Ir para conteúdo

Clx

Membros
  • Total de itens

    12
  • Registro em

  • Última visita

Reputação

0 Neutra
  1. Gente, Só para deixar um relato aqui, quem sabe pode ajduar alguém. HIGHLIGHTS Estrada: Alugamos um carro em Aracajú e rodamos até João Pessoa. Fizemos 1.000Km por lá, e as condições são relativamente boas na maioria dos trechos e sem pedágios. A parte ruim é que existem na beira das estradas (leia-se: onde deveria estar o acostamento) muitas "vilas", o que obriga você a diminuir muito a velocidade, além da inúmera quantidade de lombadas. Muitas mesmo. Uma viagem de 50km demora ~1h. Recepção: achei o pessoal bem receptivo, em todas as cidades. Os garçons na maioria dos locais foi bastante atencioso. Nos hotéis/pousadas menores você é atendido pelo dono, e recebe muitas dicas sobre o local, muito interessante mesmo. Artesanato: Muita coisa, porém, eles se "repetem" de uma cidade para a outra, e o preço é muito parecido (em Porto de Galinhas é um pouco mais caro). Horário do Sol: Muito estranho para quem é do sul do país. Aqui acostumamos a ter sol até Às 20h (horário de verão), no nordeste fica escuro antes das 18h. Vôo de Volta: No vôo de volta a Gol foi muito sacana. Eu comprei JPA-POA, e fazia conexão no RJ. Acontece que no RJ eles me colocaram em um vôo que iria para Cordoba (Argentina), ou seja, passaria pelas regras de vôo internacional. Como eu tinha algumas lembranças que tinham mais de 100ml (leia-se cachaça), não podia levar na bagagem de mão. como já havia despachado as outras malas em João Pessoa, não pude organizar tudo. Resultado: tive que despachar a bagagem de mão. Consequencia: quebraram várias lembranças (não, não as cachaças) e vou ter que entupir. Falei com a Gol, mas eles vem com um monte de descuplas.. Enfim, só para cuidarem com esses vôos. Abaixo alguns detalhes a mais. Eu citei os principais restaurantes, nos quais fizemos questão de passar. Teve uns outros normais (Buffet À Kg, por exemplo) que não vou citar. O preço dos restaurantes, horéis e passeios está tudo para duas pessoas. A maioria dos passeios foi feita com o carro que alugamos. ----------- ARACAJU ----------- Restaurante João do Alho ($65,00) - Local tradicional, com uma decoração meio antiga. É interessante pela história, várias pessoas passaram por lá, mas fora isso, comida normal com bastante variedades de peixe. Bar Cariri ($80) - Muito bom, todo o local (comida, decoração, músicas, traje dos garçons) gira em torno de costumes locais, super recomendado para turistas. Cantina D'Itallia ($45) - Ala Carte Hotel Via Mar ($288): Hotel super bem localizado, na orla, perto do Cariri, Cantina D'Itallia, Oceanário, enfim, se quiser economizar com táxi e passear pela orla, é uma ótima pedida. O preço é o mais acessível da região (quando pesquisei).. Cânion do Xingó ($260 - Ag. de Turismo Nozestur): Indo até a cidade de Canindé de São Francisco (~200km) e depois navegando 1 hora pela represa que se formou no rio. O local é muito bonito, vale a pena conhecer. O passeio inclui banho no rio, mas isso não é tão legal pq é bem apertado o local para se banhar. Só tem um restaurante ($60), já inclui no preço do passeio. ----------- BARRA DE SÃO MIGUEL ----------- Cidade muito pequena, só vale a pena pela "Praia do Gunga", na qual pode-se chegar de barco. Poucas opções de restaurantes, o melhor é ir até a Praia do Francês (~10km) para fazer as refeições. Praia do Gunga ($30): Travessia de barco até a praia que é bastante deserta. É muito bonita de se olhar, bater umas fotos e tomar um banho, mas tem pouca estrutura. Hotel Brisamar ($130): Hotel próximo à praia, e também do "centro" da cidade, de onde saem os barcos. Neste hotel, um dos funcionários, pegou os dados do meu Cartão de Crédito e tentou fazer uma compra na NetShoes. Uma