Ir para conteúdo

Adam Tavares

Membros de Honra
  • Total de itens

    954
  • Registro em

  • Última visita

Tudo que Adam Tavares postou

  1. Fala Fábio,... Essa trip vai ser irada.. ainda mais por estar levando meus pais juntos, muito legal ver a disposição e empolgação deles.. estão parecendo duas crianças rs..... MKoerich, acredito que sempre temos alguma dificuldade nas trips.. e acho que é válido expor sim, afinal nem tudo são flores e podemos ajudar o próximo, o importante é não desistir jamais, tanto é que estou indo novamente para realizar o sonho.... Quanto a foto da Loma, compra uma cópia aaahhaahha
  2. Que bom que gostou Thiago... qualquer coisa só perguntar... estarei retornando para essa região em novembro novamente...
  3. Pessoal acabou de chegar minha Big Agnes Fly Creek UL1 ... é mto compacta e leve rs.. impressionante.... porém é mtoooooooooooooo fininha rs... da até medo rs.... não deu para montar ela ainda.. to cheio de trampo assim que der eu posto um reviewzinho.. abço
  4. Kctada... que barraca animal rs.. mas pqp ... 1100 libras ahahhaahha
  5. ué bixo rs.. não sei nem para onde vc vai rs...
  6. veja esses sites: http://www.solocampings.com.ar/Mendoza/guiadecamping/12.html http://www.voydecamping.com.ar/ abço
  7. Otavio, depende muito de onde vc inicia a trilha e com quem esta indo, ritmo e etc... da trilha la de cima perto das torres de comunicação até o cume acredito que de para fazer em 1:30~2:00... ida e volta então em 4hrs.... abço
  8. Amend, eu pedi para mim um Marmot Cloudbreak +20... pesa 1.3 kg.. e tem temperatura conforto 0º ... e é sintetico.... uns dos mais leves da categoria...
  9. Katish, eu comprei uma Big Agnes fly Creek UL1, ainda não chegou... assim que chegar eu te passo minhas impressões e faço um review.... t+
  10. Foi sim.... eu fiquei tentado nela... mas ela tem uma armação diferente nnão ?
  11. Cara, vamos levar o combustivel dentro do porta malas mesmo... bem preso na lateral, sera usado em apenas em poucos trechos... talvez bem talvez colocaremos um rack e ai vai fora... mas Doc... no seu caso vc pode fazer um suporte para se prender ao step e prender ali o galão.... abração
  12. Com certeza passarei as infos... sairei no inicio de novembro... meu roteiro será... Sp x Punta del este x montevideo x colonia del sacramento x buenos aires x puerto madryn x ushuaia x puerto natales x torres del paine x el calafate x el chalten x villa o'higgins x carretera austral x bariloche, san martin de los andes x junin de los andes x mendoza x santiago x vina del mar x san pedro atacama x sp....
  13. opa desculpa passei info errado...de El chalten até perito moreno da uns 600km... só tem posto em bajo caracoles... ou seja.. se seu carro tiver baixa autonomia e o posto estiver fechado ... vai der de ficar esperando o caminhão de gasolina chegar rs... cara eu digo mais pelo estado da estrada.. a ruta 40 ta em obras... o que atrasa mto a viagem.. porém vcs estão em carro alto e 4x4 da para acelerar mais... e tem a questão do horário de fechamento da fronteira.. não sei que horas fecha em chile chico... De el chalten pelo paso robalo da para fazer em um dia sim... e vcs estando em 4x4 é bem sussa... da para ir numa boa.. ainda mais estando em dois carros... eu iria facil pelo roballos, de lá desceria para o'higgins e depois subiria a ruta 7 até bariloche... Vale ver se na epoca que vc for já estara construida a ponte pelo rio Mayer se estiver ai vc vai pelo Paso Rio Mayer que chega direto em vila O'higgins... em outubro vou perguntar novamente o estado da obra... ... quanto a questão do galão não sei como funciona a legislação no chile e argentina quanto a isso... disse de plastico por ser mais barato, mas tenho certeza que ninguem ira encrencar com você por causa disso naquela região..... se resolverem ir em novembro me avisem rs.. partirei em novembro rs... e farei quase a mesma rota que vcs...
