Ir para conteúdo

fabio_canto

Membros
  • Total de itens

    20
  • Registro em

  • Última visita

Tudo que fabio_canto postou

  1. LeoRJ, muito obrigado pela rápida resposta! Vou as compras em La Paz e depois posto os detalhes e preços do que eu comprar de ver por lá. Abraço!
  2. Meus caros, vou fazer a trip clássica pra Bolivia/Peru/Chile agora em Julho e minha primeira parada será em La Paz para compras. Alguem sabe se encontro segunda pele boa/bom preço lá? ou vale comprar no Brasil? a marca da Tatoo é boa? se alguem tiver sugestão de alguma marca.. obrigado. abs Fabio
  3. Caro Gabriel, Realmente, na minha opinião, ir a Mendoza esta fora do contexto da viagem. Fica muito acima no mapa. Você deve priorizar as cidades do sul Patagonia. E 3 dias em Puerto Madryn é muito tempo. Minha sugestão é a seguinte: Guarulhos - Bs As (4) - Puerto Madryn (1) - Rio Gallegos (1) - El Calafate (2) - El Chalten (2) - El Calafate (1) - Puerto Natales (TDP) (4) - Punta Arenas (1) - Ushuaia (4) - Guarulhos. 20 dias, sobra 1 de reserva. abs.
  4. Jean, se vc pretende gastar pouco, o mais indicado é a Argentina, pois o Chile é um pouco mais caro. Veja os relatos de viagem de quem foi de carro para Bariloche. abs
  5. Sei que tem trips de até 5 ou 6 dias, mas os "senderos" principais acho dá pra fazer em 3 dias sim. Podes tbm ficar 2 em Calafate e 4 em Chaltén Fico show mesmo o roteiro! diversão máxima garantida! abs,
  6. Mayra, Não dá para ir de Sta Cruz ao Uyuni de Trem. Somente de La Paz. A melhor roteiro para vc ao meu ver seria Sta Cruz/La paz (de avião ou de ônibus)/Uyuni (trem)/Potosi/Sucre/Sta Cruz, sendo este último trecho recomendável fazer de avião. Abs,
  7. Minha Sugestão: Ushuaia - 4 dias Punta Areas - 1 dia Puerto Natales - 2 Dias (Organizar tudo para o W) TDP (W) - Creio que dê pra fazer em 5 dias Puerto Natales - 1 dia (descançar, lavar roupas, etc) El Calafate - 3 dias (1 dia só para Perito Moreno) El Chaltém - 3 dias Total 18 dias - 2 de sobra. abs,
  8. Concordo com o Sandman. TDP é realmente um lugar mágico e de extrema beleza. No entanto, no inverno as tempraturas são muito baixas, podendo chegar a - 20°. O temível vento patagônico faz a sensação térmica ficar ainda pior. As trilhas ficam cobertas de neve e lama, aumentando o risco de acidentes. A luz do dia é escassa. Isso não quer dizer que seja impossível fazer as trilhas, mas não é recomendado. E como uma viajem para lá requer uma grande planejamento e investimento, o ideal é ir no verão, para aproveitar ao máximo tudo que paine tem a oferecer. abs
  9. Caro Dudoaom, Excelente viagem. Fiz em janeiro de 2010 partindo de Floripa com um Fiesta 1.0 sem problemas. Foram 12 mil Km em 21 dias. Nosso roteiro foi: Floripa/Rivera/Bs As/Viedma/Caleta Olivia/Rio Gallegos/Ushuaia/Punta Areas/Puerto Natales (TDP)/El Calafate/El Chalten. Chegamos até o Ushuaia no 6 dia de viagem, rodando em média 1 mil por dia. Não há mto rípio, são 120 km depois do estreito de magalhães e alguns Km no acesso de dentro de TDP. Minha sugestão é seguir esse roteiro e priorizar as cidades da patagonia, principalmente Ushuaia, natales (TDP), El calafate e Chaltén. Punta del leste, além de ser beeem mais perto e poder ser visitada facilmente, não se compara as cidades citadas em beleza e possibilidades de passeios e aventura. Abs.
  10. vmesquita, mto útil a informação... vou resolver essa pendência o qto antes !! boa trip a todos! Abraço!
