nunca se separe dele, e nunca deixe dois documentos no mesmo lugar. Como várias coisas compramos para duas pessoas, vou dividir por 2 os valores de algumas coisas. Saldo do dia Suco para o desayuno.....1.100 -> 550 por pessoa 5 barras de cereal.............1.000 -> 500 por pessoa Passagem SPA-Arica......12.400 Almoço.............................3.300 Aluguel da bike................3.000 2 diárias do Hostel........16.000 Agua 6lts..........................1.800 -> 900 por pessoa 7 barra de cereal.............1.400 -> 700 por pessoa Batata Layers grande......1.700 -> 850 por pessoa Total individual............................38.200 Próximo dia Um dia inteiro de castigo em Arica e o desfecho do furto
  12. Ola meirelara Referente ao seguro, contratei como mochileiro mesmo, eu fiz uma cotação hoje para ver e realmente ta muito caro, tente conversar via chat com os atendentes e veja se tem alguma modalidade mais barata, a cotação que fiz hoje aqui deu 600 e poucos reais, e com o cupom de desconto caiu para 500 e pouco. https://www.seguroviagem.srv.br/?agency=617 Esse site faz a comparação de vários planos de seguros, dá uma pesquisa sobre ele, já ouvi falar que é bom, mais não tenho experiência com ele. abs... Denilso, Estou aqui acompanhando !!!! saio dia 04/06 ...coração a mil... Obrigada pela dica do seguro , contratei um da GTA achei as coberturas boas e o preço bem em conta . Pra quem for precisar cho que vale a pena dá uma olhada foi 250,00 para meu marido e 191,00 o meu eles trabalham com plano familiar e a segunda pessoa tem desconto Muito bom seu relato !!!! Vou tentar postar o máximo que conseguir até lá, só ta meio complicado por causa do meu TCC, mais vou tentar...
  13. 6º dia 31/03/2016 Esse é o dia no Salar que levanta-se mais cedo, acordamos por volta das 04:00, saímos as 05:00, por volta das 06:30 estávamos na primeira atração do dia os Geisers, no local faz muito frio, já ouvi dizer que nos meses de junho e julho é quase impossível ficar fora do carro. Cuidado nesse lugar para não encostar no vapor, pois eles podem queimar A segunda parada é nas Águas Termales, o local tem uma espécie de tanque que é possível tomar banho por 6BOB, apesar de ser muito frio , super recomendo , experiência única, o difícil é na hora de tirar a roupa pra entrar, pra sair é tranquilo, cuidado com seus pertences pois na hora de entrar você tem que deixa-los no quartim onde todos se trocam, então não deixe nada de valor. Próxima parada Deserto de Dalí, o deserto possui este nome em homenagem ao pintor Salvador Dalí, que apresentou o local ao mundo através de suas pinturas. A próxima e ultima parada para quem vai fazer o transfer para SPA é local em que fica o vulcão Licancabur que é também a divisa da Bolívia com o Chile. Quando chega na fronteira, o guia indica qual será a van ou micro-onibus que o levará a SPA, mais primeiro você tem que ir até uma casinha que é uma espécie de aduana, lá você irá registrar a saída da Bolívia, porém terá que pagar 3BOB, eu tive a impressão que esse valor fica pro pessoal que trabalha ali mesmo, ou seja, não é uma cobrança oficial, pois em nenhuma outra fronteira da Bolívia que passei não precisei pagar nada, além do que não há nenhum tipo de recibo. Depois de pagar a pequena taxa, corremos para a Van que nos aguardava, o motorista muito mal educado, joga suas mochilas junto com as outras no fundo da Van, te entrega um formulário de ingresso no Chile e diz que você deve preencher enquanto a Van está andando , o começo é estrada de terra, então espere chegar até o asfalto para tentar preencher. San Pedro de Atacama, era uma cidade muito aguardada do nosso roteiro, pois muito ouvi falar dessa cidade, pena que só passaríamos praticamente um dia e meio lá. Chegamos em SPA por volta das 11h00 e realmente gostei muito de SPA um lugar que eu voltaria com certeza, pena que as coisas la, assim como em todo o chile são super caras. Ao chegar em SPA a van vai primeiro para a aduana, lá forma-se uma enorme fila, pois várias outras vans trazem passageiros também... Após os tramites de ingresso no país, o motorista nos disse que a Van não