funcinária da loja me ligou e informou. Tive que cancelar o cartão. ----------- PARIPUEIRA ----------- Cidade pequena também, eu pretendia fazer o pasceio das piscinas naturais em Paripueira, mas acabei me atrasando demais nas viagens entre as cidades (devido ao "problema" das estradas), então não consegui fazer este passeio aí. Acabamos comendo só pizza ($36), apriveitamos a praia e compramos alguns artesanatos. Hotel Vila dos Corais ($120): Hotel novo, bem na beira-mar, e localizado em frente o local onde saem os passeio às piscinas naturais. ----------- MARAGOGI ----------- Cidade pequena, mas com mais estrutura. Piscinas Naturais ($115): Passeio com mergulho de Snorkel às piscinas naturais. O passeio todo demora umas 3h e vale a pena em um dia de maré baixa. Você pode tirar fotos sub-aquaticas ($50). Restaurante Tuyn ($180): Melhor restaurante de toda viagem. Gastamos mais pq fizemos um jantar completo, com entrada, prato principal e sobremesa. Os pratos principais para uma pessoa custam ~$40. Local muito bem decorado com gastronomia diferenciada. Hotel Dolphin ($150): Fica bem na entrada da cidade, também à beira-mar e cerca de 10min de distância do centro. Atendimento muito bom e acomodações satisfatórias. O hotel possui bicicletas para locação ($30/Dia). ----------- PORTO DE GALINHAS ----------- Cidade turística, pequena e com boa estrutura. Optei por ficar mais ao centro da cidade, ou seja, em pousadas "normais" e não em resorts. Incomoda o monte de crianças querendo vender "arte". Recife - Olina: Enquanto estava na cidade, um dia fui à Recife e Olinda, fui em vários locais, dos quais destaco o Museu Ricardo Brennand ($30), o maior museu de armas brancas da Am. Latina. Além disso, ele tem vários bonecos de cera e também obras de arte. O local é muito bonito e bem cuidado, vale muito a visita. Muro Alto: Fica a cerca de ~10Km de Porto de Galinhas, praia muito tranquila e não muito lotada. Tem alguns barzinhos que cobram tudo. Eu negociei para pegar uma mesa e cadeiras e pagar só a consumação ($40). Carneiros: Ao redor de 30km de Porto de Galinhas. Achei a praia mais bonita que passamos, também tranquila e mais deserta que as outras. A entrada é um pouco escondida e os bares que a praia possui são todos dos resorts, mas vale a pena. Pousadas Portomares ($140): Pousada muito legal, bem localizada (centro) e atendimento de primeira. Ela fica em uma região que a primeira vista pode assustar (umas casinhas, borracharias e mecanicas todas ao redor, meio feio mesmo), mas é só impressão, passeamos todas as noites e não tivemos problemas. Todos os restaurantes que fomos são bons, em todos pegamos uma sobremesa mais "local", além de pratos diferentes: Barcaxeira ($100), Gatos de Rua ($100) e Marangatu ($110). ----------- JOÃO PESSOA ----------- Voltando à civilização, transito, barulho . A cidade em si é bacana, fizemos passeios às feiras locais de artesanato e também alguns pontos turísticos (Ponta dos Seixas, Praia do Jacaré, MAP, etc). O único passeio que queria ter feito era o do Picãozinho (piscinas naturais), mas não rolou. Famiglia Muccini ($60): Restaurante italiano muito bom, com bons vinhos e pratos. Local bem decorado, vale muito a visita. Restaurante Mangai ($60): Único buffet que vou citar. Local muito interessante, com a mesma energia do Cariri em Aracajú. Indispensável aos turistas. Praia do Jacaré: Em uma cidade a cerca de 30Km de João Pessoa. Achei muito ruim, mal organizado e muito chato. A única coisa legal é o pôr do sol (que é o que eles "vendem"), mas eles pões embarcações no rio, então você não consegue tirar uma foto só do sol, por exemplo, a não ser que vc esteja em algum dos barcos ($25). Não recomendo. Hotel Corais de Tambaú ($180): Hotel a beira-mar, novo e relativamente bem localizado. Próximo à bons restaurantes ao MAG Shopping e também ao MAP.
