Ir para conteúdo

FlávioMacedo

Membros
  • Total de itens

    15
  • Registro em

  • Última visita

Reputação

4 Neutra

1 Seguidor

Sobre FlávioMacedo

  • Data de Nascimento 01-02-1991
  1. Olá! Vou passar 3 dias em São Luís do Maranhão no inicio de Dezembro e gostaria de sugestões dos melhores passeios a atrações na região. 😀
  2. Sim, porque o passeio mesmo aos Cânions leva umas 5h (1h de navegação pelo Rio São Francisco até os Cânions, parada para banho e mais 1h de retorno para almoço). No bate e volta sai de Aracaju umas 6h30 da manhã e são 3h30 de viagem. Fiz pela agência TopTur mas a maioria das agências em Aracaju também fazem esse roteiro.
  3. Se tiver em Montevideo você pode pegar o ônibus para Colonia no Terminal Tres Cruces. Tem os horários no site https://www.trescruces.com.uy/horarios-destinos
  4. Dá sim. Tem várias empresas que fazem o bate e volta. É um passeio pro dia todo mas foi o melhor que fiz em Sergipe.
  5. DIA 5 - TERÇA (05/03) Ainda não tinha tomado banho de mar em Aracaju então resolvi finalizar meu último dia na praia. Fui para o Bar e Restaurante Parati que fica em uma parte mais distante ao sul de Atalaia. Fechando com praia, caldinho e cerveja. Até breve Sergipe! É daqueles locais pé na areia pra passar o dia, tomar banho sem preocupação e tomar uma cervejinha. Tem um estrutura boa mas o atendimento bastante lento. Não cobram pelo uso das cadeiras nem guarda-sol, apenas o que for consumido.
  6. DIA 4 - SEGUNDA (04/03) De manhã resolvi fazer uma caminhada na Orla de Atalaia até o Farol da Coroa do Meio. Na volta passei na Feira do Turista para comprar lembrancinhas. Praia de Atalaia Na parte da tarde eu pretendia passear pelo Mirante da 13 de Julho e Calçadão Formosa porém acabei só passando rápido porque não tinha muito movimento e tava chovendo. Aproveitei então para ir ao gelato il Sordo que fica no mesmo bairro. Eu tinha lido vários elogios no TripAdvisor e eles tem uma proposta bem bacana no qual todos os atendentes são surdos e atendem na língua de sinais. Excelente gelato. Contam com três lojas em Aracaju. Minha janta foi novamente na Passarela do Caranguejo, mas dessa vez no Rei da Sopa. Tomei um caldinho de Sururu e comi um Pastel de Aratu. Estavam muito bons e o restaurante tem uma boa variedade de opções e bom custo-benefício. A famosa Passarela do Caranguejo. Várias opções de bares e restaurantes.
  7. DIA 3 - DOMINGO (03/03) Passei a manhã na estrada em direção aos Cânions do Xingó na cidade de Canindé do São Francisco já no sertão sergipano e divisa com Alagoas. Foi o único passeio que fechei com empresa (Agência TopTur). Custou R$ 183,00 no site da Decolar e incluía o transporte ida e volta (3h30 de viagem) e o passeio de catamarã até os cânions. Apesar do cansaço do trajeto e aperto dentro da van foi um passeio maravilhoso. Paramos no Restaurante Karranca's que serve como ponto de apoio e de onde pegamos o catamarã que navega pelo Rio São Francisco até os cânions. As paisagens são incríveis e ao chegar nos cânions tem a opção de pegar uma canoa que entra em uma gruta. Pra mim foi a parte mais legal do passeio. (Custa R$ 10,00) O passeio de canoa é curto mas vale muito a pena! Também foi possível tomar banho no Velho Chico. Existe toda uma estrutura com proteção e apesar de ser profundo o banho lá é tranquilo. De volta ao restaurante fomos almoçar (custa R$ 49 o buffet livre). Pelo preço eu esperava que fosse um pouco melhor e com mais variedade. O restante da tarde passei novamente na estrada retornando a Aracaju.
