Ir para conteúdo

thiago.martini

Membros
  • Total de itens

    147
  • Registro em

  • Última visita

  • Dias Ganhos

    2

thiago.martini venceu a última vez em Janeiro 1

thiago.martini tinha o conteúdo mais apreciado!

Reputação

62 Excelente

1 Seguidor

Sobre thiago.martini

  • Data de Nascimento 30-11-1989

Informações de Viajante

  • Próximo Destino
    Ushuaia (de moto) e sudeste asiático (mochilão)

Outras informações

Últimos Visitantes

3.739 visualizações
  1. Valeu Gustavo. O Silnei indicou um site bem bacana. Vou dar uma olhada. Valeu!
  2. obrigado Silnei! vai ajudar mto ... não conhecia este site. Já até favoritei. Valeu
  3. Pra dar um up aqui! Alguém sabe de alguma trilha, pode ser de um dia ou mais, para fazer no México? De preferência perto da Cidade do Mexico ou no sul do país. Valeu!
  4. Então Gustavo, não vou te dizer que o trecho é sensacional de bonito, mas até que é bonito. Tem umas retas bem longas com campos que não tem fim. Bacana de ver. A estrada é muito boa. Tem até alguns pontos turísticos no caminho (ruínas jesuítas) que valeria a visita. Abraço!
  5. Dica mto boa Marcelo. Foge do alto custo do ferry além de conhecer a bela Fray Bentos!
  6. Fala Alexandre, beleza? Em dezembro passado passei por essa região de moto. Entrei por Puerto Iguazu e desci a RN 12 até Corrientes, dali subi pela RN 14 até Salta. Desse trecho que passei posso te dizer que foi bem tranquilo, estrada muito bom, com postos de gasolina frequentes e várias cidadezinhas onde vc conseguirá hospedagem fácil (creio eu). Nesse trecho, +ou- 700km vi muito posto policial, então é bom tomar cuidado e vários carros com radares móveis, então mais cuidado ainda. Dica: toda vez que tiver um radar móvel, uns poucos kms antes vai ter uma placa pequena co
  7. Já fiz trekking com mais de 4 mil metros de altitude. É só aclimatar direito. E tbm é só não correr, despacio siempre!
  8. Valeu cara! Eu vi esse de Izta-Popo, mas por enquanto, nas minhas pesquisas, achei apenas o trekking de uma dia. To buscando alguns de 3 ou 4 dias. Se não achar nada, vou nesse mesmo. É legal subir vulcões! Flw!
  9. Oi Verônica! Que legal vc querer mochilar. Algumas das maiores lições que aprendi em hostels do mundo afora mochilando, foram com pessoas com um pouco mais de idade, histórias de vida incríveis e que resolveram cair no mundo. Então não tenha receio pela questão de idade. Saber o básico de inglês e da língua do país para o qual você vai, ajuda muito. Mas não deixe de viajar por não saber a língua. Existe uma certa irmandade de mochileiros e muito provavelmente você achará alguém para te ajudar hora ou outra. Busque alguns aplicativos para te ajudar e aulas particulares. Vai te d
  10. Fala mochileiros, tudo bem por aí? Por acaso alguém sabe, ou já fez, algum trekking na região de Cidade do México ou na região do Caribe (Cancun, Tulum, Majahual ...)? Aqui no Mochileiros não encontrei nenhum relato. Valeu!!!!
  11. Olha, nos locais mais turísticos, movimentados, creio que não é perigoso. Deve-se, é claro e como todo lugar, tomar os cuidados necessários, sobretudo, à noite. Mas assim, não me sinto extremamente em perigo nas ruas de Curitiba. Abraços!
  12. Então, agora estamos na bandeira laranja. Por enquanto sem alteração de decreto para ter algum tipo de restrição. Acredito (e espero) que até vc vir, em outubro, voltaremos para a bandeira amarela, aí as coisas estarão mais tranquila. Parques estão abertos. Bar, restaurantes e lanchonetes também. Shoppings também. Museus e centros culturais, tenho dúvidas. Feirinha do Largo da Ordem voltou faz umas 2 semanas. Qq coisa, só perguntar. Abraço!
  13. Fala Ivo ... que legal que virá para Curitiba. Próximo ao Shopping Estação é sim um bom local para ficar. Fora que vc estará perto de várias linhas de ônibus, o que facilita o deslocamento. Bem em frente ao shopping, tem uma praça chamada Eufrásio Correa, ali recomendo um pouco de atenção com a segurança. Se precisar de mais infos, só pedir. Sou curitiboca kkk. Abraços piá (pra vc ir se acostumando com o nosso linguajar rsrsrs).
  14. @[email protected] Nos últimos dezembro e janeiro rodei mais de 3 mil kms de moto pela Argentina e não fui parado NENHUMA vez pela polícia. Mesmo na província de Entre Rios que é a mais complicadinha. Então, muitos motociclistas se surpreenderam de eu não ter sido parado nenhuma vez. Até eu mesmo achei estranho. Me pareceu que a polícia lá deu uma segurada na mão nas "ajudas" que pedem para os viajantes. Dica é cuidar muito nas sinalizações de radar e polícia. Dica extra, já que vc falou q vai até o Chile. Lá onde ver a placa PARE, é pra parar de verdade. Totalmente. N
×
×
  • Criar Novo...