Ir para conteúdo
  • Cadastre-se

Vou e Volto Já!

Membros
  • Total de itens

    30
  • Registro em

  • Última visita

Reputação

4 Neutra

Outras informações

  • Lugares que já visitei
    Argentina, Paraguai, Colômbia, Panamá, Peru, Brasil, Portugal, França, Itália e África do Sul.
  • Próximo Destino
    Aparecida, Rio de Janeiro, Goiânia e Caldas Novas.
  • Meu Blog

Últimos Visitantes

O bloco dos últimos visitantes está desativado e não está sendo visualizado por outros usuários.

  1. Vou e Volto Já!

    OURO PRETO|MG- ONDE SE HOSPEDAR EM OURO PRETO

    OURO PRETO|MG- ONDE SE HOSPEDAR EM OURO PRETO Blog de Viagem - Vou e Volto Já! Depois de tantas vezes tentando, planejando, replanejando ir para Ouro Preto, finalmente conseguimos, no feriado da semana santa de 2016. E ainda aproveitamos para dar uma esticadinha em Mariana. Saímos da nossa cidade 23:50 e chegamos em Belo Horizonte por volta de 4:30 da madrugada, caindo um toró daqueles!Compramos a nossa passagem de Belo Horizonte para Ouro Preto online, via site da viação Pássaro Verde para as 6 horas. A viagem foi muito boa, saiu no horário previsto, a estrada é muito boa com uma vista linda das montanhas mineiras. Se o transito estiver bom a viagem dura em torno de 2 horas somente. Descemos na rodoviária de Ouro Preto as 8 horas da manhã, e decidimos ir andando para o nosso hotel. Já havia feito o trajeto pelo google maps, então achei tranquilo o percurso. Até o nosso hotel são 800 metros de decida. Ficamos hospedados na Pousada Nello Nuno, que fica a apenas 220 metros da Praça Tiradentes. Pousada Nello Nuno Trajeto da rodoviária para Pousada Nello Nuno A pousada é pequena, familiar, limpa, atendentes super atenciosos e prestativos, café da manhã bem mineirinho com direito a broa de fubá e pão de queijo quentinho. Amei e com certeza ficaria novamente. Ahh..o hotel fica em uma ladeira...massss..não vi nenhum que não ficasse rsrs a diária começava meio dia , mas como o quarto estava vago ela nos deixou entrar. Sem acréscimos, adoro! Aproveitamos para dar uma cochiladinha. Pousada Nello Nuno $ Valor Passagem de Belo Horizonte para Ouro Preto: R$33,25 $ Valor: R$200,00, mas aconselho a consultar diretamente no site para poder ver os valores atualizados. 📍 R. Camillo de Brito, 59 - Centro 🏠 Mais informações: www.pousadanellonuno.com.br
  2. Vou e Volto Já!

    Se locomover de ônibus em Florianópolis

    Quando vou para Floripa só uso transporte público...inclusive do aeroporto para o terminal ...uma dica é usar o aplicativo moovit..ajuda muito para você acompanhar os horários, pontos de partida, etc..nunca tive problema
  3. Vou e Volto Já!

    Hostel animado no Rio de Janeiro?

    Cara...fiquei em um que pro meu gosto foi animado demais kkkkkkkk Como estava eu e meu esposo não curtimos muito..mas talvez seja do seu agrado..é o Hostel 021...fica perto da Universidade Santa Úrsula, Palácio Guanabara..no bairro Botafogo..mas mais pro lado de Laranjeiras e Flamengo...4hrs da madruga tava aquela festa rsrs
  4. Vou e Volto Já!

