Ir para conteúdo

joaowerlang

Membros
  • Total de itens

    24
  • Registro em

  • Última visita

Reputação

0 Neutra

Bio

  • Ocupação
    Funcionário Público
  1. Viajantes. Acabamos de retornar de uma viagem muito especial: Carretera Austral. Pernoites: Santiago, Coyhaique, Puerto Rio Tranquilo, Tortel (2 noites), Villa O’Higgins (2 noites), Puerto Guadal, Puerto Aysén, Futaleufu (2 noites), La Junta (2 noites), Coyhaique e Santiago (2 noites). Total 16 noites. Cerca de 2.200 Km rodados. Preço da gasolina: CHL$ 850,00 a CHL$ 900,00 Como estávamos em cinco adultos, alugamos uma Ford Explorer XLT 4x4, ano 2003, na http://www.reltalcert.cl (recomendamos). Acertamos em pegar um veículo fechado, por causa do pó, chuva e as malas ficavam guardadas durante os passeios. Dicas: a) em Futaleufu não tem posto de combustível; se precisar, há um mecânico, de nome Carrasco, que vai lhe cobrar CHL$ 1.300,00 por litro! b) Dirigir devagar, principalmente nas estradas de rípio; muitas curvas fechadas e pedras soltas. c) Não planeje mais do que 300 km por dia; contando tempo de parada para fotos, lanche, etc., anda-se, em média, 30 km/hora. d) Pegamos chuva e muito vento; importante corta vento, tipo anorak. e) Levar lanche e água para os trajetos mais longos. f) Futaleufu só vale a pena se vc for fazer rafting; é bonito, mas a paisagem se repete; sugiro duas noites em Puerto Guadal e Puerto Rio Tranquilo. g) Na nossa opinião, é melhor alojar-se em Puyuhuapi; os passeios mais interessantes estão nos arredores; La Junta não tem nada de especial para ver. Fiquem a vontade para mandar perguntas para [email protected]
  2. Olá Claudio, tudo bem? Inicialmente agradeço a disposição em nos ajudar. Viajaremos em 5 adultos (44 a 24 anos), todos com boas condições físicas. Eu e minha esposa + casal de amigos com filho de 24 anos. Temos passagens aéreas compradas de Puerto Iguazu/Buenos Aires/Santiago para o dia 26/12. Voaremos para Balmaceda no dia 27/12 onde chegaremos por volta das 17h para pegar um veículo. O voo de retorno a Santiago é dia 9/01, às 17h30. Em decorrência, temos o intervalo FIXO entre 27/12 e 9/01 (13 noites). Fizemos o roteiro de acordo com os pontos de interesse que identificamos nas pesquisas realizadas e distâncias entre eles. Sabemos que ficou um pouco "apertado", mas era a única maneira de viajarmos os 5 juntos. A ideia é fazer o maior número de trilhas/passeios que conseguirmos. Peço encarecidamente sugestões/alterações no roteiro, de modo a otimizar a viagem e aproveitar o que o lugar tem de melhor a oferecer. Algumas perguntas mais específicas: a) Será que conseguiremos alojamento nas localidades que escolhemos para pernoitar? b) Como está Chaitén? Já está habitada novamente? Há hospedagem por lá? Aguardamos seus comentários. Werlang e Vieira TFA
  3. .'.Olá viajeiros.'. Vamos fazer a Carretera Austral entre 27/dez/2013 e 9/jan/2014, em cinco adultos. Vamos de avião até Coyhaique, onde vamos alugar uma caminhonete/mini van e planejamos fazer o seguinte roteiro: local de pernoite/nº noites Coyhaique/1 Puerto Tranquillo/1 Coleta Tortel/2 Villa O'Higgings/2 Cochrane/1 Chile Chico/1 Puerto Cisnes/2 Futelaufu/1 Chaitén/1 Coyhaique/1 O que acham da distribuição? Conseguiremos alojamento nesse locais? Em km, o trajeto mais longo ficou para o último dia: Chaitén a Coyhaique = 420 km. Pelo que vi nos relatos conseguiremos fazer num dia, certo? Desde já agradeço pelas informações. João TFA
  4. Olá viajantes! Eu e minha esposa estamos planejando viajar ao Panamá e Costa Rica em janeiro/2009. A idéia é pegar um vôo até um dos países e seguir o resto da viagem em um carro alugado. Com relação ao Panamá, o que vale a pena conhecer além da Cidade do Panama, Canal e Boca del Toro? Será que uns 4 dias são suficentes? Um grande abraço a todos! João e Leila
  5. Olá Beier. Na volta, no trajeto entre Corrientes e Puerto Iguazu, paramos num posto da YPF e eles não tiham gasolina, pois não estavam recebendo da distribuidora. Consegui abastecer num posto da Shell. Abraços, João e Leila
