Ir para conteúdo

fergeoli

Colaboradores
  • Total de itens

    122
  • Registro em

  • Última visita

Tudo que fergeoli postou

  1. Oi Guilherme, as roupas eu adquiri no Brasil mesmo... normalmente o pessoal gosta de comprar em La Paz pois é muito mais barato... como La Paz estava no final da trip acabei levando daqui mesmo... muita coisa a gente já tinha, mas para as crianças que mudam de tamanho o tempo todo acabamos comprando (x-thermo, meias,...) também demos uma improvisada em uma coisinha ou outra... as jaquetas da criançada eram quentes e resistentes... mas nada de marca... Quando etivemos no Peru em 2009 levamos nossas roupas em uma lavanderia em Arequipa, 24h para entregar... Em 2010 lavamos em Ollantaytambo, mas não era em lavanderia não hehehe era lavadeira mesmo, a roupa era secada inclusive naqueles fogões a lenha... bem... ficaram limpas... Maria Emília vou postar onde você indicou. Abraços para vcs!!
  2. Olá Kaorihatori, com total certeza, não compre nada por aqui... deixa para comprar por lá... Roupas especiais você pode procurar na Calle Illampu (e imediações), lá há várias lojas de montanhismo, tudo em conta, muuito mais barato que no Brasil... (é a rua do Hostel Copacabana, onde muitos mochileiros ficam...) O Mercado Buenos Aires e a Calle Illampu estão localizados na mesma região. o enorme Mercado Buenos Aires é a céu aberto e tem de tudo, tudo mesmo... tênis, comida, brinquedos... e roupas comuns para frio rs... Abraço!!
  3. Olá Roberto, quando fizemos essa trip tínhamos apenas 19 dias, sabíamos que era pouco, por isso resolvemos fazer alguns trajetos de avião e ganhamos bastante tempo... já conhecíamos o Peru e o Chile, acho que isso ajudou bastante afinal sabíamos exatamente para onde ir, também não perdíamos tempo procurando hospedagem... creio que para ficar apenas 14 dias você terá que cortar do roteiro algumas cidades/atrações, de repente tiram Santa Cruz de la Sierra e Sucre, podendo seguir direto do Brasil para La Paz e então Uyuni. acho que vocês precisam decidir coisas do tipo: pretendem fazer a Trilha Inca ou vão para Machu Picchu de trem (vai e volta no mesmo dia)? Querem o Salar de 3 dias ou apenas 1 (voltando para Uyuni)? Pretendem realmente passar pelo Chile ou ficam só com Bolívia e Peru? Considere também algum contratempo... mal de altitude... tenho alguns roteiros e fotos no meu blog, de repente te ajudam nas suas escolhas... Abraço!!
  4. fergeoli

    Machu Picchu

    Olá mggustavo, Dá pra comprar com qualquer cartão internacional (verifique com a operadora do cartão se ele já está habilitado para compra internacional) Abraço!
  5. Otavio Camargos... dei uns pitacos lá no seu roteiro com certeza você também volta com altas fotos!!! mais algumas Abraço cara!!
  6. olá didinkz, vai para La Boca e Zoo Lujan no mesmo dia... dá tranquilo!! sei que vários mochileiros te responderam e que pelo jeito a opinião da galera diverge... resolvi responder ainda assim porque por coincidência conheci os dois lugares que mencionou no mesmo dia... hehe... creio que ambos são imperdíveis!! Acordei cedo e fui para La Boca, o bacana foi que chegando lá estava bem vazio, deu pra tirar altas fotos sem aquele empurra empurra da turistada... andei pelo Caminito... fiz tudo mais que tinha direito e segui para La Bombonera (que é só umas três quadras), depois voltei e ainda rolou almoçar por La Boca... olha só a diferença de pessoas do horário que cheguei para quando saí... Fui para o Zoo Lujan só a tarde pegando o ônibus na Plaza Itália (1:30 de viagem), como chegamos mais tarde ele também já estava bem vazio, sem filas para entrar ver os leões, tigres, elefantes etc etc etc Na verdade tinha colocado o Zoo Lujan no roteiro mais pelo meu filho... mas confesso que me diverti bastante... algumas fotos lá no mochilando com crianças... dicas-argentina-com-criancas-t52934.html Vale muito a pena ir nos dois!! Vá! Abraço.
  7. Olá david, já tentou no Hotel Hispano? A localização é muito boa, café da manhã bacana. Diária para 3 pessoas R$119,00 Fica na Calle Conveción 1317. ...de repente ainda rola uma vaga... ou como você mencionou uma lista de espera... www.hispanohotel.com Abraço!
  8. Olá Maurício, fiz até Patacancha, totalmente transitável e creio que pra frente também. Gostei muito. Dá uma olhada na terceira foto que postei aí em cima, todo o percurso até Patacancha é assim... o trajeto de ida é basicamente subida... Abraço!
  9. fergeoli