  11. Caro Junior e demais mochileiros Também estou no mesmo impasse. Irei Chegar em Sta Cruz dia 11/07 e pretendo pegar o primeiro vôo da manhã para La Paz. Pela Boa realmente está U$ 87,00, mas só é possível reservar pelo site e o pagamento deve ser efetuado na agência 24 horas após. Pela Internet não é possível pagar. Pela Aerosur está 122.60 USD mas é possível pagar online com cartao de crédito. Vou aguardar mais um pouco para resolver isso, mas com certeza vale a pena fazer o trecho de avião, pois mesmo pagando um pouco mais compensa pois se ganha 1 dia na viagem. aBS
  12. Galera, a viagem de Bs As a Bariloche de ônibus é muito legal. Os ônibus são muito bons, são servidos café, almoço e janta, vinho, cerveja e até champanhe ! Eles saem dos terminais Liniers (mais na saída da cidade) ou Retiro (central) na pelas 20 hrs e chegam por volta das 17 hrs do outro dia em Bariloche (total de 21h aprox). A paisagem é fantástica no final. Recomendo duas empresas: Crucero del Norte - http://www.crucerodelnorte.com.ar Via Bariloche - http://www.viabariloche.com.ar/ Vale a pena pesar o Cama ou Semi Cama, que os bancos sao largos e deitam bem. Aproximadamente 530 pesos, oq dá 230 reais. Pelas aerolineas argentinas, só a ida fica em 970 pesos em Julho. Quem quer hospedagem boa e barata em bariloche recomendo o Hostel EL GAUCHO! abs e aproveitem a neve!
  13. Caro Ferclei, De fato a região é incrível, certamente um dos lugares mais bonitos da Terra. Fiz uma trip de carro em janeiro de 2010 e já estou louco pra voltar. Entretanto, devo repassar os alertas que me foram feitos pelos moradores locais em relação ao inverno do sul Patagônico: - As temperaturas são extremamente baixas, podendo, facilmente, atingir - 20 graus em cidades como calafate e El Chaltén. Com o furioso vento da região soprando a sensação térmica piora ainda mais. - Ao contrário do verão, em que escurece quase meia noite, no inverno os dias são muito curtos e a luz do dia vai das 10 da manhã as 5 da tarde aproximadamente. São poucas horas de proveito para passeios e trekking. As cidades ficam desertas à noite, nem mesmo os moradores saem as ruas. - Nos dias de nevasca, as estradas ficam intransitáveis e há muitos acidentes por causa do gelo na pista. El Chaltén, por sua proximidade com os glaciares, é comum ficar dias isolada. - Quanto a hoteis, pode ficar tranquilo, vc conseguirá vaga em qualquer um que desejar e com preços bem baixos, pois as cidades ficam vazias em julho. - Camping ? esqueça, vc iria passar apenas uma noite.... Por favor, não encare meu post como um desestímulo, na verdade, como gosto mto do frio, tbm gostaria mto de dar uma espiada por lá no inverno, só pra ver como é... mas como vc comentou que irá com sua filha, achei importante repassar tais informações. Talvez seja o caso de vc entrar em contato com alguma agencia de turismo de lá para obter informacoes mais fidedignas. Grande abraço!
  14. Felipe, Com certeza a melhor época é entre novembro e fevereiro, período em que dificilmente irá nevar e os dias são bem longos (escurece quase a meia noite). Mesmo assim venta bastante e a faz um friozinho considerável. No inverno, além do frio extremo (pode chegar a - 20°), a luz do dia é muito curta (5 da tarde escurece). Só lembrando que de carro de Bs As até o Ushuaia são exatamente 3 mil Km, sendo necessários 4 dias para percorrê-los, pois o ultimo é gasto só para atravessas as aduanas (chilena e argentina), passar o Canal de Beagle e percorrer o 120 km de rípio. Com seu roteiro é gigante, acredito que você tem no mínimo uns 40 dias correto? pq ir até o Ushaia e não ir em TDP, calafate (perito moreno) e El Chaltén está fora de cogitação, e só nessas 4 cidades vai um 10 dias. Abs.
