Ir para conteúdo

ffabioh

Membros
  • Total de itens

    274
  • Registro em

  • Última visita

  • Dias Ganhos

    1

Tudo que ffabioh postou

  1. @Juliana Champi, No site do consulado em POA, link abaixo, consta a mesma lista. Manda um e-mail pra eles pra confirmar os itens e leva impresso junto com a lista. A questão da autorização caso o veículo não esteja no seu nome, não precisa mais ir até o consulado da argentina ou ministério das relações exteriores do Brasil para autenticar, basta fazer a autorização, reconhecer firma e fazer o apostilamento em um cartório daqui habilitado. Quando fui em 2011, em apenas uma única parada pelo que lembro, em todo o trajeto, me pediram o "mata fuego" e o cambão (carta verde também)
  2. @marceloespanha, o amigo schitini já respondeu sobre as empresas para fazer as reservas em tdp e é isto mesmo. Sugiro que faça com bastante antecedência, muito concorrência nesta época. Não tenho relato desta viagem.. Abs,
  3. @victorprado, para locação de 11 diárias paguei 650 dólares + 1300 Pesos Argentinos para emissão da permissão de cruzar a fronteira. (Para solicitar fiz contato por e-mail com a Sixt, enviei cópia do passaporte e cnh). Abs
  4. Olá tudo bem? Melhor você fazer as perguntas de dúvidas por aqui, porque aí respondendo, todo mundo tem acesso e compartilhamos mais informações aos amigos do site. Abraços
  5. Não elaborei relato amigo, mas se tiver alguma dúvida estou a disposição. Abraços!
  6. Olá!! O preço não está muito fora, já que janeiro é alta temporada por lá. Para informação e comparação eu fui de Curitiba para El Calafate em novembro/2018 e paguei 1300 e poucos reais na passagem, pela Aerolineas (fiz a compra em setembro) Como meu tempo para viagem não poderia ser muito longo, aluguei um carro em Calafate e fui para Torres del Paine no mesmo dia que cheguei, fiquei no excelente Hotel Lago Grey na chegada e nos dias seguintes fiz o trekking. No último dia em TDP, fiz a subida para a base das torres, e no retorno, peguei o carro e fiz a loucura de tocar até El Chalt
  7. Olá @vcircelli Estive agora em abril/19, indo do NOA até SPA (não fui ao sul do Chile), e não tive problemas com a película no carro. Tenho bem escuro nas laterais e uma bem fraquinha no vidro da frente (quase transparente apenas para proteção maior ao sol). Não pesquisei sobre a legislação... Abraços
  8. @Wilson Iwazawa, nossa que espetáculo estas trilhas, visuais e que relato, excelente, parabéns!! Iniciei a pouco tempo viagem com objetivo de fazer trilhas e em novembro fui para Torres del Paine e El Chalten e caminhei 2 semanas por lá (sozinho), e gostei muito da desconexão que se tem nestes lugares. Estava procurando algum próximo destino para iniciar o planejamento, e o teu relato caiu como uma luva!!! Ao longo do ano vou te incomodar um pouco com algumas dúvidas das trilhas. Estive em Chamonix, mas no modo light... hehehe Parabéns novamente!!! Abraços
  9. Boa noite @marivaldo.santana! Vou postar mais alguns videos e também fotos da viagem. Estou montando um relato basicão do trajeto. Se tiver alguma dúvida fique a vontade em perguntar. Abraços
  10. Sim, a praça é o point do local!! Muito movimentado, pessoal de lá é muito acolhedor mesmo!! Ficamos no hotel casa de sol cafayate, fica a 2 quadras da praça, o atendimento e recepção deles foi muito bom (excelente!). Café da manhã foi o melhor de toda a viagem e são todos muito queridos! Que lugar agradável... Quebrada de las conchas achei muito belíssima!!! Saímos bem cedo, e na primeira parada, seguimos um vale a dentro num total de 20 minutos de caminhada. Depois retornamos e seguimos de carro. A estrada toda tem um visual muito bonito. Passamos pelos pontos mais turísticos, anfiteatr
  11. Achei bem top a estrada depois de Cachi, muito bonito o visual, além de ser boa para andar!! Cafayate, fizemos só o basicão, a ruta 68 da quebrada de las conchas numa manhã, passamos por algumas vinícolas, mas sem fazer o day trip, e depois seguimos para a 40 na quebrada de las flechas na parte da tarde. No dia da chegada, iríamos visitar as ruínas de Quilmes, mas por conta do bloqueio em Charata, chegamos já perto do fechamento da visitação. Apesar de ficar pouco tempo gostei muito do local e pretendo voltar para visitar as vinícolas com a esposa e filha e explorar melhor a r
