Ir para conteúdo

Raulz!to

Membros
  • Total de itens

    240
  • Registro em

  • Última visita

Tudo que Raulz!to postou

  1. Raulz!to

    Belo Horizonte

    Galera, qual a real das chuvas que estão caindo por aí? Pensei em dar uma chegada aí em BH no carnaval e curtir os arredores (arte, botecagem e natureza, sem folia). Dá pra fazer ou por conta dos estragos é melhor esperar?
  2. Relato bem legal, fotos bem bacanas também. Agora nas férias tava dando uns rolês aqui no Vale do Paraíba e caí pros lados de Santa Branca e Salesópolis. Tava com a namorada, de Fiesta, só visitando a nascente do Tietê e a Usina-parque, um rolezinho bem tradicional. Passei em frente a placa da Estrada da Petrobrás - essa mesma da sua foto - e deu uma vontade de ir dar uma olhada. Mas é loucura, né? Não tem condição de um carro de passeio fazer esses 85km, falaí? rs
  3. Opa! Cara, minha primeira mochilada e primeira viagem internacional também foi para o Peru e foi uma experiência que levarei para o resto da vida. Fui e voltei outro. Desejo-te o mesmo. Você planeja exatamente o mesmo que eu fiz. Esqueleto de roteiro flexível, locomoção noturna e de buzon, muitas dicas reais e nada de turistisses. rs Bora lá: 1. Cusco. Vou postar parte de um texto que fiz pro blog um tempo atrás (original em http://omochileiro.wordpress.com/2008/03/30/cusco-a-cidade-imperial/ ) que vai te ajudar: Tudo em Cusco é singular. A imponente arquitetura híbrid
  4. Opa, só um adendo a alguns comentários aí pra cima: quem visita os arredores da Estação da Luz pode conferir o Café da Pinacoteca, quase em frente, que é bastante agradável, tem preços razoáveis (por ser um café atrelado a um museu) e uma vista sensacional para o Jardim da Luz, que é um belíssimo jardim público paulistano, com obras de arte espalhadas entre as árvores. Vale a visita.
  5. Das tuas dúvidas exclusivas do trecho boliviano alguém vai poder te informar melhor, mas sobre a trip de Cusco a La Paz via buzon, existe sim. Na época em que eu stive no Peru (2005) tinha saídas diárias da Inka Express ( veja em inkaexpress.com ) e a trip, dependendo das condições, dura de 08 a 12h. Mas eu daria uma parada em Puno para conhecer o Titicaca. Pra Puno é melhor ir de Cruz del Sur (www.cruzdelsur.com.pe) ou curtir a viagem de trem. Eu queria muito fazer esse rolê pela ferrovia, mas na época rolou uma huelga (greve) geral dos professores e por conta de problemas de vandalismo nos t
  6. Thalita! Dessa vez vou ficar nos arredores de Floripa. Já fiz uma roadtrip pelo Rio Grande e centro-oeste de Santa Catarina há três anos e te garanto que é fantástico. Paisagens muito bonitas e vibe bastante diferente para quem é do Sudeste. Ou melhor, para quem é de qualquer outra região do país. Certamente eles merecem sua visita! E essas queimadas em BH, hein? Assisto com dor no coração as imagens da tv...
  7. Talita! Belo relato, ótimas fotos. Parabéns! Tava pensando em ir a BH num feriado em novembro e acabei mudando de destino pro Sul do país. Mas ao ler teu relato, lembrei de voltar BH pra lista e cair pra esses lados assim que possível!
  8. Hehe, coincidentemente acabei de ler um relato seu de Campos e pensei a mesma coisa.
  9. Tiago, Jefferson e Kássio! Tanto no penúltimo findi do festival e no findi seguinte ao término do evento, a entrada estava livre. Sem vans, sem placas, sem impedimentos. E dá-lhe fog. rs Foram minhas últimas visitas.
  10. ATENÇÃO Mochileiros, grande novidade!! domingo, 8 de maio de 2011 11:15 Primeiro city tour oficial de SP terá 9 paradas A região da Luz, no centro de São Paulo, será a primeira de nove paradas do roteiro criado pela São Paulo Turismo (SPTuris) para atender turistas na capital e paulistanos que queiram conhecer melhor a cidade. O serviço de city tour, hoje explorado apenas por agências de turismo, está previsto para começar a funcionar diariamente em janeiro, das 9h às 18h, ao custo de R$ 40 por pessoa. O passeio será feito em ônibus panorâmicos de dois andares, conhecidos como dou
  11. Pow Sergios, que chato que vc teve esses contratempos... mas volte sim! Sampa tem milhares de coisas pra fazer, sempre vai comportar uma visita até o fim da sua vida. Toda semana abre um bar, um restaurante, inaugura uma exposição, shows internacionais, novos parques, museus etc. Vale muito a pena. Essa semana mesmo temos uma exposição fenomenal do Escher: http://www.mcescher.com . Venha sempre! Quanto ao Formule 1, realmente, eu sempre achei um absurdo o preço da diária desses caras pelo que oferecem. Além de tudo que você citou eu acho os quartos muito mal limpos. Já peguei duas vezes o
  12. hehehe... tadinha de Sanca City... rs Paranapiacaba, ao contrário, é imperdível, sobretudo no inverno. Não deixem de visitar!
  13. Huum, entendi. Agora que você falou fiquei pensando e resolvi procurar umas coisas, só de curiosidade e olha o que achei: missoes-jesuitas-perguntas-e-respostas-t20763.html Tem informações sobre as missões argentinas, paraguaias e a brasileira... bacana. Quem sabe um dia não conheço algumas delas, né? Valeu!
  14. Oi Mila! Te respondi lá no outro tópico ( posting.php?mode=reply&f=391&t=42110 ). Dá uma olhada. Nívea, bacana tua trip! Mas conta mais das missões! Pensei muito se ia ou não quando estava na região, mas tinha um pessoal lá que me desanimou a ir e eu tava com pouco tempo também. Tem fotos? O que viu lá?
  15. Ah, pra quem quiser conferir, botei no blog algumas fotos de lá e respondi também umas perguntas da galera: http://omochileiro.wordpress.com/2010/03/09/mochila-nas-costas-sao-paulo-a-foz-do-iguacu-de-onibus/ Qualquer coisa, é só falar! Curti demais a região!
  16. Pow Mila, eu não pensaria duas vezes: por conta própria! Na minha opinião, de longe, é o melhor jeito de se visitar qualquer lugar! É muito mais barato,você se diverte planejando (ir por conta demanda planejamento prévio, então se você não curte isso, sua opção é pacote!) e você fica muito mais inteirado da cultura local, já que pra visitar tudo que o lugar oferece, terá que perguntar, conversar, conhecer e fazer. Viajar assim é incrível principalmente por causa da liberdade: não há horários, nem roteiros fixos, nem passeios obrigatórios ou refeições ruins a preços exorbitantes. Você tem muito
  17. Viva a Sociedade Alternativa! huauhuha Fala Felipe! Esse camping que você encontrou fica próximo do Parque? Tem alguma estrutura? Tem site? Contae....
  18. Valeu, Rodrigo. Flora, se bem me lembro saiu por 50 a diária. Maaaaaaaas varia bastante o preço ao longo do ano...
  19. Raulz!to

