Ir para conteúdo

judeyamakawa

Colaboradores
  • Total de itens

    179
  • Registro em

  • Última visita

Tudo que judeyamakawa postou

  1. Oi Camille! Com todos esses documentos você não deve ter problemas não. Diga sempre a verdade, já que não tem nada a esconder, e vá com tranquilidade. Fale somente aquilo que lhe for perguntado. Não entendi direito a outra dúvida, mas tente levar sempre uma quantidade de roupas proporcional aos dias em que você vai passar lá.
  2. Nunca usei o tripadvisor pra isso, mas acho que mal não faz. Gosto muito de ver o rating e comentários do pessoal no hostelworld.com, acho que vale a pena você dar uma olhada lá. Além dos comentários, eles separam a pontuação do local por critérios diversos, como limpeza, localização, ambiente, segurança. E além disso, tem o booking.com, mas como você fez a reserva por lá, suponho que já tenha lido!
  3. Camila, fora Amsterdam, achei que você conseguiu hospedagens privativas por um ótimo valor! Apenas tente se certificar de que o lugar é pelo menos ok, lendo os comentários de quem já ficou hospedado e tal.
  4. Provavelmente não. Na última vez em que eu chequei, o seguro era disponibilizado em alguns cartões, somente para o titular ou dependente. Em geral, ninguém recomenda o passe de trem, pois você acaba gastando muito mais do que comprando as passagens separadamente, direto com as companhias.
  5. Oi Gisele! Quanto ao seu roteiro, por incluir muitas cidades da Alemanha e eu só ter conhecido Berlim por lá, vou deixar alguém com mais experiência responder. Todavia, me parece que já está corrido, acrescentar outras cidades deixaria ainda mais complicado. Das cidades que eu conheço, na minha opinião Amsterdam precisa de pelo menos 2 dias, Berlim de 3, Praga 3, Budapeste 3 e Viena 2 ou 3 dias. Isso dá 15 dias, sem os deslocamentos e os dias de chegada e retorno, por isso que eu acho que acrescentar mais cidades não daria certo. Já fiz algumas viagens de ônibus na Europa e foi sempre
  6. Olá, Márcia! Complementando ao que o diogenezzz disse, como Londres encontra-se fora do Espaço de Schengen, o melhor seria deixá-la para o início ou fim de seu roteiro para evitar sair e depois voltar pro Espaço de Schengen e ter que ficar passando na imigração. Por onde vocês pretendem chegar? Se for Barcelona mesmo, também gostei da ordem que você colocou, sendo que os trechos entre Paris - Bruxelas - Amsterdam vocês podem fazer de trem ou ônibus. O restante, em razão da distância, recomendo fazer de avião. Concordo com a indicação de dias dele para Paris e Londres, acho que dá pra faz
  7. No geral, eu gostei da sua distribuição de dias. Pessoalmente, eu tiraria 1 dia de Viena. Não achei uma cidade com atrações tão boas e a noite de lá não empolga. Como opções, poderia acrescentar mais um dia a Paris, para poder conhecer a cidade sem correr muito, ir até Versailles, ou um dia em Bratislava, que pode ser feito em um bate-volta.
  8. A dúvida é antiga, mas caso alguém também tenha problema e caia aqui no tópico: eu também não estava conseguindo efetuar a compra pela Ryanair na última vez que fui comprar e depois de um boom tempo quebrando a cabeça e ligando pro SAC do banco, descobri que a Ryanair queria automaticamente lançar o valor já em reais. Mas o banco (ou a administradora, não sei), não aceita esse lançamento com o valor já convertido. Caso seja esse o problema, na página de finalização eu lembro que tinha uma opçãozinha escondida pra escolher a moeda do lançamento no cartão. É só mudar pro euro e deve dar tudo
  9. Para o Reino Unido realmente não é obrigatória a contratação de seguro, mas para os demais países que você vai é. Acredito que seguro viagem seja um bom investimento, já que a gente nunca sabe o que pode acontecer. Caso aconteça algo (bate na madeira), o prejuízo é enorme pra quem não possui seguro. Ainda que você não vá andar de avião, tem a cobertura também da parte de saúde. Faça a cotação com e sem os 10 dias na Inglaterra e veja se pra você realmente vale a pena correr o risco. http://www.mochileiros.com/seguros-de-viagem-perguntas-e-respostas-t36432.html nesse tópico aqui o
