Ir para conteúdo
  • Cadastre-se

LarissaGomes

Membros
  • Total de itens

    1
  • Registro em

  • Última visita

Reputação

5 Neutra

Sobre LarissaGomes

  • Data de Nascimento 08-12-1987

Outras informações

  • Lugares que já visitei
    Argentina, Austria, Brasil, Bulgaria, Chile, Hungria, Paraguai, Republica Tcheca, Romenia, Turquia, Uruguai.
  • Meus Relatos de viagem
    www.facebook.com/rosadosventos1503
  1. Ola mochileiros! Bom, quando eu e uma amiga decidimos fazer o Circuito W de Torres del Paine foi um pouco complicado conseguir informacoes precisas sobre como fazer esse trekking de modo beeeem barato e beeeem mochileiro, por isto resolvi deixar aqui um relato sobre como fizemos o Circuito W gastando muito pouco! Boa Leitura, bom circuito W! Informacoes gerais! O Parque Nacional Torres del Paine encontra-se a 112 km ao norte de Puerto Natales e a 312 km da cidade de Punta Arenas, no extremo sul chileno. É um dos maiores e mais importantes parques chilenos e o terceiro com mais visitas anuais. Foi também considerado uma das 8 maravilhas do mundo em 2013. O parque possui 227.297 hectares e recebe aproximadamente 155.000 pessoas por ano. A temporada inicia-se em outubro e termina em março, período de calor e preços mais elevados. Eu fui em outubro e ainda fazia muito frio, recomendo ir em finais de novembro/inicio de dezembro, quando está mais quente mas ainda não está super lotado como nos meses de janeiro e fevereiro. Eu fiz o Circuito W de Torres del Paine, uma caminhada que tem duração de 4/5 dias e aproximadamente 80 km. Aqui explico com detalhes como chegar, o que fazer, o que conhecer e outras informações, tudo do modo mais roots e barato possível, portanto, se você gosta de fazer trekkings mas prefere um pouco mais de conforto e praticidade te recomendo ler outras páginas: o site oficial de Torres del Paine: http://www.torresdelpaine.com e o site da empresa que gerencia hostels e vende passeios e traslados: http://www.fantasticosur.com Bom Circuito W! Como chegar: Saímos de Puerto Natales por volta das 8:30h da manhã, e para quem ia de carona até a entrada do Parque, saímos tarde. Para chegar ao Parque de carona a partir de Puerto Natales, vá até a costaneira da cidade e faça carona no sentido do Cerro Castor (para a direita de quem está em frente ao mar). O parque fica a 112 km de Puerto Natales (entrada pela Laguna Amarga) e foi bastante fácil fazer carona nesse trajeto. Se você não está tão na pobreza, existem milhares de transfers que fazem esse percurso, basta contratar um. De qualquer forma saia cedo de casa. Chegando no Parque pagamos 18.000 pesos chilenos de entrada, (aproximadamente 90 reais) e recemos um mapa e algumas poucas orientações. Primeiro dia! Entrada Laguna Amarga - Hotel las Torres - Camping Torres - Mirador las Torres A caminhada do primeiro dia inclui 7km da entrada do parque (Laguna Amarga) até o Hotel las Torres, caminho que também pode ser feito em automóvel (existem vans que fazem o percurso e que ficam estacionadas na entrada do Parque). A partir do Hotel Torres começa a caminhada efetivamente e são mais 8 km até o acampamento do primeiro dia, o Torres, que é grátis (para ver mais informações sobre campings grátis leia a legenda de uma foto minha com minha barraca). O ponto alto do primeiro dia é o Mirador las Torres que fica depois do acampamento. O ideal é chegar cedo no acampamento, montar a barraca, descansar e subir até lá. Entre o camping e o Mirador está a trilha mais difícil e cansativa do primeiro dia, é apenas 1 km, mas a caminhada é pesada, a vantagem é que você vai sem mochila. Total de km percorridos no primeiro dia: Entrada Laguna Amarga - Hotel las Torres: 7km Hotel las Torres - Acampamento Torres : 8 km Acampamento Torres Mirador las Torres: 2 km (ida e volta) Segundo dia! Acampamento Torres - Acampamento Italiano. Saímos cedo do acampamento Torres rumo ao acampamento Italiano, mais ou menos as 8h da manhã. O caminho é longo e difícil e gastei um total de quase 10h para percorre-lo, isso considerando umas paradinhas para tirar fotos e descansar. É um dia tão cansativo quanto o primeiro, mas com vistas mais lindas, o lago Nordernskjöld por exemplo é incrivelmente lindo! O acampamento também é grátis (leia mais sobre acampamentos grátis em minha foto com minha