Ir para conteúdo
  • Cadastre-se

StanlleySantos

Colaboradores
  • Total de itens

    171
  • Registro em

  • Última visita

  • Dias Ganhos

    1

Tudo que StanlleySantos postou

  1. StanlleySantos

    Melhor Barraca Custo x Benefício Mochilão Roots

    Fala Rafa!! 200 pila de orçamento numa barraca pra aguentar esse tranco em particular é complicado. Só se vc achasse uma importada, lá fora, e boa mesmo. E a julgar pelos países para onde pretende viajar, o ideal seria vc adquirir uma barraca 4 estações pra aguentar extremos (chuva e frio), que costumam ter valor elevado. Até pq mochilão roots é sempre aquela incerteza de ter um teto para dormir no dia seguinte, então.... "ah, mas aquela barraquinha que vi no supermercado todo mundo usa, e vejo imigrantes usarem nos centros urbanos, e acampamentos de igreja e...." NÃO!!!!! A mais em conta que vc encontraria por aqui no Brasil nos dias atuais seria a Windy 1 da Nautika, na faixa de 200 a 300 mangos, lançamento do ano passado se não me engano, tem 2.500mm de coluna d'água (já aguenta bons temporais), fácil montagem, mas ela é minúscula, servindo só pra dormir mesmo. E ela não chega a ser aquela maravilha de barraca. Citei ela pq a nautika faz até umas barraquinhas decentes, vez ou outra. Outra barraca a ser considerada seria a falcon para 2 ou 3 pessoas, numa faixa de preço parecida, mais espaçosa, porém menos resistente a chuvas e ventos. Mas um conselho que poderia dar é: veja se vc pode juntar mais uma grana e comprar uma melhor, já que precisará de um teto confiável para sua jornada por tempo indeterminado. Aconselho fortemente a minipack da azteq (na faixa de 500 reais, mas é aquele investimento bom pra ocasião), ou alguma Arpenaz da quechua, encontrada nas lojas da decathlon (valores variados)
  2. StanlleySantos

    Qual é a melhor cidade pra conhecer em minas?

    Eu colocaria São Thomé das Letras sem dúvida, ainda mais que vc falou que gosta de atrações mais naturais....dificilmente vc se desapontaria dando um rolê por lá! Faça uma viagem de bus para três corações, se estiver por perto, depois para ST, suba a pirâmide, conheça umas cachoeiras/grutas/mirantes e seja feliz com um garraduende assombrado na mochila! Rs.
  3. StanlleySantos

    Barracas: Qual comprar?

    Procura o Charruá Sport & Adventure, mais especificamente o Pablo, que gerencia. Ele vende a Katmandu (embora não saiba te dizer se ele a tem no momento). Mas veja o preço primeiro, e tenta chorar um pouquinho, pq barraca geralmente é mais cara no norte. Quanto às duas que vc perguntou, creio que ambas estão num patamar bem parecido, mas a katmandu tem o avanço que a Arpenaz não tem, então ponto pra katmandu. Mas se vc não puder gastar muito, vai de quechua.
  4. StanlleySantos

