Ir para conteúdo

EricBriquet

Membros
  • Total de itens

    13
  • Registro em

  • Última visita

Reputação

5 Neutra

1 Seguidor

Outras informações

Últimos Visitantes

O bloco dos últimos visitantes está desativado e não está sendo visualizado por outros usuários.

  1. Irei para Lima, Ica e Paracas no mês que vem. Dormirei uma noite em Huacachina, pois acho que é um pouco longe para ir direto de Lima. Cerca de 300km o trecho, sem contar que as estradas, dizem serem ruins. Apesar de ainda não ter ido, sugeriria dormir uma noite em Huacachina/Ica e aproveitar alguns dos passeios por lá.
  2. @Debora Fraga o hotel onde eu fiquei se chama Baobab Ridge e a reserva se chama Klaserie Private Nature Reserve. Em alguns sites como o http://www.south-african-hotels.com/ e o https://www.south-african-lodges.com você consegue encontrar as melhores tarifas. No meu caso, eu pagava três diárias e ganhava uma. Entrei agora para ver, a promoção ainda existe mas o preço aumentou bem (quase o dobro do que eu paguei). Continue procurando que encontrará alguma opção. Em último caso, existe a opção de ficar nos Camp Sites dentro do Kruger, não cheguei a pesquisá-los mas acredito que devam ser mais baratos.
  3. Considerando que é a sua primeira vez na Europa e vai ter 5 dias em Paris, eu não gastaria indo para a Disneyland. Mas acho que é muito pessoal, se você tem muita vontade de conhecer pode valer a pena. Eu achei muito parecida com a de Orlando, mas na minha opinião é um parque voltado mais para crianças. Gasto médio é muito difícil dizer. Depende muito da forma como vão se transportar (ônibus, taxi, uber, carro alugado, a pé etc...) e também do que vão consumir durante o dia. Um fast food vai custar cerca de 6 Euro por pessoa, uma refeição num restaurante normal deve ficar em torno de 20 Euro por pessoa, outra opção é eventualmente fazer sua própria refeição/lanches, comprando algo para comer em supermercados e preparando no hotel ou mesmo durante alguns passeios.
  4. É possível fazer diversos trechos pela California sem carro, Los Angeles-Las Vegas e Las Vegas-San Francisco com certeza é possível fazer de ônibus. O problema será visitar o Grand Canyon, onde você provavelmente terá que pagar uma agência e também não deve ser muito barato, mas acho que por toda a economia que for ter sem o aluguel do carro, pode ser que a conta final valha a pena.
  5. Olá, Vou dar as minhas opiniões, acho que 3 dias na Cidade do Cabo está de bom tamanho, considerando um dia praticamente inteiro para descer até Cape Point e dois dias nas prais, Table Mountain e Waterfront. Eu não fui para Gansbai, todos que ouvi, disseram que não valia a pena, mas acho que também não tinha tanto interesse assim. Sun City é um grande complexo, mas não acho nada autêntico, eu acho que 3 dias é muito tempo e você poderia guardar uns dois dias para Joanesburgo (gastando uma tarde ou manhã para conhecer Pretória), em Joanesburgo é onde você vai ver melhor a história do país. Sobre onde começar, eu comecei pela Cidade do Cabo por dois motivos: Primeiro porque o vôo chega em Joanesburgo e eu prefiro fazer um vôo mais curto na volta, já que na ida estou mais empolgado, não me importo de voar por mais tempo. Então Chego SP-JNB-CPT e voltei JNB-SP direto. Outro motivo, guardar o melhor para final, eu achei o Safari realmente a melhor experiência da viagem, então guardei pro final, mas é claro que no final, isso tudo é indiferente. Com relação aos dias extras, acho que vale