    1 dia em Ouro preto e Mariana

    Boa Noite Karina! Tem ônibus de linha que faz o trajeto da cidade de Ouro Preto para Mariana..e vice versa...Pelo que notei tem vários pontos..mas vou explicar o ponto que nós usamos, que foi próximo ao nosso hotel...mas qualquer coisa você pode perguntar na hora..super tranquilo. "Nosso dia começou com uma caminha de 150 metros do hotel(Pousada Nello Nuno) até o terminal de integração de Barão do Camarco. Aguardamos uns 20 minutos e passou um ônibus para Mariana. Nossa intenção era conhecer os principais pontos turísticos lá e conseguimos. Fizemos o percurso em meio período e almoçamos por lá mesmo. $$$ R$4,15 passagem de ônibus de Ouro Preto para Mariana. Andando pelas ruas de Mariana já nos deram um mapinha com os pontos turísticos, o que facilitou a seleção de onde iríamos." Boa Viagem!
  5. ÁFRICA DO SUL | CONHECENDO JOANESBURGO DE CITY SIGHTSEEING - PARTE 2 - FINAL Blog de Viagem - Vou e Volto Já! Chegamos ao último dia no ônibus do City Signtseeing Fomos correndo para o ponto de partida para tentarmos aproveitar o máximo do finzinho das nossas férias..vai dando uma dor no coração quando você vê que esta chegando o fim não é?! Nelson Mandela Square - Sandton Decidimos ir direto no Museu do Apartheid, pois imaginei que seria onde tomaria mais tempo, e realmente tomou. Saímos de lá por volta das 13hrs. O Museu do Apartheid é realmente fantástico. Você já entra sentindo o gostinho de como é se sentir limitado em suas ações, discriminado. Não vou entrar em muitos detalhes, pois em museus acho bacana ter aquela surpresinha, se não, perde a graça, mas não posso deixar de dizer que me emocionei em diversos momentos. É uma história muito triste. Apartheid Museum Após o Museu, vendo que não teríamos mais tempo de pegar o ônibus verde e ainda ir no Zoológico(este era meu primeiro plano caso desse tempo), decidimos descer na estação de metro Park, para ir conhecer Sandton (que era minha segunda opção). Levou em torno 20 minutos o trajeto. Estação de metro Park Mapa do metro de Joanesburgo No inicio das minhas pesquisas li muito sobre onde se hospedar em Joanesburgo...e sempre aparecia Sandton na lista. Pesquisando mais profundamente vi que se tratava de um local mais residencial, mais afastado do centro do Joanesburgo (o centro não é recomendo ficar segundo diversos sites que li). Indo contra todas as indicações, decidi por ficar na região do centro, e não me arrependi em nenhum momento. Se eu tivesse ficado em Sandton não teria visto e nem sentido tão claramente a separação física entre negros e brancos. A diferença é gritante...descendo em Sandton já avistamos zilhões de turistas...pessoas brancas "a rodo"...eu já não era mais diferente kkkkkkk ....prédios...lojas chiques...marcas famosas ...e tal...É um lugar bem bonito...então realmente a escolha de onde ficar , depende do que você esta procurando e o que espera da viagem. Sandton Rodamos algumas ruas em Sandton e depois voltamos para pegar o metro de volta....descemos em Rosebank (umas das paradas do City Signtseeing )para dar tempo de pegar o último ônibus para voltarmos para o Hostel Once In Joburg. City Sightseeing Joburg - Ônibus turístico panorâmico de Joanesburgo A noite comemos outro Hambúrguer do The Smokehouse and Grill...realmente gostei desse lugar... No dia seguinte pegamos um Uber para o Aeroporto, o trajeto ficou em torno de 180Rands. O Aeroporto OR Tambo é bem grande e tem muitas opções de alimentação.
  6. ÁFRICA DO SUL | CONHECENDO JOANESBURGO DE CITY SIGHTSEEING - DIA 4 Blog de Viagem - Vou e Volto Já! Acordamos cedimento para comprar as passagens para o ônibus turístico City Sightseeing Joburg, decidimos comprar online pois ficaria mais barato que pessoalmente. Optamos pelo ingresso de 2 dias + uma visita em Soweto. Fiquei decepcionada com os horários(Dava para nós rodarmos de 10 da manhã até umas 16 da tarde), e por isso tivemos que escolher 2 dias e ainda não foi suficiente para o que eu queria fazer. Nós estávamos com 3 cartões de crédito, os 3 de bancos diferentes, e mesmo com tudo liberado para ir para o exterior os 3 barraram nossa compra online. Mas uma dica: O cartão de crédito da Nubank, queridinho do momento, foi o único que consegui resolver o problema em menos de 15 minutos via chat no celular. Após o atendente do chat liberar a compra, e recebermos o voucher do ônibus no celular, fomos