Ir para conteúdo
  • Cadastre-se

aline.mariana

Membros
  • Total de itens

    2
  • Registro em

  • Última visita

Reputação

1 Neutra
  1. PETAR é um parque cheio de cavernas, localizado em Iporanga - São Paulo, próximo a divisa com o Paraná. Muita gente já ouviu falar da Caverna do Diabo, por ser toda estruturada para receber turistas, com luz artificial e plataformas. Quem vai ao PETAR encontra um cenário bem diferente deste, pois as cavernas são rusticas, você tem um contato direto e totalmente natural durante a exploração. Decidi fazer este tópico porque quando fui pra lá, achei muitas informações espalhadas por aí, mas nada muito detalhado, o que dificultou alguns pontos da viagem. Então, bora lá: TEMPO DE ESTÁDIA - NÚCLEOS Fiquei dois dias na cidade, no dia 1 visitei o núcleo Santana, onde conheci 3 cavernas (o ideal seria duas, porque é um pouco cansativo) e no dia 2 fiz rapel e boiacross. O tempo foi pouco, mas super válido e bem aproveitado, mas ficando mais dias, pode-se conhecer mais cavernas e dar uma passada pelos quilombos. Aqui você encontra um pouco de cada núcleo: http://www.petaronline.com.br/conheca-o-petar/nucleos/ Lembrando que é necessário guia, que te fornece os equipamentos de segurança obrigatórios. A VIAGEM E LOCOMOÇÃO Saí de São Paulo e fui para Iporanga de carro, seguindo pela Régis Bittencourt. O trajeto é super fácil, dá para ir com GPS sem problemas. Alguns amigos foram de ônibus, o que foi mais difícil, porque encontramos pouquíssimas informações de como o fazer. Então, olhando mapas e com algumas poucas dicas que vimos na internet, montamos um roteiro com saída de São Paulo, no terminal Barra Funda, com destino à cidade de Apiaí. De Apiaí pega-se outro ônibus que vai até Iporanga. Acontece que este último trecho passa por uma estrada de terra e o ônibus para todo o tempo, fazendo uma viagem de 1h durar umas 3h. Aparentemente o melhor caminho, para quem vai de ônibus, é indo por Jacupiranga, pois a cidade é maior, com mais horários de ônibus e com a estrada um pouco melhor. Outro detalhe é que poucas empresas oferecem transporte da cidade até o parque das cavernas, então, a melhor opção é ir de carro mesmo. Atualmente alguns grupos tem se encontrado em algumas estações de metrô e fazendo a viagem ao parque de van. No facebook é fácil de achar estas informações. Nosso retorno não foi para São Paulo, e sim para Curitiba. Fomos de carona até Jacupiranga e lá embarcamos sem problemas. É possivel comprar passagem pela internet, a empresa é a Princesa dos Campos. Para chegar até Jacupiranga, outra opção é pegar um ônibus ou um taxi (o que não compensa, pois cobram cerca de R$200 o trajeto). HOSPEDAGEM Fiquei hospedada no Núcleo Terra, em questão custo-benefício foi a melhor escolha. O Júlio, dono da pousada, é a melhor pessoa do PETAR, super receptivo e nos ajudou demais por lá. Local super familiar, confortável e de fácil acesso, bem no centro da cidade e perto de tudo. Fechamos o guia para as cavernas diretamente com eles, quando maior seu grupo, mais em conta fica. [email protected] Bom, os pontos principais eram esses, se alguém precisar de alguma informação, só chamar!
×
×
  • Criar Novo...