  14. Pois é cara, quando vc chegou na rampa eu ja estava voltando rs.... mas também quero voltar para acampar la... abração
  15. Doc... bixo vcs vão estar em um ou dois carros? Se tiverem em dois carros é mto mais tranquilo de ir pelo PASO ROBALLO, eu irei em novembro fazer uma viagem parecida, iremos de logan 1.6 ... até o final do ano é bem provavel que boa parte da ruta 40 esteja asfalta quase toda para falar a verdade... e talvez exista um outro passo que vá direto para ohiggins .. chamado de paso rio mayer... eu acho que se vcs estiverem em dois carros é muitro mais tranquilo... Quanto a ir de el chalten até chile chico direto é inviavel não da rs... terá de pernoitar no meio do caminho... de el chalten até a cidade de perito moreno são uns 800km mais ou menos e só tem um posto de gasolina no meio do caminho em bajo caracoles... e é bem possivel que não tenha combustivel.. então prepare-se rs... Quanto aos galões de aluminio tem de ver se vale a pena pois são bem caros... , se for carregar por pouco tempo a gasolina use galões de plastico mesmo...
  16. Até da mais o mais recomendado é em 5 dias.. se tiver bem preparado da sim...
  17. Mapa região da serra do lopo Fala Pessoal, tudo certo? Nesta Sexta-Feira Santa (06/04/2012), fui com a família para a serra do lopo fazer a trilha para a pedra do cume. Fomos : Eu, meu pai, minha mãe, minha irmã, minha namorada, minha cunhada, minha tia e meu primo. Parte da familia na rampa (falta dona onça e cunhada) Saimos de São Paulo em dois carros sentido Extrema/MG, saimos da Z/N Freguesia do Ó, seguimos pela Marginal Tietê e depois pela Rodovia Fernão Dias, daqui de São Paulo até lá, da 110km mais ou menos, na fernão dias é só seguir direto passando por dois pedagios (R$1,40 ida e volta), e pegar a primeira saida para Extrema! Para quem vai de carro até as torres/antenas segue-se até o portal da cidade de extrema (tem banheiro fem/masc caso alguem esteja apertado), após o portão você irá passar por duas rotatórias, e irá entrar a direita na terceira rotatória, entrando a direita na rotatória segue até o SENAC, e entra a direita no Senac, depois entra na segunda a esquerda, você já estará na estrada da Embratel que leva até o inicio da trilha, só seguir essa estrada com cuidado, pois ela é estreita e possui valetas fundas nas laterais, a estrada é boa, hora de paralelepipedo, hora de terra, hora de um outro tipo de bloco. Depois de um tempo de subida, aparecerá uma bifurcação, pegue para direita, sentido rampa de asadelta, pedra das flores, após alguns metros já irá ver a rampa de voô livre, tire umas fotos mas não pare ai, um pouco mais a frente na estrada tem um estacionamento, e logo mais para frente se inicia a trilha (em frente a entrada da trilha tem local para parar alguns carros se estiver cheio volte e estacione mais acima). Vista da rampa de voô livre *DICA: Existem dois acessos de trilha, a primeira e mais dificil se inicia a esquerda do portão que da acesso as pousadas/restaurante, fomos por essa trilha ela é tranquila, porém logo no começo tem uma parte que você terá de passar por uma pedra com uma boa inclinação.. uns 45~60º... se tiver com crianças mto pequenas, pessoas com muito medo de altura ou estiver chovendo pode se tornar perigosa. A outra trilha bem mais tranquila (parece uma estrada), você precisa descer a estrada sentido as pousadas, passando a primeira pousada, entre na primeira saida a esquerda. As duas trilhas se encontraram mais a frente próximo a pedra das cabras. P.s Para quem quiser deixar carro/moto em local seguro na pousda eles deixam estacionar cobrando uma pequena taxa. Continuando, a trilha é bem tranquila, segue quase sempre por dentro da mata, num ambiente bem fresco, não é muito escorregadia, ela é bem clara e bem definida, não tem como se perder, a trilha ta bem aberta, após uns 15 minutos de caminhada chegamos numa pedra que tem uns 45~60º de inclinação e temos de atravessa-la para continuar a trilha, é um trecho