Ir para conteúdo

flaviorjardim

Membros
  • Total de itens

    11
  • Registro em

  • Última visita

Reputação

0 Neutra

Últimos Visitantes

O bloco dos últimos visitantes está desativado e não está sendo visualizado por outros usuários.

  1. Bom relato, da pra tirar algumas dúvidas. Eu estou indo no final de agosto e com o orçamento meio apertado, então estou pesquisando também sobre lugares com alimentação mais em conta. Minha única ressalva é em relação a esse restaurante El Turco. Ao pesquisar sobre ele no TripAdvisor vejo que é extremamente mal avaliado, tendo dezenas de relatos de péssimo atendimento até casos de extorsão por conta do proprietário. Assim, quem estiver procurando um local mais barato para alimentação, recomenda-se que pense duas vezes antes de ir nesse lugar , aparentemente o dono e os garçons não gostam de brasileiros. Aproveitando a deixa, quem souber de bons restaurantes com bons preços, por favor, poste ae!
  2. Pra quem vai se hospedar em Bellavista, Providência ou região existe apenas uma casa de câmbio, que fica no Pátio Bellavista, no desespero você pode trocar alguma pequena quantia la, mas talvez por ser a única casa de câmbio da região, ela possui uma cotação horrível, absurda de baixa tanto pra dólar quanto pra real. Por falta de planejamento, cheguei em Santiago domingo a noite com toda minha grana em dólar e não tinha como trocar por causa do horário, como ja tinha passeio pra fazer segunda-feira cedo, tive que pagar o passeio em dólar e acabei perdendo um pouco de dinheiro nessa transação. Assim, se você for chegar tarde em Santiago, faça as contas para ver se vale a pena comprar uma certa quantidade de pesos aqui no Brasil ou se é melhor trocar la no aeroporto de Santiago mesmo.
  3. flaviorjardim

    Esqui no Chile

    Fui pro Valle Nevado e El Colorado em julho desse ano com a dúvida se era possível adquirir o ticket de estudante para acesso aos teleféricos. Apesar de que os meios oficiais de comunicação das empresas disseram que o ticket era apenas para chilenos, no El Colorado bastava pedir o "ticket estudiante" que te passavam tranquilamente, se você aparentar ser mais velho do que 24 anos, talvez perguntem sua idade e podem pedir sua identidade. Ja no Valle Nevado, quando fui no primeiro caixa e pedi um ticket de estudante, a moça disse que era apenas para chilenos, de cara ela percebeu que eu era estrangeiro por causa do sotaque. Assim, esperei um pouco, tentei não deixar o sotaque aparecer e fui no caixa do lado e pedi o "ticket estudiante" e a moça apenas me perguntou se eu tinha menos de 24 anos, disse que sim e ela me deu o ticket. O desconto para estudantes acho que é cerca de 10.000 pesos, um excelente desconto principalmente se você for fazer mais de um dia de ski/snowboard. Caso tenha, leve sua carteira de estudante, apesar de não me pedirem, é sempre bom estar portando-a. (A carteira foi útil em Atacama, onde todos os passeios cobram entrada e possuem desconto para estudantes apresentando a carteirinha).
  4. O valor ja está incluido a taxa também além do IOF. Quando vc vai comprar eles especificam a taxa cambial e o VET(Valor Efetivo Total). No meu caso a taxa cambial foi 3,22 e o VET 3,2417619. O valor do VET ja está diluído o valor do IOF e da Taxa de R$ 20,00. O valor diluído da tarifa de R$ 20,00 varia porque quanto maior a quantidade comprada mais diluída a taxa fica na taxa cambial.
  5. Não sei se todo mundo sabe e nem vi muita gente falando sobre, mas a Caixa Econômica Federal trabalha com câmbio de dólar e euro, pelas minhas pesquisas ela trabalha com o melhor preço dentre as casas de câmbio. Por exemplo, comprei dólares ontem na Caixa por 3,24, sendo que o melhor preço que achei em casa de câmbio foi de 3,33. Dependendo da quantidade de dólares que se compra, a diferença de alguns centavos entre as cotações pode gerar uma boa economia. Resolvi levar dólar pra tocar em pesos em Santiago, pois dessa forma se consegue uma melhor cotação. Seguindo a cotação da Brollano (http://brollano.cl/precios.html) se eu levasse real conseguiria 192 pesos por real. Ja se eu levar dólar, eu consigo cerca de 200 pesos. Creio que vale a pena fazer essa troca de moeda duas vezes. Obs 1: A cotação da caixa era de R$ 3,22 no dia 15/07/2015, mas tem uma taxa de R$ 20,00 e o imposto de 0,38% que ja vem diluído sobre o valor da cotação, assim, paguei 3,24176. Obs 2: Não precisa ser cliente caixa. Obs 3: Pra ver as agências autorizadas para operar o cambio é só acessar aqui: http://www.caixa.gov.br/internacional/operacoes-cambio-especie/agencias/Paginas/default.aspx Para saber a cotação do dia é só ligar para qualquer uma das agências autorizadas
  6. flaviorjardim