tomar o nosso café. City Sightseeing Joburg - Ônibus turístico panorâmico de Joanesburgo O café é um pouco diferente do que estamos acostumados. Não existe uma variedade de coisas para você escolher e fazer o seu pratinho com tudo que você quer. Não. No check in você recebe uma folhinha, com uma opção de bebida, outra de pão, e outro de café da manhã light. Você marca os check box, e entrega para a atendente do Migration que também é do Once in Joburg. O Café da manhã é entregue na mesa, ou então eles te chamam para pegar e é servido em uma tabua de madeira rustica. Achei interessante esse método de café da manhã, pois evita desperdícios. (No Kruger Park funcionou da mesma forma, esqueci de mencionar no post anterior). Café da manhã do Once in Joburg no Migration Após o café da manhã fomos para o ponto de ônibus do City Sightseeing Joburg. O nosso ponto era o 17 - Braamfontein. Saindo do Once, saia pela rampa a direita, atravesse a rua, e vá para a quadra paralela. Lá estará o ponto. Decidimos parar primeiro nos pontos que mais queriamos fazer, pois eu já achava que não daria tempo de fazer tudo. São dois ônibus que o ingresso da direito: o verde(natureza/animais) e o vermelho(cidade). Parece muito tempo 2 dias, mas não é. Inicio do passeio no City Sightseeing Joburg Nossa primeira parada foi no Carlton Centre. Ver Joanesburgo de cima é realmente lindo é uma vista de todos os ângulos. Vista do Carlton Centre Obs: O ingresso deve ser comprado dentro de um shopping na parte de baixo. Tem que ir perguntando se você não estiver com o pessoal do ônibus, pois é realmente bem no meio das lojas. Se você estiver com o ônibus fica um menino, da própria City Sightseeing que te leva para comprar o ingresso e te acompanha até o topo. Guichê onde compra-se o ingresso para o Carlton Centre Ficamos em torno de uns 15 a 20 minutos, para poder conseguir pegar o próximo horário do ônibus. Passeando no ônibus vermelho da City Sightseeing Joburg Nossa segunda parada foi no Museu do Apartheid que é o ponto de partida para ir para Soweto. Decidimos matar Soweto de uma vez pois a previsão era de chuva. Então é melhor museu com chuva, do que Soweto com chuva, certo? Apartheid Museum Para Soweto não é o ônibus grandão que vai não, é uma van, com um grupo menor de pessoas, que vai parando e dando uma explicação em cada um dos pontos do mapa da região de Soweto. O inferno, com o perdão da palavra, quando você vai de grupo para algum lugar, é que sempre tem zé ruela folgado que acha que o ponto turístico é somente dele. Vocês saberão identificar facilmente pela fotos quem é a tal. City Sightseeing Joburg - Soweto Estádio FNB, durante a copa de 2010 foi chamado de Soccer City Welcome to SOWETO Orlando Tower - Já foi torre de energia e atualmente é ponto de salto de bungee jump. São 100 metros de altura. Soweto era um bairro de Joanesburgo, na época do Apartheid. Atualmente é uma cidade. Soweto era uma área que foi reservada somente para negros, pois eles não podiam ficar nas áreas que eram reservadas para os brancos. Soweto foi também cenário de protestos contra o racismo e contra a política do governo da época. Praça dedicada aos estudantes mortos no massacre de SOWETO. Retornamos de Soweto já no meio da tarde, e como estavamos com fome, decidimos descer na para Newcton Junction para fazer uma boquinha. Optamos por um hamburguer, que ficou por 50Rands. Fizemos algumas comprinhas no Pic n Pay. Depois disso voltamos para o hostel pois já era o último horário do nosso ônibus. Newcton Junction Passeando no ônibus vermelho da City Sightseeing Joburg Tomamos um banho e decidimos jantar um hamburguer caprichado no The Smokehouse and Grill.
  7. ÁFRICA DO SUL | SAFÁRI NO KRUGER - BIG FIVE E JOANESBURGO - DIA 3 Blog de Viagem - Vou e Volto Já! Neste terceiro dia no parque, acordamos cedinho, já com as malas prontas para colocar no carro, era nosso último game drive no parque, antes de partirmos no almoço para Joanesburgo. Kruger Safari Park - Skukuza Rest Camp Kruger Safari Park - Skukuza Rest Camp Nosso guia chegou pontualmente as 6:30, e fomos direto iniciar nosso safári. O café da manhã seria em outro ponto por volta de 8hrs. Kruger Safari Park Hoje iriamos rodar pelas estradas que teoricamente são dos felinos, para tentar ver o Leopardo. O único dos BIG FIVE que ficou faltando Kruger Safari Park Kruger Safari Park Realmente é muito