Ir para conteúdo

Claudinha - Trips Incrívei

Membros
  • Total de itens

    31
  • Registro em

  • Última visita

Reputação

0 Neutra

Últimos Visitantes

O bloco dos últimos visitantes está desativado e não está sendo visualizado por outros usuários.

  1. Gente, preciso de ajuda Faço as fotos com iPhone, organizo tudo nas pastas, por cidade, na hora de passar pro computador, fica tudo junto e misturado. Já tentei de várias maneiras, baixei iTunes pro PC ( Windows )... Não existe maneira de baixar os álbuns certinhos já pro computador? É muito trabalho, e ainda trabalho dobrado né...fora que se acumula fotos de mais dias, tem que ficar adivinhando qual é o lugar. Help please!!!
  2. por Trips Incriveis tripsincriveis.com Seguindo viagem, nosso destino era Tamandaré. Mas para chegar, foi necessário pegar primeiro um ônibus até Ipojuca ( R$ 2,20) e de lá uma van até Tamandaré ( R$ 9,00). A pousada custava R$ 80,00, mas como chegamos no meio de um feriadão, a diária subiu para R$ 100,00. Mas valia a pena, pois o café-da-manhã era colonial, e a pousada em si, um charme. As refeições aqui foram as melhores da viagem. O restaurante Terrasol tinha um PF bem servido com salada, arroz, feijão e peito de frango por R$ 10,00. A praia de Tamandaré é bonita e excelent
  3. por Trips Incriveis tripsincriveis.com Ainda no aeroporto de Recife pegamos um ônibus para Porto de Galinhas ( R$ 10,40 p/p). Descemos no fim da linha e de lá caminhamos até o centrinho. Como não achamos nenhuma pousada barata na internet, resolvemos procurar no boca a boca mesmo, como legítimos mochileiros. Achamos uma pousada próxima ao calçadão, a uma quadra da praia por R$ 60 para o casal. Ganhamos um desconto já que ficaríamos 4 noites. A praia de Porto de Galinhas em si é bonita, mas não achei tão linda quanto nas fotos. Para mim, este fato se deve as barra
  4. por Trips Incriveis tripsincriveis.com As praias de Noronha são mesmo incríveis. Tudo que você ouviu sobre a cor da água ser linda, as fotos espetaculares, tudo isso é verdade!!! Qualquer foto será perfeita com aquele cenário... Listarei as praias que visitamos: Atalaia É necessário ir até a praia do Boldró fazer o agendamento. Esteja lá antes do horário marcado. Apesar da piscina natural ser muito rasa, é obrigatório o uso de colete ( para as pessoas não pisarem no fundo e afetar o mínimo possível o meio ambiente ). Não é permitido uso de filtro solar, pois ele forma uma c
  5. por Trips Incriveis tripsincriveis.com Noronha é um destino caro. As passagens são caras, a hospedagem é cara. E entrar na ilha é caro. Paga-se R$ 48 por pessoa por dia só para ter o direito de dormir lá. O pagamento é feito ainda no aeroporto. Cartão de crédito é aceito. Há ainda, a taxa do Parque Nacional Marinho, R$ 75 por pessoa, sendo necessário para a entrada em algumas das praias da ilha ( CC também é aceito ). Onde ficar Para economizar, a dica é ficar em casa de moradores. Os preços são bem mais acessíveis e é possível usar a cozinha da casa. Em geral, são casas mais s
  6. por Trips Incriveis tripsincriveis.com O balneário está localizado em Rocha, a cerca de100 km ao sul do Chuy. Seu nome se deve às suas antigas formações rochosas. A rua principal termina no alto de um paredão rochoso com uma linda vista para o mar. A rua principal tem alguns bares e restaurantes. À noite, no verão, a muvuca é garantida. O balneário é pequeno, está mais para um vilarejo. Mas seu charme está justamente nisso. Não há bancos, caixa eletrônico ou posto de gasolina. Quem precisar desses serviços precisa ir a La Paloma, a 10 km. Praias El Desplayado É a
  7. por Trips Incriveis tripsincriveis.com Quando conheci Punta del Diablo,o lugar não passava de uma vila de pescadores, com poucas acomodações simplérrimas. Já era um lugar lindo e charmoso. Nos últimos anos, as pessoas foram descobrindo essa outra Punta, o local foi crescendo e ganhando hospedagens para todos os gostos e bolsos, numa aura hippie-chique que muito me agrada. Acho que daria para comparar com a Praia do Rosa, de Santa Catarina. O lugar ferve no verão, principalmente no mês de janeiro. Restaurantes, bares, praias e até o surf é crowdeado.O esquenta acontece na
  8. por Trips Incriveis tripsincriveis.com O Uruguai é um país perfeito para se conhecer de carro: é pequeno ( tem cerca de 177 mil km2, menos que o estado do Paraná ), seguro ( tomamos os cuidados de sempre, mas não há assaltos ) e com uma população muito simpática, sempre disposta a ajudar. Fazer uma viagem de turismo ou uma surf trip é perfeito. A rodovia principal é bem tranquila, em ótimo estado. A estrada que margeia o litoral, para chegar a La Pedrera, por exemplo, está bastante esburacada. A velocidade média é de 100km/h, embora as pessoas corram um pouco mais. Não vi radar