    Machu Picchu

    Olá Gabriela, vai por conta com certeza! Precisa decidir agora como vai para Machu Picchu... se vai fazer a trilha ou não, se prefere ir de trem (deverá comprar as passagens de trem com antecedência) https://www.perurail.com/por/, todo o resto é por lá mesmo... beem tranquilo... aqui você encontra todas as informações... Dá uma lida nos relatos pra ver com quais opções você mais se identifica... america-do-sul-relatos-de-viagem-f390.html Abraço!
  10. Oi Otávio, Aclimatação Você vai dormir duas noites em Santa Cruz de La sierra (dias 8 e 9 de abril)? Caso seja isso mesmo você poderia aproveitar e partir para Sucre ficando uma noite por lá, a altitude de Santa Cruz é baixa, já em Sucre é mais elevada, isso vai ajudar na sua aclimatação pois Potosi é muuito alta, cerca de 4100m. precisa rever seu roteiro principalmente nessa parte: Os dias 11, 12 e 13 você reservou para o Salar... precisa verificar que horas sairá de Potosi pois os carros partem de Uyuni para o Salar logo pela manhã, no passeio de três dias com saída por San Pedro do Atacama (Chile) 1ºdia: Cemitério de trens/Salar/Isla del Pescado/alojamento 2ºdia: várias lagunas 3ºdia: gêisers/laguna verde e segue para San Pedro chegando por volta das 13:00h depois de tudo isso quem deseja seguir para La Paz não entra em San Pedro do Atacama, volta para Uyuni e não retorna para Potosi, segue sentido Oruro e então La Paz... só pra te orientar quanto a sequência das cidades, assim você não perde tempo indo e voltando desnecessariamente: sugestão sem Chile: Santa Cruz de La Sierra Sucre Potosi Uyuni 3 a 4 dias Oruro (pode seguir direto para La Paz e não ficar em Oruro) La Paz (pode inserir Copacabana/Puno-islas flutuantes dos Uros) Cusco (Machu Picchu/Ollanta/Pisac) La Paz Cochabamba Santa Cruz de la Sierra agora você precisa organizar quanto tempo quer/pode ficar em cada lugar... se você pretende entrar no Chile seu roteiro vai mudar, precisa ver seu tempo... sugestão com Chile: Santa Cruz de La Sierra Sucre Potosi Uyuni 3 a 4 dias San Pedro do Atacama (Chile) Arica (Chile) Arequipa Cusco (Machu Picchu/Ollanta/Pisac) La Paz Cochabamba Santa Cruz de la Sierra Abraço, precisando é só chamar!
  11. Dae Otavio Camargos, que bom que gostou! Valeu! Você vai em julho? Vou ver seu roteiro. Abraço!
  12. Olá Jorgemar, não sei quantos dias você tem pra sua mochilada, mas pense bem, o lugar é incrível, gostei muito de ficar por lá três dias, pelo menos para mim o de 1 dia não é suficiente... você não conhecerá as lagunas da região... as paisagens impressionantes do atacama... mas claro tudo vai do seu tempo... sobre as empresas... a Colque Tur sempre é bem falada aqui no mochileiros, não fizemos com ela porque estava bem mais cara e sem vagas... a que optamos é mais simples, mas motorista gente boa, carro tranquilo, refeição arregada! Eles não tem site, é necessário conversar lá por Uyuni mesmo... vou procurar o telefone e depois te passo. Oi Jane!! O Parque Cretácico não é muito longe do centro de Sucre não... acho que uns 6Km. O guia é no parque mesmo, algumas pessoas inclusive não pegam os veículos temáticos da Plaza 25 de Mayo. O hotel em Cusco é bem localizado sim, cerca de três quadras da Plaza das Armas. Abraço!