    Ajuda de Roteiro Brasília e Pirenópolis

    Brasília é uma cidade de estadia relativa, e vai do seu perfil de viajante. Mas como sempre falo, se existe uma palavra para definí-la, seria RICA. Sendo assim, 3 dias JAMAIS seriam suficientes se vc quisesse conhecer a riqueza dessa cidade e seus arredores. Pra vc ter idéia, só no parque nacional e na chapada imperial dá para passar um dia quase inteiro (em cada). No parque da cidade de Brasília mesmo, uma tarde inteira seria bem aproveitada também (fotos, um passeio de kart, a caminhada em si, os espaços para o social, o parquinho que tem por lá...). O zoológico da cidade também é ENORME, te fazendo ficar uma manhã ou uma tarde inteira ali, se vc quiser ver todo o acervo. Como vc vai estar de ônibus, tem toda a questão do deslocamento também. E lembrando que tem uber e metrô, dependendo de onde você estiver, também. Fora que fevereiro é temporada de chuvas em Goiás, corre o risco de vc perder um ou dois dias por causa da chuva, mas é apenas uma possibilidade. Seria bom ficar hospedado em uma das asas, e quanto ao lance da hospedagem "cara" no centro, pessoalmente acho uma questão relativa também, pois mesmo nas asas, é possível achar hotéis e hostels a bons preços (na faixa de 40-60 reais a diária). E no booking mesmo estão alguns exemplos. De dia achei super de boa caminhar por lá (apesar do bicho pegar, naturalmente, de noite, como em toda cidade). Então assim, em um dia vc automaticamente só tiraria para o Eixo monumental e dependências, caso te interessasse aquele roteiro cívico-cultural (bosque dos constituintes, congresso, praça dos 3 poderes, esplanada, catedral, museu, torre de TV, planetário, Mané garrincha, praça dos cristais e museu/memorial JK). Boa parte desse percurso dá pra fazer a pé (trilha e calçada larga nas vias não falta). E isso pq não incluí as visitas guiadas. A noite poderia ficar para shopping ou mesmo procurar uma boa referência gastronômica (eu gosto MUITO do crepe brasiliense, por exemplo, não deixe de comer). os demais dias poderiam ser para as atrações distantes (ponte JK, + lago Paranoá com ênfase no pontão do lago sul, muito bonito o entardecer lá, jardim botânico, o parque nacional, chapada imperial, zoológico de BSB, parque olho d'água...). Eu tiraria 4 dias em BSB sem dúvida alguma, no mínimo, e sabendo que ficou faltando coisa pra fazer e ver. Ah sim, na torre de tv tem uma feira na base onde dá pra encontrar lembrancinhas bem em conta da cidade. Daí só partir da rodoviária para Piri e conhecer suas belezas naturais.
  5. StanlleySantos

    Opinião sobre barraca e mochila

    A mochila é boa, a marca idem. Melhor custo-benefício inicial pra mochilões acho difícil. Quanto a barraca, concordo com o Guilhermo, ela tem a desvantagem de ser grande e pesada, se não for compartilhada com muita gente. O avanço dela é um diferencial e tanto para diversas utilidades. Mas fica difícil de levar pra lá e pra cá sem um carro próprio. Se vc puder abrir mão do avanço que a Indy tem, existem opções menores e mais leves para 3 pessoas ou mais.
  6. StanlleySantos

    Como planejar um mochilão?

    Muito boa a iniciativa!
  7. StanlleySantos

    Toalhas de Secagem Rápida

    Saudações! Alguém recomenda as toalhas da nabaji vendidas nas lojas da decathlon?
  8. StanlleySantos

    Fogareiros... Qual comprar?

    Sim, notei que o material dela favorece a corrosão, mas por incrível que pareça a minha está intacta (tirando a tinta que naturalmente desbotou na parte que queima), e olha que moro numa área com umidade alta o ano inteiro. Mas concordo com a possibilidade de vivência em maresia estragar a espiriteira. Aí vai do uso de cada um. Acho muito válidos os modelos da azteq e naturehike, dou meu voto positivo também, principalmente pelo tamanho diminuto (comparado com o meu modelo). São marcas de excelência. Eu evito fogareiro também por causa disso mesmo, a qualidade do combustível específico para o uso. São muitos contras (não que torne o bicho uma péssima opção). Eu ri oh sobre o lance da contaminação, ainda fico com meu desconfiômetro ligado (uma vez que gasolina fica "impregnada" que uma beleza em várias superfícies, mas deve ser dos aditivos e só sabe Deus o que mais botam na nossa gasolina). Ótimas informações, como sempre, amigo!
  9. StanlleySantos

    Barracas: Qual comprar?

    Pra aguentar as chuvas daqui, uma de 1.500 ou 2.000mm já serve. Eu tenho a Venus e a Everest da Guepardo, e nunca me deixaram na mão. A Venus custa uns 300 bonoros, em média. Tirando a remota possibilidade de encontrar a katmandu da azteq em Manaus (pq sei onde vende), te adianto que Guepardo será a melhor marca que encontrará por aqui, caso comprar no norte (a gente carece de variedade e qualidade). Se for trazer de outra região do Brasil, passa na decathlon e tira uma Quechua Arpenaz 2+ ou uma Arpenaz 3 fresh & black, são ótimas opções.
  10. StanlleySantos