difícil de ver ele, acredito que pela velocidade, que é muito maior que a de um elefante por exemplo. Mesmo quando saímos rapidamente do nosso café da manhã (ele recebeu uma ligação avisando que foi avistado em x lugar o Leopardo), não conseguimos encontra-lo. Vimos diversos outros animais, mas o tal do safadinho do Leopardo, NADA. Kruger Safari Park Esse foi o trajeto mais tenso e ao mesmo tempo entendiante, pois a área onde ficam os felinos não ficam grande parte dos outros animais, logo não se tem aquele macaquinho atravessando a estrada, ou então aquela impala simpática para dar o ar de sua graça. A região onde ficam os felinos é silenciosa, a vegetação é baixa, pouquíssimas arvores, são estradas longas e nós conseguimos ter uma vista bem distante (por isso é muito bom o binóculo). Sem distrações, você fica vidrada tentando encontrar algum movimento. Kruger Safari Park Livro que nosso guia disponibilizou para ajudar na identificação dos animais No café da manhã rolou uma tensão quando nosso guia queria saber onde iriamos ficar em Joanesburgo para poder buscar o endereço do mapa e tals. Escolhi ficar noOnce In Joburg, que fica em um bairro universitário, em uma região chamado de Braamfontein, com ótimas recomendações no tripadvisor. Braamfontein faz parte de um arco cultural que inclui Newtown , a Universidade do Witwatersrand , Constitution Hill e o Centro Cívico. Inclusive em um dos dias fomos a pé para o Constitution Hill. Li que não era muito bom ficar no centro da cidade, mas essa região pelas minhas pesquisas me pareceram boa. Braamfontein inclusive é um dos pontos de parada do ônibus City Sightseeing Joburg. Kruger Safari Park Kruger Safari Park Mas voltando ao assunto, nosso guia se assustou quando disse onde iriamos ficar, eles não sabiam muito bem onde era e tal (A agência é de outra cidade). Só de falar que era no centro eles já ficaram meio loucos de preocupação rsrs e o outro grupo de brasileiros também já tinha passado 1 dia em Joanesburgo e disseram que o centro era meio feio, tem ruas desertas, prédios inabitados ainda da época do Apartheid e tal. A sugestão da agência era nós ficarmos em outro hotel de indicação deles, mas como eu havia pesquisado e normalmente não erro em questão de hospedagens, arrisquei e disse poderia nos deixar lá mesmo, e que qualquer problema nós ligaríamos para eles. No caminho de volta paramos para lanchar...imaginei ser uma salsicha...masss era doce...então não sei o que tinha dentro..rsrs Conclusão de 3 dias que passamos em Joanesburgo: Ainda hoje existe uma separação por cor, acredito que seja herança do Apartheid, coisas culturais. A região que ficamos é predominantemente frequentada por negros/pretos/afros (Lá é feio chamar alguém de negro, aqui no Brasil é feio chamar de preto, então vou por tudo rsrs)...Eu nasci em SC, realmente negros são minoria, atualmente moro em MG onde existe uma miscigenação muito maior. A região central de Joanesburgo é totalmente frequentado por negros...os únicos brancos eram nós...e em alguns momentos, muito raros, nos víamos muçulmanos (acho que são muçulmanos, rsrs, aqueles que usam umas roupas que vão até os pés como uma batina , e tampam os rostos). Agora, se você ficar a região de Sandton, você só vai ver branco, e em raros momentos negros. E lá tem MUITO turista. Particularmente eu preferi o centro, sinto que eu consegui sentir mais a energia de Joanesburgo do que ficando em um local que grande parte dos turistas ficam. Em nenhum momento me arrependo de onde fiquei, e ficaria novamente. Não corremos nenhum tipo de perigo. Obviamente que ficamos ligados todo o tempo, afinal é um grande centro como qualquer outra capital... Bom, a agência nos deixou no Hostel, e então fomos fazer o check in..já era noite, então subimos, deixamos as malas, tomamos um banho e fomos comer. Depois de toda aquela preocupação a localidade do Hostel, decidimos por ficar na quadra, para nos ambientar com o local e sentir a energia da região. Hostel Once In Joburg Comemos uma pizza deliciosa, como acompanhamento veio um molho de alho e um molho de pimenta. O molho de alho ficou muito gostoso com a pizza. Agora vou te contar, o molho de pimenta, praticamente soltei fogo pelas ventas kkkkkkk e olha que foi só uma bicadinha. Pizza no 86 Public em Joanesburgo Depois de um dia de tensão deitamos e dormimos que nem anjinhos.
  8. Vou e Volto Já!

