Ir para conteúdo

maisbahiaturismo

Membros
  • Total de itens

    3
  • Registro em

  • Última visita

Reputação

0 Neutra
  1. Já está com viagem marcada para Praia do Forte? O lugar é fascinante e mistura o rústico com o moderno, nascida de uma pequena vila de pescadores em torno da fortaleza do fidalgo português Garcia D’Ávila. Nesse artigo nós vamos apresentar 5 lugares sensacionais para você que está se perguntando sobre o que fazer em Praia do Forte. Com esse guia você não vai ficar perdido ao chegar nesse paraíso do litoral baiano. 1. Projeto Tamar Esse passeio é indicado para os adultos e principalmente para as crianças que ficam fascinadas com as tartarugas marinhas. O projetoTamar trabalha na pesquisa e proteção e manejo de 5 espécies de tartarugas marinhas ameaçadas de extinção no Brasil. Entre setembro e Março, as tartarugas chegam para desovar na Praia do Forte e outros pontos da Costa Brasileira. O litoral norte da Bahia é a principal área de desova de tartarugas-cabeçudas, e tartarugas-de-pente no atlântico sul. O centro de visitante mostra o que o Tamar faz para proteger as tartarugas marinhas através da sensibilização e educação ambiental. Um ótimo passeio, concordam? Vale a pena colocar o projeto Tamar no seu roteiro de viagem. 2. Instituto Baleia Jubarte - Observação de Baleias O objetivo do instituto é monitorar e fazer a conservação das baleias jubartes em águas brasileiras. A Praia do Forte se tornou uma área de concentração e reprodução desses mamíferos que chegam da Antártida fugindo das águas frias no período de julho a outubro. Os visitantes têm a oportunidade de participar da observação de baleias, atividade desenvolvida para avistar de perto o comportamento desses animais em alto mar. Antes do passeio é realizado palestras com informações sobre o mamífero, seus hábitos, comportamento e curiosidades. Dentro do instituto também se encontra um museu para visitação. Para saber mais informações sobre a observação de baleia, recomendamos que acesse o site do projeto. 3. Reserva Sapiranga Para quem gosta de turismo de aventura a reserva de Sapiranga é um prato cheio de muita emoção! A reserva oferece sete trilhas devidamente sinalizadas, os passeios podem ser percorridos a pé, de bicicleta, quadriciclo ou a cavalo. Formada por seiscentos hectares de Mata atlântica e habitat natural de diferente espécies de flores, e plantas nativas como orquídeas e bromélias. Os passeios costumam incluir banhos no Rio Pojuca, observação de pássaros, banho na Lagoa Açu e visita ao Centro de Estudo Ambiental, onde se encontram animais da região. Para realizar os passeios use roupas leves, boné, calça comprida e tênis, não esqueça do repelente e da mochila para levar seus pertences, lanche e uma garrafinha de água. 4. Castelo Garcia D'Avila Um dos principais pontos turísticos de Praia do forte é a ruína da casa da torre de Garcia D’Ávila, considerado um dos principais monumentos do patrimônio histórico e cultural Brasileiro. A construção é considerada a primeira grande edificação portuguesa construída no Brasil. O monumento começou a ser construído em 1551 por Garcia D’Ávila que chegou à Bahia em 1549 no cargo de almoxarife da coroa real, acompanhado do primeiro governador geral, Tomé de Souza. Conheça um pouco da história da Bahia e do Brasil visitando o Castelo Garcia D’Ávila. 5. Piscinas Naturais Com a maré baixa, alguns pontos de Praia do Forte se transformam em verdades piscinas naturais. Um das praias mais procuradas é a Papa Gente, com piscinas rasas é possível realizar mergulhos para contemplar cardumes de peixes coloridos. Na Praia do Lord forma-se uma grande piscina natural e é possível beber e apreciar as iguarias da culinária baiana servidas dentro do mar. Leia Mais em: http://www.maisbahiaturismo.com.br/o-que-fazer-em-praia-do-forte
  2. 5 Pontos Turísticos de Salvador para Conhecer Não é novidade que Salvador é umas das cidades mais procuradas pelos turistas. Rica em história e belezas naturais, Salvador também atrai pela tradição e diversos pontos turísticos espalhados pela cidade. Se você já está com passagem marcada para conhecer a cidade baiana, vamos apresentar 5 pontos turísticos de Salvador que você deve conhecer. Alguns já são bem conhecidos, outros nem tanto, mas a certeza é que você não pode deixar a cidade de Salvador sem conhecer esses lugares. Reserve um dia para visitar e se encantar com os cantinhos que só Salvador tem. 1. Farol da Barra O Farol da Barra é um dos pontos turísticos mais conhecidos em Salvador. Temos certeza que você já ouviu falar do farol, se nunca ouviu falar vamos contar um pouquinho da sua