    Bota ou tênis? Europa maio/19

    Concordo, existe um mito difundido de que bota é padrão para viagem, aos olhos de muitos. Se vc comprar uma bota que não é impermeável, sabendo que vai pegar chuva, meio que não vai adiantar muito, não? E como vc falou, passeio em cidades, dá a entender que seu roteiro será mais urbano que natural, ou estou enganado? Se for o caso, acho difícil vc pegar chuva sem ter onde se abrigar. Mas se estiver em seus planos parques e lugares ao ar livre, sabendo que pode pegar precipitação, aí a história muda. Um calçado impermeável resolveria. Mas como foi falado, dois pares para situações distintas seria uma boa alternativa (bota impermeável + tênis esportivo de marca boa).
  11. StanlleySantos

    Azteq katmandu (dicas e sugestões)

    Fala Karol. Olha, começou bem por escolher a azteq para suas atividades! É uma ótima marca, dificilmente recomendaria outra. pessoalmente sobre a Katmandu mesmo, ela a mais fraca das azteq pelas especificações, mas considerando a sua necessidade de comprar algo mais em conta, creio que vai servir bem. Até pq ela tem um avanço razoável para botar parte do equipamento e comportar duas pessoas. Mas como espaço nunca é demais, seria bom comprar uma 3/4 mesmo. Não que a 2/3 seja pequena, mas se a diferença de valor for insignificante para vc.... Barraca do mesmo nível e na faixa de preço da kat, só naturehike e outras importadas, mas se seu uso for casual, em lugares "de boa" e "não extremos" do Brasil, então Katmandu serve. Falo isso pq existem as outras barracas da marca (minipack e Nepal) que foram feitas para condições mais duras, são menores e custam mais. Fora isso, o que mais tem em matéria de barraca nas lojas no Brasil é nautika (as parentes pobres das azteq, são básicas), guepardo (são até boas, mas a Katmandu é uma aposta melhor), e quechua, que é exclusividade da decathlon (boa reputação, mas colocaria num patamar inferior à azteq). Enfim, boa sorte na sua aquisição e vai na fé.
  12. StanlleySantos

    Bagagem de mão 50L

    Forclaz, hum... Bom, poder pode, até com mochilas de 60l, maaas vai depender de como vc vai encher ela, as regras da companhia, e um pouco de sorte tbm. Vc falou do peso, ok, bagagem de mão geralmente é isso no Brasil. Não sei como funciona lá fora, mas vc não tem as medidas que a sua companhia especifica (largura, comprimento, altura)? Com base nelas, vc precisa montar sua mochila de modo que ela caiba com folga numa caixa de padrão que geralmente está ou no check-in (preferencialmente) ou no embarque. Em suma, só não encher demais até o limite e passar a impressão de que está levando uma casa nas costas. Sempre tem um truque ou outro para poupar espaço. Fora isso, dependendo do aeroporto, do atendente, podem te deixar passar direto por estar só de mochila ou pedir para medir e pesar, por isso é bom não encher demais.
  13. StanlleySantos

    Colchão inflavel MOR com fole

    Salve Chris! Primeiramente, sobre a MOR. Quer dar um presente de grego pra aquele amigo da onça? Dê um produto da marca. É uma m..., com todo o respeito. Tive esse colchão (mas a versão sem fole, a que vc pisa na bombinha embutida), e uma barraquinha deles na época em que não podia gastar muito com equips pra camp, e se arrependimento matasse.... Provavelmente seu colchão está com algum furo ou quebrou em alguma parte da "entrada de ar" e está deixando escapar ar assim. Se ainda estiver na garantia, tenta trocar, mas eu não esperaria muita coisa.
  14. https://exame.abril.com.br/brasil/parque-nacional-da-chapada-dos-veadeiros-e-concedido-a-iniciativa-privada/ Mochileiros. O que já era discutido há tempos, finalmente está começando a acontecer. Se antecipem para os futuros roteiros, fiscalizem, e vamos torcer para que tal mudança resulte não apenas em ganho monetário por parte das empresas, mas também em melhorias na infraestrutura para o visitante e manutenção do parque. É importante ressaltar que o parque ainda será de responsabilidade do ICMBIO, conforme as fontes consultadas
  15. StanlleySantos