    [[Template core/front/global/prefix is throwing an error. This theme may be out of date. Run the support tool in the AdminCP to restore the default theme.]] Deserto de Atacama

    Olá Vivian, Estou indo pra SPA no final de julho e solicitei um orçamento com a agência Ayllu dos passeios que quero fazer. Os passeios que solicitei são: 24/07/15 - Passeio a tarde até o Valle de La Luna (pôr do sol) 25/07/15 - Lagunas Altiplânicas + Salar de Atacama + Piedras Rojas 26/07/15 - Salar de Tara 27/07/15 - Geysers del Tatio + Machuca + Trekking Guatin + Termas de Puritama Não me passaram o valor por cada passeio, apenas o valor total, que por sinal, achei muito alto e totalmente fora do meu orçamento. O valor foi de 295.000 CLP ou R$ 1.735,00. Os valores estão elevados porque alguns dos passeios aparentemente outras agências não fazem, como por exemplo os Geysers del Tatio + Machuca + Trekking Guatin + Termas de Puritama no mesmo dia. Neste link aqui fala os preços médios por passeio e por agência. Não sei se estão atualizados, mas pelo que vi o pessoal falando, o preço dos passeios quase não variam. http://www.dicaseturismo.com.br/quanto-gastar-atacama/
  7. flaviorjardim

    Esqui no Chile

    Mandei uma mensagem para a página oficial do Valle Nevado no facebook perguntando sobre o passe de estudante e responderam que é somente para estudantes chilenos... De qualquer maneira levarei minha carteira, vai que cola.
  8. flaviorjardim

    Esqui no Chile

    Galera, olhando os preços do passe Valle Nevado reparei que tem desconto para estudante, saindo, na alta temporada, por 33.500 pesos ao invés de 45.000: "Passe Estudante: até 24 anos apresentando credencial e cédula de identidade." Vocês sabem me informar se esse passe serve para estudantes turistas apresentando a carteira de estudante?? Outra pergunta, estou fazendo o orçamento da minha viagem e fazendo a cotação com a All To Ski, o valor do equipamento mais transfer está saindo por 30mil pesos por dia (Equip. 16.000 pesos + 14.000 transporte). Juntando o valor do passe de 33500 (caso o passe de estudante turista seja válido) vai dar 66.500 pesos no total, cerca de R$ 330,00 por dia. Achei o valor bastante salgado, e olha que esses foram os melhores preços que encontrei na minha pesquisa... Esse é o valor mesmo ou há alguma maneira de reduzir esses gastos? Valeu!
  9. flaviorjardim

