Ir para conteúdo

heka

Membros de Honra
  • Total de itens

    997
  • Registro em

  • Última visita

  • Dias Ganhos

    1

Tudo que heka postou

  1. eu uso o matrix da google, dá uma olhada. Mas nele não tem as low cost. Tente procurar não por trechos, mas por multiplos destinos, q aí o sistema calcula como se fosse uma unica passagem e talvez posssa sair mais em conta. Cia da msm aliança geralmente o preços caem um pouco.
  2. Carro realmente não compensa. A malha ferroviaria, metros e onibus publicos são bons e pontuais e o combustivel caríssimo.
  3. Acho que é valido, voce vai economizar no áereo, mas pagar mais caro na volta ao Brasil. Já tentou ver Singapore - Londres ou outro pais da europa com a air asia e de lá BRasil?
  4. Opa Mike, não convida não que vou hem!! rs. AFrica está nos meus planos futuros só não sei quando ainda. Jaumz, Novembro é uma boa epoca pra ir pra Antartida. To querendo ir pra lá, se der certo este ano. Em Ushuaia vc consegue os "last minutes" deals. Uma agencia q te indico se chama Canal Fun em Ushuaia, que envia os cruzeiros com promoção. Geralmente acontecem 10 dias antes da data de embarque, então vc teria que ficar esperando alguns dias por lá. As cabines mais em conta são as triplas, vc divide com mais 2 pessoas. A média que me passaram por pessoa em tripla é ao redor dos 4000 dolares. Nada barato, mas li que alguns conseguiram a 3.500 nestas promoções. São os cruzeiros de média de 10-12 dias para a peninsula antartica. Existem outros de mais dias e que vão a outras partes, como Malvinas e South George, mas são bem mais caras e com duração maior.
  5. Boas dica Mike, concordo com o que vc falou é tudo isso mesmo! Estou vendo q vc não está mais em Moçambique e sim em Malawi. Sobre o visto no Japão, a titulo de aviso. O consulado geralmente só emite o visto no país de residência. Não achei ninguem ate agora q tenha conseguido fora do pais onde mora. Nem mesmo nos foruns gringos eles tem conseguido. Se vc estiver morando na Australia e comprovar residência, vc pode requerer o visto por lá. O japão é o país mais chato pra emissão de visto e geralmente dão um maximo de 15 dias de permanência. A não ser que vc mostre um roteiro bem detalhado dos dias que pretende ficar e mostre q tem condições financeiras, pode ser que eles emitam mais dias.
  6. Olá Mmulerg, voce leva toda a sua bagagem. A não ser que voce saia de um ponto e retorne para o mesmo lugar. Mas muitos seguem, por exemplo de SPA a Uyuni e não retornam ou vice-versa.Se for retornar para o ponto de partida, quanto mais leve melhor, mas sem esquecer o essencial, pois a viagem será por lugares sem muito conforto ou ponto de apoio.
  7. Denis, se vc ler as respostas anteior vai ver q não dá mais pra sua namorada ser registrada como japonesa. A mãe dela tem q ser registrada japonesa e depois ela. E isso até os 18 anos. Keisuke, seu caso é complexo e não sei te dizer. Talvez verificar como seus pais te registram? Via consulado do Brasil lá no Japão. E talvez pegar um documento com eles? Não sei te dizer, talvez também a Policia federal?
  8. Eu sei que algumas cidadanias não precisam de visto, mas recomendo pesquisarem quais e o tempo de permanencia permitido.
  9. Depende do seu interesse.2 dias em Siem Reap dá pra ver o principal dos templos. Menos q isso já acho corrido. Do geral acho q seu roteiro está ok. Pra usar o barco como locomoção, o melhor é na epoca de chuvas. Na seca vc iria levar beem mais q 6 horas, talvez o dobro do tempo.
  10. pois é, por isso, esta viagem não é considerada "mochileira" e é dificil encontrar algum relato de alguém que já tenha ido. Os que encontrei foram de pessoas, a maioria europeias, mas já com um estilo de viagem totalmente diferente. Não sei como é ir por conta, porque para ir pra lá, vcs teriam q passar pela passagem Drake, meio ruim devido aos fortes ventos, ou talvez pelo estreito de magalhães, q ouvi ser mais tranquilo. De qq forma, entendi que de Usuhuaia até a Antartica são 2 dias de travessia, indo pelo caminho mais curto, com varios icebergs no caminho. Acho q é possivel ir sim, mas com alguem q conheça a rota ou com muitas informações sobre o trajeto.
  11. Pdantas, Coincidentemente estou pesquisando também uma ida para Antarctica. Para chegar é por cruzeiros em navios mesmo. O valor mais baixo q achei até agora foi em torno dos 5 mil dolares pessoa, 10 dias. Se vc quiser algo sozinho paga a cabine inteira. A maioria tem programas de "share". Vc coloca seu nome em uma lista para dividir a cabine com alguem, que eles arranjam. Caso não arranjem ninguem, pelo q entendi, vc só paga a sua parte. http://www.polarcruises.com/antarctica/ships/expedition-ships/ushuaia/classic-antarctica-10-day Existem varios tipos de navios, desde os mais luxuosos até os mais simples. Este q vi é no estilo simples, banheiro compartilhado, sem muita coisa.
  12. heka

