Ir para conteúdo

Maria Goretti Avelino Gadelha

Membros
  • Total de itens

    4
  • Registro em

  • Última visita

Reputação

2 Neutra
  1. Somos apaixonados pelo Jalapão. Eu e o meu marido já fomos duas vezes. Temos uma L200 que nos leva a todos os lugares por lá, mas o caminho das dunas foi o pior que fomos. Mesmo num 4x4 dá trabalho pra chegar, se diminuir um pouquinho a velocidade fica atolado. Vocês perderam de conhecer a Fazenda e Camping Progresso que fica entre a entrada da Cachoeira da Velha e a ponte do Rio Novo. Tem que ter carro 4x4, são 10km da estrada principal até lá, com partes boas e partes com muita areia. Mas tem um camping e uma pousadinha com cabanas de palhas que são uma maravilha e os donos Dona Milma e Seu
  2. Obrigada Júnior, você foi muito gentil e sua dica pra que eu não descesse aquela rampa foi nota dez!!!!!! Foram 2hs a mais pelo arrodeio mais valeu a pena. Você é um excelente profissional pois mesmo a gente dizendo que preferia o desafio de irmos sozinhos você não boicotou informações como alguns fizeram. Parabéns!!!!
  3. Boa Noite Junior. Sim chegamos. Fiquei encantada. Obrigada pelas dicas. Com certeza eu jamais desceria aquela rampa, rapaz que negocio sinistro kkkkkk
  4. Estivemos no Vale do Pati recentemente, de 13 a 15/08/2018. Era um sonho que eu pensava ser impossível de realizar devido ser portadora de artrose no quadril e no dedão do pé. Tomei medicação e fui avançando a medida que me sentia estável. Fomos eu (60 anos) e o meu marido (73 anos). Fizemos Cachoeira da Fumaça, Cachoeira Rodas e Rio Preto e Cachoeira da Purificação e da Angélia, tudo sem a companhia de guias. Animei e fizemos o Vale do Pati de forma mais suave. Das cachoeiras só fizemos a do Funil, mas conheci a casa dos nativos até a Prefeitura, também fomos sem companhia de guias. Segui var
×
×
  • Criar Novo...