    Locomoção nas chapadas dos Veadeiros e Diamantina

    Ainda não tive o prazer de ir na diamantina, mas no caso de veadeiros, no entorno existe uma cidade pequena (Alto paraíso) e uma Vila (São Jorge). São Jorge é do lado da entrada do parque, vc indo para lá tem total acesso, sem necessidade de carro. E a distância de São Jorge pra Alto não é tão grande (uns 36km mais ou menos). Entre Alto e São Jorge tem opção de táxi (valores variados) e caronas, que se forem arrumadas pelos grupos do face, ficam na faixa de 30, 35 mangos (eu enfatizo Alto pq lá tem estação rodoviária, com bus pra Brasília, inclusive, e vale a visita tbm).
  16. StanlleySantos

    Chapada dos veadeiros, chove mto em janeiro?

    Chove sim, jovem. Se vc quiser aproveitar melhor a chapada, melhor evitar o período de Janeiro até Abril, a menos (e somente) que seja sua única opção de viagem.
  17. StanlleySantos

    Trilhas e Acampamentos para iniciantes

    Saudações Victor, seja bem-vindo à comunidade! Há alguns anos atrás, estava na mesma situação que vc, e digo que para certas coisas ainda me considero leigo então, será uma coisa a ser acumulada com os anos e saidinhas de final de semana. Tem um tópico legal no fórum onde vc pode reunir as infos básicas do camp: Mas é o básico do básico, de lá existem links para informações detalhadas sobre os elementos do campista (mochila, barraca, calçado adequado, roupa adequada, equipamentos extras...). Tem esse outro link do site da trilhas & rumos (vc vai ouvir falar muito dessa marca ingressando nessa vida, inclusive a marca possui reputação boa para iniciantes, vale a pena a olhada). https://trilhaserumos.com.br/dicas-roteiros/dicas_de_uso/o-que-todo-iniciante-precisa-ter/ Outra coisa importante é: onde vc mora (região)? Pq dependendo do lugar pode ser mais fácil ou mais difícil achar bons locais para a prática, se na sua região possuir atrações naturais (praias, cachoeiras, parques nacionais), a possibilidade de achar campings estruturados aumenta (é melhor começar com os campings demarcados em sítios por uma questão de segurança mesmo). Para isso você pode usar uma ferramenta poderosa chamada google maps. Vou dar um exemplo: estou programando um mochilinho para RS no ano que vem, e entre as cidades que penso em visitar, está Torres. Eu irei acampar, portanto.... Com isso tenho uma breve noção das opções. Claro, corre o risco de certos lugares daí nem existirem mais, ou não serem tão bons, por isso é bom ver as avaliações e fotos desses lugares. Alguns deles possuem facebook/insta tbm. Aí só procurar na sua região as opções. Aqui no fórum tem muito conteúdo tbm, pode se basear nos relatos de outras pessoas, e nos tópicos de equipamentos mesmo. Aí só ir montando seu roteiro. Tbm tem um link de umas dicas (com uma pitada de humor) sobre o que não fazer nessa vida, como eu quase sempre dou boas risadas lendo, acho que vale fazer a propaganda http://blog.blag.us/trilheiro-pe-de-frango/ E uma última coisa: Procure lojas de artigos para camping na sua cidade, nada de mochilas ou barraquinhas de supermercado, esses são os piores materiais possíveis para isso. Lojas caça & pesca costumam ter essas coisas. Mas seguem duas referências boas para compra de material básico: Centauro Decathlon (la mejor) No mais, é isso. Bons ventos, e seja bem-vindo, mais uma vez!
  18. Barraca e gazebo pode, desmontadinhos e bem ajeitados na bagagem. Por possuir muito metal nesses itens, creio que o máximo que podem fazer é solicitar a abertura das bagagens pra conferir a natureza desse material, mas é bom se informar na hora do despacho. O limite de peso da gol/latam é 23kg, para a despachada, não sei se é um padrão universal. Só ficar atento mesmo. Gás é proibido.
  19. StanlleySantos

    Passeio em família, sem carro!

    Depende, é limitado à SP ou pode ser outros Estados? Eu recomendaria Gramado/Canela na serra gaúcha, os locais são próximos uns dos outros, dá pra ir andando pra muita atração e entre as cidadezinhas, pelo que constei. Claro, as coisas lá são um pouco salgadas, mas penso que vale o investimento pra uma programação diferenciada em família. Ainda está na época do Natal Luz, está a coisa mais linda por lá.
  20. StanlleySantos

    Fogareiros... Qual comprar?

