Ir para conteúdo
  • Cadastre-se

PallomaP

Membros
  • Total de itens

    29
  • Registro em

  • Última visita

Reputação

2 Neutra

Outras informações

  • Lugares que já visitei
    Estados Unidos, Argentina, Uruguai, Paraguai
  • Próximo Destino
    Peru

Últimos Visitantes

O bloco dos últimos visitantes está desativado e não está sendo visualizado por outros usuários.

  1. Pessoal tô indo para Santiago amanhã e volto no domingo. Alguém nessa data?
  2. Pessoal, alguém vai para o Chile no feriado da próxima semana? Tô indo na quarta e volto no domingo. Mais alguém? Quero companhia!
  3. Pessoal, estou indo para Santiago em novembro. Vocês poderiam recomendar um albergue em boa localização? Tô vendo o chl suítes ( albergue) o que acham? Alguém já hospedou lá?
  4. Comprovei. Não vale a pena trazer dólar para cá. Ta valendo o mesmo que no Brasil (3.23 -3.25). Pode trazer real mesmo
  5. Oi, como eu só trouxe reais nem olhei .vou ver hoje e respondo Mais tarfe
  6. Estou no Peru. Aqui em Miraflores, as casas de cambio variam entre 0.90 a 0.95 (real para soles). Estou na esperança de achar para casa de cambio que troque um por um pois eu só trouxe real kkkkk
  7. Pessoal, alguem que foi recentemente para o Peru (Lima) poderia informar quanto está o câmbio Real - Soles? Eu estou indo daqui duas semanas.
  8. Pessoal, eu estou indo para o Peru em agosto. Alguem poderia passar dicas de hostel com bom custo beneficio em Lima (miraflores), Cusco e Machu Picchu? Gracias!
  9. PallomaP

