Ir para conteúdo

648356

Membros
  • Total de itens

    153
  • Registro em

  • Última visita

  • Dias Ganhos

    3

648356 venceu a última vez em Março 24 2018

648356 tinha o conteúdo mais apreciado!

Reputação

56 Excelente

Últimos Visitantes

O bloco dos últimos visitantes está desativado e não está sendo visualizado por outros usuários.

  1. O que eu quero dizer é que não precisa comprar trocentos "tickets diferenciados" para andar de metrô, comprar 10 tickets t+ com desconto e os tickets avulsos para os que estiver fora deste esquema do t+, resolvem o problema de 99% das pessoas. Se concentre em otimizar outras coisas, como por exemplo tentar visitar as atrações próximas de forma agrupada, para não precisar correndo de um lado para o outro da cidade várias vezes durante o dia gastando dinheiro com metrô, em ficar num hotel com bom acesso a rede de metrô, que não lhe obrigue a fazer 2 ou 3 baldeações para chegar em todo local
  2. https://imaginanaviagem.com/uber-em-paris/ Rola sim, mas eu tive experiências ruins e boas... Como a tarifa é dinâmica e sobe e desce conforme a procura, tem vezes que fica mais caro que o táxi comum. Mas evite ao máximo usar carro/táxi/uber em Paris, o transito geralmente é horrível, e você passará mais tempo nos congestionamentos que fazendo algo de interessante, tente priorizar o metrô que é muito mais rápido e barato e use carro/táxi/uber só onde realmente vai fazer alguma diferença.
  3. Tem algumas outras coisas que eu lembrei agora, que é recomendável vocês prestarem atenção na hora de alugar um carro para não ter uma surpresa desagradável na hora de pegar o carro. Quase todas as locadoras cobra taxas ou seguros adicionais para você sair do país. Retirando o carro em Bruxelas, acho que não cobrem taxa/seguro adicional para circular por Benelux, França, Suíça, Alemanha, Áustria e Itália, mas pegar um carro na Alemanha e cruzar a fronteira com a Polônia geralmente tem sim taxa/seguro adicional. Se você omitir isto e cruzar uma fronteira não permitida, caso tenha algu
  4. Um carro destes não custa 4 mil EUROS, e muito menos a caução custa 3 mil EUROS. O preço da caução tem a ver com o tipo de seguro que você contrata. Na verdade a caução, nada mais é do que o valor da franquia do seguro. Se você tem carro e alguma vez na sua vida contratou um seguro do carro, deve saber que quanto menor o valor do seguro, maior é o valor da franquia do seguro que você paga em caso de sinistro. Mas geralmente você tem opção de contratar uma franquia menor ou mesmo franquia zero, mas isto aumenta muito o valor do seguro. E nas locadoras é exatamente igual,
  5. Não tome muito a Alemanha como referência nestes assuntos, o Alemão é muito apegado ao dinheiro vivo, todo alemão é meio paranoico com esta ideia de privacidade e por tabela, acha que as operadoras de cartão de crédito estão lhe monitorando e vão vender os seus dados para empresas "malignas" como a tal "Cambridge Analytica" kkkk
  6. Pois é... Alugar carro não é para "pobre" ou gente com limite pequeno no cartão... kkkkk Normalmente a caução é liberada entre 30 e 40 dias depois de você devolver o carro, alguns poucos casos eles liberam antes. E 1.200 Euros ou R$ 4.900 (convertido pelo Euro PTAX) bloqueados no cartão por 30 ou 40 dias, mais o custo da locação já pode fazer um estrago no limite da maioria dos cartões de crédito e impedir a locação...
  7. Cara, se o limite do seu cartão é só de 6 mil, já fica bem no limite mesmo pegando um carro só! Pois como falei antes, o valor da caução muda conforme a locadora, mas a maioria debita o valor integral da locação + 1.200 Euros de caução, eu não tenho certeza de que o valor da caução é realmente só 300 na Europcar da Bélgica e para carro híbrido, este valor era na Alemanha para carro popular convencional. E dai se eles ainda lhe forçarem a pegar pneus de neve/correntes para cruzar os Alpes, ou contratar um seguro adicional, já estoura seu limite e você não pega o carro. Confir
