Ir para conteúdo

Merilin

Membros
  • Total de itens

    1
  • Registro em

  • Última visita

Reputação

0 Neutra
  1. Pra quem tem apenas um final de semana disponível, não muito dinheiro, mas muita vontade de conhecer um lugar fantástico, aqui vai o meu relato de viagem para a Chapada dos Guimarães, no primeiro final de semana de "inverno propriamente dito" na Chapada, dias 28 e 29/junho. Com a Copa do mundo de futebol no Brasil, a Tam ofereceu umas promoções incríveis pra viagens dentro do país neste período: duas passagens de ida-e volta São Paulo- Cuiabá ficaram R$399,00! Chegamos na sexta-feira à noite no aeroporto Marechal Rondon que fica em Várzea, passamos a noite na casa de amigos e no dia seguinte partimos da Rodoviária de Cuiabá no primeiro ônibus (06:30) para a Chapada, empresa Rubi ou Xavante, valor R$ 15,00. (Nós não usamos, mas há ônibus do aeroporto em Várzea até a Rodoviária em Cuiabá por menos de R$3,00) Ao chegar na cidade, com chuva e muito frio, fomos direto para a Pousada Aurora Boreal, hospedagem simples, mas confortável, e bom atendimento, além de terem topado negociar as diárias, que em geral começam e terminam as 12h (entramos as 8h do dia 28 e saímos as 19h do dia 29) valor das 2 diárias- casal 220,00; há várias opções , mas por causa da Feijoada de Inverno as pousadas estavam todas lotadas. Vale lembrar que a maior parte dos passeios na Chapada só podem ser feitos com guias credenciados, depois de fazer os passeios, a gente entende por quê. Nossa guia, (maravilhosa!) foi a Márcia ([email protected]), que acompanhou por email todo o processo de programação da viagem, deu altas dicas e nos guiaria nos dois passeios previstos: Circuito das Cavernas (Aroê Jari, Kiogo Brado e Gruta da Lagoa Azul, fechando na Cachoeira do Alméscar); e Vale do Rio Claro (poços de água cristalina próximos à nascente do Rio Claro) mirante da Crista do Galo e fechando na espetacular Cidade de Pedra. Primeiro dia, jogo do Brasil, tempo chuvoso, fomos os únicos a entrar na trilha das Cavernas, o que considero um privilégio! A Márcia ia nos mostrando as belezas da mata nativa com uma familiaridade incrível, de quem tem 20 de experiência como guia na Chapada e um amor incondicional pelo que faz e pelo lugar fantástico que ela escolheu para viver. Infelizmente no segundo dia, a Márcia não pôde nos guiar, mas nos levou até a casa do Fabiano, que foi um excelente guia, junto com a Aninha que fez o transporte com a caminhonete 4x4 da Fora de Estrada Eco tour (https://pt-br.facebook.com/foradeestradamt). (Vale do Rio Claro transporte + guia 350,00 valor fechado do passeio podendo ser dividido com outros turistas) Depois deste fim de semana renovador, que foi quase uma experiência mística, cheia de aromas deliciosos ( o alméscar, o limãozinho do cerrado), cores surpreendentes das flores, banhos revitalizantes e visões incríveis dos paredões... bora, pegar o carro no Aeroporto de Guarulhos e cair de volta na Babilônia. Valeu!
×
×
  • Criar Novo...