  6. From: xandra To: joaowerlang Subject: oi joao !!! precisamos de suas dicas de viagem! Date: Tue, 22 Jan 2008 21:07:00 +0000 Joao eu sou alexandra muito prazer! eu moro no peru em Lima e quero ir ao Brasil de carro. meu foco é chegar em porto seguro ou brasilia (minha familia ta ai) meu problema é a estrada, eu conheço parte pq ja fui ao chile (santiago) de carro. vi que no seu roteiro vc nao passou por la paz, santa cruz. Trecho que eu queria fazer, mas sei que agora é impossivel pq as estradas estao sendo construidas. entao pensei que pelo seu roteiro eu posso entrar na bolivia por desaguadero, e fazer o trecho copacana, oruro,..... até entrar na argentina por La Quiaca. Como é esse trecho boliviano? eu imagino que seria melhor do que eu entrar por san pedro do atacama, pq me parece mais longe... como eu ja conheço por lá, nao estaria perdendo nada. e como é o trecho da argentina .. la uiaca, ss. jujuy, corrientes, Puerto iguazu?? Quais sao suas dicas? vc tem planilha de custos? onde se hospedou? nos queremos fazer a viagem e temos uma gran nomade 4x4 zerada. e o perigo? roubos? ai novo amigo sao tantas as perguntas.... e eu pretendo sair do peru no domingo de madrugada, agora dia 27... se tudo der certo ... mas eu acho que com suas dicas meu marido aprova a viagem, pois temos mais ou menos o tempo que vc fez. o lance é que, meu foco é parar para descansar e aproveitar os dias no brasil mesmo. um abraço, espero muito receber todas as suas noticias. muito muito obrigada. ah e desculpa a falta de acentuaçao (teclado em espanhol) é muita ansiedade.... kkkkk Alexandra ================================= Resposta enviada: Olá Alexandra, tudo bem? Nós passamos apenas pela periferia de La Paz, não entramos na cidade. Pela informações que obtivemos, de Santa Cruz até Corumba, MS, o techo é bastante complicado. Acreditamos que a melhor opção seria ir de Nazca para Cuzco, pois esse caminho é especialmente belo. Apesar de pouco mais de 500 km, gastamos 12h30min de viagem. O trecho até Abancay é tranquilo, apesar de alguns trechos bastante sinuosos. A partir de Abancay continua sinuoso e há muitos animais na pista, principalmente no final do dia, razão pela qual recomendamos irem devagar com bastante antenção. O caminho por si só já é um passeio. Recomendamos sair bem cedo de Nazca. Na Bolívia, até Potosi é tudo asfalto em ótimo estado, com exceção de alguns pequenos trechos não tão bons. De Potosi até Tupiza não passamos, pois fomos de Uyuni direto até Tupiza, passando por Atocha, mas acredito que está igualmente trafegável pois encontramos muitos ônibus (grandes) que fazem o trajeto Villazón a Potosi, ainda mais considerando que vocês estão numa 4x4. Nós fizemos tudo numa Renault/Scenic (4x2 - rsrsrs!!!), sem problemas. Entrando na Argentina é tranquilo. Acreditamos que vocês conseguem fazer numa boa em um dia de Potossi a S.S. de Jujuy, outro dia de Jujuy até Corrientes (pela Ruta 12) e de Corrientes até Foz do Iguaçu (cerca de 640 km) ou até um pouco mais. Nós viajamos de Corrientes até Marechal Cândido Rondon (810 km, em 11h00) onde moramos. Há dois sitos que vc pode encontrar informações: http://www.ruta0.com e http://www.guiaypf.com.ar. No Brasil http://quatrorodas.abril.com.br/QR2/ Em S.S. Jujuy nos hospedamos no Hotel Augustus que fica na Peatonal Belgrano, próximo à Igreja San Francisco (cerca de U$50) e em Corrientes no Corrientes Plaza Hotel que fica em frente à praça principal (cerca de U$55).A gasolina na Bolívia é muito barata, cerca de U$0,50. Na Argentina menos de U$1,00. Um dólar vale cerca de $3,15 Pesos Argentinos. Não tivemos problemas com segurança ou polícia nas rodovias, em qualquer dos países. Mas sempre cuidamos bastante, afinal "a ocasião faz o ladrão". Fique totalmente a vontade para perguntar. É um prazer ajudá-los. Um grande abraço, João e Leila