história. O Forte de Santo Antônio da Barra, popularmente conhecido como Farol da Barra, está situado no bairro da Barra, orla da cidade, e foi construído em 1534. No interior do forte está instalado o Museu Náutico da Bahia, único do gênero em todo o estado, reunindo valioso acervo de achados arqueológicos submarinos,uma coleção de instrumentos de navegação e sinalização náutica, maquetes, miniaturas de embarcações de variada origem e uma mostra permanente relativa à geografia, história, antropologia e cultura da Baía de Todos os Santos, além da vida marítima, militar e administrativa da cidade de Salvador, primeira capital do país e sua mais importante cidade durante mais de três séculos. No Forte está o Farol da Barra. O farol original foi instalado no forte no ano de 1698. O óleo de baleia alimentava lampiões protegidos por vidros que sinalizavam para os navegantes a entrada da baía. 2. Pelourinho O Pelourinho reúne restaurantes com o melhor sabor da culinária baiana, artesanato, arquitetura barroca, religião, centros culturais e o legítimo batuque do Olodum. A praça é cercada por várias casas antigas, no mais puro estilo colonial, a exemplo do casarão da Fundação Jorge Amado e igrejas como a Igreja do Rosário dos Homens Pretos e a Catedral Basílica, dois grandes exemplos da arquitetura da época da Colônia. Salvador cultivou a mão de obra escrava e teve os seus pelourinhos com várias colunas, fixadas em áreas públicas para expor e castigar criminosos. Instalados originalmente em pontos como o Terreiro de Jesus e as atuais praças Tomé de Sousa e Castro Alves. O Pelourinho é considerado Patrimônio Cultural da Humanidade, tombado pela Unesco, em 1985. 3. Elevador Lacerda O Elevador Lacerda foi idealizado por Antônio Lacerda (1834-1885), construído com a ajuda de seu irmão, o engenheiro Augusto Frederico de Lacerda e financiado por seu pai Antônio Francisco de Lacerda. O elevador, que se encontra entre o Centro Histórico e a Cidade Baixa, conta com quatro cabines eletrificadas que comportam 32 passageiros cada uma, com um tempo de permanência de 22 segundos de viagem. O espaço foi tombado pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional em 2006. 4. Mercado Modelo O Maior Shopping de Artesanato do Brasil. Assim pode ser definido o Mercado Modelo com sua diversidade de lojas, onde podem ser encontrados os mais variados tipos de artesanato e produtos típicos da Bahia. O Mercado Modelo é também um ponto de encontro e convivência, além de espaço de animação artística e cultural da cidade. O primeiro Imóvel que sediou o Mercado Modelo foi inaugurado em 1929. Situava-se na mesma Praça Cairu, em frente à rampa do Mercado, com fachada para o Elevador Lacerda, numa área entre a Casa Alfândega e a Escola de Aprendizes de Marinheiro. A história do Mercado Modelo foi marcada por grandes incêndios; três deles no prédio inicial e, o último, no imóvel em que se encontra agora. No mercado de hoje, é possível comprar uma extensa variedade de artigos artesanais: confecções, redes, instrumentos musicais típicos, entalhes em madeira (na sua maioria de inspiração africana), rendas e cestarias da Ilha de Maré, bordados e trançados, bijuterias e adereços, objetos de decoração e utilitários, peças de couro, ferro e cerâmica, as conhecidas bonecas de pano, vestidas de “baianas’’ e objetos religiosos, tanto católicos, quanto do candomblé. 5. Dique do Tororó O Dique do Tororó foi construído pelos holandeses, no século XVIII, com um espelho d’água de cerca de 110 mil metros quadrados, o local sofreu sucessivas reformas com o passar do tempo. Em 1998, o ponto turístico ganhou novos equipamentos de esporte e lazer, anfiteatro, centros comunitários e restaurantes, além de doze esculturas de orixás assinadas pelo artista plástico Tati Moreno. Um ponto turístico que vale a pena visitar. http://www.maisbahiaturismo.com.br/pontos-turisticos-em-salvador-conhecer
  3. 5 Pontos Turísticos de Salvador para Conhecer Não é novidade que Salvador é umas das cidades mais procuradas pelos turistas. Rica em história e belezas naturais, Salvador também atrai pela tradição e diversos pontos turísticos espalhados pela cidade. Se você já está com passagem marcada para conhecer a cidade baiana, vamos apresentar 5 pontos turísticos de Salvador que você deve conhecer. Alguns já são bem conhecidos, outros nem tanto, mas a certeza é que você não pode deixar a cidade de Salvador sem conhecer esses lugares. Reserve um dia para visitar e se encantar com os cantinhos que só Salvador tem. Continuar lendo.... http://www.maisbahiaturismo.com.br/pontos-turisticos-em-salvador-conhecer
×
×
  • Criar Novo...