Ir para conteúdo

danfreeflyer

Membros
  • Total de itens

    4
  • Registro em

  • Última visita

Reputação

2 Neutra

Últimos Visitantes

O bloco dos últimos visitantes está desativado e não está sendo visualizado por outros usuários.

  1. Bom dia, alguem já foi pro méxico em janeiro....Pode falar do clima, se é alta temporada e etc Obrigado
  2. Primeiro dicas de Viagem: - Levar o dinheiro e documentos importantes como RG, passaporte e outros numa pochete intima. Procure leva-los 100% do tempo com você. - Vá ao supermercado local e compre sucos, e algo para fazer lanches, principalmente a noite. - Leve uma mochila com garrafa de água e algo para comer, como chocolate, biscoito e etc. - Fazer uma boa pesquisa sobre o lugar pra onde vai viajar, para evitar grande surpresas. - Fazer suas reservas de Passagens, hotel, hostel, passeios com bastante antecedência assim consegue algum desconto. (Reservo e compro as passagens com 6 a 8 meses de antecência) - Site e APP para pesquisar e receber promoções: APP: Melhores Destinos (todo dia tem promoção de viagens) Site: https://www.skyscanner.com.br/ (deixo alertas de preço de passagens) Chile - Santiago Se vai ao Chile, então prepare o bolso pois tudo é muito caro, desde comida, passeios e transportes. Fui para Santiago e fiquei no RQ hotel, na Avenida San Martin, 55 - Centro. Otimo hotel, próximo de tudo, a maioria dos pontos turisticos fica num raio de 3 a 4 km desse hotel, e ainda tem o metro ao lado, chamado La Moneda. Recomendo muito esse hotel, mas fique a vontade para pesquisar. - Primeiro dia, me concentrei em conhecer os principais pontos turisticos, Palácio de La Moneda, Praça das Armas, Museo Pré-colombiano, mercado central e Costanera. VOce pode marcar uma visita no Palacio nesse site: http://visitasguiadas.presidencia.cl/ Usamos o Wifi do hotel, shopping e Starbucks, optei por não comprar o chipe da claro. Dica: Tome muito cuidado nos metros e aglomerações pois tem muitos batedores de carteiras. Tinha a intenção de conhecer o Funicular e Teleférico porém de segunda feira ele não abre. - Segundo dia ja tinha agendado uma Visita a Vina del Mar e Valparaiso. Vina tem o relógio de Flores, a Praia Renãca e a visita no Moai original da ilha de pascoa. Em Valparaiso conhecemos a casa de Paulo Neruda e passamos por algums ruas histórica da cidade. Mas confesso nada de muito interessante. Mas para quem quiser ir, vá com uma agencia que te leve as ruas históricas de Valparaiso com calma, a agencia que escolhi fez o tour muito rápido e não tivemos muito tempo para conhecer. Essa agência foi a Ticket Tour, para Vina e Valparaiso não recomendo. Almoçamos num restaurante na praia de Renãca, da qual foi muito caro e nada de especial. Comida muito simples, e o prato mais barato paguei para 2 pessoas a bagatela de 260,00 reais, e sinceramente não valeu a pena. Desse passeio só valeu por ter conhecido a estátua do Moai, nesse passeio paguei 24.000, aproximadamente 150,00 por pessoa. Dica: Opte por uma agencia que mostre todo o roteiro em detalhe e veja outras dias de agencia nos grupos de facebook. Se for comprar artesanato do Moai, compre no mesmo lugar da estátua.... deixei para comprar no centro achando ser mais barato e me arrependi. No centro e Pátio Bella Vista é mais caro, principalmente nesse segundo. - Terceiro Esse concerteza foi o melhor dia.... Fomos ao parque Farellones, paguei 51.000 para subir e descer a montanha + entrada no parque (24.000 + 27.000 entrada), também fomos pela agencia Ticket Tour, para esse passeio recomendo o serviço pois o motorista/guia foi muito prossifional. Farellones é com certeza o melhor custo benefício dos parques. Para quem tem crianças e não sabe esquiar ou fazer snowboard e quer aprender, ou apenas brincar na neve, ao redor de lindas paisagens..... Tem muitas atrações e as melhores e essenciais são, skibunda, teleférico, tubing (descida numa boia), trineo (desce a montanha numa carinho de ski) e a tirolesa para os mais aventureiros.... Chegamos quando o parque