Ir para conteúdo

Grazi Sousa

Membros
  • Total de itens

    7
  • Registro em

  • Última visita

Reputação

10 Boa

Sobre Grazi Sousa

  • Data de Nascimento 08-05-1987

Últimos Visitantes

445 visualizações
  1. olá.

    Saio em 23 de julho de SSA para Luxemburgo, Alemanha, Holanda e Bélgica.

    Roteiro arrumado e algumas reservas já feitas... mochilão

    1. Grazi Sousa

      Grazi Sousa

      Opa. Desses destinos, só Amsterdã coincide. Chego dia 23/08. 

  2. Esta foi minha primeira viagem internacional. Fiz várias pesquisas, e depois de tentar encaixar a data com várias amigas sem sucesso, resolvi partir solo. E ó: FOI EXPLÊNDIDO! DIA 01 - Cheguei em Santiago dia 18/08/2017 no meio da tarde. Depois de esperar umas 2 horinhas até passar pela imigração (levei só a mala de mão), fiz o mínimo de câmbio: só pra pegar o bus e comprar/carregar a tarjeta do metrô. (Dica pra ver as Cordilheiras do Avião: sente na janela do lado esquerdo). Peguei o METROBUS do lado de fora do aeroporto - um ônibus azul chamado CENTROPUERTO, e avisei ao motorista que ia descer na estação Pajaritos. (1.700 CLP - ideal ter dinheiro trocado pq eles quase nunca tem troco). Na estação, emiti minha Tarjeta BIP (1.550 CLP) e carreguei com o que eu tinha previamente calculado pro itinerário da cidade. Me hospedei no Hostal Providencia, então desci na Estação Baquedano e fui andando até lá. Depois de acomodar minhas coisas, corri pra pegar o metrô de novo (a propósito o metrô de Santiago é MUITO bom e organizado!) e fui pra Rua Augustina fazer o câmbio (levei cartão de crédito e reais em espécie). voltei pra Providencia de metrô e caminhei no final da tarde, comecinho da noite. A região é linda e achei bem segura também. Fui no Tacobel e comprei meu jantar kkkkk (dica econômica: na Calle Pio Nono vc tem o basicão de fast food: Tacobell, Subway, um Mc em uma travessa por ali), depois voltei ao Hostel e fui descansar pq tava só o pó. Sobre o Hostal Providência: Não gostei do quarto que fiquei, misto p/ 04 pessoas. Muito mofo na parede e pra chegar no banheiro tinha que passar pela área de luz (num frio duzinfernos). Pontos positivos: locker era bem grande, o café muito bom e bem completo pra um hostel (c/ ovo cozido, pão fresquinho, várias geléias, banana, maçã, tangerina, aveia, café e leite), a equipe também super agradável e solícita. A localização é excepcional: 500m do metrô, em Providência - um bairro central e elegante, perto de mercados, farmácias, restaurantes e cafés, e também do bairro Bellavista. Ficaria novamente pelo preço/localização, mas tentaria trocar de quarto (o que n o fiz). DIA 02 - acordei e fui fazer meu roteiro city tour. Comecei indo a pé para o Bairro Bellavista, admirar a arquitetura do bairro e o clima descolado. Tudo muito lindo! Fui almoçar no Patio Bellavista, no La Casa En El Aire e pedi o prato do dia (entrada - sopa c/ torradas + principal - carne, arroz e batata frita - + sobremesa + uma taça de vinho ). N me recordo o valor, mas tava bem em conta e bem servido. Depois caminhei mais um bocadinho até o funicular pra o Cerro San Cristobal. Subi de funicular e fui observar a paisagem e o local. Estava com um pouco de fog, então não dava pra ver bem as Cordilheiras, mas n anulou o visual maravilhoso. Lá tem o Santuário da Imaculada Conceição , uma praça de alimentação, (onde vc tem que tomar o Mote con Huesillos (uma espécie de bebida com trigo e pêssego em calda) e vários locais pra você se aconchegar e contemplar. É uma delícia de lugar, que transmite uma paz sublime. Depois de explorar essa parte, peguei o teleférico. Fui e voltei sem muita demora porque ainda tinha várias coisas na agenda do dia. Daí desci de funicular e segui o roteiro. Peguei o metrô pra o Mercado Central, mas infelizmente o Empório Zunino estava fechado e não comi suas famosas empanadas. Nem cogitei a tal da Centoula, mas fiz um passeio rápido pelo Mercado. Depois disso, fui andando até a Praça de Armas e o Palácio da Moeda. Daí parti pro Cerro Santa Lucia, mas faltou perna pra subir. Kkkkkkk. Eu estava EXAUSTA! Então deixei pra próxima oportunidade e segui pro Hostal. DIA 03 - Fui visitar a Concha y Toro pela manhã. Pra isso peguei o Metro até a Estação Las Mercedes, de lá um metrôbus pra vinícula (apenas os 73, 80 e 81 passam por ela). Acabei fazendo o tour em Inglês porque era o horário que encaixava bem na minha manhã. O tour é bem basicão msm, a experiência é interessante, mas não espere nada muito elaborado. Almocei no restaurante de lá, um sagu de cordeiro c/ uma taça de Marques Casa Concha. Fui na loja de souvenires e comprei um kit de vinhos e alguns chaveiros (Atenção, não faça como eu e esqueça que pra comprar o kit tem q despachar bagagem! Paguei + 100.000 CLP pra despachar. Quase choro de ódio). Depois peguei o bus/metrô e parei na estação Tobalaba, de onde segui pro Skycostanera. Dei uma enrolada no shopping (comprinhas!), lanchei uns Tacobells kkkk e esperei pra subir ao pôr-do-sol (onde se teria a melhor visão). O que de fato procede. A vista é de tirar o fôlego e estava sem FOG, o que proporcionou A visão das Cordilheiras em toda sua majestade. \o/ Fiquei até o cair da noite. Detalhe: só tinha brasileiros lá em cima. Sério. Aparentemente é um programa brazuca. Hahaha. Peguei o metrô e voltei pro Hostal. Arrumar as malas pra pegar o avião pra fronteira c/ o Peru. Comprei pela SKY Airlines. Ficou - US$45 (Santiago/Arica) - pela internet, com bastante antecedência. É low cost, só com bagagem de mão de 10kg. Cheguei em Arica, peguei um tranfer compartilhado pra rodoviária e de lá um bus pra Tacna. AMEI SANTIAGO! Espero voltar em breve pra conhecer os arredores, Valle Nevado, Viña Del Mar e Miraflores. Foi o que deu pra fazer nesse tempinho curto, mas adorei cada minuto. O clima, a cidade, a arquitetura, as paisagens. Tudo.
  3. Se estiver por Paris entre 27/08 - 31/08, add aqui que tb estarei por lá.
×
×
  • Criar Novo...