barraca). Total de km percorridos no segundo dia: 19 km. Terceiro dia! Acampamento Italiano - Mirador Britânico - Acampamento Italiano No terceiro dia deixamos barraca e mochila no acampamento Italiano (onde se dorme duas noites) para irmos conhecer o Mirador Britânico e depois voltar para lá. É um dos percursos mais difíceis de todo o Circuito W porque nos quilômetros finais há uma junção de pedras, areia fina e escorregadia e montanha super inclinada, dificultando a caminhada e facilitando as lesões. Foi nesse dia que lesionei os meniscos do meu joelho esquerdo. O percurso são de 10 km ida e volta, e embora seja difícil existe a vantagem de não carregar mochila. O Glaciar e o Mirador são lindos, mas depois de um treeking tão árduo eu esperava mais. Total de quilometros caminhados no terceiro dia: 10km Quarto dia! Acampamento Italiano - Guarderia Paine Grande - Mirador Glaciar Grey - Acampamento Las Carretas Seria o nosso dia de maior caminhada então acordamos por volta das 6h da manhã para seguirmos rumo a Guarderia Paine Grande. A ideia era deixar nossas mochilas aí para irmos ao Glaciar Grey sem peso, mas os guarda parques não deixaram, então fomos até a hosteria Paine Grande e nos permitiram deixar as mochilas lá (é cobrado um valor de 3000 pesos chilenos por este serviço mas não nos cobraram nada). De lá fomos ao Mirante do Glaciar Grey. A ideia era chegar até o Glaciar mesmo mas como íamos dormir no acampamento Las Carretas, que é grátis mas é muito longe dali, resolvemos ir só até o Mirante. A vista daí não é ideal mas preferimos fazer isto a pagar para dormir no acampamento Paine Grande. Depois que voltamos do Grey seguimos para o acampamento Las Carretas. A primeira parte do caminho é super pesada, mas depois é só um caminho reto e largo. Total de quilômetros caminhados no quarto dia: 21,5km Quinto dia: Acampamento Las Carretas - Sede Administrativa do Parque Dia de ir embora, chega de caminhar tanto e ficar sem banho! Do acampamento Las Carretas até a sede administrativa são aproximadamente 8km, ao contrário do que consta no mapinha que me entregaram. Somente até a estrada são 7km e até a sede um pouco mais. De qualquer forma é uma caminhada tranquila, a única de todo o Circuito W. Depois de chegar na sede administrativa conseguimos carona para a entrada Laguna Amarga e daí seguimos para Punta Arenas, onde haviamos deixado algumas coisas que não íamos usar no trekking! Acampamentos gratuitos! No Parque Nacional Torres del Paine existem três acampamentos grátis, o Torres, o Italiano e o Las Carretas. O acampamento Torres é onde se dorme a primeira noite no parque e possui basicamente uma área para você colocar sua barraca; uma cozinha (um cercado de madeira com umas prateleiras para apoiar utensilios e alguns troncos de árvores para se sentar); dois banheiros com vaso sanitário; um riacho onde se pode beber água e lavar vazilhas e uma casinha do guarda parque. Não existe chuveiro e muito menos energia elétrica. Já o acampamento Italiano é onde se dorme a segunda e terceira noite do Circuito W e tem as mesmas instalações que o acampamento Torres, a única diferença é que no Italiano faz menos frio e tem sempre mais gente, por estar no meio do Circuito. E por fim nossa sacada de mestre, o acampamento Las Carretas, onde dormimos nossa última noite. O que a maioria das pessoas faz é acampar de graça no Torres e no Italiano e no último dia acampam no Paine Grande (que é pago) e na manhã seguinte voltam pra entrada do parque de catamarã (que também é pago e é caro) para irem embora. Nós nao fizemos isso, mas sim passar direto pelo Paine Grande para acampar no Las Carretas, que tem como diferença o fato de não haver guarda parque e de quase ninguém comentar sobre ele ou acampar lá, mas nós ficamos e havia mais umas cinco barracas por lá. Portanto, é possível fazer o Circuito W de Torres del Paine sem gastar com acomodação, você só vai precisar andar uns km a mais. Galera, espero ter ajudado a mocada que estava buscando informacoes sobre o Circuito W, e principalmente a galera que viaja com pouca grana mas que nao perde uma boa mochilada por nada desse mundo! Tenho uma pagina no facebook onde conto mais sobre minha viagem e sobre as cidades e países por onde passo. Curtam la! www.facebook.com/rosadosventos1503
×
×
  • Criar Novo...