Ir para conteúdo

Mauro Akin Nassor

Membros
  • Total de itens

    14
  • Registro em

  • Última visita

Reputação

1 Neutra

Últimos Visitantes

O bloco dos últimos visitantes está desativado e não está sendo visualizado por outros usuários.

  1. Olá! Vamos nessa parceria?!
     

    PROJETO: Volta ao Redor do Brasil e Américas pós-COVID19 - Mostrar o Brasil e as Américas após o Confinamento para conter avanço da Pandemia COVID19, a partir de vídeo-documentário e fotografias. Como estará o turismo, o comportamento dos turistas e a recepção destes? As novas paisagens, uma fauna e flora que certamente se renovou com esse período em que o turismo parou, as pessoas ficaram em casa; agora, como tudo estará após o coronavírus? 

    Por; Mauro Akin Nassor (Mauro Batista Rodrigues), Fotógrafo e Jornalista DRT:4725/PE

     

    O mundo estará  diferente após  o  COVID19, com a população trancada por alguns meses, todos em casa com medo da pandemia do coronavírus, o COVID19, comércios fechados por todo o mundo, voos cancelados, estradas fechadas,  rodoviárias,  fábricas paradas, cidades fechadas, milhares de pessoas demitidas, o retorno das pessoas para o sertão, para o Nordeste, depois de perderem empregos nas grandes metrópoles como São Paulo. Com o confinamento por um determinado tempo, o Ser Humano parou de produzir tanta poluição, as fábriacas diminuiram o funcionamento e a Terra respirou, o ar mudou e certamente as vegetações estaráo diferentes, mais belas, harmoniosas, as paisagens estarão diferentes, certamente. A Natureza toda deve estar com um  “sorriso” maravilhoso e isso certamente, visualmente, causou muita mudança. Mas, para além dos benefícios às Natureza, fato, e o mais, as pessoas? A vida voltou ao normal pós pandemia?   A vida mudou junto com a Natureza que mudou? O modo  de viver mudou? A relação com a Natureza mudou? Há mais pessoas que retornaram para as pequenas cidades do interior, que deixaram as grandes metrópoles, que perderam seus empregos?! São Paulo, ficou menos  poluída, pós-COVID19, e o mais, houve alguma mudança no modo de vida, no cotidiano? O que mudou, se de fato mudou? Os reflexos na economia e na vida cotidiana das pessoas ao redor do  país, as populações ribeirinhas, as  cidades do interior do Brasil, lugares onde pouca notícia chega de lá para o resto do Brasil e pro mundo. Sair de moto e dar a volta ao redor do Brasil, numa viagem etnográfica, fazendo registros em caderno de campo e registros fotográficos e de vídeos, documentando a vida das comunidades, as cidades e as paisagens ao redor do Brasil, enviando informações em tempo real, através de um canal em plataforma da web, onde estaria também divulgando os patrocinadores e apoiadores. 

    A experiência  se daria em cima de uma moto Yamaha, Crosser 150cc, ano 2019, provavelmente sozinho, ou possa fazer também uma dupla (caso surja alguém interessado em embarcar nesse projeto) para apoio na produção do material de audiovisual, edição e publicação de vídeos e fotografias, o que não influencia tanto no resultado e êxito do projeto, se sozinho ou em dupla, pois domino as técnicas de fotografia e vídeo, edição e publicação, com experiência de 25 anos de fotografia, formação em jornalismo/2011, experiências profissionais nos Jornais: Folha de Pernambuco/2009-2011; Jornal Correio da Bahia/2013-2019, levarei para a estrada meu olhar apurado e meu faro jornalístico para  levar ao Brasil e ao mundo informações e notícias em alta qualidade técnica. 

    Roteiro da viagem: Partindo da capital baiana, Salvador, traçando uma rota seguindo pelo  litoral, marcando na rota as principais cidades, capitais de cada Estado como ponto de parada obrigatória, a viagem percorreria ainda pequenas cidades dos arredores de cada capital, vilarejos, comunidades tradicionais, ribeirinhas, sempre buscando contornar o país pelo litoral (onde for possível), encaixando as rotas das zonas centrais do Brasil, centro-oeste do país e demais cidades/capitais não banhadas pelo litoral, como Minas, Goiás, Brasília, Manaus, Tocantins...