abriu as 9h e ficamos até às 15h(melhor horário pra descer a montanha, sem trânsito), fomos com a Ticket Tour, paguei 51.000 pesos por pessoa, subida e entrada no parque (li em vários posts, que muitas empresas só levam até a porta do parque por 15 a 40 mil pesos e não incluí a entrada no parque... Essa empresa foi indicação do próprio parque, por isso acreditei ser uma das melhores.... e realmente precisa ser experiente para subir a montanha, muitas curvas perigosa e em alguns pontos, não tem proteção, só o abismo... A roupa de neve você precisara apenas da Segunda pele, uma blusa e calça de moletom, uma jaqueta e calça impermeável, uma toca, luvas impermeável, meias grossas e a bota para neve, que é essencial.... No meu caso comprei tudo no Brasil...mas ao passar pelo aluguel de roupas no caminho para o parque, por ser parada obrigatória... Vi que o melhor custo benefício teria sido comprar apenas a segunda pele, uma toca e luvas, o moletom eu já tinha....e lugar o resto, pois é muito mais barato alugar nesse lugar onde paramos, que tem kit completo por 25.000 peso, roupas limpas e semi novas...(alguns lugares não lavam as roupas) do que comprar... principalmente se vc vai apenas por 1 dia... Dica: O ideal seria ir em 2 dias para brincar e conhecer todo o parque, porém é muito cansativo, então indico ir em 2 dias diferentes, mas tire um dia para descansar pois subir e descer a montanha é em média 1 hora de subida e mais 1 hora de descida, e leve remédio para enjoo pois tem muitas curvas. - Quarto dia Primeiro resolvemos conhecer o museo pré-colombiano que no primeiro dia estava fechado. Esse realmente vale a pena, se você for amante de culturas antigas e da série alienigenas do passado da History, com certeza não vai se arrepender....Paguei 10.000 pesos para entrar nesse museo, mas valeu cada centavo. Logo depois fomos ao museo nacional do Chile que fica na praça das armas... de graça, vale o passeio. Então depois de 2 museos, fomos conhecer o famoso Funicular e Teleférico, porém foi pura frustração... a fila estava kilometrica, saindo do parque, então resolvemos ir caminhando até o teleférico, para nossa surpresa, não era apenas 15 minutos caminhando conforme orientação do guarda local, era 1 hora e meia, entorno de quase 8 km de distancia. Encontramos uma familia voltando e que ja estavam caminhando, que nos contou sobre essa subida a pé, então como ja tinhamos passado um ótimo dia no parque Farellones e muito cansado, resolvemos não topar esse desafio. Visitamos o Pátio Bella Vista, que é um ponto interessante e boemio a noite.... mas tudo muito mais caro que nos outros lugares...ficamos só de passagem. Voltamos para o centro, no mercado central.... compramos algumas lembranças e resolvemos não almoçar lá.... pois o cheiro de peixe é insuportável e muito sujo... Com isso encerramos nosso ultimo dia no Chile, muito bom apesar do alto custo de vida com certeza recomendo ir e conhecer esses lugares.... Deixo aqui minha experiência e opniões, fique a vontade para concordar ou não...
  3. Minha viajem durou 6 dias, porem dava pra fazer tudo em 3 ou 4 dias no máximo. Antes de mais nada, todos os ingressos podem ser comprados mais baratos no Ticketloko, coisa que só descobri no ultimo dia da viagem, ja o translado que o ticketloko ofere, achei caro. Ticketloko é um quiosque, ou loja bem pequena que existe em vários pontos de Foz. Na Avenida Brasil, frente do hotel Foz do Iguaçu. Obs.: Não ganho nada com isso, é apenas para informação mesmo, pois esse é o objetivo de escrever minha experiência. Passeios obrigatórios são Cataratas lado Brasil, Lado Argentino, Compras no Paraguai, Museu 3D, Museu de Cera e comer bife chorizo argentino, em Puerto Iguazu, também pode visitar o Parque das Aves e Duty Free. Passeios opcionais são: Itaipu, Bar de gelo, Macuco Safari, Jantar Noite Italiana, e outros passeios que são totalmente dispensáveis quando não se tem muito tempo. Passe repelente de insetos todas as vezes que forem aos passeios e ao Paraguai. Em Janeiro