Ir para conteúdo

Rafael Nunes307

Membros
  • Total de itens

    7
  • Registro em

  • Última visita

Reputação

0 Neutra

Sobre Rafael Nunes307

  • Data de Nascimento 01-02-1985
  1. A minha, na época, já foi encaminhada com tudo isso. Acredito que seja a prática corriqueira para emissão de documentos do gênero. Não tivemos dificuldades com isso na fronteira, uma vez que só viram o documento que o titular do financiamento assinou(protocolado no consulado uruguaio, no nosso caso), a carta verde, minha habilitação, identidade e o doc do veículo. Grande abraço!
  2. Olá Mateus, bom dia! O seguro carta verde é confeccionado com base no período de estadia pretendido, o que vai determinar, inclusive, o valor do mesmo. Não recomendo deixar para a última hora, como eu deixei... Aliás, considerando o quadro econômico e financeiro atual, quanto antes vocês fizerem isso, melhor, vai que aumenta mais. Abraço!
  3. Olá Fernando, boa noite! Meu carro é preto e possui película... Não tive problemas por lá. Aliás, a polícia uruguaia é super tranquila, sem incidentes. Excetuando, é claro, os aduaneiros(que me pareceram bem carrancudos), os policiais com que tive contato foram super cordiais e prestativos. Até mais.
  4. Boa noite Foscarin! Estive no Uruguai, de carro, no final de agosto... Com a ajuda do pessoal aqui e umas pesquisas por aí, cheguei e saí bem de lá. Vou responder por experiência própria, na ordem inversa... Não sei de onde vai sair, mas eu fui daqui do Rio de Janeiro. Meu banco é o Itaú e o último lugar viável para sacar dinheiro foi em Pelotas, já que peguei a BR116 e depois a BR 392, pra entrar pelo Chuí ... No Chuí não tem Itaú. De cara, aqui no lado brasileiro, é interessante trocar apenas o necessário para o combustível, eventual alimentação( lanches etc) e para os pedágios/peaje( Até Montevidéu tem uns quatro a 70 pesos cada). Existem muitas casas de câmbio na Avenida Brasil. Leve o resto dos reais pra trocar na capital Uruguaia. Minha carta verde fiz pela Porto Seguro, mesmo sendo segurado por outra empresa, havia uma seguradora que trabalha com eles por aqui, peguei no mesmo dia, três dias antes da viagem e fiz por telefone... Achei pelo site da Porto Seguro mesmo. Fiz para sete dias de permanência e ficou por volta de R$77. Não recomendo fazer pela fronteira, pois fica a mercê de aproveitadores, salvo se já tiver um contato de confiança por lá. É uma viagem e tanto. Aproveite! Até mais.
  5. Olá Beier! Tranquilo então... Vou precisar fazer umas alterações em nossos planos então... Ia sair amanhã, parar em São Paulo e seguir de lá... De certo modo, isso vai diminuir nosso tempo de parada...Vou resolver isso amanhã, já que de acordo com o que me informei por aqui, o consulado libera o documento em 24h... Então sairemos na terça-feira, paramos em SC e por aí vai... Depois digo como foi... Grande abraço. Obrigado pela ajuda!
  6. Olá Beier! Tudo tranquilo? Obrigado pela atenção... Então aquela declaração da financeira não serve nesse caso? Ouvi alguém dizer em algum lugar que se o proprietário do veículo tiver parentesco de primeiro grau a autorização não seria necessária... Isso procede? Grande abraço. Novamente, muito obrigado pela ajuda!
  7. Fala aí pessoal! Boa tarde! Este é o meu primeiro post no fórum, antes eu só estava absorvendo o máximo possível dos relatos... Como não vi nenhum caso similar ao meu, resolvi perguntar... Eu e minha esposa vamos ao Uruguai de carro... Seguimos diversas dicas aqui do fórum e preparamos umas coisas e outras... Minha grande dúvida está relacionada ao fato do carro estar financiado, mas no nome da minha sogra... A financeira encaminhou uma declaração dizendo que não se opõe ao trânsito do veículo nos países da América Latina... O documento do carro está no nome dela é talz... Fiquei na dúvida agora... Alguém aí sabe me orientar...?
×
×
  • Criar Novo...