Ir para conteúdo

Nani84

Colaboradores
  • Total de itens

    408
  • Registro em

  • Última visita

  • Dias Ganhos

    2

Nani84 venceu a última vez em Fevereiro 24 2018

recebeu vários likes pelo conteúdo postado!

Reputação

285 Excelente

8 Seguidores

Últimos Visitantes

2.843 visualizações
  1. Olha, se for dentro do país acho que ate pode rolar de remarcar pra esse ano, embora tenha que ver a questão turística da região que vc vai, muitos lugares estão fechados. Agora se for destino internacional eu não tenho uma boa perspectiva não, um dos motivos pelo qual peguei o reembolso ao invés de remarcar, pq a Latam dava apenas direito a uma remarcação. Muitos países permanecem com suas fronteiras fechadas, e a chance de barrar brasileiros é alta. Tem que analisar bem. Agora a questão do covid, depende muito da região. Aqui em BH os leitos de UTI ja passaram dos 90%, e vão abrir o hospital de campanha pq a demanda de pacientes vindos do interior está muito alta.
  2. Esse prazo pra 2022 é ótimo. Acho que se fosse oferecido dessa forma a grande maioria das pessoas não pediria o reembolso.
  3. Eu acho que as companhias poderiam ter dado um prazo maior para remarcaçao e uso de voucher. Um ano é muito pouco dentro desse cenário. Muita gente teve férias e feriados antecipados. Meu marido é professor em escolas que a maioria das famílias não tem condiçoes de oferecer ensino remoto, estão mal sobrevivendo. Não tem previsão pra reposição e muito menos a volta das aulas presenciais, e férias é coisa pra pensar pra depois de meados de 2021 e olhe lá. Se tivessem me oferecido um prazo de 2 anos pra voar eu teria pego os créditos. Mas entre não poder viajar e poder ter uma minima chance de receber o dinheiro de volta, preferi a segunda opçao. O que pra eles acho ser desvantajoso, nao sei. Pq eu estaria disposta a usar o voucher e ainda pagar as diferenças de preço que fossem necessárias. A situação é única e complicada, surreal pra dizer o mínimo...haha.
  4. Reembolso que eu saiba é só em caso deles mesmos cancelarem o voo. Tive meu voo pra junho cancelado pela Latam, optei pelo reembolso pois não poderia usar os créditos no prazo de um ano como eles oferecem, e por não saber como estará as condiçoes de turismo nesse tempo (tendo em vista que vc tem direito a apenas uma remarcação/escolha de data). No meu caso deram reembolso total, mas no prazo tb de até um ano para receber.
  5. Pra quem tem flexibilidade e não liga de ficar com dinheiro retido (o meu está e tenho até um ano pra receber da Latam) pode até ser uma boa, no meu caso eu não teria como planejar viagem grande pra antes de junho de 2021. Mas acho que o mais frustrante é conseguir viajar mas chegando no destino não poder usufruir da viagem por causa de restriçoes de ultima hora, isso eu acho ainda pior. Ter que ficar preso em hospedagem, não poder visitar os locais planejados, como aconteceu com muita gente nos primeiros meses. A falta de previsão com relação ao comportamento do vírus, se virão novas ondas me deixa receosa em planejar tão antecipadamente.
  6. Eu abortei qualquer plano de viagem pra esse ano. Nesse exato momento eu estaria no meu segundo dia de viagem ao Peru, mas meu voo foi cancelado. Preferi pegar o reembolso em dinheiro, justamente por causa desta instabilidade com fronteiras, pontos turistícos e a reputação do Brasil no exterior. No momento não me arriscaria a comprar nada, só vou pensar nisso no início do ano que vem para ter uma visão melhor da situação.
  7. A data esta certa? Não seria julho ou 2021?. Pq até onde sei as atraçoes estão todas fechadas por causa da pandemia.
  8. Sou suspeita, gosto muito do segundo trajeto. Mas tem que levar em consideraçao o período de chuva aqui em MG nessa época. Claro que vc pode ter sorte, mas existe a possibilidade de atrapalhar, principalmente a parte de cachoeiras.
  9. Além do risco, tem que confirmar se os pontos turisticos estarão abertos para visitação. Muitos locais estão fechados, então seria bom confirmar para não perder viagem.
  10. Nani84

    Viajem

    As fronteiras estão fechadas.
  11. @D FABIANO Sim, coloquei o site apenas como uma coisa a mais a ser feita. Reportar o mal tratamento dado pelas empresas é sempre bom. O caminho mais simples pra isso creio ser mesmo acionar o JEC, caso a empresa não resolva.
  12. Posso estar errada, mas pelo que eu saiba as agencias (online ou não) devem seguir as mesmas regras das companhias aéreas e levarem em conta a Medida Provisória nº 925. Eu correria atrás disso, tentaria o Pequenas Causas. Vc pode tb fazer uma reclamação no https://www.consumidor.gov.br/pages/principal/?1590194023554
  13. Tinha viagem pro Peru em junho, já cancelei e não sei se poderei fazer tão cedo. Meu marido é da área da educação, e é provavelmente um dos ultimos setores a voltar a normalidade. Então férias e qualquer planejamento sem os calendários escolares fica dificil. Mesmo se eu tivesse mais previsão da nossa vida com relação a isso eu não compraria passagens internacionais agora. As novas ondas da doença e novas normas de viagem e as questões de fronteiras me deixam um pouco insegura. Então sigo planejando viagens como sempre faço (mesmo que nãos as realize ^^), mas vou começar a pensar mais sério sobre isso só ano que vem.
  14. @Fabrício Zílio de Souza Já fez chamado no Reclame Aqui? Não sei como é com a Decolar, mas dependendo da empresa eles respondem rápido. É uma forma de vc "documentar" as tentativas de contato com a empresa, pra caso vc não consiga resolver, isso sirva para uma possivel ação futura. Faça da forma mais detalhada possível e anexe documentos se possível. Já resolvi muitos problemas a partir do site.
  15. Aqui mesmo nas trilhas de MG o que mais tem é gringo. Todas as vezes que estive na regiao da Serra do Cipó encontrei alguns, isso pq é uma região que 99% dos brasileiros nunca visitaram...haha. Assim como em Boipeba na Bahia, tem quase mais gringo que brasileiro por lá. É triste dizer isso, mas brasileiro não gosta (ou ainda não desenvolveu o hábito) desse turismo de natureza (que é o que eu mais gosto), e quando pratica o faz de forma predatória. Não tem uma trilha ou lugar que eu estive aqui no Brasil que não catei lixo pelo caminho, é triste.
×
×
  • Criar Novo...