poderia ingressar na cidade, pois é proibido o transito deles, e teríamos que seguir a pé, depois descobrimos que normalmente as vans levam os passageiros até uma espécie de estacionamento que tem na entrada da cidade, porém da aduana onde nossa van nos deixou até o estacionamento ainda tinha uma caminhada .... Em SPA já havíamos reservado o Juriques, indicação da Barbara aqui do Mochileiros, o hostel é muito bom, por fora é um pouco feio, mais dentro não tem nada haver com a entrada, ele fica um pouco afastado do centro, mais ótimo custo benefício, 8.000 pesos chilenos a diária sem café da manhã, tem wifi, cozinha, locker nos quartos e o banheiro é bom. A partir desse dia ganhamos mais um integrante na trip, o Guilherme, cara muito gente boa que conhecemos no tour do salar, na ida para o hostel cambiamos 100USD cada a 675, Como já iriamos embora no outro dia, faríamos somente um passeio em SPA, o Valle de La Luna que também está incluso a vista do por do sol na Piedra del Coite, como no hostel vendia o passeio contratamos lá mesmo, pagamos 8mil pesos chilenos e tem que pagar mais 3.000 na entrada sendo 2.500 para estudante. O passeio sai somente as 16h00, então fizemos o check-in guardamos nossas coisas e fomos almoçar. Procuramos para almoçar um lugar chamado Los Caritos, indicado pelo RodrigoVix aqui dos Mochileiros, o local é simples são vários trailers que vendem comida, comemos uma sopa e um pão de entrada e como prato principal arroz ou purê, frango na chapa, salada + um suco tudo por 3.000 pesos, isso lá é super barato. O local é fácil de achar, basta você subir a Calle Toconao até a praça, atravessar por dentro da feirinha, quando sair da feirinha você sai praticamente em frente ao local. Na volta pro hostel compramos aguas 1,5l 1.100 pesos. As 16 horas em ponto partimos para o passeio, nos informaram que teríamos que ir até o centro onde encontraríamos um outro grupo para seguir, fomos ao centro e descobrimos que as agências assim como os hostels são apenas intermediários, eles vendem o passeio porém quem leva são empresas que reúnem vários grupos, depois de encontrar nosso grupo, fomos ao estacionamento onde o ônibus nos aguardava, passamos em mais um hostel, para pegar mais gente e seguimos para o Valle de la Luna. Primeiro conhecemos o valle e depois seguimos para apreciar o por do sol na Piedra del Coiote, retornamos a SPA as 20:00. Fomos ao hostel tomar banho para voltarmos ao Los Caritos novamente, em SPA quase tudo fecha as 22:00, então nos apreçamos, só havia um trailer aberto , comemos ali mesmo, arroz frango na chapa e batata por 3.500. Como no hostel não havia café da amanhã após o jantar compramos um bolo, algumas bananas para o café, pagamos 1.990 nos dois. Saldo do dia Valle de La Luna....................8.000 + 2.500 Almoço..................................3.000 Água 1,5lt..............................1.100 Janta.....................................3.500 Itens para o café da manhã.1.990 Total do dia....................20.090 Próximo dia o Adeus a SPA e o descuido que nos levou a Santiago
  14. 5º dia 30/03/2016 Acordamos por volta das 06:30, nos arrumamos rapidinho, descemos para tomar café, ele começa a ser servido as 07:00 e as 08:15 partimos... O primeiro ponto de parada é o Salar de Chiguana, apesar de o chão ser um pouco mais escuro, também é repleto de sal, cada parada dura em torno de 30 minutos, então tire muitas fotos mais reserve um tempo para apreciar o local. Depois os motoristas param em um ponto que é possível avistar o Salar de longe, uma imagem muito bonita. Próximo ponto Vulcão Ollague, esse vulcão ainda está em atividade, é possível ver uma fumaça saindo do topo dele, muito legal. Logo iniciamos o tour pelas lagunas, primeiro Cañapa, depois Hedionda e a parada pro almoço O local de parada é bem próximo da laguna Hedionda, o motorista nos deixa na laguna enquanto vai na frente preparando o almoço, depois seguimos a pé até o ponto. No local há várias mesinhas para o almoço, se seu carro chegar tarde, vai ter que esperar alguma desocupar, tem banheiros para usar, por 1,50BOB. Para os que estiverem com