    Esqui no Chile

    Vendo as respostas aqui e conversando com outros membros do fórum, já abortei a missão de alugar carro pra subir a montanha, realmente é melhor não correr o risco de estragar a viagem. A outra dica de alugar equipamento em Santiago foi ótima, farei isso! Muito obrigado pelas respostas galera, ajudou bastante! Qualquer dica relevante que eu encontrar ou vivenciar, postarei aqui para ajudar outros membros. Abraço!
  10. Excelente dica Ricardo, valeu demaiss!! Vou pra Santiago em Julho e de la irei pra San Pedro de Atacama. Fiz o que você falou no site da Sky Airlines, ao invés de deixar Brasil, troquei pra Chile. Caso eu tivesse deixado Brasil e efetuasse a compra, daria 154,50 dólares (com taxas), quando troquei pra Chile, saiu por 79,80 dólares (com taxas), cerca de 230,00 reais de economia! Mais uma vez obrigado. Abraço!
  11. flaviorjardim

    Esqui no Chile

    Fala galera, tudo bem? Ja li diversos relatos neste site e fiz diversas pesquisas pela internet sobre o Chile, especialmente na alta temporada de inverno para a prática de esqui/snowboard. A cada hora descubro uma nova dica útil, porém, tenho mais algumas dúvidas que gostaria que vocês me ajudassem a saná-las. Estou programando uma viagem para o Chile saindo no dia 20 de julho e voltando de Santiago após 10 dias mais ou menos (ainda não decidi o tempo da estadia), estou indo até então com mais 2 amigos. Sem mais delongas, aí vão minhas dúvidas: - Quero fazer uma viagem extremamente econômica (sem luxos) mas aproveitando ao máximo (fazendo as atividades e conhecendo os lugares), pesquisando preços de hostels em Santiago e nas montanhas (Farellones ou Valle Nevado) a diferença de preços é absurda e cheguei a conclusão que é mais viável hospedar em um hostel barato em Santiago e então subir para as estações nos dias que irei praticar o Snowboard. Queria a confirmação de vocês se realmente é melhor fazer isso pra quem quer economizar? - Está dúvida envolve o meio de locomoção até a estação, ja vi muitos dizerem que não vale a pena alugar um carro, pois é perigoso e é necessário instalar as correntes nos pneus, e que o mais indicado seria um contratar transfer ou então combinar com um motorista particular. O grande problema é que na alta temporada a estrada para a estação fica entupida de veículos e geralmente como o transfer possui um horário fixo de saída(8:00 ou 8:30), acredito que eu perderia muito tempo na estrada engarrafada até chegar ao local, conforme eu li em relatos anteriores. A minha idéia era alugar um carro para sair o mais cedo possível e evitar esse trânsito pesado e garantir uma vaga para estacionar e relaxar antes da estação abrir, alugando os equipamentos com tranquilidade sem estar entupido de gente nas lojas. Qual é melhor a escolha: alugar um carro dividido por 3 pessoas ou combinar com um motorista particular(no horário e local que eu estipulasse)? Se for a segunda opção, onde consigo "arrumar" esse motorista particular? - Pretendo fazer 5 dias de snowboard, vi que o valor do passe diário em Valle Nevado está de 43.000 pesos chilenos (cerca de R$200,00), sei que o ski/snowboard é um esporte caro, mas ainda sim achei um preço bastante salgado, somando o valor das botas e prancha que terei que alugar, gastarei cerca de R$ 300,00 por dia. Há alguma forma de obter desconto no valor do passe, tipo, comprando 5 dias de passe de uma vez , ou então fazendo um pacote com alguma loja de equipamentos (equip. + passe 5 dias)? - Última dúvida, serão 5 dias de snowboard e outros 4 ou 5 que ainda não planejei o que fazer, creio que visitarei Valparaíso, mas gostaria de receber mais sugestões de passeios para se fazer, tenho preferência por passeios que você interage com o ambiente e não apenas o observa, tipo cavalgada, tirolesa, parapente, etc. Alguma empresa indicada para tais atividades? Desde ja agradeço quem puder contribuir com as minhas dúvidas e será muito bem-vinda qualquer dica de viagem adicional que puderem dar. Me desculpe se essas dúvidas ja foram respondidas em tópicos anteriores, mas realmente não encontrei. Abraço!!
×
×
  • Criar Novo...