  12. Ruta 40, entre Cachi e SADLC, antes iniciar a subida para Abra del Acay
  13. @Juliana Champi O passeio do vale da luna me foi comentado no hotel quando fui perguntar do horário do por do sol, e depois confirmei no centro turístico que fica na pracinha da igreja, está permitido apenas de manhã para carros autônomos. Segundo o centro turístico para o período da tarde é necessário contratar uma agência agora. Fizemos isto (pqp, fica do lado da cidade e em 2011 fiz tudo de carro, mas fomos lá de agência). Mas a tarde eu vi vários carros particulares fazendo o trajeto (sendo que quase todos com placa do Chile). Então tenta confirmar isto lá novamente, achei um absurdo.
  14. Deixamos o passeio dos Geisers para o último dia em SPA para estar um pouco mais aclimatado e deu certo, não sentimos muito o mal da altitude (só o mal do frio, heheheh). Na travessia do Abra del Acay bateu um dor de cabeça forte mesmo tendo tomado previamente 2 comprimidos para dor de cabeça. Tomamos também um remédio para enjoo e isto não nos afetou. Muita água e comida leve antes de partir ajudam também, mas muda de pessoa pra pessoa. Em 2011, fiquei bem mal nas lagunas altiplânicas. Em ambas viagens eu tava com companhia para dividir a direção então se torna mais seguro para dirigir em alt
  15. @Elder Walker. Informações importantes amigo!! Sua explicação sobre o salar de tara é realmente isto. Fiz confusão ao dizer que fui até o salar propriamente dito. Fiz apenas algumas visitações do começo do passeio. Abraços
  16. Primeiro vídeo da subida do Abra del Acay... https://youtu.be/G-IYthgR--E
  17. Isto mesmo! Apesar de ser alguns kms e sair cedo, a estrada é boa e sempre encontrá carros e vans pelo caminho. Economiza bastante r$, e pode chegar antes das vans no povoado de Machuca, comer espetinho de lhama e pastel de queijo de cabra pra fazer o café da manhã!!
  18. Oi Juliana. Pode fazer os geisers de carro, mesmo em julho, desde que não tenha nevado lá que é bem improvável (improvável pela média, choveu em fevereiro em SPA durante 10 dias!!! segundo os guias). O aditivo de radiador já é meio que básico aqui também (desde que vc não troque só por água!). Então um aditivo de água para os para brisas pode ser bom (usei um daqui mas congelou quando usei). O Salar de Tara está aberto, até fizemos altos kms emocionantes com o carro (em 2011 fiquei apenas no primeiro pináculo). Exploramos bastante nesta viagem mas tem que ter cautela... tínhamos um g
  19. Outra dica que esqueci de comentar: Em Cachi no hotel que estávamos, La Merced del Alto (excelente hotel!!!), tentamos solicitar para entrar em contato com a polícia ou o centro de turismo da cidade para saber das condições da ruta 40 adiante (Abra del Acay) logo que chegamos. O hotel estava com problema na linha telefônica e o mesmo aconteceu no dia seguinte logo de manhã (apesar do wifi estar funcionado e destacando, com ótima velocidade!). A atendente então nos passou a localização da polícia, que fica bem em frente a praça principal, contornando-a logo após a escola e lá um policial m
  20. Algumas dicas das estradas de rípio que fizemos: - Ruta 40 entre Cafayate e Cachi Esta estrada tem aproximadamente 158km entre Cachi e Cafayate. O rípio começa após San Carlos, então são cerca de 133km de estrada sem pavimentação. Como fizemos a 68 pela manhã, na volta cortamos pela 44 (toda de rípio) e saímos já em San Carlos. (Almoçamos no restaurante El Molino). A estrada em rípio que segue após San Carlos e passa pela Quebrada de Las Flechas está em boas condições. Em alguns lugares antes da quebrada tem largura suficiente para passar 4 carros de uma vez só. Ela vai margea
  21. @casal100, como não ia passar por nenhuma cidade grande da Argentina, fiz o câmbio em Bernardo de Irigoyen na divisa com o Brasil. Estava 10,5 x 1. Os pesos Chilenos, troquei um pouco aqui no Brasil e em SPA. Aqui pelo que me lembro (vou confirmar deu em torno de 1 x 160). Lá em SPA estava 1 x 140 em 3 lugares que verifiquei. Estive em 2011 em SPA e achei tudo agora incrivelmente mais caro, um absurdo os valores por lá. Combustível na Argentina, a Super (93 octanas acho que é), no YPF 47,5 pesos por Litro em todo o país. Em SPA a 93 octanas 836 pesos/L. Pelo câmbio de lá, 5,9
×
×
  • Criar Novo...