  7. Como acredito que as perguntas enviadas podem ajudar a esclarecer dúvidas dos demais, na medida do possível vou postando aqui as dúvidas e os meus comentários. ============================ Prezados Leila e João, Eu e Gloriete pretendemos em setembro fazer uma viagem bastante semelhante e com destinos coincidentes. Não quero informações de tudo, mas seguem 5 perguntas: 1 - Seu destino inicial ? ( Vocês moram em Foz do Iguaçu ) 2 - Condições de trafegabilidade nos seguintes destinos ( Uyuni, Atocha, Tupiza, Villazon) 3 - Condições de trafegabilidade ( San Antônio de los Cobres, Passo Sico. Chile: San Pedro de Atacama). 4 - Que tipo de carro ? 5 - Cite 3 problemas que tiveram e como contornaram ? Desculpe ser chato mas esperamos suas dicas. Aqui em Vitória - E. Santo vocês, vindo para o norte, podem contar conosco. Um abraço. Luiz Ramalho ======================== Resposta enviada: Olá Luiz e Gloriete! Tudo bem com vocês? É um prazer poder ajudar. 1 - Moramos em Marechal Cândido Rondon, a 170 km de Foz do Iguaçu. 2 - De forma geral, quando passamos por lá, apesar de ser época de chuvas, passamos bem, pois fazia 3 dias que não chovia. A maior parte do caminho de Uyuni a Atocha é plano e bem conservado, mas há trechos com bastante areia (que estava úmida devido às chuvas). A estrada passa vários leitos de rios, que tbém estavam apenas úmidos (s/ água corrente). De Atocha a Tupiza é bastante sunioso e é o pior trecho, mas tbém., o mais bonito. De Tupiza a Villazón está melhor conservada e há mais tráfego. Obs.: pelas informações obtidas, o estado da rodovia varia bastante na época de chuvas (dez - mar). De Uyuni a Atocha - 103 km/1h45min; De Atocha a Tupiza - 104 km/2h45min; De Tupiza a Villazón - 98 km/2h00. 3 - De Salta até Campo Quijado são 30km de asfalto. De Campo Quijado são 40 km de ripio, estreito e sinuoso. Depois, 80 km de asfalto e mais 20 km de ripio até San Antonio de Los Cobres. A partir daí, tudo ripio c/ muitas "costeletas". Foi cansativo - 10h30min de viagem. 4 - Fomos numa ultra, super, mega, Renault Scénic 4x2. 5 - Não tivemos problemas, tudo correu muito bem, exceto uma leve intoxicação alimentar, mas usamos soro re-hidratante em pó. Resolveu o problema com excelência. Grande abraço, qqr. informação adicional, façam contato. João e Leila
  8. Olá viajantes! Eu e minha esposa acabamos de retornar de viagem. Passamos por Argentina, Chile, Peru e Bolívia. Fomos de carro. Acreditamos que agora chegou a hora de retribuirmos as informações capturadas neste fórum, razão pela qual colocamo-nos à inteira disposição. Quem tiver alguma pergunta favor enviá-la para [email protected], que teremos o maior prazer em responder. O nosso roteiro foi: Agentina: Puerto Iguazu (26-12-2007), Corrientes, San Salvador de Jujuy, Salta, San Antônio de los Cobres, Passo Sico. Chile: San Pedro de Atacama e Arica. Peru: Tacna, Chivay (Cañon Colca), Arequipa, Nazca, Cusco, Machu Picchu, Puno. Bolívia: Copacabana, Oruro, Potosi, Uyuni, Atocha, Tupiza, Villazon. Argentina: La Quiaca, San Salvador de Jujuy, Corrientes (via Ruta 81 - Formosa), Puerto Iguazu (19-01-2008). A viagem durou 25 dias e rodamos 9.300 km. Um grande abraço a todos. João e Leila
  9. Olá, obrigado pela informação! Hoje, sem querer, descobri o que para mim é "o ovo de Colombo"! O site http://maps.live.com/. Eu já conhecia o http://maps.google.com/, só que este só tem o Brasil na América do Sul. O maps.live tem toda a América do Sul. Para o Brasil eu costumo utilizar o Guia Rodoviário Online da 4 Rodas http://guia4rodas.abril.com.br/mapasbrasil/index.shtml. É bem legal. Na Argentina www.ruta0.com Mais uma vez obrigado. João
  10. E ai mochileiros, tudo bem? Com relação às passagens, acabou dando tudo certo. Voltamos de nossa viagem 19/jan. Passamos 20 dias maravilhosos na Nova Zelândia. Caso alguém precise de informações, fique a vontade para perguntar. Será um prazer ajudar. Abraços, João Werlang
  11. Olá moçada. Eu e minha esposa estamos programando uma viagem para a NZ. Estamos tendo dificuldade para conseguir as passagens aéreas. Alguém conhece alguma agência que pode resolver nosso problema? Obrigado moçada, até mais.
  12. Valeu Mary. Suas informações serão muito importantes para começarmos a planejar nossa viagem. Só para confirmar: os valores estão em dólares neozelandezes? Obrigado mais uma vez. João e Leila