  10. Ops, tinha esquecido SÓ do seguro hahaha Obrigada, Adriano! Sempre preciso!
  11. Quanto ao airbnb, caso você opte por algum lugar de lá, eles enviam por email um comprovante que funciona como um comprovante de reserva de qualquer outro lugar, com código e tudo. É tranquilo. 1) Não sei qual o dia do vencimento do seu passaporte, mas vencimento em até 3 meses da data do retorno não apenas é recomendável, como obrigatório renovar. Esse período é exigência para entrada no Espaço de Schengen, que inclui a Espanha. Se fosse eu, renovaria para ir mais tranquila mesmo que ainda tivesse alguns dias além dos 3 meses. Ainda esse ano os novos passaportes emitidos passarão a ter 1
  12. Olá Renato! Bom, eu sempre prefiro pagar um pouco a mais para ficar nas regiões centrais e economizar com transporte. Em Barcelona, dê preferência a locais próximos à Plaça de Catalunya e em Madrid à Puerta del Sol. Eu gosto de pesquisar no www.hostelworld.com e pelo rating dá pra ter uma noção boa da qualidade dos hostels. Recomendo que dê uma olhada no TOC Hostel de Madrid e Santi Jordi Rock Palace em Barcelona. Fiquei neles em dezembro e recomendo muito, especialmente o TOC, que tem uma excelente localização, é novinho e, pelo menos na época, estava bem barato. A melhor opção é mesm
  13. Eu não conheço, mas eu vejo o pessoal falando bastante de Bruges e Ghent, acho que vale a pena dar uma pesquisada sobre essas opções. E eu acho que 3 e 2 dias para Berlim e Amsterdam, respectivamente, são suficientes. Amsterdam não tem tanta coisa não, a parte turística é relativamente pequena, mas se você pretende experimentar a cidade em toda as suas possibilidades, pode ser que as coisas fiquem mais devagar mesmo hahah Aí mais um dia seria recomendável. Quanto à passagem de retorno, posso estar errada, mas não sei se você economizaria muito com uma passagem Paris - Amsterdam - Brasi
  14. Olá! Você já leu bastante sobre Bruxelas? Via de regra o pessoal não costuma gostar muito da cidade (eu me incluo nesse grupo), então veja se quer mesmo passar 2 dias por lá. No mais, gostei sim da sua distribuição de dias, mas há quem recomende mais 1 dia em Amsterdam e Berlim. Acredito que se você aproveitar bem seus dias por lá, chegando sempre no período da manhã, consiga sim conhecer as cidades. Caso os voos da KLM por Amsterdam sejam os mais baratos para seu retorno ao Brasil, faça Berlim, Paris, Bruxelas e Amsterdam. Dessas cidades, vale a pena voar apenas chegando/ saindo
  15. Julio, se você for a Budapeste e não estiver em grupo, considere o hostel Carpe Noctem, que é excelente pra quem quer aproveitar a vida noturna por lá (pub crawl gratuito todo dia e não aceitam grupos, então fica mais fácil socializar).
  16. Se quiser já comprar um Oyster por precaução, no guichê de informações do Gatwick eles vendem o cartão já carregado (não me lembro o valor da carga porque não comprei, mas acho que era em torno de 20 libras).
  17. Concordo com a Julia e também achei a distribuição de dias bem legal. No mais, com 93 euros por dia e sem contar a hospedagem vocês vão conseguir passar beeem tranquilos por lá, mochileiros ostentação hahah
  18. Imagina! Fico feliz por ter conseguido te ajudar! Qualquer coisa tamo aí! E cara, que massa que você tá indo pra Budapeste, é uma das minhas cidades favoritas. Pena que eu acho que ainda demoro uns anos pra voltar pra lá, caso contrário aceitaria sim sua oferta hahaha Boa sorte com a sua mochila e Budapeste!
