Ir para conteúdo

tiago.trentini

Membros
  • Total de itens

    1
  • Registro em

  • Última visita

Reputação

0 Neutra
  1. Voltei semana passada de Cuba e gostaria de compartilhar algumas informações sobre a viagem que fiz com meu sócio a Cuba. Algumas informações importantes: - Você nao precisa de vacina nenhuma pra entrar em Cuba - Você não precisa se importar com Visto. A Companhia Aérea vende no guichê por 25 dólares no momento do embarque. Não se incomode fazendo isso por conta própria. No guichê é mais barato e mais fácil - Você não precisa de seguro saúde - Leve Euro, dólares não são bem vindos - Leve roupas velhas para doar, vão te pedir muito por roupas e até mesmo por material de higiene. - Leve muita paciência, pois as estradas são péssimas, GPS não funciona, internet somente nas praças a 10 reais a hora. Há alguns meses, saturado do meu trabalho resolvi me meter em alguma roubada. Sim, quem vai a Cuba para explorá-la sem ser por agências deve estar preparado para perrengues dos grandes. Fomos a Havana, onde eu acredito que 24 horas são o suficiente para alguém agitado como eu conhecer. Sou da pessoa que gosta de fazer as visitar em forma de gincaninha, não ficando muito tempo em cada lugar. Entrei no museu, tá visto e vamos pro próximo. Havana é de fato impactante pois é uma volta ao passado. Andamos 3 mil quilômetros de carro na qual passamos por estradas que são de fato muito perigosas, você está ainda na rodovia a 100 km por hora e após uma curva você cai dentro de um vilarejo onde tá todo mundo andando no meio da rua. Todos os carros de turistas são identificados, ou seja, como o carro custa 5 salários minimos a diária, eles vão vir mendigar com você, afinal socialismo realmente não foi algo que deu tão certo assim. Conheci muito o interior e se por um acaso pudesse fazer de novo, gastaria mais tempo com os hotéis e resort que ficam em Cayo Guilherme. Custam 250 reais o casal com TUDO INCLUSO, nivel Costão do Santinho em Florianópolis. Uma super estrutura, com uma praia que até agora me deixa arrepiado. Nas cidades grandes é muito fácil se virar, mas nas cidades pequenas não há restaurantes, os banheiros são imundos, os mercados tem as prateleiras vazias, fila pra entrar. Chegamos a ir numa balada que tinha 10 carroças, 10 charretes, 20 bicicletas e apenas nosso carro. As mulheres já vem te pegando pela mão quando entras em qualquer festa. A prostituição tem crescido muito por lá, afinal há várias pessoas que qualquer gorjeta já significam um mês todo de trabalho. Se quiser realmente conhecer o regime de Fidel Castro e estiver afim de várias roubadas, alugue o carro e faça Havana - Santiago de Cuba. Se quiser conhecer a ilusão, fique em Havana e va apenas para Varadero, que é a ideia de sucesso que eles vendem daquela ilha. Eu, em doze dias, planejando novamente gastaria metade nesses resorts baratos e fantásticos que existem (como 150 reais é caríssimo pra eles, você irá ver apenas turistas, zero de cubanos). de Havana, Cuba a Varadero - Google Maps.pdf
×
×
  • Criar Novo...