    Litoral Sul Paulista

    Renan, eu li a mensagem lá em cima. Me referi a mensagem do Rodriguo questionando se o valor não era o do passeio de um dia. Mas ok, agora você já "organizou tudo para futuras referências". Uma pena que vocês não conseguiriam lugar, também ando sem sorte para lugares movimentados. rs Boa viagem pra quem passar o carnaval lá! Depois contem pra gente quanto está a capirinha de cataia! rs
  20. Raulz!to

    Litoral Sul Paulista

    Renan, acho que o Rodrigo se refere aos passeios de um dia das agências de turismo. O barco te leva e fica lá esperando, voltando contigo no fim do dia. Por isso e pela grande quantidade de gente que vai é que fica mais barato. Telefone da barca da DERSA para quem se interessar: (13) 3851-1268 (nunca usei por conta dos horários restritos e por só ir até o Marujá, mas fica a informação para quem quiser tentar)
  21. Pode crer Albertinho... O Guilherme gentilmente me passou uns contatos de hotéis bem em conta, mas os caras foram bem sinceros quanto a distância até Intervales. Como minha idéia era passar o feriadão de abril por lá, acho que fica complicado ir e voltar todo dia e o negócio vai ter que ser no camping mesmo! Uma pena o parque não disponibilizar camping e ter tão poucos lugares. Os caras podiam solucionar isso! Valeu pela ajuda, galera! Se eu não pensar num plano B, volto pra contar como foi. Abrá!
  22. Anotadíssimo! O preço é esse mesmo... o mais barato que vi foi no Wallmart por 46... mas o frete deles é mais caro então...rs Assim que ver uma promoção eu compro! Valeu mesmo!
  23. O meu camping preferido em Ubatuba é o Caracol. Fica dentro do núcleo Picinguaba do Parque Estadual da Serra do Mar, na Praia da Fazenda. É uma praia bastante cênica, praticamente deserta. O mar é calmo, a areia é ótima para caminhar, a orla é extensa (3,5 Km), tem bastante fauna e flora para apreciar, enfim, o lugar é ótimo. Do lado direito da praia rola uma trilha pra praia Brava da Almada, cujo começo é bem perto do camping. Sobre o camping, rigorosamente controlado, você pode ler bastante aqui: http://www.campingcaracol.com.br/regulamento.html Curiosidade sobre o local: a praia é
  24. Aproveitem também os cinemas! O Belas Artes está nos últimos suspiros, há salas novas e modernas como a I-MAX do Unibanco Arteplex da Pompéia e a programação pré-oscar está excelente esses dias: Cisne Negro, Tio Boon Me, Discurso do Rei, O Vencedor, 127 Horas, Santuário, Inverno da Alma, Tetro, Biutiful, Ritual, Bravura Indômita etc. Tem pra todos os gostos! Na pior das hipóteses, com o calor que tá fazendo o ar condicionado das salas já é um alento... rs
×
×
  • Criar Novo...