    Mapa Volta ao Redor do Brasil pós-COVID19: (18/20 mil km) - Roteiro de viagem.

    https://www.google.com/maps/d/u/0/edit?mid=1SQKN-Ei-xgMYTKbQ7CmlnbXikQM2DkdN&hl=pt-BR&ll=-16.208259085823634%2C-51.44451753991221&z=4

    Mapa Volta ao Redor do Brasil pós-COVID19: (média 20MIL  KM) - Roteiro de viagem SSA x MCP (Sulamérica).

    https://www.google.com/maps/d/u/0/edit?mid=1SQKN-Ei-xgMYTKbQ7CmlnbXikQM2DkdN&hl=pt-BR&ll=-27.060494452521812%2C-64.03571593750007&z=5

  2. Se for ter carnaval em 2021 aqui em Salvador, vou montar um esquema para receber visitantes em meu apartamento, se eu já tiver retornado de viagens do projeto @akinnomundoem2rodas, no Instagram e youtube mais informações do projeto, ao qual sairei de Salvador, de moto, para percorrer o Brasil e muito mais... whatssap 7199187053.
  3. @Marciobragaque legal cara. Show de bola! Já estou seguindo. Sou fotógrafo há 25 anos, e jornalista, amo mergulho, mas ainda não entrei no mundo das imagens subaquáticas. Mas, tudo ainda pode acontecer.
  4. @D FABIANO eu pretendo atravessar de Belém pro Macapá de balsa, do Macapá estico até o Oiapoque, retorno, atravesso de volta pra Belém e sigo, descendo para atravessar a fronteira para as demais Américas.
  5. Projeto Akin No Mundo em 2 Rodas: Se inscreve no Canal. Dê o seu apoio✌🏿: https://www.youtube.com/channel/UC0V1Bgkhgr5jUMPs6Z5nYkQ?view_as=subscriber Instagram: @akinnomundoem2rodas Whatsapp 71999510718 * 1ª Etapa: Volta ao Redor do Brasil pós-confinamento COVID19; Para a primeira etapa do Projeto Akin No Mundo em 2 Rodas; Brasil, Américas, Mundo pós-confinamento COVID19, começarei por percorrer o Brasil em uma moto 150cc Crosser Yamaha.. uma moto, “uma câmera na mão e uma idéia”... Mostrar o Brasil após o isolamento social para conter avanço da pandemia causada pelo coronavírus, o COVID19, a partir de vídeo-documentários e fotografias a serem disponibilizados em canal youtube, Agência de Notícias... Por; Mauro Akin Nassor, Fotógrafo e Jornalista DRT:4725/PE
  6. Projeto Akin No Mundo em 2 Rodas: Se inscreve no Canal. Dê o seu apoio✌🏿: https://www.youtube.com/channel/UC0V1Bgkhgr5jUMPs6Z5nYkQ?view_as=subscriber Instagram: @akinnomundoem2rodas Whatsapp 71999510718 * 1ª Etapa: Volta ao Redor do Brasil pós-confinamento COVID19; Para a primeira etapa do Projeto Akin No Mundo em 2 Rodas; Brasil, Américas, Mundo pós-confinamento COVID19, começarei por percorrer o Brasil em uma moto 150cc Crosser Yamaha.. uma moto, “uma câmera na mão e uma idéia”... Mostrar o Brasil após o isolamento social para conter avanço da pandemia causada pelo coronavírus, o COVID19, a partir de vídeo-documentários e fotografias a serem disponibilizados em canal youtube, Agência de Notícias... Por; Mauro Akin Nassor, Fotógrafo e Jornalista DRT:4725/PE
  7. @D FABIANO e qual caminho sugere, depois que eu for sair de Belém, quando já estiver passado por Macapá e Oiapoque?
  8. @D FABIANO eu pretendo atravessar de Belém pro Macapá de balsa, não pra Guiana, do Macapá estico até o Oiapoque, retorno, atravesso de volta pra Belém e sigo, descendo por Manaus, Acre, e aí atravessar a fronteira por Rio Branco, para as demais Américas.
  9. PROJETO: Volta ao Redor do Brasil e Américas pós-COVID19 - Mostrar o Brasil e as Américas após o Confinamento para conter avanço da Pandemia COVID19, a partir de vídeo-documentário e fotografias. Como estará o turismo, o comportamento dos turistas e a recepção destes? As novas paisagens, uma fauna e flora que certamente se renovou com esse período em que o turismo parou, as pessoas ficaram em casa; agora, como tudo estará após o coronavírus? 

