Ir para conteúdo

321321

Membros
  • Total de itens

    15
  • Registro em

  • Última visita

Reputação

2 Neutra

Últimos Visitantes

O bloco dos últimos visitantes está desativado e não está sendo visualizado por outros usuários.

  1. Versailles não precisa contar separado de Paris, fica a 45 minutos de metrô do centro de Paris, dependendo de onde você esteja hospedado em Paris, é mais rápido chegar em Versailles do que em Montmartre ou Torre Eiffel. Então visitar Versailles é um dos passeios que você faz em Paris, pessoas que acabam não gostando muito de Versailles acabem estando de volta a Paris logo depois do almoço, mas pessoas que gostam muito, acabam passando o dia todo em Versailles voltando só a noitinha. O mesmo dá para aplicar em Bruges, fica a 1h de trem de Bruxelas e tem trem a cada meia-hora, então a
  2. Então, o risco de comprar na hora é você ficar sem lugar no trem, alem de ser mais caro. Nos trens de alta-velocidade, que fazem o trecho em 2h 21m só se viaja se tiver assento para sentar, não dá para viajar em pé como nos trens regionais e lentos que levam 5 horas para fazer o trecho. O que significa que se o trem de alta-velocidade estiver lotado, você não viaja nele, tem que comprar no próximo que tiver assentos vagos. Sem contar que comprando na hora a passagem no trem de alta-velocidade vai custar uns 150 Zloty, comprando uns 30 ou 60 dias antes, a passagem no mesmo trem
  3. Entendi... Esta é exatamente a mesma descrição que lê na internet sobre Amsterdam, Paris, New York, Barcelona, Praga, Rio de Janeiro, Salvador, Recife, Curitiba... Você não deve focar demais nestes pontos negativos, pois quanto mais você focar e procurar mais coisa negativa você acha a respeito, e acaba esquecendo completamente dos pontos positivos, que geralmente são muito superiores a estes pontos negativos, geralmente presentes e relatados por somente meia-duzia de blog que só reclamam de tudo, o que tiveram uma experiência ruim. Mas se vocês não se sentiram animados com a ci
  4. 321321

    Será que fui banida?