muito a pena ficar uns dois dias nas Winelands (uns 45km de Cape Town), especialmente se você se hospedar dentro de uma vinícola. Os melhores restaurantes do páis ficam por lá, os vinhos tem preços ótimos e qualidade incrível. No Kruger, acho que vale a pena fazer um self-driving safari, rodar um dia sozinho pelo parque, e um game-drive numa reserva por ali. As diárias eu não sei o preço. Eu paguei cerca de R% 1.000,00 para duas pessoas num quarto duplo, com tudo incluso (acomodação, safari, bebidas e refeições). A entrada no parque, caso esteja no seu próprio carro é algo em torno de 70 reais por pessoa. Se tiver mais alguma dúvida é só falar e tento ajudar na medida do possível.
  6. @Eduardo Eid Ambrosio Olá, Eduardo! Chegou. Estive lá por 21 dias. Mudei bastante o roteiro. Comecei por Cape Town, passei pelas Winelands e fiz a Rota Jardim de carro até Port Elizabeth. Então resolvi não ir a Durban e fui para Moçambique! Via Maputo, fui até uma região chamada Inhambane, depois de alguns dias por lá, fui á Johannesburgo, onde aluguei um carro e fui ao Krugger. Passei 4 dias no Krugger e então voltei para Joanesburgo, onde fiquei alguns dias, passando por Pretória. Se quiser mais detalhes sobre o roteiro que fiz, fique a vontade, estava sem conexão com o site, mas agora voltei por aqui. Quanto a sua dúvida, não posso respondê-la, mas o que me disseram é que de Port Elizabeth a Durban de carro seria perda de tempo mesmo. E acho que uns três dias em Cape Town seriam interessantes. Uns dois dias são suficientes para conhecer bem a cidade, mais um dia para ir até Cape Point (eu fiz de carro, acho que vale muito a pena) e não se esqueça da região do vinhos, Stellenbosch é muito legal, pode fazer um passeio guiado bate e volta de Cape Town ou dormir uma noite na cidade, o que eu fiz e achei que valeu a pena também, principalmente se você se hospedar numa das vinícolas. Abs.,
  7. Postei esse roteiro no TripAdvisor e um turista que viaja com experiência em África do Sul me sugeriu tirar a Rota do Jardim, ficar mais no Kruger e explorar melhor a região ao norte de Durban, citando o parque úmido: iSimangaliso Wetland Park, na região de Santa Lucia. Também disse para, ao invés de fazer Kruger-Joanesburgo-Durban, sair do Kruger de carro, cruzando pela Suazilândia em direção a essa região de KwaZulu-Natal (onde fica Santa Lucia) e ao descer até Durban, me hospedar numa praia mais ao norte da cidade, como Zimbali. São diversas opções, então agora estou pensando em refazer meu roteiro mas ainda são muitas dúvidas!
  8. Olá! Estou programando uma viagem para a África do Sul em Outubro desse ano. A ideia é cobrir o maior número de locais possíveis no tempo que eu tenho disponível, que são 19 dias. Saindo de São Paulo na noite do dia 20/10, o roteiro ficaria assim: 21/10 - Chegada em Joanesburgo 22/10 - Joanesburgo - Passeio pela cidade 23/10 - Joanesburgo até o Kruger Park (com carro alugado em Joanesburgo) 24/10 - Kruger - Safari 25/10 - Kruger - Safari 26/10 - Kruger para Joanesburgo, devolvo o carro no aeroporto e pego um vôo para Durban, chegando lá, pego um transfer até Eshowe 27/10 - Eshowe - Passo o dia na cidade durante a peregrinação do Shembe 28/10 - Eshowe de volta para Durban 29/10 - Durban - Dia de praia 30/10 - Durban - Dia de praia 31/10 - Durban para Port Elizabeth em voo interno pela manhã para aproveitar o fim da manhã e resto do dia em Port Elizabeth 01/11 - Port Elizabeth, alugo um carro e começo a Rota Jardim até