  13. Vai passar pela Estação Ecológica do Taim?? Desacelere! Em dezembro de 2010 passamos pela maravilhosa Estação Ecológica do Taim, a natureza exuberante do local é de deixar de boca aberta... infelizmente isso não é para todos... o que também pudemos presenciar foi uma grande quantidade de veículos passando em alta velocidade, desconsiderando as placas e os que ali habitam... o resultado não poderia ser diferente... um número imenso de animais mortos na pista... capivaras, felinos, roedores, aves, etc etc etc Infelizmente não é incomum vermos alguns animais mortos na pista mas o número por ali foi algo fora do sério... em cerca de uns 70 Km (Taim e arredores) mais de 50 animais mortos... creio que o fluxo maior de veículos no final de ano colaborou... A estrada que corta parte do Taim recebeu tempos atrás uma cerca para que os animais não cruzassem a pista, foi feita sobre a pista tubos de passagem, assim eles fariam a travessia com segurança, me parece que após uma enchente no local parte da cerca caiu e não foi recolocada... agora os animais cruzam a pista com freqüência... Sem contar que não adianta pensarmos que a vida selvagem vai se restringir apenas no perímetro do Taim, o ideal seria dirigir com velocidade moderada e extrema atenção não só no Taim mas também nos arredores. Fica então meu apelo para todos que por ali passarão... para que continuemos a encontrar um Taim apenas assim: Abraço a todos!!
  14. Olá Gui Torres, olha acabo de voltar de uma mochilada (sul do Brasil/ Uruguai/ Argentina) e logo postarei meu relato, há varias opções de hospedagem no Chuí, tanto do lado brasileiro como do lado uruguaio. Pegamos uma opção simples... R$70,00 para até 3 pessoas, legal pra quem está indo em grupo pois rachando o preço fica bem em conta. Quarto com banheiro, TV mas sem café da manhã... Hotel Rivero. Rua Colômbia - 163 - Centro. Fone: (53) 3265-1287. Lembro que na mesma quadra ainda havia mais um (San Domingo senão me engano)... e logo a primeira a esquerda Hotel Bianca, todos no mesmo padrão. Do lado uruguaio demos uma olhada... R$160,00 com café da manhã... Abraço...
  15. Olá amigo!!! Parabéns pelo relato! Adorei as fotos, enfoque para os lugares e não para si!!!! Abraço!!!
  16. Oi pessoal, estou voltando de mais uma mochilada... logo posto novo relato... Olá Amorim, desculpe a demora para responder... gostei do seu roteiro abrange as atrações principais... algumas dicas... se puder icluir o Mosteiro de Santa Catalina em Arequipa, há opção de visita inclusive ao anoitecer... pra quem gosta de dar uma "viajada" no tempo é bem bacana... lembre de se precaver pois o Salar iniciado por San Pedro do Atacama tende a ser mais caro, o valor nada tem haver com o que mencionei no meu relato. já que La Paz será o início e também o fim de sua mochilada deixa tudo que tem pra fazer por lá para o final, pois caso role algum imprevisto no decorrer da sua viagem vc terá tempo para administrar em La Paz... e vc fica seguro para não perder vôos e tal... quando você parte?? Abraços!!
  17. Oi Marla, realmente... ir de ônibus favorece na aclimatação, mas já que sua amiga está preocupada... mas com esses cuidados que vcs vão tomar (caminhadas mais lights, comidas leves, ingestão de líquidos...) é tranquilo, Mazinha, sobre sua irmã, repito a fala da Marla, é bom ela conversar com o médico dela antes... sobre as passagens (já considerando todas as infos da Marla) as vezes a Gol também faz umas promoções malucas, comprei as minhas para Bolívia em janeiro para viajar em julho. Foi sorte mesmo termos entrado no site e vendo os ótimos preços compramos... dias depois o preço já era maior... dá uma entrada no site da Gol sempre que possivel. já em 2009 quando compramos para Lima