abstinência de internet é possível contratar o uso do wifi por 20BOB 15 minutos. Nesse local venta bastante, então geralmente a comida está fria, mais a vista é maravilhosa, pois é possível observar a lagunas e suas montanhas em volta. Depois de almoçarmos e conversarmos um pouco partimos em direção a laguna Honda. Próxima obra da Natureza, Deserto de Siloli, esse local está a 4.700m em relação ao nível do mar, então vá com calma, nada de movimentos bruscos, , pois cansa bastante. Depois seguimos para o Árbol de Piedra, formação de rochosa que lembra uma árvore, nesse local tem banheiro, 2BOB para usá-lo, aproveite, pois o próximo vai demorar... Vi várias pessoas tentando subir na Árbol de Piedra para tirar fotos, não façam isso, pois além de ser proibido, pode ser que você degrade uma escultura linda que a natureza está fazendo a milhares de anos... Próximo ponto é a Laguna Colorada, ela fica dentro da Reserva da Fauna Andina Eduardo Avaroa, na reserva tem que pagar a entrada custa 150BOB por pessoa, pagamento obrigatório, e em dinheiro local, então reserve o valor, passado pela entrada da reserva seguimos para a laguna Colorada, a laguna é muito linda, e no local faz muito frio, e venta muito, então dessa agasalhado. A laguna é a ultima atração do dia depois fomos pro hostel, há mais de um, fomos no primeiro, não tinha vaga, fomos no segundo também não, até que encontramos vagas no terceiro, ufaaaa, achei que teríamos que dormir no carro, . Descobri ai, que o hostel não é reservado pela empresa, depende de chegar e ter vaga, mais até o hoje não vi ninguém que ficou sem vaga. Chegamos no hostel, e fomos deixar nossas coisas no quarto, nesse dia todo o grupo dorme no mesmo quarto (6 camas), depois foi servido um chá com bolacha como café tarde (incluso no tour), as bolachas diferem de uma empresa para outro, se as suas forem ruins, tentem fazer uma permuta de uma parte delas, fizemos isso no nosso grupo. Nesse hostel não dava pra carregar celular. Nesse dia até é possível tomar banho, custava 15BOB, mais vi algumas pessoas reclamando que a água não esquentava e estava muito frio, mais muito mesmo, resolvi não me arriscar, assim como quase todo mundo, O jantar assim como o primeiro dia é incluído no tour e os motoristas entregam uma garrafa de vinho para cada grupo, depois do jantar conversamos, algumas pessoas jogaram cartas, eu me juntei a um grupo de brasileiros e jogamos detetive, nunca tinha jogado isso, mais é legal, kkkkkk Nos disseram que as luzes apagariam a meia noite, porém quando foi 21:30 tudo ficou escuro, e todos foram obrigados a dormir, kkkkk Uma dica para esse dia, após o jantar, la fora estará muito frio, mais se agasalhe bem, e vá para fora do hostel em uma parte bem escura e observe o céu, nunca tinha visto uma imagem tão bonita, é possível enxergar todas as estrelas inclusive a poeira cósmica, minha máquina não era boa suficiente para captar a imagem, mais ainda a tenho em minha memória. Como minha máquina não captava a imagem das estrela, o Belgo Glenn nos ofereceu a GoPro dele, pegamos e fomos lá pra fora, eu sou meio desastrado com as coisa, fui ajeitar o posição da GoPro e eis que quebro o tripé dela, putsss, ai f... Voltamos la pra dentro com a maior cara de bunda, fiquei com muita vergonha, ele falou que não tinha problema, que compraria outro em La Paz, perguntei quanto ele acha que seria, me disse que acha que seria uns 20USD e nem queria receber, tive que insistir muito até que ele pegou a grana, foi f... Depois desse incidente, resolvemos ir dormir, pois o ultimo dia é o que se acorda mais cedo... Uma coisa que me ajudou bastante nesse dia, foi uma lanterna que levei, pois as luzes após apagadas não acendem mais, e caso você precise ir no banheiro a noite, terá que usar a luz do celular, para não gastar bateria é interessante levar a lanterna, não se esqueça. Saldo do dia Banheiro na parada do almoço....1,50BOB Banheiro na Arbol de Piedra.........2,00BOB Entrada da Reserva Andina.......150,00BOB Total do dia............................153,50BOB Próximo dia o Adeus Tour maravilhoso e até logo Bolívia
×
×
  • Criar Novo...