Jeffreys Bay 02/11 - Jeffreys Bay vou até Tsitsikamma e Knysna, onde faço o pernoite 03/11 - Saio de Knysna em direção a Oudtshoorn, onde paro para conhecer a fazenda de Avestruzes e The Cango Caves, saindo com destino a Mossels Bay 04/11 - Saio de Mossels Bay, com destino a Agulhas, passo por Hermanus, chegando a Cidade do Cabo a noite 05/11 - Saio de manhã com destino a Stellenbosch para conhecer uma vinícula, onde passo o dia e faço o pernoite 06/11 - Volto de manhã para a Cidade do Cabo 07/11 - Cidade do Cabo- Dia de passeios 08/11 - Cidade do Cabo - Dia de passeios 09/11 - Volta ao Brasil Acho que está um pouco corrido, mas da para conhecer diversos pontos do país. De qualquer forma, se alguém tiver alguma opinião, serão todas muito bem vindas. Obrigado!Até
  9. Também fiquei curioso para saber como foi a viagem e se o roteiro funcionou bem, pois estou fazendo o meu para ir no segundo semestre desse ano.
  10. Sobre Valencia, eu estive lá ano passado e gostei bastante da cidade. Uma das maiores da Espanha, muitas tradições como a típica paella valenciana (muito diferente da encontrada em Barcelona que aliás, serve muita paella ruim nos locais turísticos), tem a horchata, água de valencia... e a cidade é bonita, bem cuidada. Eu acho que vale a pena. Sempre sou a favor de ficar em regiões centrais, fiquei num pequeno hotel chamado Lotelito, gostei, simples mas bom e ótimo custo/benefício, de qualquer forma, considere ficar na região da Plaça de l'Ajuntament. Outra opção, seria trocar Valencia por Cuenca, porém eu não conheço a cidade, está apenas na minha lista de uma próxima visita a Espanha. Eu fiz o bate e volta para Girona e não gostei. Achei a cidade um pouco sem graça e logo parti para Figueres conhecer o museu Dali, a cidade de Figueres também não tinha nenhum atrativo especial mas o museu valeu a pena para mim, que adoro Dali, da pra fazer um tour com os dois destinos através de agências ou, como eu fiz, ir de ônibus, que é fácil, barato e você não fica dependendo de ninguém. Na próxima visita a Barcelona farei uma viagem para Montserrat. Na minha opinião, três dias são suficientes em Barcelona, mas devem ser bem planejados para poder cobrir todos os pontos de interesse e bairros da cidade. Em Madrid, vale a pena conhecer o Mercado de San Miguel, você pode comer pequenos tapas em cada um dos stands de lá. Burrata, torradas com patés, carnes curadas, ceviches, pizzas... diversos tipos de comidas em pequenas porções. Além de alguns stands que vendem cervejas, vinhos e até drinks. Um dos pontos altos da viagem. Toledo também gostei bastante! Uma cidade pequena, mas com bastante história. Ela tem uma pequena praça central e alguns monumentos que valem a visita. Outras duas cidades interessantes e famosas para bate-e-volta são Ávila (famosa principalmente pelas muralhas que a cercam) e Segóvia (com seu aqueduto milenar impressionante). Espero ter ajudado um pouco.... se lembrar de alguma coisa volto no forum para escrever.
  11. Olá! Só a viagem entre Los Angeles e SAN Francisco já deve tomar uns 5 dias, caso queira ir pela costa e conhecer as pequenas regiões no caminho entre elas (Big Sur, Santa Barbara, Carmel, Monterey). Washington D.C. fica na Costa Leste. De resto, acho que algumas das capitais são muito longe. Passar pelo meio oeste, chegar a costa da Califórnia e subir até Seattle, acho muito corrido.
