Ir para conteúdo

André Barcellos

Membros
  • Total de itens

    1
  • Registro em

  • Última visita

Reputação

0 Neutra

Bio

  • Ocupação
    Empresario

Outras informações

  1. André Barcellos

    Mendoza

    Olá, pessoal! Essa é minha estréia neste fórum, que conheci há pouco tempo. Aliás, também sou estreante nas viagens com mochilão. Decidi abandonar a galera do "pacotão". Ademais, minha experiência internacional resume-se a algumas viagens como "auxiliar de sacoleira de Ciudad del Leste". Portanto, perdôem-me algum eventual equívoco que eu possa cometer, dado a minha condição de debutante no assunto. Vamos ao que interessa: navegando por essas páginas, interessei-me em conhecer a Província de Mendoza e adjacências. Para finalizar (por favor, não me xinguem), gostaria de compartilhar um "resumão" que tentei fazer a partir das preciosas informações registradas aqui sobre Mendoza. E que o deus Dionísio me abençôe e me proteja nessa empreitada. Abraços, André. MENDOZA Como chegar: Partindo de Santiago, aproximadamente 8 horas de ônibus, dependendo do bom-humor dos Carabineros na fronteira (ver http://www.andesmar.com.ar; e http://www.turbus.com). Hospedagem: http://www.hostelindependencia.com.ar http://www.campo-base.com.ar http://www.hostelmendoza.net/'>http://www.hostelmendoza.net/ http://www.hostalconfluencia.com.ar http://www.damajuanahostel.com.ar Passeios: Vinícolas (La Rural, Trapiche e Família Cerno, etc.); Museu do vinho; Excursões pra Alta Montanha, cavalgadas, trekking, rappel, rafting (ver http://www.mendoza.com.ar); Baladas (ver http://www.mendozanoduerme.com.ar). Comentários: "Fiz o tour que eles chamam de Alta Montaña ($50 Pesos) - você passa pela cidade de Uspallata, e visita Los Penitentes (ver http://www.penitentes.com), Puente del Inca e Las Cuevas que já fica na boca do túnel para o Chile". Passa também pelo Parque Provincial Aconcágua. "Mendoza é uma cidade legal e bem tranqüila. Muito bem arborizada com casas bonitas e um parque muito legal - San Martin. Tem uma universidade e por conta disso alguns barzinhos interessantes na Avenida Collon próximos ao parque. Os preços no geral são mais baratos que Buenos Aires. As agências têm um leque de passeios tradicionais e radicais. Os vinhos de lá são os melhores da Argentina e bem baratos". "Na rodoviária de Mendoza tem uma sala grande de vidro, onde funciona o Centro de Atendimento ao Turista. Eles também organizam excursões para alta montanha e outros passeios. O pessoal é super atencioso. Fiquei hospedada em um hostel bem em frente a rodoviária. O lugar é ótimo, fiz muitos amigos lá. O preço é bem acessível. Tem quartos comunitários e quartos individuais. Fica a umas dez quadras do centro, mas vale a pena". "Fiquei no Hostel Internacional (http://www.hostelmendoza.net) e eles tinham uma agência, fiz um passeio que começava com um trekking na base dos Andes, que terminava com um rappel de 40 metros, e na parte da tarde tinha um rafting de duas horas pelo Rio Mendoza, com lanches, transporte, equipamento, tudo incluso, por 110 pesos. "Se quiser comer bem e gastar pouco em Mendoza vá até o Mercado Público, no centro da cidade, acho que na avenida Las Heras. O mercado é bem limpo e tem uma área de alimentação bem movimentada com alguns restaurantes baratinhos".
×
×
  • Criar Novo...