  2. Alô! Pessoal, lí rapidamente as páginas, por isso, desculpem se pergutnar repetidamente: Alguém ja fez tour Las Vegas - Grand Canyion? Recomendam alguma companhia? Como vou ficar só um FDS lá, vou de avião, de manhã e volto no início da tarde. Ainda estou muito indeciso entre o South Rim ou o West Rim + Skywalk.. o preço é o mesmo.
  3. Srs., Resumindo, fui e voltei, deu tudo certo, vi os pardais, passei no limite certo e vou conferir amanhã. Porto Alegre - Rivera Pedágios: 03 (1x7,00 - ida e 2x6,00 - ida e volta) Pardais: 05 (01 - Butiá, 02 - Minas dos Leões, 02 - Pântano Grande) Condições da Estrada: boa Lojas/Produtos: para os produtos mais procurados (bebidas e perfume) o preço é tabelado e eles não oferecem descontos. Para eletrônicos, roupas, etc, vale a pena dar uma volta, e talvez (mas é dificílimo) consiga algum desconto. Hotel: fiquei no Casablanca em Rivera, na rua paralela à Sarandi (Agraciada), duas quadras acima da Paysandu. Paguei 95,00 (casal) + 15,00 (garagem). Hotel típico de viajantes, mas tem o básico: ar condicionado, banheiro privado, tv e garagem. Dinheiro: As lojas aceitam tanto real, dolar e cartão de crédito (internacional), porém, nos hoteis, restaurament e comércio menor, os cartões são dificilmente aceitos (não achei nenhum mercado, restaurante que aceitasse) De Caxias do Sul até lá, levei 7h00min para ir, e 8h00min para voltar. Fui no domingo, estrada sem muito movimento, bastante tranquilo, na volta (segunda), senti o aumento do tráfego, muitos caminhões. Uma dica: passei no posto da polícia alfandegária por volta das 12h30min, nenhum sinal dos bonitos lá. Então é isso, muito obrigado a todos, e, se os moderadores acharem interessante, ficam algumas dicas/informações minhas acima.
  4. Estranho que no site do DAER-RS não aparece como controlada a via entre POA-Rivera (nem em Butiá e Pântano Grande). Não tem nem lombadas nem pardias... http://www.daer.rs.gov.br/site/controle_localizacao_lombadas.php Será que eles não desativaram os pardais/lombadas? Aqui na serra desativaram um monte.. Mas mesmo assim, terei cuidado
  5. Não havia pensado nesse ponto que todo o tráfego da 287 foi toda pra 290. Acho que vou fazer como você comentou, desvio a 290 até que der, vou por Candelária, Cachoeira, e depois, 290. Obrigado! Alias, já que vc conhece, a estrada (pós Cachoeira, até ali eu conheço) está boa? PS - Se um dia for ao Atacama de carro, pode mandar ver perguntas pra mim retribuir. E depois, se quiser apagar meus questionamentos, fique a vontade. Obrigado, por enquanto.
  6. Olá Pessoal! Estou indo pra Rivera no fim do mês, já peguei bastante informações aqui no topic, mas gostaria de algo um pouco mais atualizado a respeito de pedágios, condições das estradas e pardais (principalmente). Eu saio de Caxias do Sul, e iria por Santa Cruz, mas como caiu a ponte na RS 289, não dá mais. Vou até POA, pego a RS 290 e vou até Rosário do Sul e pego a esquerda. Bom, eu pretendo sair daqui às 00h00min do domingo, para chegar lá em Rivera às 09h00min (são 600km, dá pra ir tranquilo). Farei compras atè as 15h00min e volto, chegando aqui perto das 23h00min. Ahh, vamos em 4 motoristas, pra ir revezando e tudo mais. Então, alguém sabe me dizer qtos pedágios tem de POA até lá por esse trecho que comentei? E partais? Obrigado!
  7. Ae, para colaborar: Fui à SP no final do ano passado, e ficamos no hotel "Pacha Mama": bons quartos, banheiro privado, agua quente, estacionamento. Enfim, bons serviços. Pagamos 10.000 Não tivemos problemas. Somente no último dia tivemos um "contratempo". Avisamos que iríamos sair de SP às 5h am. Quando acordamos, o recepcionista já estava em pé, para abrir a garagem, e tal, mas ele esqueceu de ligar o gás para água quente...
  8. Clx