    ÁFRICA DO SUL | SAFÁRI NO KRUGER - DIA 2

    ÁFRICA DO SUL | SAFÁRI NO KRUGER - DIA 2 Blog de Viagem - Vou e Volto Já! Acordamos cedinho, tomamos café no hotel e fomos direto para o Kruger Safari Park. Na portaria da entrada tem lojinha para comprar mapas, alguns tipos de alimentos, banheiro e ingressos. Fizemos o que precisávamos e seguimos em frente. Kruger Safari Park E ai foi quando eu me senti que nem uma criança que ia ganhar o seu brinquedo. Quando Rudolf nos entregou os binóculos, e disse para ficarmos atentos que deste ponto nós já começaríamos a ver os animais. Kruger Safari Park Fizemos o trajeto até o Skukuza Rest Camp, onde compramos alguns lanches e seguimos na nossa procura por animais até 13hr da tarde mais ou menos. Nossa diária abriria somente as 14hrs. Kruger Safari Park Na volta do game drive, ficamos no restaurante para almoçar, e acabamos conhecendo um casal e um amigo deles brasileiros, que estavam fazendo o mesmo passeio que nós e com a mesma agência. O nosso próximo game drive seria com eles. É muito bom encontrar brasileiros em viagens. Kruger Safari Park Após o almoço, demos entrada na nossa cabana rsrs uma gracinha...e la ficamos acho que por no máximo 2 horas. Descansando e fomos também ver a lojinha de conveniência que tem ao lado do restaurante...lá tem de tudo: carne para assar, utensílios de cozinha, bebidas de todo tipo e preço, lembrancinhas, arroz, enlatados..guloseimas e tudo mais.. Kruger Safari Park - Skukuza Rest Camp Kruger Safari Park - Skukuza Rest Camp E seguimos para outro game drive no fim do dia. Kruger Safari Park Kruger Safari Park Kruger Safari Park Kruger Safari Park Kruger Safari Park Kruger Safari Park No retorno combinamos de nos encontrar para jantar no restaurante com aquele pessoal brasileiro que comentei, mas adivinha? 21hrs ele fecham a cozinha Ainda bem que tínhamos comprado pão e presunto rsrs E aqui acaba nosso primeiro dia no Kruger Safari Park.
  9. Vou e Volto Já!

    ÁFRICA DO SUL | JOANESBURGO PARA WHITE RIVER - DIA 1

    ÁFRICA DO SUL | JOANESBURGO PARA WHITE RIVER - DIA 1 Blog de Viagem - Vou e Volto Já! Realizei um dos meus sonhos de viagem esse ano. Fazer um Safári na África. E como não ir para a África do Sul com aquela mega promoção que a Taag fez?!? Até que tentei resistir, mas a vontade de viajar sempre prevalece. Um carma bom demais. Nosso voo saiu do Rio de Janeiro 16:35hrs do dia 16/01/2017 ...Gostei muito do atendimento da TAAG no Brasil, tanto no chat quanto presencialmente...uma equipe muito boa. Não ocorreram atrasos. O voo em si foi tranquilo. O serviço dentro da aeronave na ida foi ok, nada especial. Primeiro trecho da viagem | Rio de Janeiro - Luanda Tivemos uma parada em Luanda na Angola, e chegamos em Joanesburgo na Africa do Sul as 13:45 do dia 17/01/2017 horário local do outro dia. Segundo trecho da viagem | Luanda - Joanesburgo Como teríamos poucos dias (a data de retorno foi dia 22/01) achamos melhor fechar com uma agência o passeio para o Kruger National Park. Sim, poderíamos ter feito o safári em um local mais próximo, como Pilanesberg e fazer tudo por conta própria, mas eu queria o maior, o com mais histórico de variedade de animais, o que eu pesquisei e vi que não montava situações para ver os animais, eu queria aquele que aparentemente é o que mostra os animais em seu habitat natural. Por essas razões eu queria o Kruger. Espero no futuro ter outras oportunidades para conhecer outros parques e poder fazer uma comparação entre eles. Nós não dirigimos, por isso não alugamos carro, mas achei a estrada tranquilíssima para quem pensa em ir dessa forma. Bom, baseado nisso, fechamos com o Pretvan Tours e foi simplesmente fantástico o atendimento deles. Não me arrependo em nenhum momento de ter tido essa comodidade na viagem, pois valeu a pena. Nosso guia se chamada Rudolf e era neto de Henna. Uns amores de pessoas. Trajeto do Aeroporto de Joanesburgo para White River O serviço deles começou no aeroporto de Joanesburgo, estavam nos esperando para seguirmos viagem no mesmo dia para White River (Devido ao horário do voo não daria tempo de chegar ao Kruger com os portões abertos, eles fecham as 18hrs e a duração da viagem são 6 horas). Eles nos guiaram dentro do aeroporto para os caixas para sacarmos a segunda parte do dinheiro que tínhamos que passar para eles e também nos ajudaram na hora de comprar um chip da vodacom. A estrada que pegamos foi tranquila, muito bem sinalizada, e sem buracos. A paisagem era de muito verde e um pôr do sol magnifico. Antes de irmos para o Hotel, fizemos uma parada para jantar em um lugar chamado Spur Steak Ranches, que fica em White River/Nelspruit. Eles servem lanches muito generosos de carnes com acompanhamentos e hambúrgueres. Online tem a opção de ver o menu. Parada para jantar no Spur Steak Ranches Após nós jantarmos, nos dirigimos para onde iriamos passar a noite, o lugar se chama Stille Woning Gues thouse que por sinal era uma graça, também incluído no pacote. O Café da manhã estava uma delícia e todos os detalhes do quarto são delicados. Stille Woning Gues Thouse Mortos, após duas noites sem dormir direito seguidas, finalmente tivemos uma noite de sono tranquila.
  10. Vou e Volto Já!