  13. Olá Mary, tudo bem? Eu e minha esposa estamos planejando viajar para NZ final do ano (aproximadamente entre 27/dez e 15/jan). A idéia é comprar somente a passagem aérea e viajar "livre", de ônibus, trem e carro. 1- Aguma dica para a passagem aérea (cia, origem-destino)? 2- Qual o preço do litro da gasolina? Tem muito pedágio? É caro? 3- Ônibus e trem funcionam bem? 4- Quanto pagaremos para uma refeição, hotel (coisa simples mas limpinha), diária de alguel de carro? 5- O Hosteling Internacional funciona bem? Pode informar os valores em NZ$. Viu só? Não é facil ser editor do fórum. Pelas informações, desde já agradecemos. Abraços João e Leila
  14. ------------------------------------------ Mensagem recebida: Olá João! Eu e minha esposa estaremos viajando dia 02/04/2006, com a intenção de fazer o sul da Bolívia via Passo Jama, Titicaca, Cuzco, Ariquipa, Nazca, retornando pela Panamericana, Sam Pedro, Calama. Gostaria de saber como está o acesso às Lagunas Blanca, Verde e Colorada? É fácil enfrentá-los com uma S10 4x2? Sem GPS. Existe sinalização? É necessário contratar guias locais? Temos a intenção de fazer os passeios mais fáceis sem a ajuda de guia, só contratar no Salar de Uyuni, pois tivemos informações que lá é realmente necessário ajuda dos guias. Você sabe informar também como se encontra o trecho Calama/Ollague/Uyuni? Sabemos que existe uma rota de ônibus que atravessa de Calama para Uyuni por este mesmo trecho,mas não sabemos as condições. Desde já estamos gratos Wilson e Cristina ------------------------------------------ Resposta: Olá Wilson e Cristina, tudo bem com vocês? Eu e minha esposa contratamos um passeio de um dia (bate e volta - das 8h às 19h) a partir de San Pedro que incluiu as Lagunas Blanca, Verde e Colorada. O caminho é bom e acredito que não haveria problema em fazê-lo com uma S10, mesmo 4x2. Apesar de estarmos numa 4x4 (uma Toyota/Land Cruiser 1980!!!) em nenhum momento houve necessidade de utilizar tração 4x4. O que nos chamou a atenção é que não há estradas propriamente ditas (como nós conhecemos por aqui), muito menos sinalização dos caminhos (nem dos locais, como os Gêisers a 5.000 msnm). O guia/motorista simplesmente dirigia pelos "caminhos" com se estivesse no quintal da casa dele. Confesso que em vários momentos me senti totalmente perdido, e olha que eu tenho bom senso de direção (ao menos em cidades). Não sei se o GPS ajuda... O passeio é maravilhos e não custou caro. Foram $30.000,00 pesos chilenos, cerca de R$135,00 per capita, incluso café da manhã e almoço, exceto mais cerca de R$20,00 (CHL$46.500 com entradas). As lagunas são um espetáculo, especialmente a Colorada. Fomos agraciados com uma nevasca no final do passeio, em pleno mês de janeiro!!! Show de bola!!! De San Pedro há um passeio de quatro dias (três noites) que além das três lagunas, inclui o Salar do Uyuni e outros, para quem tem espírito aventureiro... Visitamos uma pousada onde se passa a noite... precário... Conversamos com quatro brasilerios que haviam acabado de voltar do passeio de quatro dias e disseram que apesar do Salar Uyuni ser muito bonito, o resto do passeio se resumiu às três lagunas. Disseram também que próximo a Uyuni os "caminhos são bem discretos". Não passamos pelo trecho Calama/Ollague/Uyuni. Passando por Arica (Hotel Panamericano - muito bom - US$45,00), vale a pena um passeio pelo P.N. Lauca. É um caminho todo asfaltado que sai de Arica e vai até a fronteira do Chile com a Bolívia (170 km x 2). Há muitas lhamas, alpacas, vicuñas, aves, etc. O maravilhoso Lago Chungara, rodeados por vulcões... Parinacota com 30 habitantes... Putre com +- 1.500 hab... Nós fomos com uma Scenic 1.6, na boa...Preço do combustível no Chile $600 = R$2,67; Argentina $1,99 = R$1,56. Poucos pedágios... Sem problemas com guardas na Argentina... No chile respeitar limites de velocidade - 80 km/h. Há radares e jamais ofereçam "propina" para os guardas, somente para os garçons (rsrsrsrs!!!)... Qualquer dúvida, será um prazer ajudar. João e Leila
×
×
  • Criar Novo...