  15. Caro Fábio (xará), concordo com o Alexandre, o roteiro clássico e mais adequado para a Terra do Fogo é: Rio Gallegos - Ushuaia - Punta Arenas - Puerto Natales (TDP) - El Calafate - El Chaltén (imperdível) - Rio Gallegos No seu roteiro, vc dedica 4 dias para Torres del Paine. Provavelmente vc pretende fazer trekking por lá, correto? Ótimo, mas você terá duas opções: 1 - Ficar em Natales e ir e vir todos os dias, o que é inviável pois é um pouco longe e a estrada de rípio é bastante cansativa, ainda mais para carros de passeio, e além disso, vc terá que pagar entrada todos os dias (oq não sairá barato) 2 - Dormir em TDP. Para isso, ou prepare um bom equipamento de camping (pode alugar em Natales) levando em conta que vc irá pegar todas as estações no mesmo dia (chuva, vento, frio e sol e calor); ou procure alguma das poucas pousadas dentro do parque e prepare o bolso, pq pelo que me lembro são bem salgadas as diárias... Não deixe de ir em El Chaltén, lugar incrível e um dos melhores da Trip. Alexandre, parabens pela viagem, fiz em jan de 2010 e realmente é incrível... ah e me desculpe pela intromissão no seu relato. Abraços!
  16. Ricardo, excelente relato, muito bem detalhado! já colhi diversas dicas para minha trip em julho. Muito legal a coletânea de mapas tbm! abs,
  17. Tulio, muito bom seu relato. As fotos tbm estão ótimas. Parabens. Vou fazer um trip parecida agora em Julho, entrando por Sta Cruz / La Paz e pretendo fazer umas compras por lá... vc poderia dar umas dicas de como diferenciar os artigos falsificados da Columbia? outra coisa, vc viu se tinha boas ofertas de underwear e sacos de dormir lá? Obrigado! Abs.
  18. Guilherme, a viagem foi mesmo fantástica, vc vai curtir bastante! só prepare-se que em setembro ainda deve ser bastante frio, inclusive com possibilidade de neve na estrada... pelo que nos contaram, no inverno chega a - 20° fácil entre Ushuaia, TDP e Calafatye.... O recomendado seria ir entre dezembro e março... Os gastos foram em torno de R$ 8 mil no total, incluindo combustível, hospedagem, alimentação, alguns passeios e até umas compras em free shops... Em relação a ótima cotação, foi pura de sorte, pois no final da viagem, já em Buenos Aires, ela ja tinha caído para 2,04... o que ainda é muito boa! Abraço! Obs. Em breve termino o relato!
  19. É uma grande satisfação estar postando este relato aqui no Mochileiros, pois foi onde obtive as dicas e informações mais importantes para a viagem, o que contribuiu muito para que tudo desse certo. Então, espero poder ajudar um pouco quem pretende fazer o mesmo roteiro, ou quem sabe até motivar alguém de fazer, pois é uma experiência fantástica. Bom, os mochileiros foram eu, minha namorada e meus pais (na direção revezamos eu e meu pai). Inicialmente vou fazer um breve resumo e depois o relato em si. Período: de 16/01/10 a 06/02/10 Km total aproximada: 12 mil 17 cidades percorridas entre Uruguai, Argentina e Chile. Carro: Fiesta 1.0 (!) 2004, completo. Equipamentos: 1 notebook, 2 maquinas fotográficas e um Guia de Rutas do Mercosul da Firestone. Roupas para temperaturas de 0º a 35º. 24 garrafas d’água e lanches (biscoitos, cereal, chocolate, etc). Procuramos sempre hospedagens econômicas com um quarto para 4 pessoas, ou dois duplos. Os hotéis e hosterias na Argentina são muito em conta, gastávamos em média 240 pesos com café. 1º dia – Florianópolis / Santana do Livramento (960 Km aprox.): Fomos à Porto Alegre (via 101) e depois até Santana Do Livramento/Rivera via BR 290. Optamos em vir por aqui por ser um pouco mais perto que por Uruguaiana/RS. Outra opção seria ir via Chuí até Colônia do Sacramento (UR), passando a Buenos Aires via Buque Bus, que certamente é uma viagem mais bonita, no entanto sairia um pouco caro a travessia para 4 pessoas + carro. 