    Vou e Volto Já! Blog de Viagem

    Olá! Meu nome é Aline, e do meu esposo, fiel companheiro Juninho. Gostamos muito de passear e compartilhar nosso momentos. Nosso blog é totalmente direcionado para ficas de viagens, passeios, gastronomia e muito mais. Tudo que considero importante para um viajante ou mochileiro eu escrevo, para assim poder ajudar outros que gostam de buscar informações antecipadamente Espero que gostem e se tiverem alguma crítica para melhorarmos estamos totalmente abertos Blog: https://vouevoltoja.blogspot.com.br/ Instagram: https://www.instagram.com/vouevoltoja/ Facebook: https://www.facebook.com/vouevoltoja Abraços!
  11. Vou e Volto Já!

    LIMA|PERU - ONDE SE HOSPEDAR EM LIMA

    LIMA|PERU - ONDE SE HOSPEDAR EM LIMA Blog de Viagens - Vou e Volto Já! Ficamos hospedados em nossa passagem por Lima, em 2 locais. O primeiro foi na chegada, no Hotel El Ducado, sua reserva foi feita através da empresa de turismoMachu Picchu Brasil (Fechamos em um pacote que adquirimos conforme informei no post Peru - Dicas Inicias). Já o segundo foi o Pirwa Hostels, onde fizemos a reserva pelo próprio site deles e por nossa conta. Usamos este hostel quando retornamos de Ica. O primeiro, Hotel El Ducado, possui uma ótima localização! Esta a duas quadras do famoso Shopping Larcomar, e outros pontos interessantes como o Parque Del Amor, casas de casino, o Restaurante La Rosa Náutica, fica próximo também dos pontos de saída dos parapentes, é realmente lindo de assistir! É um hotel bom, equipe atenciosa, tudo limpinho. Este foi o único hotel onde o "desayuno" era servido na mesa, com uma quantidade pré-definida. Muito saboroso. Não tivemos nenhum problema com eles. O anúncio na recepção dizia que o matrimonial estava por S/190. Hotel El Ducado Hotel El Ducado $ Valor: Aconselho a consultar diretamente no site para obter valores atualizados. 📍 Calle Juan Fanning, Miraflores, 18 🏠 Mais informações: www.ducado.pe/en/ O segundo, Pirwa Hostel, também possui uma boa localização em Miraflores, cercada por vários restaurantes, fast-food, lojas, fica no meio da movimentação, mas a rua em si é silenciosa, ó que é excelente. Esta a mais ou menos 2 km de Shopping Larcomar. Os quartos são muito bons e o atendimento é fantástico. Pirwa Hostel $ Valor: Aconselho a consultar diretamente no site para obter valores atualizados. 📍 Coronel Inclan, Miraflores, 494 🏠 Mais informações: www.pirwahostelscusco.com/pt/bb-inclan-lima.html
  12. Vou e Volto Já!