  9. por Trips Incriveis tripsincriveis.com Em Lima, pegamos o ônibus da Cial até Pascamayo ( SL 50 p/p). O trecho de 649km leva em torno de 11h30 pois a estrada é extremamente sinuosa e viajamos à noite. Também há bastante congestionamento, principalmente na saída de Lima. Pagamos mais SL 30 pelas 2 pranchas. O ônibus tinha uma boa reclinação quando comparados aos ônibus semi-leito do Brasil. E ainda tinha janta inclusa, com refrigerante e sobremesa!!! Estávamos exaustos, mais de 24 horas acordados, então dormimos a noite toda. As 8h30 o bus chegou na rodoviária ( se é que posso chama
  10. por Trips Incriveis tripsincriveis.com róximo destino: Lobitos. Poderíamos pegar o ônibus de Pacasmayo mesmo, mas como o bus vai parando, há o risco de roubarem suas coisas no caminho. Pegamos uma van até Trujillo ( SL 10 p/p ) e de lá pegamos o bus até Talara ( SL 35 p/p em semi-leito ) e 7 horas de viagem para percorrer 438 km. Viajamos a noite toda e quando chegamos a Talara, às 6 da manhã, havia um taxista esperando por nós. Ainda bem, porque tinha um monte de tuk tuks disputando cada passageiro que chegava. Pagamos SL 40 pelo táxi para percorrer mais ou menos 20km no meio do d
  11. por Trips Incriveis tripsincriveis.com Ainda no aeroporto da Cidade do México, alugamos um carro ( que já havíamos reservado há 9 meses do Brasil, a fim de garantir o preço promocional que encontramos ). Nosso destisno: Huatulco. Seriam 900km e imaginamos que faríamos o percurso em umas 10 horas. Doce ilusão. Tínhamos o mapa do México no GPS, mas ele não era eficiente como em outros países. Seguidamente se perdia, indicava rotas que não existiam...e graças a ele, ao invés de seguirmos pela rodovia ( carretera ) principal, ele nos desviou para uma rota alternativa, na qual entramos em v
  12. por Trips Incriveis tripsincriveis.com Nosso objetivo principal nessa região era conhecer e surfar Barra de la Cruz. Mas como as hospedagens lá são muitos roots ( tipo muito mesmo, cabanas com colchão no chão, sem banheiro), optamos por ficar em Huatulco, perto da civilização, com várias opções de hotéis para todos os bolsos. No primeiro dia, tomamos café e já partimos para Barra. Meu marido estava ansioso para conhecer o local. Na estrada, há uma barricada dos militares, mas dessa vez não nos pararam. É sempre tenso ser turista e estar dirigindo em outro país, pois já passamos por
  13. por Trips Incriveis tripsincriveis.com Sou uma devoradora de revistas, blogs, tudo que fale sobre viagem. Sempre que vou viajar, faço uma busca nos meus blogs preferidos e tento encontrar algum que fale algo a mais sobre o meu destino. Foi assim que fiquei sabendo de Zipolite, uns 2 meses antes de eu partir em viagem ao México. A blogueira Adriana Setti, do Achados, estava lá e publicou sobre esse paraíso. Eu curto desde as maiores cidades do mundo até cidadezinhas com poucos habitantes. Montanha com neve ou praia. Mas meu marido é apaixonado por vilarejos, do tipo quanto mais rúst
  14. por Trips Incriveis tripsincriveis.com Em Puerto Escondido, ficamos na praia de Zicatela, parte mais urbanizada, com muitos restaurantes e bares de praia em que rolam festas. Há um calçadão, um oxxo, que é uma loja de conveniência que tem em todo país. Nós a utilizamos muito. Desde café-da-manhã, almoço ou janta. As ondas aqui são pesadas, não são para qualquer surfista. São ondas grandes mesmo sem swell, com pouca profundidade de água ( isso quer dizer que se você cair, mesmo sendo na água, pode se machucar feio ). A maioria surfa de bodyboard e dos poucos que surfam de prancha,
  15. por Trips Incriveis tripsincriveis.com Fazia muito tempo que eu queria conhecer Acapulco. Na verdade, acho que foi o primeiro lugar na vida que desejei conhecer. Como toda criança, eu era fã do Chaves, e adorava os episódios de Acapulco. Ainda com 5 anos, já sonhava em brincar nas areias daquelas praias...muitos anos se passaram e surgiu a ideia de ir ao México. Na verdade, meu marido queria ir ao Peru, mas naquele ano completamos 5 anos de casados, então achei que merecia um lugar mais paraíso tipo Cancún e tal. Como o México reune praias do Pacífico, com ondas maravilhosas e praias d
×
×
  • Criar Novo...