faz muito calor, em torno de 32 a 35 graus todos os dias. - Para Foz, se você for de carro, ou for alugar, então pode se locomover tranquilamente com a ajuda do Waze. Porem se for ficar de onibus, então siga essa dica, se hospede num hotel proximo ao terminal de transporte urbano, conhecido como TTU, que fica proximo a Avenida Brasil e a Avenida juscelino kubitschek, que é o Centro de Foz. Do TTU sai onibus para as cataratas do lado Brasil (numero 120), Itaipu (101 e 102) e na rua ao lado passa onibus para o Paraguai e Argentina. - Cataratas do Lado Brasil, no terminal TTU pegue o onibus 120, ele passa no Parque das Aves e termina no Parque Nacional das Cataratas que é do lado. Fiz primeiro as Cataratas e depois Parque das Aves... Comprei os ingressos na porta, mas pode comprar pela internet, ou ticketloko. Pegamos o onibus interno dentro do parque que demora uns 20 minutos até chegar na passarela que a maioria dos turistas percorre para chegar nas cataratas. Porem se tiver problema para se locomover pode esperar que esse mesmo onibus te leva ao ponto mais importante da Catarata. No parque tem vários bichos silvestres, como Quati, Macacos e até onça pintada, isso mesmo você pode se deparar com um onça no trajeto. No parque tem vários aviso e como deve se comportar com os animais. Nunca alimente, ou pegue o Quati ou filhote de Quanti, eles são acostumados com os turistas porém podem ser agressivos quando provocados. Ao chegar nas passarelas mais próximo as cataratas, não precisa de capa de chuva, ou guarda chuva, pois o melhor desse passeio é o visual e se molhar na chuva fina que faz na queda da agua. Aproveite e tire fotos, talvez uma capa para o celular, ou maquina, mas o meu celular aguentou bem... Ao final dessas passarelas, você sobe uma escada ou elevador e vai pegar o onibus para voltar a recepção do parque. - Parque das Aves, no mesmo dia que fizer as Cataratas pode fazer o parque das aves, tranquilamente. Esse passeio demora em torno de 2 horas. Compre os ingressos na porta, estudante paga meia... basicamente é um zoologico de aves, varias espécie em extinção... coisas interessantes são: você vai entrar no mesmo ambiente que as araras coloridas e tucanos, vai ver alguns jacarés... Vai ver de perto iguanas e outras aves interessantes. - Museu de Cera, esse museu de cera fica na Avenida das Cataratas, voltando para o centro de Foz. Onde tem alguns carros como Ferrari e Camaro amarelo na porta, se chama DreamLand. Queria comprar apenas o museu de cera, porém a recepcionista me disse que só tinha venda casada, o que é proibido pelo código do consumidor. Como não tive opção acabei comprando o ingresso Museu de Cera e o Maravilhas do Mundo (são maquetes ruins, imitando monumentos como torre eiffel em Paris). Só descobri depois que poderia ter comprado apenas o Museu de Cera, mas pode verificar melhor no ticketloko. Já os personagens do Museu de Cera, são muitos realísticos, valeu a pena! - Itaipu, comprei pelo site, o ingresso Visão Panoramica. Foi Legal, porém nada de extraordinário. Nesse passeio, você pega um onibus até o mirante, depois pega outro onibus que enfim vai fazer o passeio pelo muro, onde conseguira ver a represa e ver os tubos de agua, como falei nada do outro mundo. Quando for novamente irei comprar o passeio que vai por dentro da usina para conhecer os mecanismos e maquinas que fazem a usina funcionar, acredito que seja mais interessante. - Paraguai, impressionante como os produtos são baratos, inclusive mais baratos que o Duty Free. Porém tem que saber onde comprar, para não ser enganado. Quando for ao Paraguai, voce tem opção de ir de carro, pegar o transito de duas horas ou mais para atravessar a ponte da amizade. Ou pode deixar o carro em um estacionamento proximo a ponte e ir de moto taxi, 2 minutos para à travessia. Se for de Onibus pode pegar no TTU, o numero 101, 102, e descer na ponte da amizade e também pegar o moto taxi, em torno de 10 reais. Não deixe de visitar o Shopping Paris no Paraguai, la dentro tem o shopping