não demos essa sorte, fizemos como a Marla já disse, compramos em março para ir em julho, pagamos mais em conta claro do que quem deixa pra comprar em cima da hora... Meninas, estou animada, daqui há alguns dias parto para minha mochilada de final de ano (sul do Brasil, Uruguai - Natal em Montevidéu, Argentina - ano novo em Buenos Aires, etc etc) Marla, que tua ida à Bolívia seja maravilhosa, cheia de experiências incríveis nesse país fantástico! Mazinha, ficarei fora do ar por alguns dias mas creio que metade de janeiro já estou de volta, tentarei sempre que possível entrar no mochileiros, qualquer coisa manda e'mail rs. Estou feliz pela sua decisão de dar início a sua vida mochileira, vai virar vício com certeza. Grande abraço meninas!!!
  18. Olá Marla, tudo bem com você? Das 7 pessoas do meu grupo apenas uma das crianças (10 anos) teve um pouco de dor de cabeça em Sucre. Depois na segunda noite do passeio no Salar eu e minha irmã tivemos um pouco de dor de cabeça também, aspirina e pronto... no geral creio que nos aclimatamos rápido... O que ajudou na nossa aclimatação Começamos por Sucre 2800m (onde ficamos 2 dias para aclimatar, nas caminhadas ritmo leve, dá pra sentir respiração diferente claro...) Depois Potosi 4070m e Uyuni, sem contar que entre Salar/Lagunas há altitudes ainda mais elevadas! Nem todos do grupo tomaram mate de coca. Os sintomas do mal de altitude são vários e acho muita sorte alguém de altitude baixa não sentir ao menos os sintomas mais leves. Na minha primeira vez no Peru, um dos primeiros lugares que fomos (logo após Arequipa) foi Puno – Lago Titicaca, eu estava preocupada principalmente com meu filho que na época tinha 5 anos, tudo bem que o pediatra havia me tranqüilizado mas enfim... li muitos depoimentos horripilantes aqui mesmo no mochileiros e por toda web. Não tivemos problema algum, apenas eu senti um pouco de dor de cabeça e só. Não fizemos nenhuma extravagância claro, caminhadas leves, alimentos beeem leves e pronto. Lembro que no hotel que ficamos em Puno tinha um gringo passando muuuuito mal, o cara não saia nem do quarto... o q também não ajuda... A Maria Emilia, editora aqui do mochileiros (que também curte levar a criançada de mochila) comentou certa vez que na Bolívia a menina dela teve enjôo... nada preocupante e logo passou... Tem muita gente que vai de avião (La Paz / Santa Cruz) e assim que coloca o pé na Bolívia quer correr para Uyuni sem pernoitar em nenhum outro lugar e não sei se é legal, acho que o ideal é dar um tempo de pelo menos 1 ou 2 dias... Certa vez li num post seu (acho q para a Mazinha) que devemos contar com possíveis imprevistos, compartilho da mesma opinião... nunca se sabe... mal de altitude, alguma comida que não caiu legal, perda de bagagem/documento, enfim... e pra quem ler nosso papo e não entender nada kkk MAL DE ALTITUDE Os sintomas vão de dor de cabeça, náuseas, falta de apetite, cansaço, visão turva, tonturas, insônia,... Isso tudo costuma passar nos primeiros dias, onde a pessoa não deve fazer coisas exageradas e sim pegar leve, caminhadas curtas e em ritmo mais vagaroso, ingerir líquidos e alimentos leves. Caso os sintomas não passem e piorem o ideal é ir para altitudes mais baixas pois pode agravar para outras enfermidades de altitude como o Edema Pulmonar ou o Edema Cerebral. Em Cusco vi aqueles tubos de oxigênio (balões) mas não vi o preço. e para infos mais precisas: soroche-mal-de-altura-ou-mal-da-altitude-t24338.html Abraço!
  19. fergeoli