  8. 3 ou 4 dias é muito pouco tempo para fazer tudo isto: sair de Vaduz, passar em Zurich, Lucerna, Interlaken, Berna, ir a Milão e ainda conseguir esquiar. Esquiar é um programa que demanda um dia inteiro, pois em Abril você já começa a ter neve somente nas estações de esqui das montanhas e mais afastadas. Eu acho que certeza de ter neve suficiente para esquiar em Abril você só vai encontrar em no Mont Titlis em Engelberg, ou então no Jungfraujoch em Interlaken ou no Matterhorn em Zermatt. Mas como falei, ir esquiar é um programa que consome um dia inteiro... Então em vez de pensa
  9. Eu não sou muito fã de alugar carro para ir a cidades grandes europeias, eu acho que o custo da locação, mais gasolina, estacionamentos, vignete acaba sendo muito alto para uma viagem deste tamanho. Sem falar no estresse e complicação de achar hotel com estacionamento, vaga para estacionar, deslocamento até o centro, etc.. Programando e comprando as passagens para duas pessoas antecipadamente, acredito que dê para fazer tudo e ainda sobrar dinheiro... Mas preferência pessoal é preferência pessoa, e cada um tem a sua, e se você acha que vale a pena, não vou ser que vou lhe impedir de al
  10. Nenhuma locadora libera a caução de imediato, eles bloqueiam o valor no momento da locação e liberar só uns 15 ou 30 dias depois que você devolver o carro. Isto já não vai atrapalhar os seus planos iniciais?
  11. Legal, eu também morrei 8 anos em Düsseldorf. Pessoalmente se eu fosse fazer uma viagem assim, eu faria diferente, ao invés de pagar mais de 1.000 Euros entre locação do carro, combustível, estacionamentos dispendiosos em cidades grandes, pedágio/ vignete, etc eu faria uma viagem híbrida, combinando avião, trem e carro alugado. Por exemplo, em Paris um carro mais atrapalha do que ajuda, o transito é horrível, não tem onde estacionar, etc, você acaba pagando 20 ou 30 euros para deixar o carro parado num estacionamento o dia inteiro e circular a pé usando o metrô, que é excele
  12. Cada pessoa tem os seus interesses pessoais em se tratando de turismo, mas na minha opinião pessoal, você está incluindo um monte de locais que não acrescentam praticamente nada em termos de turismo. Por exemplo, Genebra é bonitinha, mas em uma manhã você viu e fez praticamente todos os passeios interessantes da cidade, o resto do tempo é para gastar dinheiro nas lojas de luxo que lotam a cidade de ponta a ponta. O legal na Suíça são as montanhas e lagos na região de Lucerna, Interlaken, Zermatt e Berna, mas que ficam bem distantes de Genebra. Mônaco eu pessoalmente não gostei, achei
  13. O valor da caução depende do modelo do carro, da locadora, do local que você retira o carro e do pacote de seguro contratado, e este valor normalmente varia de 300 a 1.200 Euros. Se eu não me engano, na Europcar para os modelos populares a caução é o valor da locação + 300 Euros, mas para modelos superiores eu não sei os preços.
  14. Quanto tempo em cada local depende muito dos seus interesses pessoais, mas para que você consiga fazer as coisas com alguma calma e sem correria, eu recomendaria ficar pelo menos a seguinte quantia de dias em cada local: - Londres: 5 dias - Paris: 5 dia - Berlin: 4 dias - Praga: 3 dias - Bélgica(Bruxelas e Bruges): 3 dias - Holanda(Amsterdam): 3 dias - Áustria (Viena): 3 dias - Escócia (Edinburgh): 2 ou 3 dias Agora se você quer ir também as Highlands na Escócia, precisaria de mais uns 2 ou 3 dias para isto, se também quiser ir a Salzburg e Hallstat na Áustria, precis
  15. Mas na verdade não entendo muito bem onde este seu plano de ficar alguns dias em um hostel e depois alugar um quarto mobiliado para fazer viagens curtas ajudaria nos custos. Viagens curtas para mim são aquelas viagens que você sai de manhã cedo do seu hostel e volta a noite, e não viagens onde você ficar 3 ou 4 dias fora... Fale um pouco mais a respeito do que você está pensando em fazer ou como como você acha que isto funcionaria. E você também não leva um caminhão de viagem para uma viagem destas, para passar 2 meses sem precisar lavar nada. Numa viagem destas, você leva o q
×
×
  • Criar Novo...