China, com produtos originais e quase o mesmo preço que encontra nas lojas de ruas. Porem nas ruas tem que saber onde comprar, para não ser enganado. Dentro do Shopping Paris tem o Museu 3D, esse vale muito a pena a experiência, comprei na porta, mas o ticketloko vende o ingresso mais barato. Nas lojas de rua recomendo para eletronicos a loja www.casanissei.com E perfume recomendo a loja www.charmeperfumeria.com.br No site http://www.comprasparaguai.com.br/ também tem vários produtos e indicações. - Cataratas do lado Argentino, pega o onibus ao lado do TTU com destino a Puerto Iguazu, pede para o motorista avisar quando chegar no ponto, desce para pegar o carro, o "Taxi", ou onibus que vai para o parque das cataracas lado Argentino. Custa: 20 reais por pessoa no onibus ou carro, no meu caso juntamos 4 pessoas e fomos de "taxi". Ingresso no Parque Argentino não aceita real, apenas peso, você pode fazer o cambio nas agencias que ficam na Avenida Brasil, mas se esqueceu e ja esta no parque, procure um desses motorista e quem sabe ele pode trocar pra você. Ao entrar no parque peguei um mapa e me deparei com o enorme percurso e tantas opções de cachoeiras, porém apenas uma me interessou, a Garganta do Diabo, que é a Catarata mais impressionante do lugar, e a atração principal. Detalhe muito importante: Nesse parque também tem vários bichos e animais, então segue o mesmo exemplo de não mexer e nem alimenta-los. Vá de trem até a Garganta do Diabo, pois se for a pé pode topar com alguns animais pelo caminho, inclusive a famosa onça pintada. Agora se você quer aproveitar tudo e não tem receio, pode fazer toda a trilha andando, porém vá em grupo e não deixe as crianças sozinhas. Na primeira estação para pegar o trem, demora em torno de 40 minutos, vai até a estação Cataratas e depois pega outro trem, espera de 1h 30min. e então a estação da Garganta do Diabo. Desce e caminha por 1 km mais ou menos, por um passarela de ferro, a vista é linda. Enfim chega até a cachoeira mais famosa A Garganta del Diablo. Para voltar é o mesmo percurso, das duas estações de trem, até chegar a recepção. Não esqueça o repelente, tem muitos insetos e borrachudos. Chegue cedo no parque, cheguei as 9h, porém lá ainda era 8h da manhã. Leve agua, e algo para comer, tudo no parque é muito caro. 1 garrafa de agua de 500ml, 10 reais. Detalhe: para comprar o ingresso não aceita real, mas pra comprar comida, suviners aceitam em real, e ser for no cartão tem o IOF. Embora assuste o percurso, animais e até os valores, eu recomendo muito ir até lá, experiência única!!! - Puerto Iguazu, toda vez que entrar ou sair da Argentina, tem que mostrar os documentos. Aceitam RG, CNH e Passaporte, recomendo levar o passaporte pois é um carimbo a mais. Pegue o mesmo onibus ao lado do TTU com destino a cidade de Puerto Iguazu, desça no terminal de onibus, ponto final, na rua de cima tem uma excelente Panaderia / Padaria, com os maravilhosos doces argentinos, inclusive a famosa Medialuna, com creme. Nessa mesma avenida, ao lado do terminal existem alguns restaurantes, que servem o maravilhoso Bife de Chorizo, em torno de 75 reais, mas vale muito a experiência. Você pode procurar pela feirinha descendo a rua do terminal, se informe la mesmo como chegar. Nessa feirinha tem alguns artigos locais interessantes, como pimenta regional, salame artesanal e alfajores. - Duty Free em Puerto Iguazu: Apesar de ter a fama que é o lugar mais barato, para se comprar artigos importados, foi decepcionante. Fica ao lado da migração Argentina e você não precisa entrar com documentos, ou carimbar o passaporte para entrar no Duty Free, pois fica antes da imigração. Os perfumes em torno de 30% a 40% mais caro que no Paraguai, e outros produtos que se encontra no Brasil mais barato, como óculos de sol, roupas e eletronicos. Os unicos produtos mais barato que no Brasil, eram as bebidas, chocolates e petiscos. Essa viajem e todos esses lugares dá pra conhecer em 3 dias, se organize e vá. Valeu muito essa maravilhosa experiência.
