Ir para conteúdo

jr-roberto

Membros
  • Total de itens

    13
  • Registro em

  • Última visita

Reputação

0 Neutra
  1. Estive lá em B.A em Dezembro/2015. O custo de alimentação você pode se basear no gasto que tem em uma cidade média brasileira. Almoço em torno de R$ 30,00 reais por pessoa (100 pesos). O que ainda é barato lá é transporte e o hotel. Pagamos 60 USD num quarto triplo próximo ao ObeliSco na 9 de Júlio, bem bonzinho e bem localizado (https://www.htlhoteles.com/htl9dejulio/pt/).
  2. Outra dica de hospedagem. Em abril(2013) estive em Cambará e fiquei hospedado na Pousada Vila Ecológica. Tudo muito limpo, organizado, com um ótimo preço, e também um diferencial na cidade: aceitam cartão de crédito! A proprietária é bastante simpática e cozinha muito bem também! Na época paguei R$ 90,00 na diária do casal. Eles possuem duas suítes lá e estão construindo a terceira.
  3. Não sei se aqui é o local adequado, mas em mais de um tópico eu vi dúvidas de usuários querendo saber como ir do Aeroporto à Rodoviária utilizando o transporte público. Pois bem, em primeiro lugar, eu recomendo caso não esteja com muita bagagem e no caso de não chegar à cidade muito tarde. Como qualquer capital brasileira, em Campo Grande é bom vc tomar cuidado com certos horários. O ponto de ônibus fica em frente ao aeroporto, logo à esquerda da entrada de carros para o estacionamento do aeroporto. Pelo local passam diversas linhas de ônibus, mas só vou falar da que eu conheço. O núm
  4. Eu fico assustado porque estaria viajando sozinho, de mochila nas costas e ambientes como rodoviárias são bem estranhos, pelo menos aqui no Brasil, tenho medo de assalto nesses lugares. Conheço só Pedro Juan Cabballero aqui na fronteira e pelo menos por ali parece ser bem tranquilo. Mas também gosto do Paraguai.
  5. Valeu! Eu estava com medo mesmo de entrar no Paraguai.
  6. Não é só em Ciudad Del Este que se pode fazer boas compras no Paraguai. Como alternativa existe Pedro Juan Cabballero, na fronteira com Ponta Porã-MS. Os preços são um pouco maiores, entretanto não existe aquela bagunça de CDE. Nunca tive problemas por lá, mas como todos sabem não se deve dar bobeira no Paraguai. Só existe uma rua separando as duas cidades e quando passar pro outro país não dê motivos para ser parados por policiais querendo propina, use cinto de segurança e evite deixar o carro muito tempo lá; eu quando vou deixo o carro do outro lado da rua, no lado brasileiro.
  7. Eu gostaria de saber o preço de uma viagem de ônibus de Assunção para Buenos Aires. Do jeito que as passagens estão caras no Brasil eu acho que é mais barato chegar a Argentina via Paraguai, talvez compense para mim pois moro em Campo Grande. Alguma dica?
×
×
  • Criar Novo...