Ir para conteúdo

zecarlos.teixeira

Membros
  • Total de itens

    53
  • Registro em

  • Última visita

Reputação

0 Neutra
  1. Obrigado pelo elogio, Tiago! Então, tem sim um mínimo de infraestrutura. Banheiro com certeza tem. Porém, água doce para tomar banho, pelo o que me lembro, não tem... Mas acredito que, apesar de algum perrengue, vale muito a pena! Eu nem me senti incomodado com nada, por ser o passeio tão fantástico!
  2. É perfeitamente possível, e foi exatamente o que fiz - fui para Phi Phi apenas pro passeio (o horário das ferry boats funciona perfeitamente para isso - vc vai no dia do passeio no primeiro horário, e volta no dia seguinte no último). Porém, pelo o pouco que vi, eu gostei muito de Phi Phi. A vida noturna (se vc estiver afim disto) parece ser excelente (muito superior à Railay - que praticamente nem tem). Então, se vc estiver afim de curtir night, eu ficaria alguns dias em Phi Phi. Se não, fique apenas em Railay, e faça o Maya Bay Sleepaboard, que vc não vai se arrepender. Railay é lindo de
  3. 30 dias é pouco mesmo - melhor manter tudo aéreo! Quanto à AirAsia, ela tem sim voos entre a Austrália e a Tailândia e o Vietnam! De uma outra olhada no site deles. Lembro que quando fui, também cogitei ir à Austrália, e chequei passagens pela AirAsia. Mas lembro que o preço já era mais salgado - o que faz sentido, já que a Austrália é bem mais longe dos demais países do Sudeste Asiático.
  4. Olá Thati! Perdão, tive um problema com o arquivo em que tinha digitado, e acabei perdendo tudo. Estou rescrevendo as dicas, mas como estou um pouco enrolado no momento, pode demorar um pouco rs. Quanto às passagens internas, a dica é fácil: AirAsia! E não se preocupe com o avião deles que caiu. A companhia é ótima e oferece preços imbatíveis. Todos os meus voos internos foram com eles, e fiquei satisfeitíssimo. Conheço pessoas que usaram outras companhias como o Lao Airlines, Vietnam Airlines..., que são bem mais caras, e que me falaram que preferiram a AirAsia. Além disso, se voc
  5. Pessoal, Antes da minha viagem para o Sudeste Asiático, pesquisei MUITO. Faço isso para todas as viagens, mas entendi por bem pesquisar ainda mais nessa específica, por ser mais exótica. Ao voltar, pensei em fazer um relato completo para retribuir, mas me dei conta de que já existem muitos nesse estilo. Resolvi, então, compilar todas as informações que só fui aprender (ou comprovar) lá, e que (eu pelo menos) não tinha lido em nenhum outro lugar. Dividirei as dicas em gerais (que valem para todos os países do Sudeste Asiático que visitei) e dicas específicas (Tailandia; Camboja; Cingapu
  6. Suminski, Que bom que gostou do relato! Sim, foi por isso mesmo - precisei tanto de ajuda na preparação, que quis retribuir agora, ao menos um pouco. A Tailândia é um lugar fascinante, mas de que ainda não temos tanta informação como temos de outros lugares, como na Europa. Mas isso está mudando... Com certeza! Você tem que fazer esse passeio, que é de fato inesquecível! Sim, apenas um barco faz o passeio de dormir em Maya Bay. Há inúmeros barcos que fazem day trips para lá, e alguns que até programam passeios noturnos (apesar de não ter visto pessoalmente no dia que estive lá, ouvi di
  7. Nati, Quase fizemos juntos. Fiz no dia 12 de fevereiro!! Como eu queria ter dormido na praia hahah Insisti muito com o pessoal do barco. Inclusive, brinquei com o staff que se só eu e minha amiga dormíssemos lá, não ia ter problema, e ninguém ia descobrir hahha Mas não rolou. Aparentemente, a autorização deles só permite dormir na praia quando o passeio envolver uma quantidade pequena de pessoas. Bom, mas, de fato, mergulhando do barco, você vê MIL VEZES MAIS plâncton. Então isso compensou dormir no barco. O ideal seria poder ir ao barco de noite, nadar com os plâncton, e depois vo
