Ir para conteúdo

Guilherme Cavalcanti

Membros
  • Total de itens

    166
  • Registro em

  • Última visita

Tudo que Guilherme Cavalcanti postou

  1. É Leo, eu tbm achei a Quechua muuuuito frágil. Parece mochila de escola. Mas como só vesti ela e uma Deuter Traveller e esta não me caiu bem não sei porque, fiquei ainda mais confuso. Continuarei na busca. Aliás, vc acha que encontrarei com facilidade mochila da Doite na Bolívia? Outra coisa, vc não acha que vou ter problema de temperatura nos pés no Atacama e no Salar sem botas? abraço Leo! Guilherme
  2. Também acho. Se for comprar a bota, é mais por oportunidade de comprar um ótimo modelo Asolo ou Vasque (únicas vendidas na Bolívia que são boas), usar na viagem e depois dela. Se não fará uso futuro... Nem vale a pena comprar pra entulhar o armário. Tá, Leo, mas o meu pé não vai congelar no Salar de Uyuni e no Atacama? Outra coisa, hoje eu fui a uma Decathlon e experimentei a Forclaz 60, aquela mochilinha simples. Ela é beeeeeeem mais simples do que a Deuter, parece que nem tem revestimento interno, etc. Ela custa R$250,00, mas eu consigo pegar ela na Alemanha por R$120,00. Por incrí
  3. Ah Maria Emilia, sem querer abusar, mas já abusando, e muito, vou te perguntar mais uma coisa. Não briga comigo, ok? É que eu tô assustado com o preço do "enxoval" do mochileiro. Absurdo. Sei que é investimento, mas é que a viagem custa 2 mil reais e a mochila R$1.000,00, as botas R$400,00, o anorak R$300,00.....no fim das contas, os equipos custam bem mais que a trip. Mas não sei a necessidade de comprar equipos tão técnicos, porque sou um mochileiro do tipo "Eco Sport". Não farei nada que me exija performance extrema dos equipos. Não preciso de uma mochila mother-fucker, pra ela ficar 9
  4. Pô Enrico! Legal. Desculpe tanta perguntas, mas é que quero fazer o mochilão e estou boquiaberto com o valor do "enxoval". Mochila, botas, anorak, segunda pele. Afff.. Tudo muito, muito caro. Suas botas, vc acabou comprando onde? abs Guilherme
  5. Vcs já ouviram falar na marca Ombu, Marasco, ambas da Argentina? Seguem os links: http://www.calzadosombu.com.ar/ http://www.marascoyspeziale.com.ar/categorias/1/Outdoor abs Guilherme
  6. Heka, Ótima mochila! Animal! O único problema que eu vejo é não poder experimentá-la (salve engano, não existem lojas em SP que vendem Osprey). Vc acha que eu me arriscaria muito comprando sem ver? abs
  7. Pelo que vi, vou ter que mudar o meu roteiro e passar por LP antes para comprar uns materiais mais baratos. A mochila, acho que vou comprá-la antes, porque vi relatos de pessoas que penaram pra achar em LP. Tô pensando ou em comprar uma Forclaz da Quechua ou uma Deuter Quantum ou Traveller, pq prezo muito pela abertura frontal. Ambas eu compraria na Alemanha (meu sogro vai para lá). Aliás, Leo, se fosse para dar uma nota para cada uma dessas mochilas, qual vc daria? Sobre as botas eu não gostaria de arriscar comprar em LP também. Estou com receio de não achar nada. Em setembro vou para Bueno
  8. Diga lá Enrico, fmz? Muito bom o seu relato. Vou fazer algumas perguntinhas: 1º Com que cargueira vc foi? Achou boa? Te deixou na mão? 2º Em Viru-Viru vc dormiu em saco de dormir? É sussa dormir no meio do aeroporto? 3º Eu vi numa resposta anterior que vc deu a respeito da diferença dos preços das roupas e equipos em Buenos Aires e La Paz. Eu não entendi direito a resposta, daí a pergunta: vale a pena comprar os equipos em Buenos Aires (irei pra lá em setembro) ou é melhor comprar em La Paz? abs Guilherme
  9. E Betrak, Vc acha que rola uma alternativa pras Asolo? Pq vou comprar duas também, mas queria gastar a metade do que vc gastou (ou perto disso). Vc sabe se as botas da Columbia são boas? (já ouvi coisas boas aqui, mas nada com grande entusiasmo) abs Guilherme
  10. Quantos litros será que tem aquela mochila?
  11. Leo e meninas, Vcs acham que eu vou quebrar a cara comprando uma mochila de alta qualidade no escuro? (tem gente [a maioria] que diz que não se pode comprar uma mochila sem "vesti-la"). Bem, eu gostaria de uma mochila no estilo travel, tal como a Deuter Quantum e Deuter Traveller que possuem aberturas totais, o que facilita o acesso às roupas na viagem. Eu não pretendo fazer trilhas com a mochila, é somente para viagens "urbanas". Só para mostrar a abertura que eu quero: Eu vi que a Lowe Alpine também possui essa linha travel: (Pra minha mulher, claro ) Detal
  12. Leo, Essas marcas de mochilas que vc citou para a MariaEmilia, vc sabe onde encontrar aqui no Brasil para testá-las? abs Guilherme
  13. Opa Icaro, blz? (aliás, alguém já te falou que vc é a cara do Giba?rss) Parabéns pelo ótimo relato. Quero fazer uma trip parecida como a sua. Mas só tenho 20 dias. É o que dá uma complicada. Talvez, faça alguns trechos de avião, como de StaCruz a Sucre e de La Paz a StaCruz. Mesmo assim to achando que não rola. Bem, gostaria de saber algumas coisas práticas. Que mochila vc levou? E roupas? Levou alguma técnica? Comprou aonde? Como fazia pra lavar as roupas? Putz cara, minhas dúvidas são essas (as que eu lembro), mas fique a vontade =) para comentar outras especificidades da trip. Mais um