    LIMA|PERU - ONDE IR EM LIMA

    Shopping Larcomar Já em Miraflores descemos no Shopping Larcomar. Como o Shopping ficava a duas quadras do hotel, fomos umas 4 vezes lá. O shopping fica beira mar, de onde temos uma bela vista do Oceano Pacífico. O shopping foi construído a céu aberto, o que causa um charme a parte. Como o tempo em Lima só fica nublado praticamente, o Shopping não tem problemas com chuvas. Para ter noção as escadas rolantes, brinquedos, mesas e telões ficam todos expostos. No shopping a única coisa que consumimos neste dia foi uns potinhos de uns 200ml com uns doces caseiros, que não consegui identificar o que é e muito menos entender o nome! Mas custou S/7.50 os dois. Comemos somente um deles, que foi o que identifiquei como amendoim, mas o outro era ruim demais kkkk. Tivemos que jogar fora =( Compramos um City Night & Fuentes pela TuriBUS para o mesmo dia as 7:10pm. Optamos por essa empresa pelo preço x ponto de saída(Shooping). Entrada inteira:S/ 60,00 Entrada Estudante: S/ 48,00. Terminando de passear pelo shooping seguimos em frente(no angulo da foto mesmo) em direção ao Parque del Amor (novamente! para apreciarmos com mais calma a paisagem). Permanecemos no parque por um tempo apreciando a vista, sentindo o vento bater no rosto, uns pinguinhos de chuva cairem..rsrs até que avistamos o ponto de onde saem os parapentes(uns 2 minutinhos do parque). Por curiosidade perguntamos o valor: S/ 150,00. Não foi dessa vez que voamos. Voltamos então a pé para o Shopping Larcomar para pegar o TuriBUS as 7:10pm (Lá se usa muito o AM e PM). Mais informações sobre este passeio no linkhttp://www.turibusperu.com/tour/6/city-night--fuentes-lima. Abaixo postei algumas fotos desse tour. Mas com relação ao passeio podemos dizer que foi legal. Mas não compensa ir com agência ou esses passeios turísticos para fazer o "Circuito Mágico del Agua", pois é feito tudo com muita pressa, e o show é perfeito!!! Da vontade de ficar lá só olhando um tempão sem se cansar! Nós teríamos aproveitado muito mais se tivéssemos ido por conta própria, fora o custo que seria menor também, já que a entrada do parque da reserva é S/4.00. Só compensou pelo passeio noturno, que é muito bonito. Não faria novamente. Mas vai de gosto, um casal de brasileiros que conhecemos lá por exemplo adorou. A equipe da TuriBUS deu um lanchinho no final do passeio. Dica: Não se consegue captar a beleza desse lugar com fotos. Filmadora ajuda. Mas a magia mesmo, esta em quem assiste a este magnifico show pessoalmente, é de ficar sem palavras em alguns momentos. Não deixe de ir. Chegamos no hotel por volta da meia noite noite! Foi um longo dia!
  13. Vou e Volto Já!

