Ir para conteúdo

RosanaSpider

Membros de Honra
  • Total de itens

    350
  • Registro em

  • Última visita

Reputação

0 Neutra

Sobre RosanaSpider

  • Data de Nascimento 17-02-1965

Bio

  • Ocupação
    Professora e tradutora de idiomas (português, inglês, espanhol) - Amo o que faço!

Outras informações

Últimos Visitantes

O bloco dos últimos visitantes está desativado e não está sendo visualizado por outros usuários.

  1. RosanaSpider

    Medellín

    Débora, em qualquer parte do mundo que você esteja, nunca aceite a oferta de "taxistas" que vem até você. Eles geralmente te abordam no momento que você desce do ônibus ou sai do aeroporto oferecendo uma corrida. Pode ter certeza que esses sujeitos não são taxistas "legais", digamos assim. Chegando em Medellín, pergunte para um policial, ou em alguma "oficina de turismo" que eles te explicarão exatamente onde estão os táxis oficiais, que geralmente tem um lugar específico e são carros de uma determinada cor. E quando já estiver hospedada e precisar de um táxi, o pessoal do próprio hostel ch
  2. Bled é absolutamente FAN-TÁS-TI-CO. De Ljubljana se chega em Bled em uma viagem de ônibus de um pouco mais de uma hora, e em 1 dia muito bem aproveitado é possível dar uma volta completa no lago, subir no seu castelo e até nadar no lago se o clima assim permitir. Eu amei!
  3. RosanaSpider

    Medellín

    Débora, peguei um táxi na rodoviária de Medellín e não tive problema algum. Como em qualquer outro lugar do mundo, procure os táxis cadastrados e não creio que algo de ruim te acontecerá. E claro, é sempre bom se planejar pra tentar chegar no seu destino durante o dia. No mais, curta Medellín sem medo, a cidade é incrível e o povo colombiano adorável.
  4. RosanaSpider

    Medellín

    Olá Junior. Para Medellín três dias bem aproveitados podem ser suficientes, mas conheço um montão de gente que vai com a intenção de ficar pouco e acaba ficando uma semana, ou a vida toda. Infelizmente não tenho nenhuma planilha da minha viagem à Colômbia. Só adianto que ela não é dos países mais baratos da América do Sul. Gastei por lá o que gastaria viajando aqui pelo Brasil, com exceção do transporte em geral que na Colômbia é bem mais barato que aqui (ônibus, táxi, metrô...) Qualquer outra dúvida.... Um abraço.
  5. RosanaSpider

    Salento

    Parque Nacional Los Nevados, que em um dia de céu claro pode ser avistado da cidadezinha de Salento. E eu tive essa sorte.
  6. RosanaSpider

    Salento

    Um passeio imperdível para quem está em Salento é o Vale do Cocora, que é considerado pelos colombianos como o berço das palmeiras de cera (a árvore nacional da Colômbia). Essas palmeiras são protegidas, crescem até 60 metros e podem viver até 120 anos. O vale do Cocora é também a entrada do departamento de Quindio para o Parque Nacional Los Nevados, que cobre quatro departamentos da Colômbia e tem mais de 60.000 quilômetros quadrados em tamanho. Cada departamento tem suas regras e regulamentos a respeito de guias e preços de ingresso ao parque. VALE DO COCORA Para visitá-lo você não p
  7. Em dezembro de 2008 me hospedei no Alegria's Hostel, carrera 2 # 09 - 46, também no bairro da Candelária e gostei bastante. Pagamos (eu e minha mãe) o equivalente a 10 dólares cada uma com direito a café da manhã. As camas não são lá as mais confortáveis do planeta, hehehe, mas a simpatia da sua dona e de seus funcionários fez tudo valer a pena. Recomendo!
  8. RosanaSpider

    Medellín

    Olá pessoal! Estive em Medellín recentemente e me apaixonei pela cidade. É linda demais, com um povo extremamente amável e locais realmente impactantes, como é o caso da comunidade Santo Domingo, que outrora era um lugar dominado pelo narcotráfico e consequentemente pelo silêncio e pelo medo. Depois que construiram um teleférico conectando-a diretamente ao metrô da cidade as coisas mudaram radicalmente, e para melhor. Outro lugar imperdível é o Jardim Botânico de lá. Em Medellín me hospedei no Black Sheep Hostel (www.blacksheepmedellin.com) e gostei muito. Ele fica num bairro super bonito e
  9. RosanaSpider

