Ir para conteúdo

fatimartini

Colaboradores
  • Total de itens

    718
  • Registro em

  • Última visita

Tudo que fatimartini postou

  1. Eu também se fosse novamente não iria à Cejar. Algumas páginas para trás falamos sobre isso e acho que 99% das pessoas disseram que também não iriam lá se soubessem antes como é "legal" haha
  2. Já fui 5 vezes para Buenos Aires e trouxe muuuito doce de leite em todas, em uma delas tive a mala aberta e nem ligaram pra isso. Além disso, custa uns 5 contos um doce de leite bom. Se pegarem, joga no lixo e pronto.
  3. Pessoal, faço busca de documentos na Itália e no Brasil. Quem tiver interesse entre em contato.
  4. fatimartini

    .

    TEm tópico só para isso, é melhor você olhar lá para não termos que repetir tudo aqui =) Mas via de regra, ou em San PEdro tem hostels bem caídos, ou tem hotéis de luxo. Não tem um Ibis da vida nem nada do tipo.
  5. Loucura querer alugar carro aqui, ainda mais quem não conhece. Não é perigoso andar de ônibus e muito menso de metrô. Você não vai para a periferia.
  6. Existe tópico só pra isso: guia-e-dicas-sobre-moedas-cartoes-e-gastos-na-argentina-t29014.html
  7. Pesquise... cada um tem suas preferências. Ninguém vai te montar um roteiro. Tem um tópico aqui exclusivo para discutir o câmbio lá.
  8. Os meus só olharam o de um de nós. Mas sempre confirme antes com o hotel. Muitos não respeitam isso e não dão o desconto, outros já embutem no preço divulgado, outros aceitam pagando até com peso...
  9. Para encontrar o Citibank Hall correto no Google Maps digita Credicard Hall. É o mesmo prédio.
  10. Pois é, Diego, temos que nos cuidar antes de ir para lugares "inóspitos". Lorena, desculpe pela demora na resposta, só hoje que vi. Em algum ponto do relato eu passei os valores, mas agora não estou podendo procurar de novo e não me lembro. Eu fechei pacote por email. Todo mundo diz para deixar para fechar lá, mas estas pessoas obviamente não viram o preço antes. Fechei direto com o hotel e eles fazem um preço muito bom, melhor do que estava os preços lá quando cheguei. Mas acho bom você ver direito os valores atualizados, parece que muitos mudaram. Os passeios básicos são os que fiz + Salar de Tara... o valor não sei, como falei, os meus provavelmente estão desatualizados, mas creio que não cheguem perto do valor que você citou. Eu gastei MUITO menos que isso.
  11. Marcos, o observatório no qual o francês toma conta é também uma pousada. VOcê pode ficar hospedado lá e utilizar os telescópios quando quiser. Falei disso em meu relato deserto-do-atacama-6-dias-com-fotos-t103104.html (está em algum comentário na terceira página)
  12. Oi, Victor. É difícil dizer, pois particularmente não tenho contato com ninguém com Síndrome de Down, então fica difícil de saber as limitações dele para viajar. Talvez se você explicasse melhor o que espera desta viagem possamos ajudar.
  13. hahahaha comecei a ler e tive que parar para comentar, quando li isso: "ROSARIO dica: cidade argentina com mais pessoas bonitas por m², sério." É EXATAMENTE meu comentário para todos que vão para lá. Não sei o que tem na água daquela cidade, mas gzus Cristo, nunca me senti tão feia na vida. Só tem gente linda! hahahahaha
  14. devem estar achando hospedagem cara porque estão cotando em outra moeda ou utilizando cotação oficial para conversão. O lance na Argentina é chegar lá, trocar dinheiro no câmbio negro. Você vai pagar metade do que está cotando.
  15. O Smiles tem parceria com lojas e outras empresas e você pode gastar as milhas em produtos ou serviços. É só acessar o site e ir em "Shopping Smiles". Não sei se os preços são bons, mas é melhor do que deixar vencer sem gastar nada...