    Índia

    Lugares turisticos são mais caros, mas é onde vc tem mais opção. Sobre a mobilia ser antiga, realmente a maioria dos lugares na India é assim mesmo, nos lugares mais economicos. O conceito de limpeza na India é relativo e beeem diferente do nosso. Por exemplo, eu fiquei em um hotel considerado 3 estrelas , na fronteiro com o Butão e paguei 40 dolares, q para os padrões indianos seria um bom hotel. Mas o quarto tinha mobilia velha, banheiro era horrivel ( limpo pra eles, mas não pra mim), com torneiras com uma crosta negra ao redor, janelas empoeiradas e sujas, e a cama apesar de ter lençois "limpos", eu encontrei uma fila indiana de formigas usando como caminho, kkk. Já em McLeod, eu fiquei em uma pousada de 10 dolares, relativamente nova, com mobilias antigas, mas pelo menos o banheiro era limpo e o quarto também. Não posso dizer o mesmo das janelas, pois percebi que isto é geral em toda a India, eles não limpam janelas. Os indianos, não fazem limpeza como aqui. Aliás, poucos paises tem o nosso habito de limpeza mais pesada. O maximo que fazem é passar um pano seco e uma vassoura , q não adianta nada, só levanta o pó q volta pro mesmo lugar, kk.E eles não usam água pra limpeza, pois é um bem escasso lá, principalmente no norte e rajastão . Agora, se vc quiser padrão ocidental vai ter q pagar mais caro por isso. Existem exceções é claro, eu fiquei em muitos lugares onde havia muitos turistas estrangeiros e o dono da pousada tentava ter algo como o padrão ocidental. Ou seja, vá com a cabeça aberta e olhos fechados para estas questões na Índia
  13. heka

    Índia

    Acho que depende do que vc define como bom ou ruim Os de 3 dolares realmente são os bem simples ( alguns com banheiro compartilhado), já os de 10 dolares, pra mim eram confortaveis ( banheiro privativo, cama decente e lugar limpo e seguro) e é claro depende da região q vc irá ficar.
  14. Qdo fui peguei o trem direto pra Datong e já na chegada tem uma ag de turismo na estação de trem. Todo turista para lá e já marca um tour saindo de lá. É o dia inteiro e se não me engano incluia o almoço também. Vc tem a opção do taxi se quiser mais liberdade de movimento e tempo. Não lembro valor do trem, mas não era caro. pra ver horarios de trem e links sugiro vc ver no site www.seat61.com
  15. No hostelworld vc paga o equivalente a 10% do valor. Se for um hostel algo em torno de 2,50 dolares, para reservar. O restante vc paga qdo chegar. Caso vc precise mudar a data é só entrar em contato com o hostel direto para mudar, mas se cancelar acho q perde o valor já pago. Vc pode tbem pesquisar no hostelworld os albergues e dps entrar em contato direto e fazer a reserva. Alguns não pedem pagto adiantado e reservam sem vc precisar pagar antes. Mas não sei se rola este esquema no Japão atualmente.
  16. heka