    Lima

    Obrigada, pessoal
  10. PallomaP

    Lima

    Gente, estou indo para Lima em Agosto. Alguém tem dica de casa de cambio na cidade com boa cotação?
  11. Pessoal, chegou a minha vez de colaborar. Quando estava pesquisando sobre o Paraguai, foi difícil achar relatos mais atuais. Catando aqui e ali, consegui organizar minha viagem. Assim, partir para Assunção no feriado de carnaval/2017. PRIMEIRO DIA Cheguei no sábado de madrugada no aeroporto Silvio Pettirossi - O aeroporto é super pequeno, e comparo ao Santos Dumont no Rio de Janeiro que serve voos domésticos. O Aeroporto de Assunção é internacional, e não tem suporte para um grande fluxo. Não tem muitas opções de lanchonetes, lojas ect... deixa um pouco a desejar. Mas o WIFI é muito bom e funciona já na fila da imigração. Depois dos processos burocráticos, fui procurar o transporte para o hostel, já eram 3 da matina e estava completamente exausta. Não tinha guaranis e eu resistir em comprar no aeroporto já que as taxas estavam baixas, eram 1600 guaranis por um real. Pedi um táxi que aceitava real, e cobrou 75 reais até o Hostel (El Nomada - super recomendo) - Viagem de aproximadamente 40 minutos. No dia seguinte, fui explorar Assunção. O calor estava INSUPORTÁVEL, o portal para o inferno era ali aahahahahahha... Rodei muito e achei uma casa de câmbio com a MELHOR cotação : 1720,00 guaranis por um real, A FÉ CAMBIOS S.A. As outras casas (mais famosas) variavam entre 1600 - 1700. Assunção deixou um pouco a desejar, a cidade é um pouco "quebrada", falta manutenção nas praças e ruas. Visitei os principais pontos turísticos que estavam abertos. Infelizmente, tinha muita coisa fechada em pleno sábado. Andei muito para chegar ao museu de Belas Artes e dei com cara na porta. Um saco. Visitei o museu ferroviário que rendeu umas fotos legais, além de conhecer um pouquinho da história do transporte paraguaio. o ingresso custa 5 guaranis.Na volta do museu encontrei um festival de rua na praça e foi bastante interessante, as pessoas vestindo roupas tipicas. Outra coisa legal é que existem muitas praças em Assunção que é legal para sentar e relaxar, além disto, em alguns pontos da cidade tem WIFI disponível - em alguns lugares não funcionava muito bem, mas já ajuda o pouco que funcionar. Infelizmente, em muita dessas praças tinha um número absurdo de moradores de ruas e pedintes, o que gerou um certo receio e fez com que eu redobrasse a atenção. As ruas principais de Assunção são a Calle Palma e Calle Estrella. Nessas ruas você entra restaurantes, lojas, sorveterias, casas de cambio, bancos ect.. tem de tudo lá. Na noite de sábado voltei para essa rua e jantei no restaurante BOLSI muito famoso e que tem uma excelente comida e ambiente agradável. Esse foi meu sábado na capital. Assunção dá para fazer em um dia sem correria. SEGUNDO DIA Areguá, é uma cidade acerca de uma hora e meia de Assunção (de ônibus) – a passagem de ônibus foi 2 mil guaranis. Coloquei a cidade no roteiro por recomendação de blogs ect.. Quando cheguei em Areguá, pensei naquela famosa frase “enfeitar pavão”. Sim senhores. Areguá não foi nada daquilo lindo e maravilhoso que li em blogs e fóruns de viagem. Listei todos os pontos turísticos aclamados pelos viajantes e fui visitando cada um. Começei pela Playa Areguá, que nada mais que uma piscina ao lado esquerdo, uma área com barraquinhas de comida, e na frente, a vista para o Lago Ypacaraí que ficam uns barcos ancorados para fazer um curtíssimo trajeto até um certo ponto do rio e voltar. O valor deste passeio é de 25 mil guaranis. Ah, para entrar na “praia” também paga, salvo engano, custou 2 mil guaranis. Sob um calor de matar, segui para visitar o Castillo Carlota Palmerola e para minha surpresa, estava fechado. Era domingo, teoricamente, os pontos turísticos deviam estar abertos. Foi a mesma coisa em Assunção, encontrei alguns pontos fechados em pleno sábado. Um Saco! Com a cara nas portas, foi ver a Estación Del Ferrocarril que também é considerado ponto turístico da região e, para surpresa, o que tinha para ver era um campo verde, com dois vagões velhos e malcuidados e uma estação de trens fechada e malconservada. Choque. As fotos dos viajantes davam a impressão de outro lugar, que não o que estava vendo. Para quem vai de ônibus, tem que andar bem, visto que os lugares não são tão próximos. No meu caso, visitei em pleno verão e o calor estava INSUPORTÁVEL. Depois da estação segui para a feira de artesanato, bem bacana, mas não tinha muitas variedades, basicamente, estatuas de barro de mais diversos modelos. Como