  4. Minha viajem durou 6 dias, porem dava pra fazer tudo em 3 ou 4 dias no máximo. Antes de mais nada, todos os ingressos podem ser comprados mais baratos no Ticketloko, coisa que só descobri no ultimo dia da viagem, ja o translado que o ticketloko ofere, achei caro. Ticketloko é um quiosque, ou loja bem pequena que existe em vários pontos de Foz. Na Avenida Brasil, frente do hotel Foz do Iguaçu. Obs.: Não ganho nada com isso, é apenas para informação mesmo, pois esse é o objetivo de escrever minha experiência. Passeios obrigatórios são Cataratas lado Brasil, Lado Argentino, Compras no Paraguai, Museu 3D, Museu de Cera e comer bife chorizo argentino, em Puerto Iguazu, também pode visitar o Parque das Aves e Duty Free. Passeios opcionais são: Itaipu, Bar de gelo, Macuco Safari, Jantar Noite Italiana, e outros passeios que são totalmente dispensáveis quando não se tem muito tempo. Passe repelente de insetos todas as vezes que forem aos passeios e ao Paraguai. Em Janeiro faz muito calor, em torno de 32 a 35 graus todos os dias. - Para Foz, se você for de carro, ou for alugar, então pode se locomover tranquilamente com a ajuda do Waze. Porem se for ficar de onibus, então siga essa dica, se hospede num hotel proximo ao terminal de transporte urbano, conhecido como TTU, que fica proximo a Avenida Brasil e a Avenida juscelino kubitschek, que é o Centro de Foz. Do TTU sai onibus para as cataratas do lado Brasil (numero 120), Itaipu (101 e 102) e na rua ao lado passa onibus para o Paraguai e Argentina. - Cataratas do Lado Brasil, no terminal TTU pegue o onibus 120, ele passa no Parque das Aves e termina no Parque Nacional das Cataratas que é do lado. Fiz primeiro as Cataratas e depois Parque das Aves... Comprei os ingressos na porta, mas pode comprar pela internet, ou ticketloko. Pegamos o onibus interno dentro do parque que demora uns 20 minutos até chegar na passarela que a maioria dos turistas percorre para chegar nas cataratas. Porem se tiver problema para se locomover pode esperar que esse mesmo onibus te leva ao ponto mais importante da Catarata. No parque tem vários bichos silvestres, como Quati, Macacos e até onça pintada, isso mesmo você pode se deparar com um onça no trajeto. No parque tem vários aviso e como deve se comportar com os animais. Nunca alimente, ou pegue o Quati ou filhote de Quanti, eles são acostumados com os turistas porém podem ser agressivos quando provocados. Ao chegar nas passarelas mais próximo as cataratas, não precisa de capa de chuva, ou guarda chuva, pois o melhor desse passeio é o visual e se molhar na chuva fina que faz na queda da agua. Aproveite e tire fotos, talvez uma capa para o celular, ou maquina, mas o meu celular aguentou bem... Ao final dessas passarelas, você sobe uma escada ou elevador e vai pegar o onibus para voltar a recepção do parque. - Parque das Aves, no mesmo dia que fizer as Cataratas pode fazer o parque das aves, tranquilamente. Esse passeio demora em torno de 2 horas. Compre os ingressos na porta, estudante paga meia... basicamente é um zoologico de aves, varias espécie em extinção... coisas interessantes são: você vai entrar no mesmo ambiente que as araras coloridas e tucanos, vai ver alguns jacarés... Vai ver de perto iguanas e outras aves interessantes. - Museu de Cera, esse museu de cera fica na Avenida das Cataratas, voltando para o centro de Foz. Onde tem alguns carros como Ferrari e Camaro amarelo na porta, se chama DreamLand. Queria comprar apenas o museu de cera, porém a recepcionista me disse que só tinha venda casada, o que é proibido pelo código do consumidor. Como não tive opção acabei comprando o ingresso Museu de Cera e o Maravilhas do Mundo (são maquetes ruins, imitando monumentos como torre eiffel em Paris). Só descobri depois que poderia ter comprado apenas o Museu de Cera, mas pode verificar melhor no ticketloko. Já os personagens do Museu de Cera, são muitos realísticos, valeu a pena! - Itaipu, comprei pelo site, o ingresso Visão Panoramica. Foi Legal, porém nada de extraordinário. Nesse passeio, você pega um onibus até o mirante, depois pega outro onibus que enfim vai fazer o passeio pelo muro, onde conseguira ver a represa e ver os tubos de agua, como falei nada do outro mundo. Quando for novamente irei comprar o passeio que vai por dentro da usina para conhecer os mecanismos e maquinas que fazem a usina funcionar, acredito que seja mais interessante. - Paraguai, impressionante como os produtos são baratos, inclusive mais baratos que o Duty Free. Porém tem que saber