    Eu achei da hora o primeiro modelo, bem completinho mesmo. Eu investiria sem dó nem piedade!!! O segundo item não estou abriu aqui, mas pelo que vc falou é a gasolina. Não sei como ele funciona (uma vez que gasolina produz resíduo que poderia contaminar o alimento/água), mas pessoalmente recomendo os que usam álcool/etanol. O etanol é mais barato, tem um risco baixíssimo de contaminação, e é ecologicamente correto. O terceiro é fogareiro mesmo ne. Eu recomendo que vc se atente ao detalhe que certos fogareiros a gás só aceitam tipo X de botijão de gás, podendo ficar entupidos ou mesmo quebrarem se vc não usar o tipo certo. Esse é um problema de alguns fogareiros a gás, que vc deve se atentar (principalmente se tratando de importado).
  21. StanlleySantos

    Fogareiros... Qual comprar?

    Complementando os dois amigos, cara, espiriteira é uma mão na roda, digna de um artigo inteiro no mochileiros só falando dela. Economia na compra, no combustível, no espaço ocupado na bagagem, só vantagens! Tenho essa aqui que comprei num empório próximo do porto da minha cidade (a meu ver nesses armarinhos que vendem panelas + equipamento náutico fica mais fácil achar), e sou bem feliz com ela. Uns 100, 200ml de etanol duram um bom tempo, suficiente para ferver água e fritar ovo, frios, preparar miojo, etc. esse modelinho custou 20 mangos na ocasião, e não ocupa muito espaço na mochila. Mas tem que ser o modelo específico pra uso de camping, aquelas espiriteiras de buffet, das que eu achei, são carinhas, e não achei "completas" para o uso.
  22. StanlleySantos

    Mochila para mochileiro iniciante

    Dá uma lidinha no site em geral, bro. Tem muita informação e avaliação útil sobre diversos itens. Não adianta recomendar um produto top de linha que não é necessário para o que vc vai fazer e ainda vai custar um braço e uma perna. É, mochila não é só ir ali na loja e escolher, existem especificações técnicas e tal, o preço varia (e muito)... O que vc define como ferramentas? Barraca? Calçados? Equipamentos para água ou fogo? Se tudo isso for sua dúvida, recomendo que vc comece....do início! Tem tópico para quase qualquer assunto no site, inclusive guias para iniciantes. Recomendo esse aqui: https://www.mochileiros.com/forum/20-guia-do-mochileiro/ Aí vai procurando item por item, veja sobre as principais marcas no mercado (nada de mochila de importadora xing ling ou barraquinha do telhadinho amarelinho, pelo amor!). Hoje em dia é bem mais fácil o acesso a produtos bons para a prática, em comparação com a década passada. Se vc morar em uma cidade que tem uma filial da Centauro, já é um começo, se tiver decathlon, vc tem a faca e o queijo. E de bônus, deixo um dos meus textos favoritos sobre o assunto (com uma boa pitada de humor), sobre o que NÃO fazer ao embarcar nessa vida. http://blog.blag.us/trilheiro-pe-de-frango/ Boa sorte jovem!
  23. StanlleySantos

    Reveillon 2019 na Chapada.

    https://www.mochileiros.com/forum/556-goiás-e-distrito-federal-companhia-para-viajar/ Recomendo.
  24. StanlleySantos

    Sugestões de mochila para viagem

    Concordo em gênero, número e grau com o que o @lobo_solitário disse. E mais, truque não falta pra dar aquela esvaziada básica na bagagem (quem nunca usou duas ou mesmo três mudas de roupa ao embarcar pra um lugar frio, por exemplo? ) Uma coisa que eu sempre falo em posts do tipo é se atentar pro item pessoal, que pode ser uma pequena bolsa. Se a mochila ficar cheia e correr o risco de extrapolar, joga um volume pro item pessoal, pelo menos por experiência posso dizer que sempre deu certo. E a minha cargueira é de 60l. No mais, tire uma foto da caixinha ou da "régua" que a companhia disponibiliza no checkin do aeroporto, e compare com o que vc tem e vai levar.
  25. Não esqueçam de atualizar o relato, ansioso pq o estado está na minha mira em 2k19! =D
×