  8. DIA 2 - SÁBADO (02/03) Reservei a manhã desse dia para conhecer São Cristóvão. Essa é a 4a cidade mais antiga do Brasil e antiga capital de Sergipe. Fica vizinho a Aracaju e foi tranquilo chegar lá de ônibus. Peguei no terminal que fica ao lado da Rodoviária nova e a passagem também custa R$ 4,00. Minha primeira parada foi na Casa da Queijada onde experimentei a tradicional “queijada” que é patrimônio cultural do estado. Gosto de tudo que tem coco. Tive que voltar e comprar mais pra levar pra casa. Fui explorando a cidade sozinho mesmo sem guia e parando nos locais que me chamavam atenção. Cheguei na Praça São Francisco que é reconhecida como patrimônio mundial pela UNESCO e entrei na Igreja e Convento de São Francisco. No dia não tinha visita guiada mas a senhora que me recebeu na entrada explicou um pouco sobre o local. Praça São Francisco Outra igreja que entrei foi a Igreja do Carmo que conta com uma espécie de “santuário de milagres” onde as pessoas deixam fotos e peças de madeira representando partes do corpo como forma de mostrar graças alcançadas. No dia a Igreja Matriz estava fechada. Conheci o Museu Histórico de Sergipe que é interessante e tem visitada guiada paga (não lembro o valor certo mas foi menos de R$ 10) e o Museu da Polícia Militar (pequeno mas com entrada gratuita). Minhas últimas paradas foram no Atelier Nivaldo Oliveira que faz um trabalho muito bacana com xilogravura e o Licor e Arte onde experimentei alguns dos licores artesanais. Atelier Nivaldo Oliveira De volta a Aracaju, descansei um pouco no hostel e no fim da tarde fui até a Orla do Pôr do Sol. É uma parte mais afastada e de onde sai alguns passeios, porém fui com a intenção apenas de apreciar a vista. Esperava que tivesse mais opções de comida por lá mas é um local sem muita estrutura. Orla do Pôr do Sol Já de volta em Atalaia fechei a noite no Terra Tupi que fica na Passarela do Caranguejo.
  9. DIA 1 - SEXTA (01/03) Como o check in no Anauê Hostel seria só de 13h deixei minha mochila por lá e fui de ônibus conhecer o centro da cidade. O albergue fica muito próximo da Orla de Atalaia e de um terminal de ônibus que achei bem fácil de locomover para os principais pontos da cidade. (A passagem custa R$ 4,00) Já no centro minha primeira parada foi no Museu da Gente Sergipana. Trata-se de um museu que apresenta a cultura de Sergipe de maneira bem moderna e interativa. A entrada é gratuita e vale muito a pena. Logo em frente ao museu tem também o Largo da Gente Sergipana com umas esculturas muito bonitas além da vista do Rio Sergipe. De lá fui caminhando em direção ao centro histórico e fiz a visita guiada (e gratuita) no Palácio Olímpio Campos. O local está bem preservado e foi bem interessante conhecer os ambientes e suas funções quando o palácio funcionava como sede do governo. Lá tinha também uma maquete enorme de Aracaju com os principais pontos históricos explicados pela guia, bem interessante para se localizar. Como já estava se aproximando do horário de almoço fui em seguida para o Mercado Municipal Antônio Franco. O mercado tem uma arquitetura bem interessante e no andar superior tem o Restaurante Caçarola onde escolhi almoçar. Mariscada, vatapá, caruru e torresmo 😋 De “bucho cheio” andei mais um pouco até o Mercado Municipal Maria Virgínia Leite Franco (bastante amplo com frutas, verduras, comidas típicas e muambas em geral) o Centro Cultural de Aracaju e o Espaço Zé Peixe. (Ambos com entrada gratuita e próximos aos mercados). Voltei ao hostel e de lá fui caminhando para a Orla de Atalaia. Gostei bastante da estrutura do calçadão que conta com vários espaços de convivência no caminho além de opções de bares e restaurantes. Meu último passeio do dia foi ao Projeto Tamar (Oceanário). O ingresso custa R$ 20 e o espaço apesar de pequeno vale a visita.
  10. Olá pessoal! Estou deixando aqui o meu primeiro relato de viagem. Já faz alguns anos que aproveito o período de carnaval pra viajar para destinos que ainda não conheço no Nordeste. Esse ano escolhi Sergipe, incluindo a capital Aracaju, a cidade histórica de São Cristóvão e os Cânions do Xingó em Canindé de São Francisco. Sai de Natal na quinta-feira (17h) de ônibus pela empresa Gontijo com destino a Aracaju. Só cheguei na capital sergipana às 9h da manhã do outro dia. O trajeto além de longo tem muitas paradas em outras rodoviárias da Paraíba, Pernambuco e Alagoas.
  11. Legal seu relato aqui do RN! Quando puder voltar acrescente Galinhos (uma península que só chega lá de barco e tem uma vibe bem rústica) e São Miguel do Gostoso. Ambas são no litoral norte do estado. E Pipa é sempre bom voltar hehe
  12. Opa, também estive por lá agora no carnaval e adorei. Vou botar meu relato aqui depois.
×
×
  • Criar Novo...