    Por; Mauro Akin Nassor (Mauro Batista Rodrigues), Fotógrafo e Jornalista DRT:4725/PE

     

    O mundo estará  diferente após  o  COVID19, com a população trancada por alguns meses, todos em casa com medo da pandemia do coronavírus, o COVID19, comércios fechados por todo o mundo, voos cancelados, estradas fechadas,  rodoviárias,  fábricas paradas, cidades fechadas, milhares de pessoas demitidas, o retorno das pessoas para o sertão, para o Nordeste, depois de perderem empregos nas grandes metrópoles como São Paulo. Com o confinamento por um determinado tempo, o Ser Humano parou de produzir tanta poluição, as fábriacas diminuiram o funcionamento e a Terra respirou, o ar mudou e certamente as vegetações estaráo diferentes, mais belas, harmoniosas, as paisagens estarão diferentes, certamente. A Natureza toda deve estar com um  “sorriso” maravilhoso e isso certamente, visualmente, causou muita mudança. Mas, para além dos benefícios às Natureza, fato, e o mais, as pessoas? A vida voltou ao normal pós pandemia?   A vida mudou junto com a Natureza que mudou? O modo  de viver mudou? A relação com a Natureza mudou? Há mais pessoas que retornaram para as pequenas cidades do interior, que deixaram as grandes metrópoles, que perderam seus empregos?! São Paulo, ficou menos  poluída, pós-COVID19, e o mais, houve alguma mudança no modo de vida, no cotidiano? O que mudou, se de fato mudou? Os reflexos na economia e na vida cotidiana das pessoas ao redor do  país, as populações ribeirinhas, as  cidades do interior do Brasil, lugares onde pouca notícia chega de lá para o resto do Brasil e pro mundo. Sair de moto e dar a volta ao redor do Brasil, numa viagem etnográfica, fazendo registros em caderno de campo e registros fotográficos e de vídeos, documentando a vida das comunidades, as cidades e as paisagens ao redor do Brasil, enviando informações em tempo real, através de um canal em plataforma da web, onde estaria também divulgando os patrocinadores e apoiadores. 

    A experiência  se daria em cima de uma moto Yamaha, Crosser 150cc, ano 2019, provavelmente sozinho, ou possa fazer também uma dupla (caso surja alguém interessado em embarcar nesse projeto) para apoio na produção do material de audiovisual, edição e publicação de vídeos e fotografias, o que não influencia tanto no resultado e êxito do projeto, se sozinho ou em dupla, pois domino as técnicas de fotografia e vídeo, edição e publicação, com experiência de 25 anos de fotografia, formação em jornalismo/2011, experiências profissionais nos Jornais: Folha de Pernambuco/2009-2011; Jornal Correio da Bahia/2013-2019, levarei para a estrada meu olhar apurado e meu faro jornalístico para  levar ao Brasil e ao mundo informações e notícias em alta qualidade técnica. 

    Roteiro da viagem: Partindo da capital baiana, Salvador, traçando uma rota seguindo pelo  litoral, marcando na rota as principais cidades, capitais de cada Estado como ponto de parada obrigatória, a viagem percorreria ainda pequenas cidades dos arredores de cada capital, vilarejos, comunidades tradicionais, ribeirinhas, sempre buscando contornar o país pelo litoral (onde for possível), encaixando as rotas das zonas centrais do Brasil, centro-oeste do país e demais cidades/capitais não banhadas pelo litoral, como Minas, Goiás, Brasília, Manaus, Tocantins...