  16. Só não fiz um com ele, Beto. Não sei te indicar, não...
  17. Vou te dar a única dica possível, e a que você não quer ouvir: pesquise. Se quer se sentir o "dono do mundo" não pode fazer o que outras pessoas já fizeram. O que é bom pra mim não é necessariamente bom pra você. Leia muito, tire suas próprias impressões, monte teu roteiro baseado no teu gosto. Se não tem tempo e não está disposto a fazer isso sozinho, terá que procurar uma agência, pois aqui ninguém montará o roteiro para você. Se vai juntar dinheiro por um ano, com certeza você terá uma pausa na faculdade para fazer isso.
  18. Valeu, Beto =) 1 - Você acha tudo em San Pedro. Ao lado do Mamatierra mesmo tem um mercadinho bom, além de várias "mercearias" pela cidade vendendo bebidas e snacks. 2 - Olha, eu levei real e não compensava levar dólar, mesmo com o dólar um pouco mais baixo do que está hoje. Mas isso é matemática. Aqui neste link tem bem explicadinho como faz para saber se compensa dólar ou real: http://eusouatoa.com/moeda-local-dolar-ou-euro/ . Se compensar dólar, será por pouca diferença, então eu levaria real de qualquer forma. Não tá uma boa época para morrer dólar na mão, está difícil de vender por um preço bom caso sobre. Note que a cotação é pior em Santiago do que é em San Pedro e que em San Pedro eles não aceitam nota de dólar que tenha um rasgadinho mínimo, o que pode pesar na tua escolha. Mas antes de viajar, veja se teu hotel oferece 12% de desconto se pagar em dólar. Os que eu fiquei aceitavam, então levei dólar para os hotéis. 3 - O hotel me deu um pacote de folhas de coca (mas não sei se é regra deles ou foi porque eu tava bem mal haha) e também tinha sachê de chá para ser feito sempre que quisesse. Nos mercados e em quase todo lugar que funciona algum comércio vendem balas, chás e outros produtos feitos da coca. Eu estava mal demais para ficar bem só mascando folhas e meus amigos estavam bem demais para sentir alguma diferença usando as folhas, então não sei te dizer se isso funciona mesmo ou não haha
  19. Jaime, sim. Porém no Chile estrangeiros têm 12% de desconto na hospedagem se pagar em dólar.
  20. Conheço gente que já fez com essa Desert e gostou, Carmem. Mas os preços estão iguais aos da Layana. Idênticos, pelo que vi. Está saindo bem mais caro do que o que eu fiz porque eu não fiz todos estes passeios, e nem acho que dê para você fazer todos nos dias que tem disponíveis. A outra empresa eu nunca ouvi falar.
  21. Carmem, sai um pouquinho mais barato se você comprar ida e volta Calama - Santiago - Calama (e perder a volta).
  22. Oi, Carmem. O Cláudio que comentou aí em cima acabou de relatar que fez os passeios com a Layana e negociou através do email [email protected] . Eu fechei com eles através do hostel onde fiquei hospedada, o Mamatierra, pois ofereciam um desconto fazendo assim. Simulei agora no site uma passagem ida e volta Santiago - Calama - Santiago e está dando 44 mil pesos = 280 reais. Porém, realmente cotando só ida de Calama para Santiago o valor é este mesmo que você passou. Eu te recomendo desistir do ônibus e fazer tudo de avião.
  23. Pri, primeiro entrei em contato com eles por email, mas o preço do Booking estava melhor do que direto com eles, aí fiz pelo booking. Depois mandei email para confirmar e também para agendar o tour. Pri, será que você poderia ver qual o valor do pacote básico com a Layana fechando hoje através do Mamatierra, para podermos atualizar os preços? O Cláudio fez diretamente com a agência, então não sei se existe diferença.
×
×
  • Criar Novo...