    Salento

    Olá Isabel. Com toda a certeza você já foi e voltou da Colômbia, hehehe, mas sempre é tempo de poder ajudar e trocar idéias sobre um destino tão especial na Colômbia. Para chegar em Salento a cidade mais próxima é Armênia, bem no coração da zona cafeteira, e pra chegar nela você pode optar tanto pelo ônibus quanto pelo avião. Fiz Medellín-Armênia de ônibus, em uma viagem que durou aproximadamente 7 horas, e paguei por ela o equivalente a + ou - 40 reais. De Armênia peguei uma van e em pouco mais de uma hora cheguei na bela Salento. Lá me hospedei na The Plantation House e simplesmente adore
  10. Exquisita: Rica, Saborosa, Gostosa Desechable: Descartável !
  11. Fica difícil não se sentir praticamente em casa no Athens Style, não Marcos? O pessoal da recepção é extremamente simpático e está pronto pra te ajudar a qualquer hora do dia, tem elevador, os quartos são imaculados de tão limpos, beliches super confortáveis e cada cama com a sua luz de leitura, e fora claro, a cereja do bolo do albergue: o bar na cobertura. Que vista, meus deuses!! E sim Marcos, eu e minhas amigas pagamos apenas 1 euro para visitar aquele museu magnífico, que conseguiu unir muito elegantemente o mais arrojado design moderno com a exposição de tantas peças maravilhosas de i
  12. Olá Adriana. O primeiro albergue que fiquei em Atenas foi o Athens Style. http://www.athenstyle.com/ A localização dele pode inicialmente assustar, (ruas estreitas, paredes pichadas), mas vc não vai precisar caminhar muito pra ter uma outra impressão. Ele fica perto de tudo. E o hostel é uma graça, em todos os quesitos. Um quarto para 4 custa 21 euros p/p e o quarto para 6 custa 17 euros p/p. Com banheiro nos quartos e café da manhã incluído. E não perca a vista do bar no último andar. É de tirar o fôlego! O segundo albergue foi o Athens Backpackers. http://www.backpackers.gr/bweb/ Eles
  13. Passei 20 dias na Turquia agora no mês e julho e me hospedei nos seguintes albergues: Nobel Hostel em Istambul (http://www.nobelhostel.com/n1-web/) Crowded House em Eceabat (http://www.crowdedhousegallipoli.com/) Kusadasi Inn em Kusadasi (http://www.hotelkusadasiinn.com/) Tango Pension em Koycegiz (http://www.tangopension.com/html/main.html) V-GO Guest House em Fethiye (http://www.v-gohotel.com/) Kadir Tree Houses em Olympos (http://www.kadirstreehouses.com/kadirstreehouses/index.htm) Shoe String Cave Pension em Goreme, Capadócia (http://www.shoestringcave.com/) Çamlica Konagi em Sa
  14. Na região da Capadócia ficamos na cidadezinha de Goreme. E creio que não poderíamos ter feita escolha melhor. A cidade é uma graça, pequena, com um povo queridíssimo, que não se intimida na hora de puxar conversa ou para distribuir enormes e deliciosos sorrisos sem o menor esforço. A Capadócia é única. Eu não tenho palavras para descrever aquela paisagem que mais nos lembra a lua. Aliás, falando nisso, não percam a oportunidade de voar de balão nesse lugar. Vocês sabiam que a Capadócia é considerada o segundo melhor local do mundo para o balonismo, só perdendo para o Seregenti, entre o Quêni
  15. Passei vinte dias na Turquia em julho passado, e digo de boca cheia: é o país mais fascinante que já conheci. Viajei com mais duas amigas e em Istambul ficamos hospedados no bairro Sultanahmet, onde as principais atrações da cidade estão, como a Mesquita Azul e a Santa Sofia, entre outras. Em Sultanahmet sugiro o Nobel Hostel. (http://www.nobelhostel.com/n1-web/). Ele é menos afamado que muitos albergues da região, mas ele não nos decepcionou, muito pelo contrário. Nosso quarto triplo era bem espaçoso, com ar condicionado, um banheiro razoavelmente grande e até varanda tinha. Pagamos 18 euro
×
×
  • Criar Novo...