    Mapa Volta ao Redor do Brasil pós-COVID19: (18/20 mil km) - Roteiro de viagem.

    https://www.google.com/maps/d/u/0/edit?mid=1SQKN-Ei-xgMYTKbQ7CmlnbXikQM2DkdN&hl=pt-BR&ll=-16.208259085823634%2C-51.44451753991221&z=4

    Mapa Volta ao Redor do Brasil pós-COVID19: (média 20MIL  KM) - Roteiro de viagem SSA x MCP (Sulamérica).

    https://www.google.com/maps/d/u/0/edit?mid=1SQKN-Ei-xgMYTKbQ7CmlnbXikQM2DkdN&hl=pt-BR&ll=-27.060494452521812%2C-64.03571593750007&z=5

    Salvador, 28 de maio de 2020

    1. Maryam

      Maryam

      Olá tudo bem? vc vai só?

    2. Mauro Akin Nassor

      Mauro Akin Nassor

      @Maryam a princípio estou me programando só, mas, estou aberto à possibilidade de mais uma pessoa se integrar ao projeto. Vc pensa em algo do tipo também?

  10. Mês do meu aniversário. Sempre vou à Chapada, em especial, meu cantinho, Vale do Capão. Esperando passar a pandemia pra ir novamente de moto. Certamente outubro irei comemorar por lá meu niver, se não tiver dado sequencia logo nesse outro projeto: Sou jornalista e fotógrafo... Eu pretendo sair, de moto, procurando companhia, ainda definindo o roteiro. A princípio penso em sair de Salvador, pegar Aracajú/SE, Maceió/Al, Recife/PE, Olinda/PE, Natal/RN, Fortaleza/CE, Serra Verde, Redenção/CE, Jericoacora/CE, Lençois Maranhense/MA, São Luiz/MA, Belém/PA e atravessar pro Macapá/AP e Oiapoque. Criar e alimentar um canal no youtube de viageiro... Se der, continuar bem mais, atravessar a fronteira do país, explorar as Américas. Mauro Akin Nassor - (Zap 71-991887053)
  11. Sou jornalista e fotógrafo... pretendo sair, de moto, procurando companhia, ainda definindo o roteiro. A princípio penso em sair de Salvador, pegar Aracajú/SE, Maceió/AL, Recife/PE, Olinda/PE, Natal/RN Fortaleza/CE, Serra Verde, Redenção/CE, Jericoacora/CE, Lençois Maranhense/MA, São Luiz/MA, Belém/PA e atravessar pro Macapá/AP e Oiapoque. OBS: Criar e alimentar um canal no youtube de viageiro... Se der, continuar bem mais, atravessar a fronteira do país, explorar as Américas. Mauro Akin Nassor - (Zap 71991887053)
  12. Muito show o relato! Sou jornalista e fotógrafo, atualmente residindo em Salvador/BA... Eu pretendo sair, de moto, procurando companhia, ainda definindo o roteiro. A princípio penso em sair de Salvador, pegar Aracajú/SE, Maceió/AL, Recife/PE, Olinda/PE, Natal/RN, Fortaleza/CE, Jericoacora/CE, Lençois Maranhense/MA, São Luiz/MA, Belém/PA e atravessar pro Macapá/AP e Oiapoque. Se der, continuar bem mais, atravessar a fronteira do país, explorar as Américas. Criar e alimentar um canal no youtube de viageiro... Mauro Akin Nassor - (Zap 71991887053)
  13. Olá! Tudo bem? Sou jornalista e fotógrafo...
    Eu pretendo sair, de moto, procurando companhia, ainda definindo o roteiro. A princípio penso em sair de Salvador, pegar Aracajú, Maceió, Recife, Olinda, Fortaleza, Jericoacora, Lençois Maranhense, São Luiz, Belém/PA e atravessar pro Macapá e Oiapoque. Se der, continuar bem mais, atravessar a fronteira do país, explorar as Américas. Criar e alimentar um canal no youtube de viageiro...
    Mauro Akin Nassor - (Zap 71991887053)

×
×
  • Criar Novo...