  8. Felipe, Muito obrigado pela leitura! Vou postar mais fotos sim! Fiquei tão maravilhado com o passeio, que queria compartilhar o que vivenciei o mais rápido possivel (foi até por isso que vim aqui no seu post recomenda-lo enquanto ainda estava na Tailândia hahah). Serio, estou recomendando pra todo mundo, e não paro de falar nisso hahah Ai como cheguei meio enrolado, não postei muito, mas vou postar mais!! Quanto aos planctôn, cara, é mágico. Literalmente. Da até um pouco de vontade de chorar de felicidade. São MILHARES de planctôn ao seu redor, enquanto você nada com o snorkel. Fan
  9. Pauline, acabo de voltar da Tailândia, e suas dicas foram ótimas!! MUITO OBRIGADO, mesmo!!
  10. Felipe e demais - fiz um pequeno relato, descrevendo apenas o Maya Bay Sleepaboard, que foi o ponto mais alto da minha viagem, e ainda é pouco conhecido. Se quiserem dar uma olhada, será um prazer: maya-bay-sleepaboard-dormindo-na-praia-t110012.html Abraços
  11. Após o pôr-do-sol, foi servido o jantar (incluído no preço). Foi uma comida típica tailandesa (curry e outro prato que não lembro), que estava muito boa, e apimentada na medida certa (o que é importantíssimo na Tailândia hahha). A água é liberada, e eles dão um bucket, que é uma bebida bem típica de lá. É um baldinho, em que despejam algum tipo de bebida alcóolica. No meu caso, foi rum com coca-cola e red bull. Buckets adicionais, assim como cerveja e outros drinks, podem ser comprados no local. Um pouco mais tarde, eles ainda servem um churrasco. Depois do jantar, eu e minha amiga inglesa
  12. Depois, e em torno de 16:30, chegamos finalmente em Maya Bay. Nesse momento, ela ainda estará cheia de turistas day-trippers, mas que felizmente vão aos poucos embora. Quando Maya Bay fica deserta é que de fato o sentimento de A PRAIA é dominante. É realmente a praia mais bonita do mundo! Maya Bay é relativamente pequena, então pudemos explorá-la toda bem rapidamente. Ao concluir, fiquei com a inglesa admirando a beleza da praia deserta, e aguardando ansiosamente o pôr-do-sol, que foi maravilhoso!
  13. Pessoal, Quando estava planejando a minha viagem para o Sudeste Asiático, o mochileiros.com me ajudou MUITO. Por isso, agora que já retornei, queria retribuir, ao menos um pouco. O meu desejo é fazer um relato da viagem inteira, até porque esta incluiu lugares que ainda não vi muito explorados por aqui (como Cingapura e Hong Kong/Macau). Porém, como cheguei com um turbilhão de coisas para fazer, resolvi fazer, primeiro, o relato sobre o ÁPICE da minha viagem (quiçá da minha vida), que foi o Maya Bay Sleepaboard, que é um passeio relativamente novo, de que muita gente tem ainda muitas dúvi
  14. Felipe e demais, Estou na Tailândia agora, e queria muito, desde logo, recomendar o Maya Bay Sleepaboard para todo mundo. Se você só puder fazer um passeio na Tailândia, que seja esse - é indescritível de tão fantastico. Quando eu voltar, devo fazer um relato para tentar ajudar um pouco como o relato de vocês me ajudou. Abraços
  15. Valeu!! Também cheguei a cogitar bastante o Myanmar, mas fiquei com medo de não dar tempo o visto... Estava querendo antecipar em 1 semana minha viagem pro Sudeste Asiático (para incluir India ou Myanmar - cogitei até Japão rs), mas acho que não vai rolar - o ideal seria um lugar sem visto algum (mas aí ainda tem o problema da antecipação do vôo, e suas taxas -- n tive nem coragem ainda de perguntar se além de taxa ia ter diferença tarifária -- ai ia ficar inviável). Acho que vou manter como está tudo mesmo - mais tranquilo, já que o roteiro original já está todo estudado e fechado. Valeu!
×
×
  • Criar Novo...