2º dia – Santana do Livramento / Canuelas (AR) - (800 Km aprox.): Entramos no Uruguai e seguimos até Paysandu, onde há um ponte na fronteira com a Argentina (cidade de Colon). Como é temporada de férias, aguardamos 1h e meia para passar pelas aduanas e atravessar. O pedágio da ponte pode ser pago em Pesos uruguaios (100,00) ou argentinos (20,00); Já na argentina seguimos até a grande Buenos Aires (via Ruta 14 e depois Ruta 9), pegamos a avenida General Paz (uma espécie de rodoanel.) e seguimos em direção ao aeroporto de Ezeiza, procurando pelo início da famosa Ruta 3. O acesso não é difícil, mas é preciso ficar atento as placas e, na dúvida, pedir informação. Já na Ruta 3, seguimos até a cidade de Canuelas que fica a 50 Km de Bs As, onde jantamos e passamos a noite. 3º dia – Canuelas – Viedma – (1.000 Km aprox.) De agora em diante a viajem fica fácil, é só tocar pela ruta 3 até o Uhuaia, cuidando apenas o acessos na cidades, onde a estrada entra no perímetro urbano. À tarde entramos na cidade de litorânea de Bahia Blanca para fazer cambio, (até aqui estávamos com poucos pesos para os pedágios e pagando tudo no cartão) e não nos arrependamos, a taxa estava inacreditáveis 1 Real – 2,15 pesos (alegria total) e pelo que tenho notícia, o melhor cambio da história. Depois seguimos até cidade de Viedma, que é tranqüila e ótima para jantar e passar a noite. 4º Dia – Viedma – Caleta Olivia (950 km aprox.) De agora em diante a ruta 3 é uma grande reta, com pouco movimento, paisagem desértica e muito bonita, milhares de Guanacos e gasolina muito barata (2,69 pesos). Nessa época do ano escurece depois das 10 horas. Sente-se um grande prazer na viagem. Um problema que encontramos foi para almoçar. Praticamente não há restaurantes na beira da estrada, somente lancherias nos postos YPF, então comemos basicamente lanche o dia todo, o que torna-se um problema, pois a fome é grande... 5º Dia – Caleta Olivia – Rio Gallegos (700 km aprox.) Nesse dia rodamos pouco, pq para passar o estreito de Magalhães é recomendado ir de manha, pois é necessário passar as aduanas chilenas e argentinas 2 vezes cada, e pode isso pode ser demorado, e Rio Gallegos é a ultima cidade. Aqui o vento frio é bastante intenso e, mesmo com sol forte até as 22 horas a sensação térmica é de menos de 10º. Ficamos muito bem hospedados no Hotel Seuhen (recomendo). 6º Dia - Rio Gallegos – Ushuaia (550 Km aprox.) Dia de grande expectativa, pois é a chegada em um dos destinos principais da trip . A dica é sair cedo para evitar as filas na aduana (no mesmo local funciona a aduana argentina e chilena). Demoramos quase 2 horas para fazer o tramite e depois seguimos até o estreito de Magalhães, onde, por sorte aguardamos apenas 20 min. até a chegada da balsa e início da travessia, que dura 20 min. e custa 114 pesos argentinos ou U$ 28,00 ou alguns milhares de pesos chilenos que não lembro exatamente quanto. Logo depois da travessia, há mais um trecho asfaltando e, depois, inicia o odiado trecho de 120 km rípio. Até que a estrada não é tão ruim, em alguns trechos pode-se trafegar a 80 km, mas em outras partes não da pra passar de 40 km... bom ter um 4X4 nessa hora... demoramos mais de 2 horas nesse trecho. Vê-se vários carros com pára-brisa trincados, mas tivemos sorte e passamos sem nenhum arranhão nem na ida nem na volta. Após passar pelas as aduanas de novo, chega-se a Rio Grande, e finalmente, o grande destino: Ushuaia. Continua....
  20. Estou indo agora em Julho e fiz uma reserva no El Gaucho (http://www.hostelelgaucho.com), pois me pareceu tranquilo e é dos mais em conta. Porém, nas dicas do site sobre Bariloche, ele aparece como não recomendado, mas não encontro nenhum post .... alguem tem alguma informação sobre esse hostel? Obrigado e um abraço a todos!
×
×
  • Criar Novo...