onde comprar, para não ser enganado. Quando for ao Paraguai, voce tem opção de ir de carro, pegar o transito de duas horas ou mais para atravessar a ponte da amizade. Ou pode deixar o carro em um estacionamento proximo a ponte e ir de moto taxi, 2 minutos para à travessia. Se for de Onibus pode pegar no TTU, o numero 101, 102, e descer na ponte da amizade e também pegar o moto taxi, em torno de 10 reais. Não deixe de visitar o Shopping Paris no Paraguai, la dentro tem o shopping China, com produtos originais e quase o mesmo preço que encontra nas lojas de ruas. Porem nas ruas tem que saber onde comprar, para não ser enganado. Dentro do Shopping Paris tem o Museu 3D, esse vale muito a pena a experiência, comprei na porta, mas o ticketloko vende o ingresso mais barato. Nas lojas de rua recomendo para eletronicos a loja www.casanissei.com E perfume recomendo a loja www.charmeperfumeria.com.br No site http://www.comprasparaguai.com.br/ também tem vários produtos e indicações. - Cataratas do lado Argentino, pega o onibus ao lado do TTU com destino a Puerto Iguazu, pede para o motorista avisar quando chegar no ponto, desce para pegar o carro, o "Taxi", ou onibus que vai para o parque das cataracas lado Argentino. Custa: 20 reais por pessoa no onibus ou carro, no meu caso juntamos 4 pessoas e fomos de "taxi". Ingresso no Parque Argentino não aceita real, apenas peso, você pode fazer o cambio nas agencias que ficam na Avenida Brasil, mas se esqueceu e ja esta no parque, procure um desses motorista e quem sabe ele pode trocar pra você. Ao entrar no parque peguei um mapa e me deparei com o enorme percurso e tantas opções de cachoeiras, porém apenas uma me interessou, a Garganta do Diabo, que é a Catarata mais impressionante do lugar, e a atração principal. Detalhe muito importante: Nesse parque também tem vários bichos e animais, então segue o mesmo exemplo de não mexer e nem alimenta-los. Vá de trem até a Garganta do Diabo, pois se for a pé pode topar com alguns animais pelo caminho, inclusive a famosa onça pintada. Agora se você quer aproveitar tudo e não tem receio, pode fazer toda a trilha andando, porém vá em grupo e não deixe as crianças sozinhas. Na primeira estação para pegar o trem, demora em torno de 40 minutos, vai até a estação Cataratas e depois pega outro trem, espera de 1h 30min. e então a estação da Garganta do Diabo. Desce e caminha por 1 km mais ou menos, por um passarela de ferro, a vista é linda. Enfim chega até a cachoeira mais famosa A Garganta del Diablo. Para voltar é o mesmo percurso, das duas estações de trem, até chegar a recepção. Não esqueça o repelente, tem muitos insetos e borrachudos. Chegue cedo no parque, cheguei as 9h, porém lá ainda era 8h da manhã. Leve agua, e algo para comer, tudo no parque é muito caro. 1 garrafa de agua de 500ml, 10 reais. Detalhe: para comprar o ingresso não aceita real, mas pra comprar comida, suviners aceitam em real, e ser for no cartão tem o IOF. Embora assuste o percurso, animais e até os valores, eu recomendo muito ir até lá, experiência única!!! - Puerto Iguazu, toda vez que entrar ou sair da Argentina, tem que mostrar os documentos. Aceitam RG, CNH e Passaporte, recomendo levar o passaporte pois é um carimbo a mais. Pegue o mesmo onibus ao lado do TTU com destino a cidade de Puerto Iguazu, desça no terminal de onibus, ponto final, na rua de cima tem uma excelente Panaderia / Padaria, com os maravilhosos doces argentinos, inclusive a famosa Medialuna, com creme. Nessa mesma avenida, ao lado do terminal existem alguns restaurantes, que servem o maravilhoso Bife de Chorizo, em torno de 75 reais, mas vale muito a experiência. Você pode procurar pela feirinha descendo a rua do terminal, se informe la mesmo como chegar. Nessa feirinha tem alguns artigos locais interessantes, como pimenta regional, salame artesanal e alfajores. - Duty Free em Puerto Iguazu: Apesar de ter a fama que é o lugar mais barato, para se comprar artigos importados, foi decepcionante. Fica ao lado da migração Argentina e você não precisa entrar com documentos, ou carimbar o passaporte para entrar no Duty Free, pois fica antes da imigração. Os perfumes em torno de 30% a 40% mais caro que no Paraguai, e outros produtos que se encontra no Brasil mais barato, como óculos de sol, roupas e eletronicos. Os unicos produtos mais barato que no Brasil, eram as bebidas, chocolates e petiscos. Essa viajem e todos esses lugares dá pra conhecer em 3 dias, se organize e vá. Valeu muito essa maravilhosa experiência.
×
×
  • Criar Novo...