    LIMA|PERU - ONDE IR EM LIMA

    Centro Histórico de Lima O tempo em Lima é estranho. Sempre nublado. Em agosto estava um tempo gostoso. Vejam pelas fotos que estou de blusa de alcinha(Apesar de que muita gente estava de manga comprida, inclusive meu noivo), mas para pessoas encaloradas como eu, em um dado horário começa a esfriar e é sempre bom ter um casaquinho na bolsa por segurança. Outra dica, ande sempre com uma sombrinha em Lima. Pode ser que pegue alguns pingos de chuva. Nada de temporais. Saindo de Miraflores, fomos ao centro de Lima, onde visitamos a Plaza de Armas, Basílica Catedral de Lima, Palacio Municipal, Palacio de Gobierno, Palacio Arzobispal. Fica tudo pertinho, um prédio do lado do outro. Por lá mesmo comprei um mapa de Lima com todos os pontos interessantes para visita. Muito bom. O homem queria me cobrar S/ 10. Chorei, e ficou por S/5. O táxi, se você chorar, vai sair por volta de S/ 10 de Miraflores ao centro. Tudo depende da sua conversa. Lógico que isso nos táxis não legalizados. Os valores dos táxis registrados são tabelados. Não tem choradeira. E é caro. Não tive problemas com nenhum dos táxis que peguei. Palacio de Gobierno. O guardinha mesmo que ofereceu tirar uma foto nossa. Super receptivos e atenciosos com os visitantes. Basílica Catedral de Lima Interior da Basílica Ao fundo, o Palácio Municipal Palacio Arzobispal De frente para o Palacio Arzobispal, seguimos a esquerda a caminho da Iglesia de San Francisco e Parque de La Muralla. Siga direto em direção ao prédio amarelo, e depois quebre a direita. Seguimos direto nesta rua até o prédio amarelo. No meio do trajeto alguém grita: "Brasileña!". Engraçado como sem abrirmos a boca em qualquer lugar somos reconhecidos. Direções... Nesta esquina da placa, não consegui pegar o nome do local, mas tinha uns lanches bem atrativos aos olhos. Não provamos nada pois estava quase na hora do almoço. Não tivemos nenhum problema com roubos. Inclusive, notamos que principalmente nessa região de Lima, o policiamento é reforçado. Existem guardas em todas as ruas. Após quebrar a direita, la naquele rua onde na esquina vendia os sanduíches, chegamos a Iglesia De San Francisco. Ao lado, coladinho, fica o Museo San Francisco e Catacumbas. Chegamos no meio da missa, e depois ainda teve uma procissão, muito bonita por sinal. Inclusive notamos que este, é um povo muito religioso. Em todos os locais que passamos seja final de semana, ou dia de semana tinha missa e em vários horários. Iglesia De San Francisco Infelizmente no Museo e Catacumbas não é permitido tirar fotos ou filmar, mas vale muito a pena a entrada. O museu tem uma biblioteca muito grande e conservada, e as catacumbas com certeza é o mais interessante, causa uma certa angustia passear por la, porque é no subsolo da igreja, o teto é baixo, e tem aquele cheirinho de local fechado. Mas a história que nos é contada é cativante. Entrada inteira: S/ 7 Entrada estudante: S/ 3.50. Quem for estudante leve sua carteirinha, tem vários lugares que aceitam. Museo San Francisco e Catacumbas Logo ali, muito pertinho também fica o Parque De La Muralla. Se você estiver vindo de Cusco, não vai achar muito interessante este local, devido as grandes grandiosidades que já vai ter visto da região de Cusco. Agora, se sua primeira parada for em Lima, como nós, vale a pena dar uma passada, afinal, você vai estar ali por perto mesmo. Desta forma você verá as belezas deste país de forma crescente. Parque del La Muralla Você não paga nada para entrar, tem banheiro por 1 sol, museu e restaurante (O preço estava um pouco acima do nosso planejado, então almoçamos em outro local). Almoçamos por volta das 02:00PM em um restaurante simples que fica na rua daIglesia De San Franscico, bem na entrada do Parque de La Muralla. Não consigo me lembrar o nome, mas tem somente 2 ou 3 naquela rua. Nesse primeiro restaurante não me lembrei de tirar foto da comida. Mas comemos um prato que vinha arroz, batata frita, alface, tomate e frango: S/ 10. Tomamos uma Inca Kola por S/2. Valores individuais. Esse foi um dos pouquissimos almoços que tivemos, devido ao tempo apertado. E a Inca Kola eu tomei todos os dias!! Adorei! Terminando nosso almoço e fomos pegar nosso primeiro taxi para retornar a Miraflores, já que para vir nos viemos com a agência de turismo que fechamos parte da nossa viagem, não voltamos com eles pois preferimos passear mais pelo centro e conhecer outros lugares que eles não passaram. O taxista queria S/ 20, eu tinha para dar S/10. Ele fez por S/ 10(Se for pechinchar sempre tenha trocado).
  14. Vou e Volto Já!

    LIMA|PERU - ONDE IR EM LIMA

    Huaca Pucllana Após uns 30 minutos (Como era perto do hotel voltamos mais uma vez neste parque e outro dia), fomos então para o sítio arqueológico Huaca Pucllana. Realmente tem uma aparência impressionante. No meio de toda aquela muvuca(no melhor sentido da palavra), um pouquinho de história contada pelas ruínas que ficam no meio da cidade. É interessante a visita, mas por falta de tempo não entramos. Mas para andar lá dentro precisaria de um guia em torno de U$4 por pessoa, com duração de 1 hora a 1 hora de 30 minutos. É uma área bem grande. Tivemos a oportunidade de ver o Huaca Pucllana em outro dia a noite, quando passeamos de TuriBus. Vista deslumbrante. $ Entrada Inteira: S/ 12 📍 Calle General Borgoño s/n, cuadra 8, Miraflores (Lima 18, Perú) 🏠 Maiores informações: huacapucllanamiraflores.pe
  15. Vou e Volto Já!

    LIMA|PERU - ONDE IR EM LIMA

    Parque Del Amor Começamos nosso passeio por Miraflores mesmo, pois nosso hotel ficava nesse bairro. Nossa primeira parada foi no Parque Del Amor que estava a mais ou menos umas 6 quadras do nosso hotel. Na verdade não fazia muita diferença a quantidade de quadras, pois a vista até lá é linda! No caminho da para avistar o Restaurante La Rosa Náutica e os surfistas tentando pegar uma boa onda nas águas geladas do pacífico. O Parque Del Amor foi inaugurado no dia dos namorados no ano de 1993. Por todo lado você irá encontrar escritas com frases de romance e ao centro estará o ponto principal do parque, a escultura que se chama El Beso do peruano Victor Delfín. $ Você não paga para visitar esta atração 📍 Malecón Cisneros, Miraflores 15074 – Parque del Amor
×