Ir para conteúdo

Diogão2006

Membros
  • Total de itens

    2
  • Registro em

  • Última visita

Reputação

0 Neutra

Bio

  • Ocupação
    Estudante
  1. Fala galera, Alpinista, Dimitri, Estive na Venezuela esse ano, final de Fevereiro inicio de Março. Fui no esquema smiles, peguei um voo pra Caracas, de lá fui Santa Fé, cidadezinha litoranea. De santa fé, buzão até Ciudad Bolivar, de onde saem os monomotores para Canaima (salto angel), fiz o Salto Angel, depois buzão novamente para Santa Helena de Uairém, base para o Monte Roraima. Se forem a Caracas fiquem no Hotel - The Backpackers (calle El Colegio, mas a melhor referencia é a Av Casa nova) é o lugar preferido pelos mochileiros. A noite em Caracas é muito boa, vc pode se divertir bastante em San ignacio ou em alguma boate em Las Mercedes. Visite tb o parque nacional El Avilla, se vc gosta de teleférico esse é muito maneiro e tem um visu muito bacana. Quando a fome bater experimente as famosas Arepas, em todo lugar vc pode comer uma, é tipo um sandubinha que é barato e segura a onda, só tomem cuidado com a carne de porco hehehe, não é muito aconselhando não. Para se locomover dentro da venezuela vc pode ir de Onibus numa boa, as estradas são tranquilas e se vc quiser ir dormindo eles tem o Bus-cama que é o nosso leito, conforto total. Em Ciudad Bolivar, não deixe de conhecer o centro histórico que é muito bacana, de uma passeada as margens do rio Orinoco, o maior da venezuela. Uma otima opção de hospedagem é a Posada La Casita, é tipo uma chacará, um pouco afastada da cidade onde vc tem opções de armar sua barraca, dormir na rede, ficar num quarto ou num chalezinho, opções para todos os bolsos. Apesar de afastada da cidade eles te buscam na rodoviária e tem transoporte gratuito para a cidade em determiandos horários. (tel 617 0832 / 0414-850 0989). A pousada é de Alemães que falam ingles e espanhol tb, o rango é muito bom, rola uma piscininha e eles tem uma parceria com uma agencia de turismo, na verdade acho que são socios da agencia, mas tem que pechinchar. Portanto se não tiver vaga pra O tour do salto angel e vc precisar ficar um ou dois dias em Ciudad bolivar aproveite para descansar lá hehehe. O tour pro salto angel é muito bacana, pega um monomotor de Ciudad Bolivar para canaima, depois pega uma canoa com motorzinho e sobe o rio por 4:30hs, tem momentos que a canoa faz um mini rafting hehehe, muito manero. Chega-se ao ponto de onde parte a trilha para o mirante. Caminha-se por uma hora e chega no mirante do Salto. Volta para o rio, e dorme em redes (com mosquiteiro hauhau) as margens do Rio, no dia seguinte pega uma outra trinha que dá num cachoeira que se forma pelas aguas que vem do salto. Depois do almoço desce o rio de volta para canaima, passamos em umas cachoeiras muito bonitas, uma delas vc passa por tras da bichona, é irado. A segunda noite é numa pousadinha em canaima mesmo, ai no dia seguinte da pra dar uma conferida nos artesanatos e uma volta pela lagoa, que parece uma praia. Depois disso, monomotor e ciudad bolivar novamente. De Ciudad Boilivar pra Santa helena são 12 horas de Onibus, em Santa Helena exitem diversas agencias de turismo. Eu fui na de um alemão, amigo desses alemães de ciudad bolivar, o serviço foi de primeira, rango, barracas, tudo da melhor... não era das mais baratas. Mas tinha um grupo saindo no dia em que cheguei então não titubiei. Num lembro o nome da agencia mas posso ver se consigo com o pessoal da Casita. O trekking do monte roraima é maneiro, a paisagem muda bastante, cada dia é um visu diferente. são 6 dias, No primeiro a gente pega um jipe e vai de Santa helena até o inico da trilha, é uma caminhada bem tranquila, praticamente plana. O acampamento é grande e tem bastente espaço pra montar barraca, bem tranquilo. Segundo dia saimos do acampamento 1 até o acampamento base, nesse dias já rolam umas subidas, são um pouco cansativas mas nada tão exaustivo, é tranquilo. Terceiro dia é o subidão da pesada hehehe, tem trechos bem ingremes, mas se vc tiver um mínimo de preparo, tipo não for mega sedentario vai tranquilo, devagar e sempre hehehe. Nesse dia nós chegamos ao topo e montamos as barracas por lá, tem varios acampamentos distantes uns dos outros. O visu é muito loko. No quarto dia vamos ao ponto mais alto, as jacuses (mas num pense que a agua é quente hauhauha), a janela. No quinto dia descemos e vamos até o acampamento 1, é talvez o dia mais cansativo porque vc anda bem mais, mesmo sendo descida... os joelhos as vezes reclamam. Sexto e ultimo dia, voltamos até o ponto de partida. Vc chega doido pra tomar uma agua bem gelara. na vila tem uma bodeguinha, na verdade é a casa de uma senhora que tem uma geladeira e vende agua, refri e cerveja... quando cheguei num tinha agua, só cerva, tomei 4 latinhas geladissimas numa sentada, a melhor cerva que tomei na minha vida hauhauhau. A minha dica é quando chegarem perguntarem pela casa da senhora e mandar bala na cerva hauhauhaua. Não esqueçam de levar repelente e um saco de dormir bom. Eu não senti frio nenhum dia, mas teve gente que levou saco muito leve e passou um friozinho. No mais é isso, a Venezuela é um pais muito irado, tem muito lugar manero pra conhecer. quero voltar lá pra fazer Mérida, Los llanos, maracaibo e a proveitar pra dar um pulo na colombia, Barranquilha, cartagena, santa marta e curtir uma night em medelim heheheh. Valeu galera qualquer coisa é só dar o toke. Grande Abraço Diogo Segabianzzi
  2. Fala Tiago, Parabéns pela trip e pelas Fotos, curti muito. Tenho mó vontade de conhecer Ilha Grande, to colhendo informações, gostaria de saber onde vc pegou essas dicas do roteiro pra da volta na ilha?? Valeu aeee. Grande Abraço !
×
×
  • Criar Novo...