  12. Obrigado pela opinião! Com relação à Valência, já diminuí o tempo de estadia lá mas pelo que pesquisei e também por conselhos que recebi, a Ciudad de las Artes y las Ciencias é imperdível e eu quero ir até lá para visitá-la (até por ser uma atração diferente do resto da viagem). Com relação aos Pueblos Blancos, fiquei também com um pouco dessa impressão que você falou, de ser muito marketing e não tão interessante, estou achando que talvez o melhor seja para em duas delas mesmo. (Descobri até uma delas: Juzcar, que foi pintada de azul, como campanha de divulgação para o filme dos "Smurfs" em 2011 e está assim até hoje, marketing demais). Ainda assim, devo para em Ronda e Setenil de las Bodegas. Estou mudando um pouco de idéia com relação a região de Murcia. Gostaria de passar por ali para conhecer as Salinas de Torrevieja, mas me interessei em fazer a viagem mais pelo sul, passando pelo deserto de Tabernas (que não conhecia), Cabo de Gata etc. Nesse trajeto também me interessei em conhecer as cavernas de Nerja. Com relação ao deserto, o que está planejando? Quantos dias e qual rota está imaginando fazer por lá?
  13. Olá, Estou programando uma viagem para junho de 2015 pela Espanha e gostaria de compartilhar o roteiro que eu criei e gostaria muito de opiniões a respeito, uma parte será feita de trem, outra de carro. O resumo do roteiro é MADRID - ANDALUZIA - MURCIA - VALENCIA - BARCELONA 1º dia - Chegada em Madrid pela manhã. 2º dia - Madrid 3º dia - Madrid (Passeio de meio dia para Toledo) 4º dia - Madrid (Passeio de um dia para Segovia e Avila) 5º dia - Madrid 6º dia - Madrid - Córdoba de trem 7º dia - Córdoba - Sevilha de trem 8º dia - Sevilha 9º dia - Sevilha 10º dia - Sevilha - Jerez de la Frontera - Cádiz (alugando o carro a partir desse dia) - 124KM 11º dia - Cádiz - Vejer de la Frontera - 56KM 12º dia - Vejer de la Frontera - Pueblos Blancos (Arcos de la Frontera - El Bosque - Ubrique - Grazalema - Olvera - Coripe - Setenil de las Bodegas) - Ronda - 197km 13º dia - Ronda - Granada - 170KM 14º dia - Granada 15º dia - Granada - Las Salinas de Torrevieja (Só de passagem para conhecer o lago de sal cor-de-rosa) - Cartagena - 291KM 16º dia - Cartagena - Murcia - 49KM 17º dia - Murcia - Alicante - 80KM 18º dia - Alicante - Valencia (devolvendo o carro na chegada em Valencia) - 179KM 19º dia - Valencia 20º dia - Valencia - Barcelona de trem 21º dia - Barcelona 22º dia - Barcelona (passeio de um dia para Girona e Figueres) 23º dia - Barcelona (passeio de meio dia para Montserrat) 24º dia - Barcelona 25º dia - Barcelona - São Paulo Apesar desse roteiro ser apenas uma base, a viagem é corrida. Nosso intuito durante o trecho de carro, pela Andaluzia e região de Murcia, é aproveitar as paisagens e conhecer mesmo de passagens as pequenas cidades da região dos Pueblos Blanco, e durante esse trecho da viagem não reservaremos hotel para termos a liberdade de ficarmos mais tempo numa cidade, pular alguma coisa do roteiro. (Só teremos hotéis reservados em Madrid, Córdoba, Sevilha, Valencia e Barcelona) Tentamos cobrir o máximo nesse tempo que temos, mas ainda tenho algumas dúvidas com relações a algumas cidades: - Região de Cádiz: Vale a pena ficar em Cádiz? Conhecer Vejer e Jerez? - Região dos Pueblos Blancos: Vale a pena passar por várias das pequenas cidades ou se concentrar apenas em duas ou três? (Pelo que pesquisei, Arcos e Setenil de las Bodegas são imperdíveis) - Região de Múrcia: Vale a pena ir até Cartagena? E Múrcia? E Alicante? Bom, aguardo opiniões. Desde já agradeço a quem quiser dar palpites!!
×
×
  • Criar Novo...