  19. Oi Patrícia! Olha, seu roteiro tá, do começo ao fim, bem ruim. Quer dizer, você consegue chegar aos locais que propõe... e só. Não dá pra conhecer cidade nenhuma assim. Edimburgo você não tem um dia sequer para explorar, considerando que pretende viajar todos os dias em que estiver por lá. Acho necessário que repensem isso e deixem um dia só para Edimburgo (não é uma cidade muito grande e nem tão cheia de atrações, mas pelo menos um dia é necessário). 2 dias em Londres vai dar para você conhecer só a região central e olhe lá. O ideal seria 5 dias para conhecer apenas Londres, e ain
  20. Oi Murilo! Veja, eu não sou especialista em Itália, conheço só Roma, Florença e Veneza, então não posso te ajudar muito com o roteiro por lá ou dizer se esses trajetos valem a pena (apesar de me parecerem confusos), mas achei os primeiros dias da sua viagem muuuito corridos, vocês viajam praticamente todos os dias! Isso é complicado pra qualquer pessoa, mas ainda partindo do pressuposto de que sua mãe seja um pouco mais velha e sofra um mais com esse tipo de roteiro. Vocês não deixaram sequer um dia completo para Roma, que é uma cidade encantadora, com muitas atrações (apenas o dia de
  21. Eu usei o passe no meu primeiro mochilão na Europa e gostei pela flexibilidade. Em Budapeste, por exemplo, nos apaixonamos pela cidade e acabamos mudando nosso roteiro pra ficar mais por lá. Se a viagem de vocês não for ficar tão fechada, vale a pena. Apenas se certifique de incluir todos os países em que o trem vai passar e não somente os destinos (dica de mochileira de primeira viagem que quase teve que descer na Eslováquia indo pra Praga porque não tinha incluído no passe e não tinha euro pra pagar na hora hahaha). O trem noturno é tranquilo, mas é aquilo que o paulorco falou, não dá pra f
  22. Acho que o problema da sua é a altura. A minha não coube por causa disso e a sua tem medidas ainda maior - mas a minha era carrinho, com suporte do começo ao fim da mochila. Essa é a parte mais difícil de fazer caber na caixinha, porque se o suporte for duro e passar do limite, aí não tem o que fazer. No site da Centauro fala que a sua tem 78cm de altura, mas meça o suporte das costas, que vai dar pra vc saber se vai dar pra enfiar ou não, desde que ela não esteja completamente lotada (mas isso se você for parado, o que, na minha experiência e talvez sorte, acontece pouquíssimas vezes - no meu
  23. A de 60l (mala + mochila): http://www.decathlon.com.br/eletronicos-e-oculos/mochilas--bolsas-e-malas-37771/malas-de-viagem/mala-tr-light-60-l-preta---vermelha-newfeel_31127?skuId=1063546 A de 50l: http://www.decathlon.com.br/montanha---aventura/mochilas-38170/mochila-trecking/mochila-forclaz-50-litros-quechua_167478?skuId=1809066
  24. Olá! Vamos lá, vou tentar te ajudar em alguns pontos. Quanto a Itália ou Espanha, isso é muito pessoal. Leia mais relatos do pessoal aqui e escolha aquele que você acha que mais te interessa, porque os dois países têm muito a oferecer. Quanto à Itália, nunca fui a Milão, mas dizem que é uma cidade sem muitos atrativos, que não agrada muitas pessoas. Sugiro que considere Florença, que é uma cidade maravilhosa. Já em relação à imigração de Londres, você terá que passar por ela de qualquer jeito, vez que o Reino Unido não integra o espaço de Schengen, ou seja, mesmo chegando na Europa em
  25. Olha, eu já passei com mochila + carrinho de 60 litros mais de 5 vezes pela Ryanair e Easyjet hahah Fui pega só uma vez, pela Ryanair em Glasgow e aí foi triste pagar na hora pra despachar então não recomendo muuito (apesar de achar eu correria o risco novamente). Acho que até 50l dá pra passar de boa (esse ano fui com uma de 50l, peguei 3 voos e não tive problema nenhum). Mas, por precaução, antes de entrar no voo eu vestia/carregava todos os casacos pra dar uma esvaziada e, caso pedissem pra eu colocar na caixinha, a mochila tava mais vazia e dava pra espremer.
×
×
  • Criar Novo...