    Machu Picchu

    Olá francois.sumi Creio que comprar a passagem de trem antecipadamente seria bom... entra no site da Peru Rail que faz o trajeto Cusco - Águas Calientes e faz uma simulação pra ver horários, valores e claro... como está a lotação dos trens... conforme for você já efetua a compra... http://www.perurail.com/por/ A entrada para Machu Picchu você compra em Águas Calientes mesmo. Abraço!
  20. Oi Mazinha, Sobre a grana que você está levando (R$2500,00) acho beem tranquilo. Claro que usando de forma consciente rsss mas é que as "artesanias"/lembrancinhas são muito baratas mesmo. Logo te passo umas dicas dos melhores lugares de compras. você terá 20 dias certo? muitos que visitam Arequipa estão afim de conhecer o Canion do Colca (leva 3 dias), Misti, a arquitetura da cidade que é muito bacana, o Mosteiro de Santa Catalina etc... De Arequipa à Cusco são cerca de 12h de viagem... de repente o q você pode fazer é em determinado ponto se separar do seu grupo, já que o pessoal que vai com vc tem apenas 15 dias mas você tem 20... agora vai do seu ritmo... e lembre, o Peru tem muuuitas coisas pra conhecer... Nasca, Trujillo, Ilhas Ballestas... numa dessas você conhece um pouco agora e deixa o restante para uma próxima... Abraços!!
  21. Mazinha, continuando... Sobre Machu Picchu: Você só precisa dormir em Água Calientes se quiser... A visita a Machu Picchu pode acontecer em 1 dia: - Pega o trem bem cedo (há diversos horários e valores) em Cusco ou Ollantaytambo (que é mais perto e o trem mais barato) até Águas Calientes que leva algumas horas. (dá uma entrada no site da Peru Rail porque lá eles já te informam o horário que o trem sai e o horário que ele chega no destino, se ainda não tiverem para julho de 2011 faz a simulação com outra data, só pra ter uma noção mesmo... http://www.perurail.com/por/) - Chegando em Águas Calientes (que eu pessoalmente não vejo muita graça além de ser tudo bem salgado) você comprará a passagem de micro-ônibus (ida e volta) até Machu picchu e as entradas para o mesmo. O caminho do micro-ônibus é feito a pé por muita gente, muitos optam pelos ônibus porque é uma subida... vai de cada um (ânimo/tempo) - O percurso dentro de Machu Picchu não é longo nem cansativo, vcs devem ver se vão subir o Huayna Picchu a entrada pra lá fica logo após a Rocha Sagrada e tem uns detalhes, precisa estar ali até as 15:00h se não me engano, eu entrei mais cedo e por isso não me lembro, mais tem tópico aqui no mochileiros. - Pega o microônibus de novo (pausa para uma refeição em Águas Calientes)e embarca no trem para Cusco ou Ollantaytambo. Ah, não esquecer de levar água. Nós preferimos ir até Ollanta, ficar em uma pousada por lá e no dia seguinte madrugar para pegar o trem até Águas Calientes, fomos pra Machu Picchu e voltamos para Ollanta (ainda de tarde) onde ficamos para conhecer mais uns lugares (que ficamos na vontade ano passado rs) Abraço