    [[Template core/front/global/prefix is throwing an error. This theme may be out of date. Run the support tool in the AdminCP to restore the default theme.]] Deserto de Atacama

    Bom Dia, Bom, eu vou falar um pouco da minha experiência lá: Sacar Dinheiro: Praticamente impossível, como o pessoal falou, são apenas duas (uma perto da igreja, outra do outro lado da cidade). Com a quantidade de turistas o dinheiro vai muito rápido. Trocar Dinheiro: Também não vale a pena. O ideal é trocar dinheiro em alguma cidade próxima (Calama) e chegar lá já com a grana, ou se os caixas funcionassem.... Comida: Realmente muito cara. Como estávamos em quatro, fomos somente um dia comer fora, nos outros, acabávamos por comprar alguma coisa e comíamos no hotel mesmo. Cartão de Crédito: O pessoal fala ao contrário, mas pelo que percebi, as tarjetas não são muito bem aceitas lá. Deixem-me explciar: Como as administradoras de cartão cobram uma % pelos serviços, o pessoal não gosta de aceita-los, prefere receber em dinheiro, pois além de liquidez eles não perdem nada do valor. Malangragem: Meu amigo foi abastecer a camionete no posto lá. Pagou no cartão de crédito. Pediu para colocarem 100.000 (acho) e quando foi assinar, tinha no papel 110.000. Ele falou e o cara nem se desculpou, pegou e deu 10.000 em dinheiro à ele. Logo na entrada da cidade você vai perceber pessoas lhe chamando para estacionar e cobrando algum por isso. Siga diretamente para dentro da cidade, há muitos locais para estacionar sem pagar nada. Hotéis e Agencias de Turismo: A concorrência é acirrada. Caminhe, peça preços, e munido destes preços vá para outras agências e hoteis. Você consegue sempre baixar os preços. Hmm. Espero ter ajudado. Daqui uns dias espero formatar tudo o que tenho aqui e colocar algo no fórum "Depoimentos". Sds
  9. Clx

    [[Template core/front/global/prefix is throwing an error. This theme may be out of date. Run the support tool in the AdminCP to restore the default theme.]] Deserto de Atacama

    Alguém sabe informar como é a aceitação de cartões de débito/crédito em SP? Pretendo levar pouco dinheiro e fazer o máximo com os cartões. Obrigado
  10. Ae. Eu estou indo pro Chile na próxima sexta. Levarei 200 dólares em pesos argentinos e chilenos (visto que vou atravessar os dois países) para pagamentos de pedágios e algumas coisas. Cadastrei meu cartão de débito na "Rede Visa Plus", onde poderei sacar em qualquer máquina da bandeira VISA em moeda local (mediante taxas, obvio). Levarei para os pagamentos mais "grossos" (hotéis e abastecimento) dois cartões internacionais, um VISA e um AmEx. Quando retornar, comento sobre o que aconteceu. Realmente dizem que se você levar dinheiro os descontos são bons, mas eu prefiro pagar o preço "normal" e não correr risco de perder dinheiro físico. Sds
  11. Poutz, legal brother! Eu vou passar amanhã mesmo em alguma livraria. Não tenho muita pressa para entrega, pois viajo no início de outubro. Estou tentando me preparar ao máximo para ocorrer o menos imprevisto possível. Se quiser dar uma olhada e palpitar sobre a viagem, esse é o topic: viewtopic.php?f=12&t=28322 Valeu ae
  12. Alô! Esses outros dois guias são em inglês certo? Poutz.. se forsse portugues seria mais fácil, mas... Onde eu comporo o "Footprint" ou o "Onely Planet South America on a Shoestring" aqui no Brasil? Ahh, e se mais alguém for vender.. ;D
×
×
  • Criar Novo...