Ir para conteúdo

betoguima

Membros
  • Total de itens

    6
  • Registro em

  • Última visita

Reputação

0 Neutra
  1. Fala, Idahuer! =) Onde você ficou em Paris? Em Hostel mesmo? Gostaria de me sugerir um bom lugar para ficar por lá? Quanto a Itália tem um colega de faculdade que também fez intercâmbio e decidiu conhecer a Itália. Achou tudo maravilhoso. Disse que foi o melhor lugar da Europa que conheceu. O que você achou de lá? Abraços
  2. Adriano, Boa dica, meu amigo. Vou analisar bastante isso antes de escolher o Hostel. Naquele site HostelWorld parece fornecer informações como essa, se souber outros bons sites, eu o agradeço muito. Abraços
  3. Que coincidência boa, Lissandro! =) Fico feliz que esteja aproveitando o conteúdo lá no Clube da Aposta, e se você está aprendendo por lá, agora é a minha vez de aprender com vocês aqui. Será a minha primeira vez na Europa, e isso traz aquele frio na barriga pela sensação do novo. Mas no fim tudo vai dar certo e será certamente uma experiência fantástica. Quando você foi, em quais países ficou Lissandro? Um grande abraço e vamos nos falando tanto aqui como no Clube!
  4. Olá, pessoal! Como estão todos? Sou marinheiro de primeira viagem por aqui, mas acho esse Fórum fantástico. Sempre o "namorei" em algumas buscas pela internet e fico realmente satisfeito em fazer a minha primeira publicação por aqui. =) No dia 11 de Março vou partir para um Intercâmbio que farei na Alemanha, porém o Intercâmbio mesmo só começa no dia 1 de Abril. Nesse meio tempo (Do dia 11 de Março até 1 de Abril) vou desembarcar em Londres no dia 11, ficarei cerca de de 4 dias por lá, seguirei para Paris, por mais uns 3 ou 4 dias, uns 3 dias em Bruxelas e no dia 23 vou encontrar o meu colega de intercâmbio em Amsterdã. Pelas minhas pesquisas já peguei algumas informações muito valiosas para um mochileiro de primeira viagem. Entretanto, eu gostaria de pegar algumas dicas com vocês que precisaram trabalhar enquanto mochilavam. Eu explico: Eu sou o fundador do Clube da Aposta, uma comunidade de apostadores brasileiros que me permite poder trabalhar remotamente, o que apesar dos desafios é também bastante recompensador e o faço com o maior prazer =), portanto até encontrar o meu amigo em Amsterdã, precisarei me virar para trabalhar com o Wi-fi de Hostels, cafés, etc. Quem já passou por isso, pergunto: Qual é a melhor forma de trabalhar online enquanto se está mochilando? Já tentei fazer isso utilizando os halls dos hostels com internet, mas é praticamente impossível, pois você vai acabar conversando com alguém e se distraindo, afetando muito a produtividade. Portanto, fiquem à vontade tanto para dar pitacos sobre o roteiro, dicas e, principalmente, compartilhar dicas para poder trabalhar e aproveitar ao máximo o mochilão. Grande abraço, pessoal!
  5. Olá, Pedro! Bacana você querer visitar aqui a minha terra, tenho certeza que será uma ótima viagem. Entretanto, vale a pena se perguntar se é o momento certo para fazê-la. Por estarmos falando de uma moto de 150cc, se você rodar cerca de 300-400km por dia, já será um grande feito, suas costas vão doer, sua bunda vai ficar um caco, portanto rodar mais do que isso eu acho que é se aventurar demais, portanto será uma viagem de uns 3 a 4 dias para fazer. A BR381 que você irá pegar de São Paulo a Minas Gerais é um trecho bem pavimentado, mas com muitas curvas, na maior parte do tempo com canteiro central, o que dá uma maior segurança e vai evitar que você tome aqueles tapas de carreta que podem jogar motos pequenas no chão. Se você está começando a pegar estrada agora, eu sugiro não fazer esse trecho por agora, e dar preferência em fazer viagens curtas ao Interior do Paraná mesmo, assim você vai pegando tarimba para enfrentar estradas que vão te exigir um pouco mais. Grande abraço, Pedro!
  6. Olá, pessoal! Boa tarde! Como estão vocês? Essa é a minha primeira postagem por aqui e realmente acredito que vou tomar gosto pela coisa. =) Mesmo tendo uma 125cc, por vez ou outra pego motos maiores dos meus amigos, já rodei um pouco da Argentina e o Rio Grande do Sul em uma Dragstar 650cc, visitei algumas cachoeiras em Minas com uma Tenere 250cc, e os destinos mais próximos daqui de Belo Horizonte vou com a minha Yes 125cc sem pressa. =) Estou saindo de Intercâmbio no próximo mês e ficarei quase 6 meses na Alemanha, em uma pequena cidade de cerca de 20.000 habitantes chamada Schmalkalden. Para mim, acredito que uma das melhores formas de se viajar é em uma motocicleta, o contato que se tem com as paisagens, a possibilidade de parar e sentir o momento a todo instante, o asfalto passando por baixo dos pés, tudo isso é muito real, diferente, ao meu ver, do que seria feito dentro das molduras de carros, trens, ônibus e afins. Estou querendo comprar uma moto lá na Europa e usá-la pelo período que estiver por lá. Aproveitar os fins de semana na faculdade para fazer viagens mais longas com ela considerando que sairia muito mais barato do que alugar. Entretanto a minha grande dúvida está na hora da venda. Pois utilizaríamos a moto principalmente nos últimos 20 dias de viagem, a minha preocupação seria no momento de vendê-la, ter muitas dificuldades com isso com a pressão do vôo de volta já marcado. Alguém aí teria alguma experiência para compartilhar? =) Grande abraço pessoal!
×
×
  • Criar Novo...