Ir para conteúdo

f0soare

Membros
  • Total de itens

    183
  • Registro em

  • Última visita

  • Dias Ganhos

    1

f0soare venceu a última vez em Abril 11

f0soare tinha o conteúdo mais apreciado!

Reputação

95 Excelente

Informações de Viajante

  • Próximo Destino
    Suiça / Austria

Últimos Visitantes

O bloco dos últimos visitantes está desativado e não está sendo visualizado por outros usuários.

  1. Então, mas é aí que tem que haver reflexão... mochilar é isso? Depender de terceiros para sobreviver e ter “vida plena e feliz”. ? Sinceramente, acho que é um preço muito alto, que no futuro fica mais caro ainda... Acho hipocrisia falar que vive sem dinheiro, pode até sobreviver sem o dinheiro dele, mas tem o dinheiro dos terceiros que sempre dão algo... Particularmente penso que a pessoa precisa se estruturar para cair no mundo, sem depender do esforço de terceiros para sobreviver....
  2. Estive em Florianópolis recentemente e cruzei em dois momentos com mochileiros que se diziam “raiz”... Em ambos os casos, nos encontramos em restaurantes, onde estavam pedindo para alguém pagar um prato de comida para eles... não estavam em estado deplorável, mas estavam bem magros, sujos e abatidos... mas ainda sim se diziam “felizes”... mas em ambos os casos, perguntei pq não voltam pra casa e a resposta que tive foi, em resumo, que eles saíram para dar a volta ao mundo e não voltariam enquanto não completasse o sonho... Enfim, cada um tem sua visão da vida, se a pessoa está aberta a e
  3. Dependendo do país até arriscaria... mas a situação atual de criminalidade no Brasil não me permite fazer isto... Sei que a maior parte das pessoas são de bem, mas não dá para ficar arriscando, principalmente nas capitais...
  4. Parabéns pelo raciocínio e pelo senso de realidade... as vezes vejo que muitos perdem essa forma pragmática de raciocinar..
  5. @Henriquexxt , a cada viagem, quando retorno ao Brasil, tenho o sentimento que deveria ter ficado lá fora... Isso acontece pois é muita coisa nova, estilo de vida diferente, um ritmo de vida diferente da rotina do dia a dia... Agora, uma coisa é viajar, ficar 30, 60, 90 dias de curtição e saber que, quando voltar para a sua origem, seu emprego estará te esperando e você produzirá para poder viajar novamente... Outra coisa é "largar tudo" e sair sem essa "segurança". É uma grande diferença entre viajar de férias e jogar tudo para o alto para cair na estrada... Lembre-se dos "ciclos" d
  6. Você já viajou de avião alguma vez? Se não, sugiro fazer um voo curto para se familiarizar... Já que você reconhece essa fobia, iniciar em um voo longo é meio complicado. Agora, se você já fez, compra sua passagem, relaxa e aproveita.... Muitas pessoas pensam sempre nas coisas ruins que podem acontecer e sofrem por antecipação... a mente fica a mil e é aí que nosso corpo nos sabota. Já parou para pensar que durante nossa existência, vivemos entregando nossa vida nas mãos terceiros..É rotina em nossa vida.... Fazemos isto quando entramos em uma cirurgia, pegamos um ônibus, pegamo
  7. Acho interessante esse tipo de discussão, pois nos permite analisar o tanto que é complexo a questão de ponto de vista... Se não estou enganado, Berlim e Barcelona são as cidades que mais "reclamam" deste tipo de hospedagem, alegando o aumento de preço para os moradores... Temos outras cidades com grande fluxo que estimulam esse tipo de acomodação, incentivando e regulamentando com impostos para a concorrência ficar equilibrada. Mas o fato é que não tem como ir no sentido contrário... As cidades que são resistentes, logo terão que se adaptar... A diferença é muito grande... Ex.
  8. @poiuy , Particularmente discordo do sua experiência... Nos pontos citados como Inflexibilidade do Checkin e checkout, problema com anfitrião, dificuldade de encontrar o local e o mesmo não corresponder ao anunciado, eu ainda não tive esse tipo de experiência então acredito que não podemos generalizar. Claro que na hora da escolha, procuro os Super Hosts e me informo sobre as condições do local antes de fechar, mas acho mais fidedigno as características apresentadas por esses anfitriões que pelos Hoteis por exemplo, onde sempre encontro algo que não estava "escrito" no anuncio. Penso que
  9. Não posso considerar o Airbnb mais como inovador, pois já uso há anos... a primeira fez foi em 2014 se não me engano.... Eu costumo escolher o Airbnb por dois principais fatores: Flexibilidade e preço... Geralmente tem espaços maiores que os Hoteis, geralmente tem cozinha que te permite experimentar a culinária local do seu jeito, geralmente o processo de check in e check out é mais flexível que o Hotel... e o melhor: Quase sempre é mais barato... Já o Uber não costumo usar... e também não utilizo taxi... Sempre que viajo, já tento sair de carro do aeroporto e aqui no Brasil, não p
  10. Então, você mesmo já tem a resposta... Meu amigo, se joga... calcula quanto tempo dá para ficar com a grana que vc tem e se lança... Vai realizar seu sonho....
  11. @Ronaldo Ewerton A primeira coisa que você precisa saber é: "O que você quer? '" ...Você se identifica melhor com que cultura/país? Qual você tem mais vontade de conhecer? Respondendo isso, vai comprar sua passagem... é melhor realizar um sonho em 10 dias de férias do que tirar 30 em um lugar que você não tem tanta vontade de conhecer... Eu particularmente fiz isso... Um ranking de países/cidades que eu tinha vontade de conhecer.... Até o TOP 10, priorizei eles... depois comecei a ficar flexível com o destino de acordo com as oportunidades de cambio / passagem...
  12. É muito difícil eleger um só lugar, mas as belezas naturais que mais me impactaram foram as dos Alpes Austríacos. Se eu fosse eleger um destino de Praia, seria Ilhas Mauricio pelo conjunto da obra...
  13. Acho muito difícil as coisas se normalizarem a curto prazo... Viagem para este ano acredito ser bem complicado, pois o turismo vai ir voltando aos poucos e sendo medido em relação a pandemia... é fato que esse bloqueio não deve ser muito longo pois há uma grande demanda por viagens e uma grande necessidade econômica dos países para que elas sejam realizadas... o que acredito: a curto prazo nada muda, em médio prazo vem a flexibilidade, junto com as novas regras e procedimentos para minimizar o risco.. Voltar ao que era antes, só com um tratamento efetivo ou vacina. eu comprei passa
  14. @nandopribeiro Neste momento que estamos passando, eu já penso ao contrário dos colegas. Entendo que agora é a hora de aproveitar com sabedoria as políticas de flexibilidade oferecidas pelas Cias aéreas, se você tiver um pouco de flexibilidade de datas. Eu comprei uma passagem pela Latam para março por 40mil pontos cada perna, com 2 malas em voo direto... um preço que não vejo há bastante tempo.... Ela está dando até 1 ano após a data original da compra com remarcação grátis, então, se der qualquer problema, remarco para 2022. Particularmente, não acredito em uma cura ou tratam
×
×
  • Criar Novo...