  14. Mas essa mochila não entraria na "bagagem de mão" das low-cost, então vc precisaria pagar para despachá-la, correto? Cuidado para que o molho não saia mais caro que o frango.
  15. Então vou ter que procurar uma mochila que se enquadre nesses requisitos. E a pergunta que fica: dá pra ficar 30 dias na Europa com uma mochila de tão pequenas dimensões?
  16. Olá linda! Quero fazer uma viagem parecida com a sua. Tenho somente 20 dias. É o que dá uma complicada. Talvez, faça alguns trechos de avião, como de StaCruz a Sucre. Também cogito ir de Calama a Arequipa, mas não sei se existem voos regulares. Bem, gostaria de saber algumas coisas práticas. Que mochila vc levou? E roupas? Levou alguma técnica? Comprou aonde? Como fazia pra lavar as roupas? Minhas dúvidas são essas (as que eu lembro), mas fique a vontade =) para comentar outras especificidades da trip. Obrigado pelo relato. abs Guilherme
  17. Vitão! Vc é meu ídolo cara! Já vi umas 10 vezes seu relato de vídeo. (a musiquinha " e verás que soy sinciero..." não sai da minha cabeça kuakaukaukauak). Quero fazer uma viagem exatamente igual a sua. Exatamente mesmo. Mas só tenho 20 dias. É o que dá uma complicada. Talvez, faça alguns trechos de avião, como de StaCruz a Sucre. Também cogito ir de Calama a Arequipa, mas não sei se existem voos regulares. Mesmo assim to achando que não rola. Bem, gostaria de saber algumas coisas práticas. Que mochila vc levou? E roupas? Levou alguma técnica? Comprou aonde? Como fazia pra lavar as roupas?
  18. Voltando ao assunto tratado pela Maria Muniz, gostaria de perguntar algumas coisas também. Pretendo fazer uma viagem para Europa de 30 dias com minha mulher, tudo por meio de voos low-cost. Mas não quero despachar bagagem em razão do pagamento (estou com medo que o molho custe mais que o frango). Prefiro usar mochila, alguma que ainda me sirva para fazer mochilões pela América do Sul. Só que qualquer mochilinha cargueira já tem mais do que 56 cm de altura (no caso da EasyJet, melhor do que os ridículos 50 cm da Ryan). Agora sinceramente não sei o que eu faço. Levo mochila? Eles são toleran
  19. E ai galera, saudações. Vcs recomendam comprar botas em Buenos Aires (digo em relação ao preço). Quais marcas vcs destacariam? Existe alguma marca hermana que tenha um bom custo benefício? abs Guilherme
  20. Opa, Diga ai galera. Hoje eu fui numa loja da The North Face, dar uma olhada nas mochilas. Vesti Deuter e The North Face. Eu achei que os materiais da TNF são melhores e ela é mais confortável e resistente. Todavia, percebi que tanto a TNF Terra quanto a Deuter 65 ACT são mochilas mais técnicas e talvez não se encaixem com o perfil que quero dar à mochila, que é um mochilão de "albergue". Não farei trilha com a cargueira. usarei, para tal fim, a mochila de ataque. Bem, o vendedor me disse que as Deuter travellers são melhores para o meu objetivo, sobretudo porque é possível colocar cade
  21. Lembrando só: são duas mochilas, uma pra mim outra pra minha mulher. Queríamos gastar no máximo R$700,00 para as duas, mas vcs sabem né? Quanto mais barato e ainda com qualidade, melhor. Não viveremos fazendo trilhas com as mochilas. Elas ficaram mais na carga do avião, ônibus e albergues e, óbvio, nos deslocamentos. Não levaremos equipamentos mais volumosos, como barracas. Talvez só saco de dormir. Os únicos requisitos são: um bom sistema de conforto e distribuição da carga (pq tenho hérnia de disco), preço e durabilidade (pq sou mão de vaca...rs). Em relação à minha ideia inicial aqui do
  22. Cara, to afim de comprar exatamente essa mochila! E ai, gostou?
  23. Opa Haole. Obrigado pela reposta. Vc acha que a Outside é melhor do que a Curtlo? Eu já tinha lido sua matéria sobre as mochilas e li praticamente todas aquelas 199 páginas do forum discutindo "que mochila comprar". Mas às vezes a diversidade de opiniões deixa a gente maluco...rs Pra mim, mochila boa é aquela que vai durar por toda a vida (ou pelo menos umas boas trips) e seja confortável. O resto é perfumaria. A escala que eu tentei montar foi levando em considerações tais variáveis. gde abraço Guilherme
  24. Deia, sensacional o seu relato. Gostaria de fazer um roteiro como o teu, com algumas diferenças. Não farei a trilha Inca, mas gostaria de conhecer também Nazca e Ica (sobre Ica sei pouco, mas quero conhecer Ilhas Ballestas e Paracas). Vc acha que daria para fazer isso em 30 dias? Também gostaria de economizar tempo, tal como vc fez, fazendo alguns trechos de avião: StaCruz-Sucre e La Paz-StaCruz. Por qual companhia vc foi? Vc chegou a ver a TAM (boliviana)? Eu acho que decolar.com não vende passagens da TAM. Quanto à mochila, vc comprou a sua sem experimentar antes? Ela é lady fit? (pergunta
×
×
  • Criar Novo...