    Dicas do Butão

    Bem tranquilo, sem problemas.
  17. Acho q seu roteiro ta bem legal, vendo um pouco de tudo.
  18. Oi Raqquel, A maioria dos bairros tem fácil acesso, pois a malha de metro e trem é muito grande, sempre tem uma estação de metro por perto. Não sei te indicar um bairro especifico, pois das vezes q fui fiquei em casa de amigos. Uma vez fiquei em um hostel, q foi a antiga vila olimpica, mas este eu achei meio longe do centro, apesar do metro e trem pertos. Eu acho q vc vai ter q pensar em q meio vc quer estar. Mais tradicional, eu recomendo perto de Asakusa, mais moderno e fashion, ginza, etc. Lojas e shoppings vc encontrará em qq lugar . Eu recomendo vc olhar as criticas no hostelworld ou no tripadvisor sobre onde ficar. Dão boas dicas da localização do hostel.
  19. Que pena Marcos que vc não conseguiu subir ate o ninho do Tigre. O templo vale a pena conhecer. O guia me disse que nem o rei ou a rainha tem permissão de entrar ou ficar sem o consetimento dos monges do mosteiro, ou seja é um dos lugares mais sagrados do Butão. Seu relato está perfeito, descreveu bem os lugares e as fotos muito boas. Eu infelizmente perdi quase todas as fotos da minha viagem ao Butão e Nepal . Bem, isto siginifica que eu vou ter q voltar lá pra tirar novas fotos rs
  20. A localização me parece super boa. Perto da cidade proibida e principais atrações. Também perto de metro e shoppings. Dá uma olhada no hostelworld, o hostel é bem conceituado pelos visitantes. http://www.hostelworld.com/hosteldetails.php/Sunrise-Hostel-Tian-An-Men/Beijing/35896?dateFrom=06+Jan+2013&dateTo=09+Jan+2013
  21. heka

    Dicas do Butão

    O aeroporto não é grande, mas o avião usado é pequeno. Não será um boeing ou algo assim. Por isto a compra de passagens deve ser feita o qto antes, pois acabam logo. Não acho q terá problemas, não ouvi até hoje nada sobre acidentes lá.
  22. Raqquel, em Pequim fiquei no Beijing City Central Youth hostel, muito bem localizado de frente pra estação central e do lado de metro, onibus, restaurantes, lan house, supermercados, correio, etc. Fiz muita coisa camihando de lá. O hostel era limpo e moderno. Eu optei na epoca por um quarto single com banheiro compartilhado.
  23. Algumas sim, outras não. Sugiro vc dar uma olhada nas distancias e principalmente em um mapa pra ver a localização de cada lugar. Por ex. o ferry de Krabi a koh phi phi se não me engano pode levar de 1:30 a 4hs, dependendo do barco. Se vc pensa em ir e voltar mesmo dia não recomendo. Koh Samui fica do lado oposto de Krabi também. Sugrio vc dar uma lida nos roteiros já postados no topico de roteiro na Ásia, acho q isto vai te ajudar a montar o seu roteiro.
  24. Eu fui sozinha e por experiencia, digo que o Egito foi onde tive mais problemas. Eu andava de modo bem conservadro, roupas largas, calça longa e manga comprida. Tinha na epoca cabelo curto ( dizem que os cabelos pra eles são como mostrar alguma parte do corpo nu, em comparação a nós ocidental) , ou seja nem um pouco atrativa, rs. Mas sofri assédio em onibus de viagem ( Cairo-Alexandria),e dentro de loja pelo vendedor. Nada grave, mas umas mãos bobas. Ouvi historias de mulheres, mesmo as cobertas da cabeça aos pés terem problemas em locais cheios. Ou seja evite, pois eles passam a mão mesmo, acompanhada de marido ou não. Onibus ou trem sente-se ao lado de mulheres ou peça para a reserva ser em vagões de mulheres. O metro tem um vagão somente para mulheres, não lembro se a primeira ou ultima. Evite andar de noite ou ir a lugares ermos sozinha. Eu andei muito sozinha pelo CAiro, Alexandria e Dahab, não tive problemas ( durante o dia). O único lugar foi mesmo o onibus. Evite o onibus noturno, ouvi historias de aproveitarem enquanto a pessoa dorme. Não lembro qto gastei, fui mochilando. Mas com certeza foi beeem menos de 10 mil reais
  25. Se vc ficar em hostel a media de 20 dolares ao dia, sim. Se ficar em hotel não. Dê uma olhada no hostelworld para ver os hostel por lá. Qdo fui em 2007 a média de gastos foi por aí, 40 a 50 dolares/dia.
×
×
  • Criar Novo...