  22. Oi Mazinha * Sobre hospedagem em La Paz Hostel Copacabana, fica na Calle Illampu, diária de Bs150,00 para 3 pessoas. (é citado como o melhor custo benefício aqui no mochileiros e eu compartilho da mesma opinião) Ele apresenta café da manhã e quartos com TV e banheiro, encontramos vários brasileiros por lá. Ah quase na frente do hotel tem uma pizzaria ótima. Já que você comentou que tem alguns dias de sobra em Cusco, divide isso tudo... Pisac é muito bacana, você vai querer ficar um tempo por lá (passear/almoçar), se não é adepta de correria reserva um dia ou meio dia para tal visita... tente ir numa terça/quinta ou domingo pois são os dias que rola feirinha pela manhã. Muito 10!! Dá pra ir de van ou taxi. Quando estiver indo para Ollantaytambo: Muray fica no caminho (tem taxista que leva e já dá uma de guia rsss, já que estarão em 4 pessoas as vezes até compensa), a visita a Muray leva cerca de 1h, 1h30, isso se você for descer até lá embaixo (eu recomendo pois a mudança de temperatura da superfície para a temp lá debaixo é grande, dá pra entender por que os incas construíram Muray e tal...) não postei Muray no meu relato pois estive lá em 2009, mochilada que não postei relato... algumas fotos então... depois visitam Chincherro (tudo isso no caminho) e depois chegam em Ollantaytambo, que eu sou suspeita pois adoooro o lugar... (onde é possivel pegar o trem para Águas Calientes) Se você for para esses três lugares (Muray/Chincherro/Ollantaytambo) sem correria e afobação, gasta 1 dia.
  23. Olá Rafael seu roteiro tá bacana! Deu até vontade de voltar...
  24. Oi Mazinha, seu primeiro roteiro: seu roteiro atual é: então, no seu primeiro roteiro vc iria começar por Santa Cruz certo? Normalmente as pessoas que inserem Sucre é pq começarão por Santa Cruz, pois La Paz/Sucre/Uyuni é bastante contramão., mesmo de avião... se vc não abre mão de Sucre inicie por Santa Cruz, agora se esse não é o caso, o melhor é tirar essa parte do roteiro pois como eu disse antes está contramão... O melhor mesmo é vc dar uma nova reformulada no roteiro... se for começar realmente por La Paz a sugestão de roteiro que a Marla postou está bem bacana, creio que pros seus 15 dias se enquadra bem . Acho que com o Rough Guide Publifolha vc conseguirá visualizar isso ainda melhor... A Marla está lembrando que as brasileiras não fazem mais São Paulo/La Paz, você conseguiu pela BoA? Beijos meninas!!!
  25. Olá mrcosgeo Obrigada! Sobre Puno, dá tranquilo pra conhecer o centro (imediações da Plaza de Armas) e seguir para o local de embarque para as Islas Flutuantes dos Uros em um dia; há diversas opções de duração ao passeio para as islas é só você se informar no embarque, há inclusive a opção de dormir nas islas, porém o frio durante a madrugada é pancada, lembro que no hostel que ficamos, dentro de quatro paredes e com muitos cobertores, já senti frio (mês de julho/2009) então imagine nas islas... saco de dormir pra negativo com certeza... rs Dica: muitos agentes (nos hotéis ou pela cidade) tentam vender os passeios , não compre pois no local de embarque é muito mais barato. Sugestão: inicie seu dia visitando as islas dos Uros e as chullpas (são torres funerárias impressionantes, são dos antigos aimarás), depois o tempo que sobrar (conforme seu horário de partida) você conhece o centro/Plaza de Armas... Agora se a sua intenção é conhecer as comunidades de Amantaní e Taquile é bom ter mais tempo, eu não fui nelas mas ficam bem mais distantes. Abraço e precisando...
×
×
  • Criar Novo...