pequeno e tranquilo para se passar, se estiver com medo basta sentar na pedra e ir sentado até a outra ponta, após esse trecho a trilha segue subindo e descendo pela crista, e após uns 50 minutos encontramos com a outra trilha que vem das pousadas, mais algum tempo de caminhada e nos deparamos com a primeira pedra, a Pedra das Cabras, ela fica a esquerda da trilha (tem de sair um pouco da trilha para subir ela). Da pedra das Cabras , já se tem uma bela vista da represa, da pedra das flores e da pedra do cume, muito bonito. Vale uma pausa para descanço e fotos, cuidado com as beiradas das pedras pois a queda é bem grande... Pedra das Flores e Pedra do Cume ao fundo Voltamos então a trilha e continuamos, mais uns 30 - 40 minutos e chegamos na pedra das Flores, antes de chegarmos nas pedras das flores tem 2 locais para acampamento, um a direita da trilha onde cabem umas 4 barracas, tinha restos de fogueira, atras dessa clareira, tem um espaço de mato que da para acampar também, só dar uma baixada no mato, seguindo em frente a esquerda tem mais um ponto de acampamento, que cabe mais umas 3 barracas.. Na Pedra das flores, tem mais uma area de camping, subindo a pedra antes de ir para segunda parte vire a direita, um lance abaixo tem mais uma area pequena de camping, bem protegida de ventos, muitas pessoas costumam acampar na propria pedra, porém se chover fica complicado. Meu velho Heavy Metal na pedra das flores A pedra das flores é linda, bem grande e com uma formação bem diferente, muitos Amarilis na pedra, tem uma visão linda da represa (mais ampla que a pedra das cabras), já se nota a pedra do cume bem mais próxima e imponente, o vento aqui também fica mais forte. Descansamos um pouco aqui na pedra das flores aprecisando o visual, fizemos um lanche, comemos uma fruta e bebemos agua. Daqui para frente só iriamos eu e meu pai, já que o resto decidiu ficar na pedra das flores pois estavam cansadas. Deixamos então mochilas, lanches e etc com o pessoal e fomos munidos apenas com as máquinas fotográficas. Pedra do cume visto da pedra das flores. *DICA: A trilha que vai para o pico do lopo se inicia a direita da pedra, você olhando para a pedra do cume, vá a direita da pedra a trilha se inicia ali (nesse ponto tem duas triilhas, uma delas é uma falsa trilha não tem final, então pegue a da esquerda...) Conforme havia pegado dicas com o pessoal, tinha a informação que a trilha apra o cume se iniciava a direita das pedras das flores, então seguimos para lá, tinhamos informações que a partir da pedra das flores até o cume que era sempre para manter a esquerda, foi o que fizemos, e após uns 15 -20 minutos já estavamos chegando a base da pedra do cume, antes de chegar na pedra passamos por uma outra grande pedra com pichações, serve como referência. Pedra do Cume vista de outro angulo Bom na base da pedra, em poucos minutos já chegamos ao topo, tem uma pequena seção de escalaminhada, onde ao meu ver só tem uma dificuldade logo no primeiro lance onde temos de transpor uma pedra/fenda, e dependendo do porte fisico e tamanho do caminhante pode ficar um pouco complicado, mas só, em nenhum momento eu ou meu pai ficamos preocupados, não tem nenhuma parte muito exposta, meu pai estava de calça jeans e subiu numa boa. Depois de dois lances de escalaminhada chegamos num falso cume, contorne ele e continue o cume está um pouco mais a frente. Escalaminhada pedra do cume. A Vista do cume é sensacional, vista de 360º a primeira do meu velho, ele ficou todo feliz la em cima , de um lado joanopolis a maior parte da represa, e se olhar bem podemos ver a cachoeira dos pretos ao fundo, do outro lado extrema e suas industrias, e do outro lado temos a visão da pedra das flores, pedra das cabras e as torres. Curtindo o visual do cume No cume, tem um lugar pequeno, onde da para armar duas barracas pequenas, fica relativamente bem protegida do vento, pareceu um ótimo lugar para acampar, quero voltar lá para dormir no topo. Area de