Ir para conteúdo

SBustamante

Membros
  • Total de itens

    9
  • Registro em

  • Última visita

Reputação

3 Neutra
  1. Indico em Ushuaia o Antarctica hostel. Limpo, funcionários excelentes, boa limpeza, banheiros enormes com agua quente e tem vários jogos de tabuleiro na área comum. O clima por lá é bem descontraído. Em El Calafate gostei muito do Hostal do Glaciar Libertador. A área comum dele é bem bacana e não precisa subir o ladeirão que tem pra chegar no Hostal América del Sur (um dos mais indicados em relatos). Tbm fiquei no Nakel Yenu, igualmente bom e próximo ao América del Sur, mas tem que subir esse ladeirão toda vez que for e voltar do centro de Calafate. Definitivamente vale a pena reservar o mini trekking em el calafate. É um passeio bem básico (no sentido de nível de dificuldade). Se eu soubesse disso na época teria optado pelo Big Ice que é um circuito maior de caminhada no Perito Moreno.
  2. @Ana Carla de Sousa O único passeio que seria adequado reservar com antecedência é a Pinguinera. Ele esgota fácil pq tem um limite de pessoas por dia para a visitação. Os demais acredito que vc consegue na hora sem problemas.
  3. @Ana Carla de Sousa Você pode utilizar os serviços de vans em Usguaia. Elas ficam na área do Porto, de onde parte os passeios de barco. São baratas e levam e buscam até a entrada das seguintes trilhas: Laguna Esmeralda e Parque Nacional Terra do Fogo. O Glaciar Martial você pode ir de táxi e subir sem guia. Os passeios de barco da Isla de Lobos você compra com as operadoras de turismo na própria área do Porto. O preço é padrão e muitas delas dividem os barcos, então não faz muita diferença onde vc compra. Na rua principal tem várias operadoras pra vc escolher o passeio da Pinguinera, Laguna de Los Tempanos ou passar o dia em uma estância fueguina. Se ficar muito na dúvida, pode ir na agência dos Brasileiros em Ushuaia. Não é barato, mas fui bem atendida lá quando viajei em 2015. @M_3_A usei a Rumbo Sur em El Calafate qdo fiz o passeio do Bosque de Lá Leona. Foi o melhor guia que tive na viagem durante os poucos mais de 20 dias que passei na Patagônia. Não sei se O seu caso foi azar ou se a agência caiu na qualidade de serviços... uma pena.
  4. Em Março também há sol até às 21h/22h?
  5. Oi para todos! Então, um tempo atrás eu perguntei aqui no fórum se a BOTA BLOX DRY - SNAKE Guartelá era adequada para fazer algumas trilhas na Patagônia, porque eu já tinha uma e estava mto satisfeita. Durante a última trilha que fiz (Janela do Céu, Ibitipoca, MG), peguei uma senhora chuva e granizo qdo faltava uns 1.700m para chegar na JDC e advinhem, a bota descolou toda. A biqueira e as laterais. Não sei qual a expectativa de duração que uma bota deve ter, mas ela já tinha 2 anos e não estava tão surrada a esse ponto... Fica só o comentário para quem está pensando em adquirir uma Snake/Guartelá.
  6. Olá a todos! Estou planejando um mochilão à Patagônia para Abril/2015 para fazer o Circuito W em Torres del Paine, El Calafate e algumas trilhas de El Chaltén (algo em torno de 20 dias). Tenho lido muitos tópicos do fórum, mas continuo perdida com relação a qual tipo de bota seria adequado. Já tenho uma BOTA BLOX DRY - SNAKE Guartelá que uso há 2 anos e considerava fazer as trilhas com ela. Vocês acham que ela aguenta o tranco ou ela não é aconselhável para esse tipo de trekking? Ela me atende muito bem nas trilhas que faço de dia inteiro, mas são trilhas simples pela Floresta da Tijuca no RJ. http://www.adventura.com.br/bota-blox-dry-snake.html http://stasports.com.br/Eshop.Admin/imagens/stasports/Thumbs/TN500_BLOX2.jpg Tomara que alguém consiga me dar uma luz!
×
×
  • Criar Novo...