fui com uns amigos que encontrei no hostel, paramos na feira, e o pessoal aproveitou para comprar lembrancinhas e seguimos viagem. Seguimos para visitar a Iglesia de Aregua que fica no alto da cidade e tem uma vista linda para para o Lago Ypacaraí. A iglesia estava fechada, mas aproveitamos a fachada, o jardim e a belíssima vista. Já era quase duas da tarde e paramos para almoçar próximo a igreja, porque ninguém estava com coragem de descer a rua e ver as opções de restaurantes (até que tinha umas), então almoçamos num restaurante estilo pensão do outro lado da rua da igreja, que por sorte é na calçada do ponto de ônibus para voltar para Assunção. Quando estávamos indo para Areguá encontramos uma senhora simpática que deu um conselho de não voltar muito tarde do passeio, que no máximo até as 16:30 era para estarmos voltando. Isto porque, segundo ela, mais tarde os ônibus vão ficando vazio e risco de assalto aumenta. Em resumo, Areguá deixou a desejar. Os blogs alheios enfeitaram pavão legal e as fotos da cidade foram tiradas por expert da fotografia. Kkkkk. Dizer que eu não indico pode soar pesado, já que eu acho que cada pessoa deve ter sua própria experiência. Pode ser que o que eu não tenha gostado, você possa gostar etc. Mas eu digo que Areguá eu não visitaria novamente. A visita a Assunção e Areguá só não foi chata porque eu estava com um amigo e fiz duas amizades com umas meninas do Brasil no Hostel e em grupo tudo fica mais legal ehehehhe.. TERCEIRO DIA No domingo a noite, por conselho da dona do hostel, eu e o pessoal, fomos na rodoviária garantir o ônibus para Encarnacion que saia por volta de meia noite. Compramos a passagem sem problemas. Eu EXTREMAMENTE recomendo a empresa de ônibus La Encarnacena. Os ônibus são muito confortáveis. Eu dormi feito bebê, só acordei lá – tanto para ir quanto para voltar – uma maravilha. Lembre-se que são seis horas de viagem então, vale a pena prezar pelo conforto até para estar bem-disposto para aproveitar as ruinas. Chegamos em Encarnacion por volta das 6: 30, tomamos café e na rodoviária mesmo pegamos o ônibus que passa na rodovia que tem parada na entrada das ruinas. Na rodoviária é só perguntar qual ônibus e custou 10 mil guaranies. A viagem é de 30-40 minutos é so pedir para o fiscal do ônibus te lembrar onde é para descer. Descendo, é so seguir uns 10 min de caminhada até as ruinas de Trinidad. Na ruina você deve comprar o ingresso 25 mil guaranies e explorar o quanto quiser do passeio. Lá tem uns dois restaurantes. Terminando Trinidade, voltamos para o lugar onde compramos os ingressos e pedimos informação de como chegar as Ruinas Jesus (mais longe) e não dá para fazer a pé. Ela falou que poderia pedir um taxi e que ele cobraria 75 mil guaranies (3 pessoas) para ir até Jesus, esperar 30 minutos e nos deixar na rodovia para pegar o ônibus de volta para Encarnacion. Contratamos e assim o fizemos. Confesso que gostei mais de Jésus, tinha mais coisas para ver, mas o ponto alto de ir para o Paraguai foi visitar as Ruinas. De volta a Encarnacion, encontramos uma brasileira que nos mostrou um lugar maravilhoso. Eu não tinha lido nada sobre, e se não fosse por ela iriamos mofar na rodoviária esperando o horário do ônibus de volta. È descendo umas quadras da rodoviária, playa de San Jose com vista para Argentina, inclusive, quem tiver mais tempo, da para pegar um ônibus e ir para Argentina em menos de uma hora. La neste área tem vários restaurantes, Mc Donalts, BK ect... essa área é um contraste enorme da área da rodoviária (pobre) playa (rica), em coisa de poucas quadras... Enfim, terminei minha viagem assim. Gastei 600 reais com passagens (todas dentro do país) e alimentação. Hospedagem e avião já estavam pagas. Paraguai é um país bem simples, há muito o que melhorar, mas as pessoas são muito amigáveis. Amei conhecer, apesar dos pesares. Visitar as ruínas deu um UP na viagem. QUARTO DIA Foi o dia em que voltamos para o Brasil. Como falei acima, o aeroporto não tem muita estrutura. Pegamos táxi na volta, mas tinha ônibus que deixava lá, mas pelo que eu percebi parava muito, em cada ponto, fora que é bem cheio e quente (pouquíssimos com ar condicionado). Vale a pena ir de taxi.
  12. Pessoal, andar de onibus à noite é perigoso? Vou ir de Assunção para Encarnacion... é uma viagem tranquila?
  13. Larissa, que isso 750,00 REAIS???? Jezuis!! Que viagem cara, considerando que é o Paraguai. Então, Areguá eu li uns relatos em blog alheios, por ser proximo a Assunção, me falaram que era uma boa para conhecer. Obrigada pela sua ajuda.
×
×
  • Criar Novo...