camping no cume. Ficamos uns 30 minutos no topo, conversando , apreciando a vista e tirando muitas fotos, como estavamos com o resto do pessoal la na pedra das flores decidimos voltar, a decida é tranquila. Encontramos com o resto do pessoal na pedra das flores, onde já tinha uma galera acampando, e retornamos, na volta paramos num pequeno corrego perto da pedra das cabras para pegar água e continuamos, dessa vez optamos por seguir pela outra trilha que sai nas pousadas para conhecer, depois da pedra das cabras terá uma bifurcação pegue a da esquerda, seguimos então pelo resto de uma velha estrada, essa trilha segue sempre subindo, no meio da subida mais ou menos, podemos ver um belo lago a esquerda de quem está subindo, vale uma visita, lindas bromelias numa ilhinha no meio do lago, continuando a subir na estrada quase no topo temos uma outra pedra a esquerda, dependendo do horário rola um pôr do sol. Continuando a subida já saimos na estradinha das pousadas, agora só subir até o carro. ... Incrivel Vista do cume Enfim, satisfeitos.. seguimos viagem de volta para são paulo, não sem antes passar no Frango Assado para o pessoal repor as energias, chegamos em São Paulo já de noite, bem cansados mais satisfeitos... Até a próxima... +++ Fotos: Eu e minha mãe na pedra das flores. Eu na pedra das flores com a pedra do cume ao fundo Eu na pedra das flores, pedra do cume ao fundo Eu na pedra das flores, represa ao fundo Eu e dona onça na pedra das flores Like a Boss pedra das flores Subindo a Pedra do Cume Pedra das flores e pedra das cabras vista da pedra do cume Fazendo pose no um pouquinho antes do cume Meu pai todo Like a Boss Pessoal, desculpem pela qualidade das fotos, mas estava usando a compacta da minha irmã...
  18. Athayde ,no Brasil acho que vai ser muito dificil de achar Asolo viu... pois acredito que não tenha nenhuma loja vendendo atualmente.. se tiver é algo que sobrou..... abço
  19. Bruno, tudo bem ? Cara eu tiraria de Punta del Este rs..... mas é escolha particular.... _______ Leonardo lima, cuidado ... em julho fica muito complicado de fazer as trilhas em Chalten, por conta de dias curtos e mta neve nas trilhas...
  20. Eu tiraria alguns dias de outros lugares e colocaria mais dias em El Chalten, deixaria pelo menos 3 dias inteiros livres... 1 para laguna de los tres... outro para laguna torre, e outro para loma del pliegue tumbado abço
  21. Salese, obrigado pelas dicas!!.. Estive lá ontem ... mas não cruzei com o _Umpdy... comecei a trilha, próximo ao portão que da acesso as pousadas... depois da rampa de asa delta... como estava com a familia... demorei 2h até a pedra das flores... paramos numa outra pedra antes também... da pedra das flores até pedra do cume acho que não deu 20 minutos de caminhada, subimos apenas eu e meu pai ao cume as meninas ficaram na pedra das flores... a súbida é super tranquila, tem só um ponto ruim que é logo no primeiro lance de escalaminhada... onde tem uma fenda onde é bem ruim de se apoiar/agarrar... pessoas grandes terão mais facilidade.... enfim ... foi muito legal.. vista muito boa..... Ainda volto la para pernoitar no cume.. vi que tem lugar para umas duas barracas pequenas..... abração
  22. Salese, bem legal o roteiro... vai me ajudar bastante visto que estou indo para aqueles lados amanhã... Me diga.. a trilha é tranquila para pessoas mais velhas?... ta bem demarcada?.. após as pedras das flores é só seguir a trilha indicada ?... não tem bifurcações? abração
  23. Legal Robram !!! Valew pelas dicas... um abração
  24. Realmente o Paso Roballo é menos utilizado, mas de vários relatos que vi não vi nenhuma dificuldade encontrada, lógico que se tiver em dias de chuva é bom evitar... mas se tiver com tempo bom... o carro em ordem acho que da para ir tranquilo.. eu mesmo irei por ele quando estiver por la no final do ano... Robram.. quando diz ultimo posto quer dizer ultimo posto com gasolina certo?... pq em O'higgins tem posto não?
×
×
  • Criar Novo...