Ir para conteúdo

bluna

Membros
  • Total de itens

    7
  • Registro em

  • Última visita

Reputação

0 Neutra

Bio

  • Ocupação
    Estudante
  1. Olá! Também vou visitar Foz em novembro, pela segunda vez. Ano passado fui em agosto, então acho que as informações ainda estão frescas. Eu tinha a mesma dúvida com relação ao carro, ainda não sei se vale a pena alugar um ou não. Eu vi uma promoção que a Gol tem com a Unidas, que dá uma barateada. No modelo básico, sai R$ 80,00 por dia, incluindo taxas. Para quem iria pagar transfer para cataratas argentinas, cassino etc., acaba valendo a pena. Ainda não sei qual a facilidade de ir de transporte público para Itaipu, acabou não dando tempo de eu ir da última vez. Mas o Parque das Aves e as Cataratas são bem acessíveis de ônibus, sem maiores problemas. Com relação ao Paraguai, eu acho que não vale a pena ir de carro pra lá, ainda que tenha seguro. Primeiro que o acesso é realmente muito fácil, dá pra ir a pé numa boa. Inclusive, o fluxo de pessoas na ponte é bem intenso! O que fiz no ano passado foi pagar um taxi para voltar. O paraguaio nos cobrou R$ 15,00 só pra atravessar a ponte, o que eu achei um absurdo. Mas não dei conta de atravessar de volta com eletrônicos na mão. No que se refere ao seguro, acho que é o que o pessoal falou mesmo (R$ 65,00 para três dias, sem redução para um único dia). Quando fui ano passado acabei desistindo por causa deste seguro, e consegui um transfer para as cataratas por preço mais popular do que tou achando por aí (saiu a R$ 35,00 por pessoa). No que tange às compras, eu só compraria na Argentina aquilo que for típico (alfajor, utensílios de prata etc.) e o que é típico de dutty free (perfume e bebida). Lembre-se que o Paraguai é quase um "dutty free" a céu aberto, só que muito mais bagunçado e com mais variedade. Com relação a dólar ou real, na Argentina eu comprei com peso mesmo. Comprei peso no dutty free, imagino que a cotação não seja das melhores, mas também não gastei muito dinheiro. Só um jantar numa churrascaria. No Paraguai, a moeda oficial das lojas é dólar. Os preços nos sites estão todos em dólar, então se for pagar com a moeda dos caras é ela que vai variar, e não a cotação de dólar. Vale a pena dar uma olhada nos preços nos sites antes de ir, pra não pagar nada muito diferente daquilo. Por fim, no que diz respeito ao câmbio, eu não vi nenhuma cotação em loja melhor do que a encontrei no Rio. Semana passada (dia 18.09) comprei aqui na Rio Branco por R$ 2,10. Não sei como está o câmbio em Foz do Iguaçu; se alguém puder postar, agradeceria! Não sei se onde você mora o câmbio é barato, aqui no Rio o fluxo de turistas é muito grande, então dá pra conseguir bons preços. Espero ter ajudado. Se alguém puder falar mais do custo/benefício de alugar um carro e do câmbio atual em Foz, agradeço. Bruna
  2. tou querendo fazer uma viagem bem parecida, mas em julho... não tenho como tirar férias antes... aliás, ainda tenho que confirmar com a chefe se conseguirei tirar férias em julho :\
  3. Olá! Já vi postarem sobre o custo-benefício do Paris Museum Pass em relação à carteira mundial ISIC. Acontece que eu andei pesquisando os descontos da carteira e está tudo em Euro (tipo 3 euros OFF), e não em percentual. Tentei buscar os preços dos museus pra saber quanto eu pagaria com os tais descontos de estudante, mas não consigo achar! Talvez por todas as páginas estarem em francês, né hauhau Queria saber se alguém sabe algum link ou de cabeça mais ou menos os preços dos museus e das entradas das principais atrações. Eu vou ficar 20 dias, então não acho que deva entrar na pressa de ver 5, 6 coisas num dia só. Isso também é um aspecto contra o Museum Pass, já que ele vale por dias corridos. Obrigada
×
×
  • Criar Novo...