    Você não pode reclamar de o agente ter sido grosso com você, afinal de contas você estava lá cometendo uma infração e consciente de que estava fazendo algo ilegal, era o mínimo que você deveria esperar, isto é assim no mundo inteiro, quem não faz nada de ilegal, costuma ser bem tratado. Quando você fica irregular a Europa e resolve sair, pode acontecer o seguinte: - O agente simplesmente deixar você ir embora sem falar e registrar nada, uma vez está indo embora mesmo; - Lhe dar aquela senhora bronca, mas deixar que você vá embora, sem penalidades, só registra você na lista de pe
  5. Você pode deixar muita coisa comprada e agendada, como por exemplo as passagens entre as cidades que serão a sua base, as reservas dos hotéis. Mas deixe um pouquinho de liberdade na programação do dia a dia, se não acaba virando só uma grande lista de obrigações, com um monte de locais para você "checar" na sua listinha de obrigações. Das cidades que você vai passar, as atrações onde realmente precisa comprar ingresso antecipado são a Galeria Borghese em Roma, e o museu onde é exibido o quadro a "Última Ceia" de Da Vinci em Milão, são locais que tem número de visitantes bem limitado
  6. Um casal de amigos meu foi para lá em Janeiro de 2014 ou 2015, não lembro direito, e ficaram ilhados em Aguas Calientes por 6 dias, pois as chuvas destruíram todos os acessos a cidade, levou 6 dias para eles conseguirem reabrir os acessos e pessoal poder ir embora. Então viajando nesta época do ano, esteja preparada para a possibilidade de este tipo de coisa acontecer. E geralmente o acesso via Hidreletrica fica fechado por alguns dias nesta época do ano, principalmente nos dias de chuva forte, pois poucos querem se arriscar naquela estrada que fica bem perigosa em épocas de chuvas i
  7. Imagine a seguinte cena: Você comprou ingresso para os museus Galeria Uffizi e Accademia em Florença para o dia 12 e passagens para Pisa / Lucca no dia 13. Aí quando você chega lá em Florença, o dia 12 é um lindo dia de sol, mas você programou passar o dia inteiro enfurnada dentro de museus sem ver a claridade do dia. E no dia 13, quando você tem passagem comprada para Pisa e Lucca, onde tudo é ao ar livre, você tem o azar de ser um dia meio frio e chuvoso, com temperaturas na casa dos 10ºC, tudo nublado e chuviscando. Dias assim são relativamente comuns em Abril mesmo na Itália
  8. Fiquei um pouco curioso a respeito do que você viu a respeito de Budapeste.... Budapeste não é nenhuma "Londres" em termos de organização e limpeza, mas pessoalmente eu achei a cidade mais organizada e limpa que a maior parte das cidades que já visitei Itália, Espanha, Portugal, Paris, Amsterdam...
  9. Sugestão de roteiro: Brasil > Londres: Avião Londres > Paris > Bruxelas > Amsterdam > Berlin: Tudo de trem Berlin > Viena: Avião Viena > Veneza > Roma: Trem Roma > Barcelona: Avião Barcelona > Madrid: Trem Madrid > Brasil : Avião. O problema é que tem muito local, alguns deles muito longe um dos outros. E toda vez que você troca de cidade, você perde na melhor das hipóteses metade de um um dia contando desde o momento em que você começa a fazer as malas na cidade A, até o momento em que finalmente larga elas no quarto do hotel da cidade B,
  10. Sem problema. Você viu as passagens na Tap não foi? Você reparou que vocês terão que pegar um hotel para dormir em Lisboa na ida e na volta?
  11. Você já viu os preços das passagens para Varsóvia? Numa pesquisa rápida aqui, nas datas que você falou as passagens saindo de SP para Varsóvia estão custando R$ 4.500 por pessoa, o que já dá 9 a 10 mil só de passagens. E pode ser muito mais caro se você estiver saindo de outra cidade. Cada um faz o que achar melhor com o seu dinheiro, mas será que vale a pena você gastar todo este dinheiro para ficar mal e mal uma semana e ainda ir a um lugar que nem é tão legal assim? Você chegou realmente a conferir os preços em Varsóvia, Praga e Budapeste ou foi só na conversa dos outros? P
  12. Gosto é gosto e cada pessoa tem as suas preferências pessoais, mas pessoalmente eu acho que é muito empenho e muito dinheiro gasto com passagens super caras para Varsóvia, um lugar que nem é tão interessante assim em termos turísticos. Depende dos interesses pessoais de cada pessoa, mas nas duas vezes que fui a Varsóvia fiquei só 1 dia, e senti nas duas vezes que dá para ver praticamente todas as atrações turísticas em um dia e sobra tempo. Em compensação, Cracóvia é bem mais interessante e tem muito mais coisa para ver e fazer. Só a visita a Auschwitz consome um dia inteiro entre ir
  13. Isto vai depender do horário do seu voo. Se vocês conseguirem um voo que saia a noite de Varsóvia, o que eu acho bem improvável, até daria para voltar a Varsóvia na manhã do último dia, o que daria bastante margem de segurança para atrasos. Mas como muito provavelmente o voo de vocês vai sair de manhã ou logo no começo da tarde, acho que teria que voltar a Varsóvia na noite anterior mesmo, pois deixando para voltar no último dia em cima da hora, qualquer problema no trem/ônibus faria vocês perderem o voo, e vocês não teriam tempo suficiente para tentar chegar em Varsóvia a tempo por
  14. As passagens de trem agora precisam ser compradas antecipadamente, então é só você pegar um horário e preço que lhe agrade. Realmente os trens mais baratos levam 5 horas para fazer o trecho entre Varsóvia e Cracóvia, o mesmo tempo que levaria indo de ônibus, os trens mais rápidos e mais caros fazem o mesmo trecho em 2h20, é o preço da velocidade. Passagens de trem: https://www.intercity.pl/en/ Passagem de ônibus: www.flixbus.com Sim com certeza ônibus é a melhor opção. O trem tem poucos horários, e a estação é muito longe do campo de concentração. A melhor opção é ir c
×
×
  • Criar Novo...